Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 29
Primeira ... 12 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alterações eletrocardiográficas em cães pré-medicados com levomepromazina e submetidos à anestesia por propofol e sevoflurano Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Selmi,A.L.; Santos,P.S.P.; Rezende,M.L.; Nunes,N.; McManus,C.; Mendes,G.M..
Avaliaram-se as variáveis eletrocardiográficas em cães submetidos à anestesia pelo sevoflurano. Foram empregados 16 cães clinicamente sadios, adultos, machos ou fêmeas, com peso médio de 15±3,5kg. Administrou-se levomepromazina (1,0 mg/kg) seguida pela administração de propofol (5,0 mg/kg), ambos pela via endovenosa. Os animais foram intubados e submetidos à anestesia inalatória com sevoflurano diluído em oxigênio, através de circuito semi-fechado na concentração de 3,5V%. As aferições das freqüências cardíaca e respiratória, oximetria, capnometria, pressões arteriais sistólica, diastólica e média e das variáveis eletrocardiográficas foram realizadas imediatamente antes da administração da levomepromazina, 15 minutos após e imediatamente antes da...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cão; Eletrocardiografia; Sevoflurano.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352002000600004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alterações hemodinâmicas e intracranianas em cães com hemorragia aguda, anestesiados com isofluorano Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Nishimori,C.T.; Paula,D.P.; Moraes,P.C.; Conceição,E.D.V.; Carareto,R.; Nunes,N.; Freitas,P.M.C..
Estudaram-se possíveis alterações hemodinâmicas e intracranianas em cães submetidos à hemorragia aguda e anestesiados pelo isofluorano. Verificou-se também a influência do anestésico no mecanismo de auto-regulação cerebral. Utilizaram-se 20 cães adultos que foram induzidos à anestesia geral com isofluorano por máscara naso-oral a 3,5V% (volume %). Após a intubação orotraqueal, reajustou-se o vaporizador para 2,1V%. Induziu-se a hipovolemia retirando-se volume total de 35ml/kg de sangue. Avaliaram-se pressão intracraniana (PIC), temperaturas intracraniana (TIC) e corpórea (T), pressão de perfusão cerebral (PPC), pressões arteriais sistólica (PAS), diastólica (PAD) e média (PAM), freqüências cardíaca (FC) e respiratória (FR), índices cardíaco (IC) e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cão; Hipovolemia; Isofluorano; Auto-regulação cerebral; Hemodinâmica.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352006000600012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de parâmetros cardiovasculares, ventilatórios e hemogasométricos de coelhos anestesiados com isofluorano ou sevofluorano e submetidos à ventilação espontânea ou controlada a volume Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Carneiro,R.L.; Nunes,N.; Lopes,P.C.F.; Moro,J.V.; Uscategui,R.R.; Belmonte,E.A.; Barbosa,V.F.; Gering,A.P.; Moraes,V.J.; Martins Filho,E.F.; Gomes Júnior,D.C.; Costa Neto,J.M..
Avaliaram-se as ventilações mecânica controlada a volume e espontânea, por meio das variáveis hemogasométricas, cardiovasculares e ventilométricas. Distribuíram-se 28 coelhos nos grupos: GIVC (isofluorano e ventilação controlada a volume), GIVE (isofluorano e ventilação espontânea), GSVC (sevofluorano e ventilação controlada a volume) e GSVE (sevofluorano e ventilação espontânea). Induziu-se por máscara, com isofluorano (GIVE e GIVC) ou sevofluorano (GSVE e GSVC) a 1,5 CAM, em oxigênio a 100%. Para manutenção anestésica, reajustou-se para 1 CAM. No GIVC e no GSVC, administrou-se rocurônio, na dose de 0,6mg/kg, seguida de infusão contínua na mesma dose de 0,6mg/kg/h. No GIVE e no GSVE, foi administrado NaCl 0,9% em vez de rocurônio. Iniciou-se a ventilação...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Coelho; Anestesia inalatória; Lagomorfos; Respiração mecânica.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352013000400009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Bispectral index in dogs with high intracranial pressure, anesthetized with propofol and submitted to two levels of FiO2 Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Lopes,P.C.F.; Nunes,N.; Dias,L.G.G.G.; Pereira Neto,G.B.; Almeida,R.M.; Souza,A.L.G.; Belmonte,E.A..
The effects of inspired oxygen fractions (FiO2) of 1 and 0.6 on bispectral index (BIS) in dogs with high intracranial pressure, submitted to a continuous rate infusion of propofol were evaluated. Eight dogs were anesthetized on two occasions, receiving, during controlled ventilation, an FiO2 = 1 (G100) or an FiO2 = 0.6 (G60). Propofol was used for induction (10mg.kg-1, IV), followed by a continuous rate infusion (0.6mg.kg-1.minute-1). After 20 minutes, a fiber-optic catheter was implanted on the surface of the right cerebral cortex to monitor the intracranial pressure, the baseline measurements of BIS values, signal quality index, suppression ratio number, electromyogram indicator, end-tidal carbon dioxide partial pressure, mean arterial pressure,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Bispectral index; Dog; Intracranial pressure; Inspired oxygen fraction; Propofol.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352011000600012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Blood gas analysis in pigs submitted to different concentrations of nitrous oxide or oxygen, under different ventilatory modalities Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Biteli,E.G.F.; Nunes,N.; Lopes,P.C.F.; Silva,P.E.S.; Ido,C.K.; Silva,H.R.A.; Horr,M.; Carneiro,R.L.; Bompadre,T.F.V..
ABSTRACT The effects of different concentrations of oxygen and nitrous oxide on blood gas parameters in pigs maintained under spontaneous or pressure-controlled ventilation, with or without positive end-expiratory pressure (PEEP), were compared. Forty-eight pigs were randomly divided into six groups, submitted to different concentrations of compressed air or N2O, associated with different fractions of inspired oxygen (FiO2). The group subject to 30% of compressed air (GA30) showed the closest proximity to the physiological range of partial pressure (PaO2) expected for the species. For oxygen saturation (SaO2), the values obtained were below the lower physiological limit in the group administered 30% N2O (GN30). Use of PEEP positively interfered in PaCO2...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Alkylphenol; Atelectasis; Pigs; Respiration.
Ano: 2019 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352019000100035
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cardiopulmonary parameters in propofol- or thiopental-anesthetized dogs induced to pulmonary hypertension by serotonin Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Lopes,P. C. Ferro; Nunes,N.; Paula,D. P.; Nishimori,C. T. D.; Moro,J. V.; Conceição,E. D. V.; Santos,P. S. P..
ABSTRACTThe cardiopulmonary changes in propofol- or thiopental-anesthetized dogs induced to pulmonary hypertension (PH) were evaluated. Twenty adult animals were randomly assigned to two groups: propofol group (PG) and thiopental group (TG). In PG, propofol was used for induction (8(0.03mg.kg-1) and anesthesia maintenance (0.8mg.kg-1.minute-1), while, in TG, thiopental was used (22±2.92mg.kg-1; 0.5mg.kg-1.minute-1, respectively). Mechanical ventilation using time cycle was started. PH was induced by administration of serotonin (5HT) (10µg.kg-1 and 1mg.kg-1.hour-1) through a thermodilution catheter positioned in the pulmonary artery. The measurements were performed before administration of 5HT (T0), after 30 minutes (T30), then at 15-minute intervals (T45,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Dog; Bispectral index; Monitoring; Serotonin; Total intravenous anesthesia.
Ano: 2015 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352015000501231
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cardiorespiratory variables, bispectral index and recovery of anesthesia in dogs anesthetized with isoflurane, treated or not with tramadol Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Borges,P.A.; Nunes,N.; Barbosa,V.F.; Conceição,E.D.V.; Nishimori,C.T.D.; Paula,D.P.; Carareto,R.; Thiesen,R.; Santos,P.A.C..
It was studied fortuitous cardiorespiratory and bispectral index changes in dogs anesthetized with isoflurane associated or not to tramadol. Sixteen dogswere distributed in two groups named CG (control group) and TG (tramadol group). General anesthesia was induced in all animals with isoflurane via mask. After 10 minutes, the animals of CG received 0.05ml/kg of saline solution at 0.9%, and TG received 2mg/kg of tramadol, both via intramuscular. It was evaluated heart rate, systolic, diastolic and mean arterial pressures; electrocardiography; respiratory rate; oxihemoglobin saturation; end tidal carbon dioxide; bispectral index and recovery of anesthesia. The administration of tramadol in dogs anesthetized with isoflurane did not produce changes in...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Dog; Tramadol; Isoflurane; Cardiorespiratory variables; Bispectral index; Anesthetic recovery.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352008000300014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Different fasting periods in tiletamine-zolezepam-anethetized cats: Glycemia, recovery, blood-gas and cardiorrespiratory parameters Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Gering,A.P.; Nunes,N.; Oliveira,M.C.C.; Horr,M.; Lopes,P.C.F.; Tormena,A.A..
The effects of different fasting periods on glycemia levels and on cardiorrespiratory parameters in tiletamine-zolazepam-anesthetized cats were evaluated. Twenty one animals were randomly assigned to three groups: 8 hours (G8), 12 hours (G12) or 18 hours (G18) of the preoperative fasting. The tiletamine-zolazepam (2 mg/kg) was administered intravenously. The heart rate (HR), respiratory rate (fR), rectal temperature (T R), glycemia (G), laboratorial glycemia (Glab), venous oxygen partial pressure (PvO2), venous carbon dioxide partial pressure (PvCO2), venous hemoglobin saturation (SvO2), pH, base deficit (BD), bicarbonate concentration (HCO3- ) and haematocrit were evaluated at 90 minutes after the last meal (T0), immediately before anesthesia (T1) and at...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cats; Dissociative anesthesia; Glycemia; Monitoring; Recovery.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352013000600015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito da dexmedetomidina sobre a arritmia cardíaca induzida pela adrenalina em cães anestesiados pelo sevofluorano Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Barbosa,V.F.; Nunes,N.; Conceição,E.D.V.; Nishimori,C.T.; Paula,D.P.; Ferro,P.C.; Carareto,R..
Avaliou-se o efeito da dexmedetomidina sobre o ritmo cardíaco em 20 cães, sem raça definida, de ambos os sexos e considerados sadios, anestesiados pelo sevofluorano e submetidos a doses crescentes de adrenalina. Os animais foram, aleatoriamente, distribuídos em dois grupos (placebo e dexmedetomidina). No grupo placebo, os animais receberam, por via intravenosa, solução de NaCl a 0,9%, na dose de 0,3ml/kg. Foram considerados dois momentos, M0 e M1, imediatamente antes e após a aplicação, respectivamente. Após 10 minutos, realizou-se a indução anestésica com sevofluorano, por meio de máscara facial vedada, até a perda do reflexo laringotraqueal. Em seguida, procedeu-se à intubação orotraqueal e a manutenção da anestesia foi realizada com a administração de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cão; Alfa-2 agonistas; Ritmo cardíaco; Anestesia inalatória.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352007000600014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeitos cardiorrespiratórios da metadona, pelas vias intramuscular e intravenosa, em cadelas submetidas à ovariossalpingo-histerectomia Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Pereira,D.A.; Marques,J.A.; Borges,P.A.; Batista,P.A.C.S.; Oliveira,C.A.; Nunes,N.; Lopes,P.C.F..
A metadona é um opioide pouco utilizado na medicina veterinária, e há, ainda, questionamentos quanto ao seu uso. Desse modo, comparou-se o emprego da metadona, administrada pelas vias IM e IV, e avaliaram-se seus efeitos sobre as características cardiorrespiratórias e os tempos de extubação e recuperação em cadelas submetidas à ovariossalpingo-histerectomia. Utilizaram-se 16 cadelas, pré-medicadas com levomepromazina, 0.6mg/kg, IM. Após 20 minutos, a indução anestésica foi feita com propofol, 5mg/kg, IV, e a manutenção com isoflurano. Transcorridos 10 minutos, os animais receberam metadona, 0.3mg/kg, pelas vias IM - grupo GIM - e IV - grupo GIV. As mensurações das frequências cardíaca (FC) e respiratória (FR), pressão arterial média (PAM), temperatura...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cadela; Anestesia; Analgesia; Metadona; Ovário-histerectomia.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352013000400005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeitos cardiovasculares e neuroendócrinos do butorfanol e da buprenorfina em cães anestesiados pelo desfluorano Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Souza,A.P.; Nunes,N.; Santos,P.S.P.; Nishimori,C.T.; Paula,D.P.; Silva,R.M.N..
Avaliaram-se os efeitos do butorfanol e da buprenorfina sobre variáveis cardiovasculares e neuroendócrinas em cães anestesiados com desfluorano, utilizando-se 30 cães adultos, machos e fêmeas, distribuídos em três grupos denominados grupo butorfanol (GBT), grupo buprenorfina (GBP) e grupo-controle (GCO). A anestesia foi induzida com propofol (8mg/kgIV) e nos animais intubados administrou-se desfluorano (1,5CAM). Após 30 minutos, nos cães do GBT, aplicou-se butorfanol (0,4mg/kgIM); nos do GBP, buprenorfina (0,02mg/kgIM); e nos do GCO, solução de NaCl a 0,9% (0,05ml/kgIM). Avaliaram-se: freqüência cardíaca; pressões arteriais sistólica, diastólica e média; débito cardíaco; pressão venosa central; cortisol; hormônio adrenocorticotrópico; noradrenalina; e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cão; Anestesia; Opióides; Desfluorano; Hormônios.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352007000200008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeitos da infusão contínua de cetamina sobre a pressão intra-ocular em cães hipovolêmicos anestesiados com desflurano Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Honsho,C.S.; Talieri,I.C.; Nunes,N.; Moreno,J.C.D.; Souza,A.P..
Compararam-se os efeitos de duas doses de cetamina, administradas em infusão contínua, sobre a pressão intra-ocular (PIO) de 18 cães submetidos à hipovolemia e à anestesia com desflurano. Promoveu-se a hipovolemia em todos os cães, retirando-se 40 ml de sangue/kg de peso. A anestesia foi induzida com desflurano, através de máscara facial, até que a intubação orotraqueal fosse permitida. Decorridos 30 minutos, para estabilização dos parâmetros, iniciou-se a infusão contínua de cetamina. Os cães foram distribuídos, aleatoriamente, em três grupos (n= 6). O grupo I (controle) recebeu solução salina estéril; o grupo II (GII) recebeu cetamina, na dose de 100mig/kg/min, e o grupo III (GIII), cetamina na dose de 200mig/kg/min. A PIO foi medida por tonometria de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Desflurano; Cetamina; Hipovolemia; Pressão intra-ocular; Anestesia.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352004000500007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeitos da infusão contínua de propofol ou etomidato sobre variáveis intracranianas em cães Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Paula,D.P.; Nunes,N.; Nishimori,C.T.D.; Lopes,P.C.F.; Carareto,R.; Santos,P.S.P..
Avaliaram-se os efeitos da infusão contínua de propofol ou de etomidato sobre as variáveis intracranianas em cães nomocapneicos. Foram utilizados 20 cães adultos distribuídos aleatoriamente em dois grupos: grupo propofol (GP) e grupo etomidato (GE). Para o GP, os animais foram induzidos à anestesia com propofol (10mg/kg) e, ato contínuo, iniciaram-se a infusão do fármaco (0,6mg/kg/min) e a ventilação controlada. No GE, o etomidato foi usado para indução (5mg/kg) e manutenção empregando-se a dose de 0,5mg/kg/min nos 10 minutos iniciais e, em seguida, de 0,2mg/kg/min. Após 30 minutos da implantação do cateter de fibra óptica do monitor de pressão intracraniana (PIC) na superfície do córtex cerebral direito, realizaram-se as primeiras mensurações (M1) da PIC,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cão; Anestesia; Etomidato; Pressão intracranina; Propofol.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352010000200009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeitos de diferentes FiO2 sobre variáveis ecocardiográficas em cães submetidos à infusão contínua de propofol Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Lopes,P.C.F.; Nunes,N.; Sousa,M.G.; Paula,D.P.; Carareto,R.; Nishimori,C.T.D.; Santos,P.S.P.; Camacho,A.A..
Avaliaram-se os efeitos do fornecimento de diferentes frações inspiradas de oxigênio (FiO2) em cães anestesiados com infusão contínua de propofol e mantidos em ventilação espontânea sobre os parâmetros ecocardiográficos, obtidos em modo M. Oito cães adultos foram submetidos a cinco protocolos anestésicos diferenciando um do outro pela FiO2 fornecida ao paciente. Formaram-se cinco grupos denominados G100 (FiO2=1), G80 (FiO2=0,8), G60 (FiO2=0,6), G40 (FiO2=0,4) e G20 (FiO2=0,21). Os animais foram induzidos à anestesia com propofol na dose necessária para intubação e, ato contínuo, iniciou-se a infusão do fármaco. Os cães receberam oxigênio conforme a FiO2 determinada para cada grupo. As primeiras mensurações foram efetuadas antes da administração do fármaco...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cão; Fração inspirada de oxigênio; Propofol; Anestesia; Ecocardiografia.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352009000200010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeitos de diferentes frações inspiradas de oxigênio no índice biespectral em cães submetidos à infusão contínua de propofol Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Lopes,P.C.F.; Nunes,N.; Nishimori,C.T. D.; Carareto,R.; Paula,D.P.; Sousa,M.G.; Santos,P.S.P.; Borges,P.A..
Avaliaram-se os efeitos do fornecimento de diferentes frações inspiradas de oxigênio (FiO2) sobre o índice biespectral (BIS) em cães submetidos a infusão contínua de propofol e mantidos em ventilação espontânea. Oito cães foram submetidos a cinco anestesias, diferenciando-se uma da outra pela FiO2 fornecida. Formaram-se cinco grupos denominados G100 (FiO2 = 1); G80 (FiO2 = 0,8); G60 (FiO2 = 0,6); G40 (FiO2 = 0,4) e G20 (FiO2 = 0,21). Os animais foram induzidos à anestesia com propofol na dose necessária para intubação, e, ato contínuo, iniciaram-se a infusão do fármaco e o fornecimento de oxigênio, conforme a FiO2 determinada para cada grupo. As primeiras mensurações (M0) foram efetuadas 30 minutos após o início da infusão do anestésico e, depois, em...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cão; Frações inspiradas de oxigênio; Propofol; Índice biespectral.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352008000200014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Effect of tranquilization and anesthesia on high-resolution electrocardiographic indices of dogs in the chronic chagasic myocardiopathy Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Ferreira,W.L.; Paula,D.P.; Nunes,N.; Camacho,A.A..
The effect of tranquilization and anesthesia on high-resolution electrocardiography (HRECG) indices of dogs in the undetermined chronic phase of Chagas' disease was studied. Eight adult female mongrel dogs were submitted to six protocols: group 1: animals not submitted to tranquilization or anesthesia; group 2: tranquilization with acepromazine; group 3: tranquilization with a combination of acepromazine and buprenorphine; group 4: general inhalatory anesthesia with isoflurane; group 5: general inhalatory anesthesia with sevoflurane; group 6: anesthesia with propofol. The animals were submitted to all protocols at an interval of 15 days between assessments. HRECG was performed in the time domain. Regarding the electrocardiographic parameters analyzed, no...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Dog; Chagas' disease; High-resolution electrocardiography; Anesthesia.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352006000600015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Effects of desflurane, sevoflurane and isoflurane on pulmonary shunt in dogs during spontaneous ventilation Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Nunes,N.; Martins,S.E.C.; Santos,P.S.P.; Rezende,M.L..
The aim of this study was to compare the effects of desflurane, sevoflurane and isoflurane on pulmonary shunt in dogs during spontaneous ventilation. General anesthesia was induced in 30 healthy, adult, mongrel dogs by intravenous administration of propofol. The animals were separated into three groups of 10 dogs each and submitted to general inhalation anesthesia with 1.5 MAC of desflurane (G1), sevoflurane (G2) and isoflurane (G3). Arterial blood was collected by puncture of the right femoral artery, and mixed blood was collected by introducing a Swan-Ganz catheter into the pulmonary artery. These samples were used to determine the parameters employed for calculation of the intrapulmonary shunt. Measurements began at 20min after orotracheal intubation...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Dog; Intrapulmonary shunt; Desflurane; Isoflurane; Sevoflurane.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352003000200008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Effects of inspired oxygen fractions in rabbits anesthetized with isoflurane or sevoflurane, maintained on spontaneous ventilation Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Horr,M.; Nunes,N.; Biteli,E.G.F.; Lopes,P.C.F.; Gering,A.P.; Moro,J.V.; Rocha,F.D.L..
ABSTRACT It is important to identify the best inspired fraction of oxygen in a variety of situations, including sevoflurane or isoflurane anesthesia, in spontaneously breathing rabbits. For this, 64 rabbits were assigned to eight groups: GI100 (FiO2= 1,0 + isoflurane), GS100 (FiO2= 1,0 + sevoflurane), GI80 (FiO2= 0,8 + isoflurane), GS80 (FiO2= 0,8 + sevoflurane), GI60 (FiO2= 0,6 + isoflurane), GS60 (FiO2= 0,6 + sevoflurane), GI21 (FiO2= 0,21 + isoflurane), GS21 (FiO2= 0,21 + sevoflurane). The induction was performed with (2.5MAC) of the anesthetic. The vaporizer was setted at 1.5 MAC and FiO2 as attributed for each group. After the induction, the concentration was changed to 1 MAC. Measurements of parameters were performed 30 minutes after induction (T0),...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Rabbit; Inhalatory anesthesia; Ventilation.
Ano: 2019 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352019000300944
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Effects of nitrous oxide on minimum alveolar concentration of desflurane in dogs Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Nishimori,C.T.; Nunes,N.; Paula,D.P.; Rezende,M.L.; Souza,A.P.; Santos,P.S.P..
Effects of nitrous oxide (N2O) on minimum alveolar concentration (MAC) of desflurane were studied. For that purpose, 30 dogs were randomly allocated into two groups: desflurane group (GD) and N2O and desflurane group (GDN). GD animals received propofol to intubation, and 11.5V% of desflurane diluted in 100% O2. After 30 minutes, they received electric stimulus and if the animal did not react to stimulus, desflurane concentration was reduced by 1.5V%. This protocol was repeated at each 15 minutes, and stimulus was interrupted when voluntary reaction was observed. GDN dogs were submitted to diluent flow 30% O2 and 70% N2O. Desflurane's MAC; heart (HR) and respiratory (RR) rates; systolic, diastolic and mean arterial pressures (SAP, DAP, and MAP,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Dog; Desflurane; Nitrous oxide; MAC.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352007000100017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Evaluation of the cardiopulmonary and antinociceptive effects of bupivacaine administered epidurally at the first lumbar vertebra in awake dogs Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Silva,P.E.S.; Nunes,N.; Gering,A.P.; Prada,T.C.; Simões,A.P.R.; Bompadre,T.F.V.; Castro,R.V.G.; Paula,D.P..
ABSTRACT The aim of this study was to evaluate the effect of epidural bupivacaine administration at the first lumbar vertebra on cardiopulmonary variables, arterial blood gases and anti-nociception. Sixteen healthy female dogs were randomly assigned into two groups based on bupivacaine dose: G1 group, 1mg kg-1 or G2 group, 2mg kg-1, diluted in the same final volume (1mL4kg-1). Cardiopulmonary variables were measured and arterial blood gas was collected (T0), it was repeated 10 minutes after intravenous administration of butorphanol 0.4mg kg -1 (T1). Anesthesia was induced with intravenous etomidate at 2mg kg-1 and the epidural catheter was introduced and placed at the first lumbar vertebra. Thirty minutes later, bupivacaine was administered epidurally....
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Bupivacaine; Dog; Epidural catheter; Regional anesthesia.
Ano: 2016 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352016000601395
Registros recuperados: 29
Primeira ... 12 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional