Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 2
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação das técnicas de imunodifusão em gel de ágar, ensaio imunoenzimático indireto e reação em cadeia da polimerase no diagnóstico da brucelose ovina Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Teixeira,L.S.A.; Mineiro,A.L.B.B.; Batista,J.F.; Santana,M.V.; Soares,F.F.F.; Paula,N.R.O.; Lima,D.S.; Damasceno,T.C.M.; Porfirio,K.P.; Lustosa,M.S.C..
RESUMO A brucelose na espécie ovina tem recebido destaque, uma vez que se trata de uma enfermidade que acomete o sistema reprodutivo dos animais, provocando sério comprometimento no setor produtivo. Dessa forma, objetivou-se a avaliação de três métodos para o diagnóstico da brucelose ovina: o ensaio imunoenzimático indireto (ELISAi), a técnica imunodifusão em gel de ágar (IDGA) e a reação em cadeia da polimerase (PCR). Para tanto, utilizaram-se 211 amostras de sangue de ovinos oriundos de propriedades de nove municípios da microrregião homogênea de Teresina, Piauí. As 211 amostras de sangue foram submetidas aos testes sorológicos e à PCR, visando detectar anticorpos anti-B. ovis e DNA de Brucella ovis, respectivamente. Foram obtidos resultados positivos...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Brucella ovis; Sorologia; Biologia molecular.
Ano: 2018 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352018000300787
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Infecção por leptospira em bovinos e sua associação com transtornos reprodutivos e condições climáticas Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Mineiro,A.L.B.B.; Bezerra,E.E.A.; Vasconcellos,S.A.; Costa,F.A.L.; Macedo,N.A..
Realizou-se estudo sorológico, por meio do teste de soroaglutinação microscópica, utilizando antígenos vivos, para pesquisa de aglutininas anti-leptospiras em bovinos de leite na Microrregião de Parnaíba, PI, em dois períodos do ano: estações seca e chuvosa. Das 1975 amostras analisadas, pertinentes a 16 rebanhos, 1044 (52,9%) mostraram-se positivas a pelo menos um sorovar e todos os rebanhos apresentaram animais reagentes. A prevalência variou entre 25% e 81%. O sorovar de maior prevalência foi Hardjo reagindo em 39,5%, seguido de Wolffi com 26,7% e Hebdomadis com 12,2%. Os sorovares mais freqüentes foram Hardjo e Wolffi presentes em 100% dos rebanhos. Foram ainda encontrados animais reagentes aos sorovares Australis, Bratislava, Autumnalis, Butembo,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Bovino; Transtornos reprodutivos; Leptospirose.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352007000500003
Registros recuperados: 2
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional