Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 42
Primeira ... 123 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aclimatização e crescimento de plântulas de mirtileiro 'climax' micropropagadas em função do substrato e da cobertura plástica Rev. Bras. Frutic.
Pelizza,Tânia Regina; Damiani,Cláudia Roberta; Rufato,Andrea de Rossi; Affonso,Luana Borges; Hawerroth,Fernando José; Schuch,Márcia Wulff.
Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar a aclimatização e o crescimento de plântulas micropropagadas de mirtileiro (Vaccinium ashei) cv. Climax, em função do substrato e da cobertura plástica, durante os meses de abril a dezembro de 2008. Foram utilizados três substratos (casca de arroz carbonizada + Húmus Fértil®, Plantmax® + vermiculita e solo + serragem jovem de Pínus) e dois sistemas de cobertura (com e sem cobertura plástica sobre as plântulas). As plântulas, acondicionadas em sacos plásticos com os respectivos substratos e sistemas de cobertura, permaneceram em casa de vegetação com temperatura controlada, por 30 dias. Após, permaneceram por 60 dias sem controle ambiental e, em seguida, foram transferidas para telado. A partir de 30...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Casa de vegetação; Cultura de tecidos; Cobertura plástica; Micropropagação; Vaccinium ashei.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452011000300025
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Advances in the spread of vegetative blueberry Rev. Bras. Frutic.
Schuch,Márcia Wulff; Tomaz,Zeni Fonseca Pinto.
Abstract The lack of an efficient method of propagation in some cultivars makes it difficult to expand the blueberry culture. In Brazil, we still do not produce seedlings with needed quality and quantity to improve the sector. The cloning of the selected material through mini propagation and micro propagation is an alternative to increase the multiplication and rooting capacity of the blueberries. Allied to this, the use of cultivation system without soil for the development of cloned material facilitates the seedlings production. In addition, we can keep matrices in small spaces with the use of mini-gardens and clonal micro-gardens controlling climatic and nutritional factors. In the Laboratory of Fruit Plants Propagation, of the Phytotechnology...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Seedlings; Cloning; Mini propagation and micro propagation; Cultivation system without soil.
Ano: 2019 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452019000104001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Advances in vegetative propagation of Olive tree Rev. Bras. Frutic.
Schuch,Márcia Wulff; Tomaz,Zeni Fonseca Pinto; Casarin,Josiane Vergara; Moreira,Roseane Maidana; Silva,Jacqueline Barcelos da.
Abstract In Brazil, there is a growing interest in the crop of the olive tree, especially in those regions considered suitable for cultivation, where low temperatures occur between 8ºC and 10ºC in the period before flowering. The areas with these characteristics are located mainly in the South and Southeast regions of the country, characterized by a temperate climate in function of altitude, with the occurrence of natural vernalization. The propagation is an integral part of the production chain and the first step towards the implantation of the olive tree crop or renovation of the existing orchards. Obtaining quality seedlings, besides guaranteeing uniformity and reliable varietal origin, is a factor that influences the whole life of the orchard,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Seedlings; Cloning; Mini propagation and micro propagation; Cultivation system without soil.
Ano: 2019 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452019000201004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aib e substrato na produção de mudas de mirtilo cv. "Climax" através de microestaquia Ciência Rural
Schuch,Márcia Wulff; De Rossi,Andrea; Damiani,Cláudia Roberta; Soares,Gustavo Campos.
Embora no Sul do Brasil o mirtilo esteja sendo pesquisado e produzido como uma nova alternativa na fruticultura, a maioria das mudas produzidas são obtidas pela propagação vegetativa, através do uso de estacas, e os resultados obtidos são insatisfatórios. Dessa forma, o objetivo deste trabalho foi testar a capacidade de enraizamento de mirtilo "rabbiteye", através da técnica de microestaquia. Microestacas provenientes de plantas aclimatadas de Vaccinium ashey Reade, cv. "Climax", obtidas através de micropropagação, foram testadas. O experimento foi conduzido em casa de vegetação usando dois tipos de microestacas (média e apical), dois substratos (areia e Plantmax®) e três concentrações de AIB (0, 1000 e 2000mg L-1). Aos 60 dias após a instalação do...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Vaccinium ashei; "rabbiteye"; Rejuvenescimento; Propagação vegetativa; Enraizamento; AIB.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782007000500036
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da fidelidade genotípica por marcadores RAPDs de brotações de pereira (Pyrus communis L.) cv. Carrick, regeneradas in vitro Ciência Rural
Erig,Alan Cristiano; Schuch,Márcia Wulff.
O objetivo deste trabalho foi avaliar a fidelidade genotípica de brotações de pereira (Pyrus communis L.) cultivar Carrick, regeneradas in vitro, utilizando marcadores RAPDs. O DNA genômico foi extraído de folhas oriundas das brotações de pereira regeneradas a partir de diferentes tratamentos e de plantas matrizes micropropagadas (planta controle), utilizando-se o protocolo descrito por FERREIRA & GRATTAPAGLIA (1996). Para triagem dos primers foram utilizados os kits OPAN, OPA e OPF (Operon Technologies, Inc.) e, destes, foram escolhidos sete primers: OPAN-03, OPAN-14, OPAN-15, OPAN-16, OPA-02, OPA-08 e OPF-04. A separação dos produtos da amplificação foi realizada através de eletroforese horizontal em gel de agarose 1,2%, corado com brometo de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pereira; Variação somaclonal; Marcadores moleculares; RAPD.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782003000300009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização molecular de cultivares de pessegueiro e nectarineira com microssatélites Rev. Bras. Frutic.
Bianchi,Valmor João; Fachinello,José Carlos; Schuch,Márcia Wulff; Sansavini,Silveiro.
Na certificação de mudas de plantas frutíferas, a identificação genética é importante em todas as etapas do processo de produção. Em pessegueiro, a identificação de genótipos baseada somente em características morfofenológicas deixa dúvidas quanto à verdadeira identidade de algumas cultivares. Marcadores moleculares de microssatélies foram utilizados objetivando a caracterização molecular de 8 cultivares de nectarineira e 28 de pessegueiro. Para a análise, foram utilizados 13 incializadores de microssatélites (primers), sendo que todos foram marcadores produzindo polimorfismo suficiente para identificar 32 das 36 cultivares analisadas. A maior similaridade genética verificada nas cultivares para consumo in natura foi entre Coral e Planalto (0,94) e entre...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pruus persica; Simples seqüências repetidas; Fingerprinting.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452004000300028
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Chemical and sensory analysis of juices and cuts of ‘Bordô’ and ‘Niágara Rosada’ grapes Rev. Bras. Frutic.
Frölech,Dianini Brum; Assis,Adriane Marinho de; Nadal,Michele Carla; Mello,Letícia Leal de; Oliveira,Bruna Andressa dos Santos; Schuch,Márcia Wulff.
Abstract the aim of this study was to evaluate the chemical characteristics and sensory acceptance of juices and cuts of ‘Bordô’ and ‘Niágara Rosada’ grapes. The experimental design was in a one-factor scheme, with five levels. Treatments were: T1 – ‘Bordô’ (100%); T2 – ‘Bordô’ (70%) + ‘Niágara Rosada’ (30%); T3 – ‘Bordô’ (50%) + ‘Niágara Rosada’ (50%); T4 – ‘Bordô’ (30%) + ‘Niágara Rosada’ (70%); T5 – ‘Niágara Rosada’ (100%). Chemical analyses were: content of soluble solids, pH and titratable acidity, and sensory analyses were: color, aroma, flavor, body and global acceptance. For the soluble solids content, the highest averages were verified in T1, T2 and T3 treatments. As for pH, the highest value was recorded in T3, T4 and T5 treatments, while the...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Grapevine; Vitis spp; Processing.
Ano: 2019 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452019000100902
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Crescimento de plantas de mirtilo a partir de mudas micropropagadas Rev. Bras. Frutic.
Ristow,Nara Cristina; Antunes,Luis Eduardo Corrêa; Schuch,Márcia Wulff; Trevisan,Renato; Carpenedo,Sílvia.
Mudas de mirtilo apresentam crescimento inicial lento e baixo índice de sobrevivência. Dentre os fatores envolvidos na produção de mudas, a qualidade do substrato é um fator de grande importância. O trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar o desenvolvimento de mudas de mirtilo, em diferentes composições de substrato, durante os meses de dezembro de 2005 a março de 2006. Foram utilizadas mudas da cultivar Georgiagem, do grupo highbush, oriundas de multiplicação in vitro. Foram utilizados sete diferentes substratos para a formação das mudas: T1 - Plantmax® (100%); T2 - Plantmax® + perlita (1:1); T3 - solo + composto industrial + perlita (1:1:1); T4 - solo + casca de arroz + terra (1:1:2); T5 - solo + composto industrial + vermiculita (1:1:1); T6 -...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Arbusto alto; Substrato; Georgiagem; In vitro; Vaccinium.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452009000100029
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Crescimento e conteúdo de nutrientes minerais em mudas de mirtileiro em sistema convencional e semi-hidropônico Rev. Bras. Frutic.
Nascimento,Daniele Camargo; Schuch,Márcia Wulff; Peil,Roberta Marins Nogueira.
O mirtileiro possui alto potencial econômico, no entanto, sua expansão de cultivo é limitada pela dificuldade de propagação. O cultivo hidropônico possibilita melhor crescimento devido à eficiência no fornecimento de nutrientes. O objetivo deste estudo foi avaliar o crescimento e o conteúdo de nutrientes minerais de mudas micropropagadas de mirtileiro em sistema convencional e semi-hidropônico. Mudas das cultivares Bluebelle e Woodard, com 3 meses de aclimatização, foram submetidas a dois sistemas de cultivo: sistema convencional,em que foram mantidas em sacos de polietileno contendo Plantmax® + vermiculita (1:1) e irrigadas com solução nutritiva a cada 15 dias; e sistema semi-hidropônico, na qual permaneceram em floreiras plásticas contendo areia, sendo...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Propagação; Microestaquia; Hidroponia; Vaccinium spp.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452011000400013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desempenho de mudas de mirtilo obtidas por micropropagação ou estaquia PAB
Souza,André Luiz Kulkamp de; Schuch,Márcia Wulff; Antunes,Luís Eduardo Corrêa; Schmitz,Juliano Dutra; Pasa,Mateus da Silveira; Camargo,Samila Silva; Carra,Bruno.
O objetivo deste trabalho foi avaliar o desenvolvimento vegetativo e o início do período produtivo de mirtilos (Vaccinium virgatum) propagados por estaquia e micropropagação. No ano de 2009, foi implantado um pomar de mirtilo com mudas de um ano de idade, em espaçamento de 1,3x4,0 m. Utilizaram-se as cultivares Bluegem, Briteblue e Woodard, do grupo "rabbiteye". Foram avaliados os seguintes parâmetros: altura de planta, diâmetro e número de brotações, diâmetro médio dos frutos, frutos colhidos por planta, produção média por planta, produtividade estimada por hectare, massa de matéria fresca por fruto, teor de sólidos solúveis, acidez titulável e pH. Plantas obtidas pela técnica de micropropagação apresentaram maior crescimento vegetativo inicial, em razão...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Vaccinium virgatum; Juvenilidade; Produção de mudas; Propagação vegetativa; Rejuvenescimento.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2011000800012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desenvolvimento de mudas de mirtileiro inoculadas com fungos micorrízicos arbusculares Rev. Bras. Frutic.
Farias,Daniela da Hora; Pinto,Marília Alves Brito; Carra,Bruno; Schuch,Márcia Wulff; Souza,Paulo Vítor Dutra de.
O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito da inoculação de fungos micorrízicos arbusculares (Glomus clarum Nicolson e Schenck, Glomus etunicatum Becker e Gerd Gigaspora margarita Becker e Hall e Scutellospora heterogama Nicolson e Gerd) em mudas micropropagadas de mirtileiro da cultivar Woodard. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados, com cinco tratamentos, quatro repetições por tratamento e seis plantas por parcela. As plantas inoculadas com G. margarita apresentaram maior altura e biomassa seca das raízes. Os tratamentos com S. heterogama e G. margarita apresentaram os maiores resultados para a biomassa verde das raízes. O desempenho foi relacionado com as taxas de colonização das raízes que, nas plantas inoculadas com G....
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Micropropagação; Vaccinium sp.; Endomicorrizas; Crescimento.
Ano: 2014 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452014000300017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desenvolvimento de porta-enxertos de pessegueiro obtidos de miniestacas, em duas épocas, e sistema de cultivo sem solo Rev. Bras. Frutic.
Tomaz,Zeni Fonseca Pinto; Schuch,Márcia Wulff; Peil,Roberta Marins Nogueira; Timm,Cari Rejane Fiss.
A propagação vegetativa comercial de mudas de pessegueiro por estaquia no Brasil tem sido limitada por alguns fatores, como a falta de técnicas apropriadas de manejo do ambiente de propagação, além da dificuldade no manejo da nutrição e da sobrevivência das estacas pós-enraizamento. Objetivou-se com o presente estudo avaliar o crescimento e sobrevivência de porta-enxertos de pessegueiro clonados através da miniestaquia, em sistema de cultivo sem solo, obtidos em duas épocas. Conduziu-se o trabalho em casa de vegetação e estufa agrícola localizadas no Campo Didático e Experimental do Departamento de Fitotecnia, Faculdade de Agronomia Eliseu Maciel, da Universidade Federal de Pelotas (UFPel/RS), no período de março - dezembro/2010 e novembro/2010 - maio/...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus persica; Propagação; Solução nutritiva; Macronutrientes e micronutrientes.
Ano: 2014 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452014000400026
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Development of ‘Maciel’ peach trees on different propagation systems Rev. Bras. Frutic.
Ramm,Aline; Souza,André Luiz Külkamp de; Manica-Berto,Roberta; Timm,Cari Rejane Fiss; Schuch,Márcia Wulff; Vizzotto,Márcia.
Abstract The development of new technologies for seedling production is essential in fruit growing. In this context, the objective was to compare vegetative and productive aspects of ‘Maciel’ peach trees and the quality of fruits from plants under different propagation systems. The experiment was carried out in a randomized complete block design with four replications, in a 2 x 3 factorial scheme, two years (2014 and 2015) and three propagation systems (self-rooted ‘Maciel’ (minicutting), ‘Maciel’ with rootstock ‘Okinawa’ (minicutting) e ‘Maciel’ with rootstock ‘Okinawa’ (seed)). The variables evaluated were canopy volume, trunk diameter, yield, productive efficiency, fruit diameter, soluble solids (SS), titratable acidity (TA), SS/TA ratio, pH, pulp...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus persica; Minicuttings clonal; Propagation; Self-rooting.
Ano: 2018 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000401002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Diferentes substratos e ambientes no enraizamento in vitro de mirtilo Ciência Rural
Damiani,Cláudia Roberta; Schuch,Márcia Wulff.
O objetivo neste trabalho foi comparar a capacidade de enraizamento in vitro de mirtilo (Vaccinium ashei Reade cv. 'Delite' e V. corymbosum L. cv. 'Georgiagem') e estudar o efeito de substratos alternativos ao ágar (perlita, vermiculita e ágar + carvão ativado) adicionados ao meio de cultura 'WPM' contendo 7µM L-1 de AIB e o efeito da luminosidade por meio do cultivo em diferentes ambientes: sala de crescimento convencional e casa de vegetação. Concluiu-se que o uso de perlita, seguido da vermiculita, promovem o aumento do número e comprimento de raízes, matéria fresca total e radicular e maiores porcentagens de enraizamento. A adição de carvão ativado inibe o enraizamento. O ambiente de cultivo não alterou o número de raízes formadas. A cultivar...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Vaccinium ashei; V. corymbosum; Luz natural; Carvão ativado; Perlita; Vermiculita.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782009000200040
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito do tipo de ramo e do regime de luz fornecido à planta matriz no estabelecimento in vitro de araçazeiro cv. "Irapuã" Ciência Rural
Souza,Joseane Almeida de; Schuch,Márcia Wulff; Silva,Luciane Couto da.
Este trabalho objetivou avaliar o efeito do regime de luz submetido à planta matriz e do tipo de ramo utilizado no estabelecimento in vitro de araçá cultivar "Irapuã". O meio de cultura utilizado foi o MS acrescido de 5mM de BAP. Segmentos nodais retirados de ramos herbáceos e semilenhosos, contendo uma gema, de plantas mantidas no escuro durante 15 dias e de plantas mantidas sob luz, foram inoculados em tubo de ensaio contendo 10mL de meio. Após a inoculação, os explantes foram submetidos ao escuro sob temperatura de 25 ± 2°C por um período de 7 dias e, em seguida, transferidos para sala de crescimento com 16 horas de fotoperíodo, radiação de 27µmol m-2 s-1 e a mesma temperatura. Aos 7, 14 e 21 dias de cultivo, avaliou-se a percentagem de contaminação...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Mirtácea; Psidium; Micropropagação; Estiolamento.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782006000600041
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Enraizamento de microestacas de mirtileiro provenientes de microjardim clonal semi-hidropônico Rev. Bras. Frutic.
Nascimento,Daniele Camargo; Schuch,Márcia Wulff; Peil,Roberta Marins Nogueira.
O uso de microjardins clonais hidropônicos tem sido relatado com sucesso para espécies florestais e pode vir a se tornar uma excelente alternativa para espécies frutíferas de difícil propagação, como é o caso do mirtilo. O objetivo deste estudo foi avaliar o enraizamento de microestacas de mirtileiro provenientes de dois sistemas de cultivo (convencional e semi-hidropônico), submetidas a diferentes concentrações de AIB (ácido indolbutírico). As microestacas de mirtileiro das cultivares Bluebelle e Woodard foram submetidas a diferentes concentrações de AIB (0; 500; 1.000; 1.500 e 2.000 mg.L-1), acondicionadas em caixas plásticas contendo vermiculita e, aos 90 dias de cultivo, avaliou-se o seu rendimento. O delineamento experimental foi o inteiramente...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Propagação; Microestaquia; Vaccinium spp.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452011000400025
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Enraizamento de plântulas de mirtileiro em condição ex vitro com diferentes substratos Rev. Bras. Frutic.
Pelizza,Tânia Regina; Nascimento,Daniele Camargo; Affonso,Luana Borges; Camargo,Samila Silva; Carra,Bruno; Schuch,Márcia Wulff.
O objetivo deste trabalho foi avaliar a capacidade de enraizamento ex vitro de plântulas de mirtileiro cultivares Bluebelle, Woodard e Georgiagem em diferentes substratos. O experimento foi instalado no período de fevereiro a abril/2009, em casa de vegetação, com temperatura de ± 25ºC, na Universidade Federal de Pelotas (UFPel/FAEM), em Pelotas (RS). As plântulas (sete gemas e sete folhas + ápice caulinar), após imersas em AIB (250 mg.L-1) por 10 minutos, foram acondicionadas em bandejas plásticas fechadas, com os seguintes substratos: a) Plantmax®; b) Plantmax® + serragem curtida de pinus (totalmente decomposta); c) serragem curtida; d) Plantmax® + vermiculita expandida de granulometria média, e e) vermiculita expandida de granulometria média. O...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cultura de tecidos; Micropropagação; Plantmax®; Serragem; Vaccinium sp; Vermiculita.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452012000100034
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Enraizamento in vitro de marmeleiro cv. MC como porta-enxerto para a pereira e aclimatização das microestacas enraizadas Ciência Rural
Erig,Alan Cristiano; Schuch,Márcia Wulff.
O objetivo deste trabalho foi determinar o tipo e a concentração de auxina que promova o enraizamento in vitro de marmeleiro (Cydonia oblonga Mill.) cv. MC como porta-enxerto para a pereira (Pyrus spp) e avaliar a sobrevivência das microestacas enraizadas durante a aclimatização às condições ex vitro. Os tratamentos consistiram de três tipos de auxina (ácido indolbutírico ‘AIB’, ácido naftalenoacético ‘ANA’ e ácido 3-indolacético ‘AIA’), utilizadas em cinco diferentes concentrações (0, 5, 10, 15 e 20miM). Inicialmente as microestacas foram cultivadas, durante sete dias, em meio de cultura constituído pelos sais de MS reduzidos à metade de sua concentração original, acrescido de mio-inositol (100mgL-1), sacarose (30gL-1), ágar (6gL-1) e de auxina. Após, as...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Micropropagação; Reguladores de crescimento; Auxina; Porta-enxerto; Cydonia oblonga.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782004000500018
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Enraizamento in vitro de mirtilo em condições fotoautotróficas Ciência Rural
Damiani,Cláudia Roberta; Schuch,Márcia Wulff.
O objetivo deste trabalho foi avaliar a eficiência do enraizamento fotoautotrófico de mirtilo (Vaccinium ashei Reade), cultivar 'Delite', comparando o efeito da luz natural (casa de vegetação) e da luz artificial (sala de crescimento) durante duas épocas do ano (verão e inverno), bem como o efeito de três concentrações de sacarose (0; 15 e 30g L-1) adicionadas ao meio de cultura e de diferentes tipos de vedação dos frascos de cultivo (alumínio, algodão e filme plástico). Após 60 dias de enraizamento in vitro em meio de cultura WPM, contendo 9µM L-1 de AIB, observou-se que o enraizamento em meio de cultura livre de sacarose promoveu o aumento do número de raízes e da porcentagem de enraizamento e, quando associado ao fechamento dos frascos com algodão,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Vaccinium ashei; Vedação dos frascos; Ambiente de cultivo; Sacarose; Luz natural; Variação sazonal.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782009000400009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Enraizamento in vitro de pereira (Pyrus communis L.) cv. Carrick Ciência Rural
Erig,Alan Cristiano; Schuch,Márcia Wulff; Braga,Eugênia Jacira Bolacel.
O objetivo do presente trabalho foi avaliar o efeito do ácido naftalenoacético (ANA) e do carvão ativado no enraizamento in vitro de pereira (Pyrus comunis L.) cv. Carrick. Para tanto, microestacas de pereira com aproximadamente 0,8 a 1cm de comprimento foram utilizadas como explantes. Os tratamentos constituíram-se de três concentração de ANA no meio de cultura (0; 3,2 e 6,4mM) e de duas concentração de carvão ativado (0 e 1%). A partir dos resultados obtidos no experimento, conclui-se que o ANA nas concentrações de 3,2 e 6,4mM e na ausência de carvão ativado no meio de cultura, possibilitou um melhor enraizamento de pereira cv. Carrick.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/report Palavras-chave: Microestacas; Cultura de tecidos; ANA; Carvão ativado.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782004000100043
Registros recuperados: 42
Primeira ... 123 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional