Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 3
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cr/Al Oxide as Solid Acid Catalyst to Afford Babassu Biodisel. Repositório Alice
MOURA, C. V. R.; NERES, H. L. S.; LIMA, M. G.; MOURA, E. M.; MOITA NETO, J. M.; OLIVEIRA, J. E. de; LIMA, J. R. O.; SITTOLIN, I. M.; ARAUJO, E. C. E..
In this work, it was described the preparation and the characterization of a solid acid catalyst obtained by the mixture of Cr/Al oxides (CRAL). The catalyst was tested in the transesterification reaction of babassu oil with 5% of free fatty acid (FFA). The results of textural and acidity characteristics of CRAL were: area (56 m2 g-1), pore size (7.0 μm), total acidity (182.28 μmol g-1), wherein Brönsted sites are the most active. Powder X-ray diffractometry (XRD), scanning electron microscopy (SEM) and energy-dispersive X-ray spectroscopy (EDX) show three phases of the catalyst (Cr2O3/Na2Cr2O3/Al2O3), 0.25:0.25:0.50, respectively. The reaction reached conversion about 98.6% under the conditions: alcohol/oil molar ratio (24:1), catalyst...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Óleo de babaçu; Cinética; Reutilização; Heterogeneidade; Biocombustível; Catalisador; Lixiviação; Biodiesel; Catalyst; Babassu oil; Kinetic; Reusability; Leaching; Heterogeneity.
Ano: 2015 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1030158
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cr/Al oxide as solid acid catalyst to afford babassu biodisel. Repositório Alice
MOURA, C. V. R.; NERES, H. L. S.; LIMA, M. G.; MOURA, E. M.; MOITA NETO, J. M.; OLIVEIRA, J. E. de; LIMA, J. R. O.; STTOLIN, I. M.; ARAUJO, E. C. E..
In this work, it was described the preparation and the characterization of a solid acid catalyst obtained by the mixture of Cr/Al oxides (CRAL). The catalyst was tested in the transesterification reaction of babassu oil with 5% of free fatty acid (FFA). The results of textural and acidity characteristics of CRAL were: area (56 m2 g-1), pore size (7.0 ?m), total acidity (182.28 ?mol g-1), wherein Brönsted sites are the most active. Powder X-ray diffractometry (XRD), scanning electron microscopy (SEM) and energy dispersive X-ray spectroscopy (EDX) show three phases of the catalyst (Cr2O3/Na2Cr2O3/Al2O3), 0.25:0.25:0.50, respectively. The reaction reached conversion about 98.6% under the conditions: alcohol/oil molar ratio (24:1), catalyst to oil mass ratio...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Catalisador; Óleo de babaçu; Lixiviação; Heterogeneidade; Biodiesel; Babaçu; Babassu.
Ano: 2015 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1028282
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Extração do óleo de babaçu (Orbignya Speciosa) provenientes da Embrapa Meio-­Norte visando a produção de biodiesel. Repositório Alice
LIMA, M. G.; CAVALCANTE, A. N.; NERES, H. L. S.; MOURA, C. V. R.; ARAUJO, E. C. E.; SITTOLIN, I. M..
O óleo de babaçu é constituído por ácidos graxos saturados e insaturados sendo que o ácido láurico (C 12:0) é predominante. A quantidade de ácidos graxos insaturados na composição do biodiesel esta relacionada à matéria-prima utilizada, que viabiliza a aceleração da reação de oxidação pela exposição ao oxigênio em altas temperaturas, prejudicando motores. O alto índice de acidez também afeta a estabilidade do biodiesel, provocando reações indesejáveis que promovem a formação de produtos que aceleram o envelhecimento do produto. Dentre esses motivos a analise do óleo de babaçu torna se bastante eficiente, pois o babaçu é uma fonte de óleo economicamente viável, e bastante promissora já que se refere a um produto abundante na nossa região.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Babaçu; Biodiesel; Biocombustível; Estabilidade.
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1025988
Registros recuperados: 3
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional