Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: 

RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 83
Primeira ... 12345 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A rede de emalhe na pesca artesanal do Rio Araguaia, Tocantins, Brasil. Repositório Alice
DIAS, C. R. G.; SILVA, A. P. da.
A pesca com redes de emalhe é a principal modalidade praticada pelos pescadores artesanais no rio Araguaia, estado do Tocantins. Seu uso permite capturar uma alta diversidade e quantidade de peixes por lance, além da versatilidade de operação em qualquer época, local ou hora do dia. Este artigo descreve a pesca com emalhe baseado em visitas técnicas a 15 comunidades pesqueiras distribuídas ao longo do rio Araguaia, entre 2016 e 2017. O levantamento de dados permitiu concluir que o processo de construção e uso das redes de emalhe é homogêneo, com pouca variabilidade, justificada pela semelhança da matéria-prima, mecanismos e formas de entralhe, uso dos locais de pesca e a captura dos recursos pesqueiros. O emalhe possui um alto potencial de intervenção...
Tipo: Parte de livro Palavras-chave: Rio Araguaia-TO; Conhecimento tradicional; Matrizes interativas; Comunidade pesqueira; Pesca artesanal; Produção pesqueira; Pescador.
Ano: 2017 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1076537
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A regulamentação do acesso aos recursos genéticos e aos conhecimentos tradicionais associados no Brasil Biota Neotropica
Azevedo,Cristina Maria do Amaral.
A implementação, em nível nacional, da Convenção sobre Diversidade Biológica, especialmente dos artigos 8j e 15, que tratam respectivamente do conhecimento tradicional e do acesso aos recursos genéticos e da repartição dos benefícios provenientes da sua utilização, tem gerado intenso debate quanto ao seu impacto sobre a pesquisa. No Brasil vigora atualmente a Medida Provisória 2.186-16/01 (MP) que instituiu as regras para o acesso a e a remessa de componentes do patrimônio genético e o acesso a conhecimentos tradicionais associados. Essa norma previu a criação da autoridade nacional competente o Conselho de Gestão do Patrimônio Genético (CGEN) no âmbito do Ministério do Meio Ambiente, o qual iniciou suas atividades em abril de 2002. Em 2003, com o novo...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Convenção sobre a Diversidade Biológica; Medida Provisória 2.186-16/01 (MP); Conselho de Gestão do Patrimônio Genético (CGEN); Acesso a recursos genéticos; Conhecimento tradicional; Repartição de benefícios.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1676-06032005000100002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ações de pesquisa e desenvolvimento realizadas por empresa pública de pesquisa agropecuária com povos e comunidades tradicionais no Pantanal Sul-Mato-Grossense. Repositório Alice
CURADO, F. F.; MARQUES, D. K. S.; GALVANI, F.; FEIDEN, A.; SALIS, S. M.; PIOVEZAN, U..
RESUMO - Os povos e comunidades tradicionais (PCTs) no Pantanal desempenham papel relevante no uso e conservação da biodiversidade, bem como na conformação da realidade sociocultural de seus territórios. O objetivo deste trabalho foi promover uma breve revisão de algumas ações de pesquisa realizadas pela Embrapa Pantanal e parceiros com PCTs no Pantanal Sul-Mato-Grossense ao longo das últimas décadas. Além das experiências dos autores, foram identificados alguns estudos relacionados aos referidos povos e suas comunidades. Por meio da reflexão sobre conhecimento tradicional e o ?reconhecimento? dos PCTs pelo Estado, o estudo faz um breve histórico sobre esses povos do Pantanal e aborda a pesquisa com os índios Guató. Na sequência, são apresentadas as...
Tipo: Artigo de periódico Palavras-chave: Conhecimento tradicional; Biodiversidade; Empresa Publica; Instituição de Pesquisa; Pesca Artesanal; Políticas Públicas; Agricultural research; Biodiversity; Natural resources conservation; Research institutions.
Ano: 2022 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1145067
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Agrobiodiversidade de espécies alimentares cultivadas da Terra Indígena Kaxinawá de Nova Olinda com ênfase aos problemas fitopatológicos. Repositório Alice
FREITAS, S. M. de S.; SIVIERO, A.; NOGUEIRA, S. R.; MACEDO, P. E. F. de.
O presente trabalho teve por objetivo fazer levantamento da agrobiodiversidade de espécies alimentares cultivadas da Terra Indígena Kaxinawá de Nova Olinda (TIKNO), localizada em Alto Rio Envira, Feijó-AC, com ênfase aos problemas fitopatológicos.
Tipo: Parte de livro Palavras-chave: Agrobiodiversidade; Conhecimento tradicional; Terra Indígena Kaxinawá de Nova Olinda (TIKNO); Feijó (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Árboles frutales; Enfermedades y desórdenes de las plantas; Conocimiento tradicional; Biodiversidad; Pueblos indígenas.; Especies nativas; Agricultura de subsistência; Fruta; Doença de planta; Subsistence farming; Indigenous knowledge; Indigenous peoples; Indigenous species; Fruit trees; Plant diseases and disorders; Biodiversity..
Ano: 2018 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1090111
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Agrobiodiversidade de fruteiras da terra indígena Kaxinawa de Nova Olinda, Feijó, Acre, Brasil. Repositório Alice
SIVIERO, A.; HAVERROTH, M..
Este trabalho teve como objetivo avaliar a agrobiodiversidade de espécies frutíferas plantadas e manejadas em quintais agroflorestais localizados Terra Indígena Kaxinawá de Nova Olinda, localizada no Alto Rio Envira, Acre a sudoeste da Amazônia Brasileira. A pesquisa de campo foi realizada através de visitas técnicas e entrevistas abertas e observação direta participante, com registro das espécies frutíferas presentes em 32 quintais e roçados nas aldeias Formoso, Nova Olinda, Novo Segredo e Boa Vista. Ao todo, foram observadas 31 espécies frutíferas distribuídas em 14 famílias botânicas, com destaque para a família Arecaceae, que abriga 25% das espécies. Algumas fruteiras, nos quintais, estão em processo de domesticação e geram alimento, sombra, espaços...
Tipo: Parte de livro Palavras-chave: Conhecimento tradicional; Espécies frutíferas; Agrobiodiversidade; Quintais agroflorestais; Terra Indígena Kaxinawá de Nova Olinda (TIKNO); Feijó (AC); Acre; Amazônia Ocidental.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1055814
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Agrobiodiversidade e caracterização de etnovariedades de mandioca da Reserva Extrativista Cazumbá-Iracema, Acre. Repositório Alice
PESSOA, J. de S..
A interface do conhecimento tradicional com científico é imprescindível para a valorização dos agroecossistemas, uso da terra e valoração da agrobiodiversidade. Este trabalho teve como objetivo analisar a agrobiodiversidade e caracterizar etnovariedades de mandioca da Reserva Extrativista Cazumbá-Iracema. O trabalho foi desenvolvido junto a agricultores familiares ribeirinhos do Rio Caeté, Sena Madureira, Acre. A pesquisa foi realizada usando informações de dados secundários, aplicação de questionário, visita técnica e condução de três experimentos de campo. Aspectos da riqueza da agrobiodiversidade, uso da terra, dinâmica dos agroambientes foram obtidos em visitas técnicas junto a 40 moradores. Foram usados 25 descritores na caracterização das...
Tipo: Teses Palavras-chave: Conhecimento tradicional; Explotación agrícola familiar; Conocimiento tradicional; RESEX Cazumbá-Iracema; Sena Madureira (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Mandioca; Manihot Esculenta; Agricultura Familiar; Cassava; Family farms; Indigenous knowledge.
Ano: 2009 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/631381
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Allying knowledge integration and co-production for knowledge legitimacy and usability: The Amazonian SISA policy and the Kaxinawá Indigenous people case. Repositório Alice
MATUK, F. A.; TURNHOUT, E.; FLESKENS, L.; AMARAL, E. F. do; HAVERROTH, M.; BEHAGEL, J. H..
Environmental policies that aim to enhance nature conservation, biodiversity, and well-being of Indigenous Peoples and Local Communities (IPLC) rely on knowledge integration and co-production processes that include both science and Indigenous and local knowledge (ILK) systems. While these processes are expected to safeguard the diversity of knowledge systems, uneven power relations among participants often prevent them from achieving this which can affect the legitimacy and usability of the outcomes of these processes. Using a case study in the Acre state (Brazil), where policy practitioners implemented the REDD+policy System of Incentives for Ecosystem Services in the Brazilian Kaxinawá Nova Olinda Indigenous Land, we investigate how participants manage...
Tipo: Artigo de periódico Palavras-chave: Povos indígenas; Pueblos indigenas; Serviços ecossistêmicos; Conhecimento tradicional; Método participativo; REDD+; Servicios ecosistémicos; Gestão participativa; Participative management; SISA; Terra Indígena Kaxinawá de Nova Olinda (TIKNO); Feijó (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Planejamento Participativo; Indigenous peoples; Indigenous knowledge; Environmental policy; Ecosystem services.
Ano: 2020 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1123244
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise sócio-espacial e conhecimento etnobotânico em uma comunidade quilombola no sudoeste de Goiás. Repositório Alice
SILVA, J. S..
Os quilombos são os maiores símbolos de resistência frente ao sistema escravocrata que perdurou no território brasileiro por muitos anos. Espalhados por todo o território brasileiro estas comunidades criaram estratégias de sobrevivência frente ao modelo fundiário concentrador e conservador e lutam principalmente para terem seus territórios reconhecidos e respeitados. Neste contexto a comunidade do Cedro, no sudoeste de Goiás, é constituída de descendentes de escravos que se reconhecem como portadores de uma identidade baseada na mesma origem e numa cultura comum distinta dos demais grupos circunvizinhos. Esse trabalho busca mostrar de que forma essa comunidade se estabeleceu espacialmente em um território onde há predominância de monocultura latifundiária...
Tipo: Teses Palavras-chave: Agroecologia; Quilombolas; Conhecimento tradicional; Desenvolvimento Rural.
Ano: 2010 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/940629
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aproveitamento de plantas alimentares da TI Kaxinawá de Nova Olinda, Feijó/Acre. Repositório Alice
SOUZA, J. M. L. de; FERREIRA, A. B.; SILVA, M. P. da; FURTADO, C. de M.; HAVERROTH, M.; MING, L. C.; SARAIVA, L. S..
A Terra Indígena Kaxinawá de Nova Olinda (TIKNO) localiza-se às margens do Alto Rio Envira, Feijó/AC, com uma população de 492 habitantes. Objetivando de conhecer a cultura e oferecer diferentes formas de aproveitamento de plantas alimentares na TIKNO, foram realizadas oficinas focadas na diversificação, segurança e qualidade alimentares.
Tipo: Parte de livro Palavras-chave: Índio; Terra Indígena Kaxinawá de Nova Olinda (TIKNO); Conhecimento tradicional; Feijó (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Conocimiento tradicional; Explotación agrícola familiar; Hábitos alimentarios; Pueblos indígenas; Seguridad de los alimentos.; Agricultura familiar; Segurança alimentar; Hábito alimentar; Family farms; Food security; Eating habits; Indigenous knowledge; Indigenous peoples..
Ano: 2018 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1089366
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aproveitamento de plantas alimentares na TI Kaxinawá de Nova Olinda, Feijó/Acre parte II. Repositório Alice
FERREIRA, A. B.; SOUZA, J. M. L. de; HAVERROTH, M.; MING, L. C.; ARAÚJO, A. P.; KAXINAWÁ, E. da S. A..
Roçados indígenas na Amazônia brasileira apresentam inúmeras espécies e variedades locais úteis, muitas delas endêmicas.Esta pesquisa objetivou levantar as espécies alimentares consideradas importantes pelos indígenas nos roçados da TI Kaxinawá de Nova Olinda.
Tipo: Parte de livro Palavras-chave: Índio; Terra Indígena Kaxinawá de Nova Olinda (TIKNO); Conhecimento tradicional; Feijó (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Pueblos indígenas; Hábitos alimentarios; Explotación agrícola familiar; Conocimiento tradicional; Cultivo del suelo; Seguridad de los alimentos.; Agricultura familiar; Segurança alimentar; Hábito alimentar; Roça; Variedade; Family farms; Food security; Eating habits; Tillage; Indigenous knowledge; Indigenous peoples..
Ano: 2018 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1089367
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
As experiências das quebradeiras de coco babaçu nos diálogos e diagnósticos envolvendo o conhecimento tradicional e suas contribuições para a biodiversidade. Repositório Alice
PORRO, N. M.; PORRO, R..
Trataremos das principais contribuições das Quebradeiras de Coco Babaçu à conservação da biodiversidade, dos desafios que as erodem, bem como das políticas públicas e das instituições que as fortalecem.
Tipo: Parte de livro Palavras-chave: Conhecimento tradicional; Construção coletiva de conhecimento; Quebradeiras de coco; Babaçu; Biodiversidade.
Ano: 2022 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1140133
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avanços nas pesquisas etnobotânicas no Brasil Acta Botanica
Oliveira,Flávia Camargo de; Albuquerque,Ulysses Paulino de; Fonseca-Kruel,Viviane Stern da; Hanazaki,Natalia.
A Etnobotânica moderna é produto de mudanças históricas ocorridas dentro e fora da academia. O trabalho buscou traçar a trajetória dessa disciplina e suas tendências no Brasil. Para tal foi realizado um levantamento dos trabalhos, no período de 1968-2007, desenvolvidos por pesquisadores brasileiros no país e publicados nas revistas científicas de circulação nacional, internacional e em eventos nacionais. O artigo discute sobre o desenvolvimento da Etnobotânica e sobre a crescente valorização do conhecimento construído por populações não-industrializadas. Neste contexto destaca-se a influência das mudanças de interesses científicos e econômicos ao longo dos períodos avaliados e, especialmente, da implementação da Convenção sobre Diversidade Biológica. O...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: América Latina; Botânica econômica; Conhecimento tradicional; Etnobiologia; Etnoecologia; Histórico da etnobotânica.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062009000200031
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
BIOSEMEIE: aplicativo para gestão de casas de sementes: programa 24: Nordeste/Vale do Jequitinhonha. Infoteca-e
O Prosa Rural desta semana fala sobre o Biosemeie, um aplicativo de celular desenvolvido pela Embrapa para facilitar a rotina das casas de sementes. O aplicativo facilita o cadastro de estoque, além de possibilitar o intercâmbio de material entre as diferentes casas de sementes e contribuir para a preservação do conhecimento tradicional. Um dos convidados do programa é o criador do aplicativo Biosemeie, o pesquisador Raimundo Lobo, da Embrapa Caprinos e Ovinos.
Tipo: Prosa Rural (INFOTECA-E) Palavras-chave: Conhecimento tradicional; Semente; Estoque.
Ano: 2020 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1123582
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Calendário agrícola, agrobiodiversidade e distribuição espacial de roçados Kulina (Madija), Alto Rio Envira, Acre, Brasil. Repositório Alice
HAVERROTH, M.; NEGREIROS, P. R. M..
O presente trabalho objetiva avaliar a composição e distribuição espacial e temporal de roçados entre os Kulina (Madija) do Alto Rio Envira, estado do Acre, sudoeste da Amazônia Brasileira. A população estudada vive em aldeias às margens do rio Envira, distribuídas em três Terras Indígenas, e sua língua pertence à família linguística Arawá. A pesquisa de campo foi realizada com base em entrevistas semiestruturadas e abertas, observação direta e participante, marcação dos roçados com aparelho de GPS e fotografias. Foram observados 64 roçados, com áreas que variam de 50 m2 até 2 ha. São cultivadas entre 3 e 15 espécies em cada roçado. O calendário agrícola segue a sazonalidade regional. O trabalho nos roçados envolve a abertura, ano após ano, de novos...
Tipo: Artigo de periódico Palavras-chave: Agricultural calendar; Agrobiodiversidade; Conhecimento tradicional; Índios Kulina; Madija; Roçado; Clearing; Alto Rio Envira (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Agroforestería; Regeneración natural.; Conocimiento tradicional; Calendário agrícola; Exploração florestal; Regeneração natural; Agricultura de Subsistência.; Agroforestry; Indigenous knowledge; Subsistence farming; Natural regeneration..
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/927179
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Capacitação em agroecologia na comunidade quilombola do Varzeão, Dr. Ulysses, Vale do Ribeira, PR. Repositório Alice
HOELLER, S. C.; FIDELIS, L. DE. M.; BORSATO, A. V.; BIESEK, M.; PEREIRA, J. B..
O projeto "Assistência Técnica e Extensão Rural - ATER - e Capacitação em Agroecologia na Comunidade Quilombola do Varzeão, Dr. Ulysses, Vale do Ribeira" atua desde 2007 e procura, através da Agroecologia e dos seus princípios, contribuir com a organização das comunidades, estimulando o redesenho dos agroecossistemas. Os Quilombolas têm uma produção moldada através de métodos tradicionais e estão próximos dos princípios da Agroecologia. A comunidade remanescente de Quilombo do Varzeão se localiza em Dr. Ulysses e conta hoje com 19 famílias com um total de 56 pessoas com diversos problemas no que tange à sua situação social. O projeto surgiu por meio de contatos com as diversas organizações que atuam no Vale do Ribeira, isso desembocou em uma aproximação...
Tipo: Separatas Palavras-chave: Organização; Redesenho; Conhecimento tradicional.
Ano: 2010 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/869673
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Características culinárias de etnovariedades de macaxeira da terra indígena Kaxinawa de Nova Olinda, Feijó, Acre. Repositório Alice
SIVIERO, A.; SILVA, A. F. da; SOUZA, C. S. de; HAVERROTH, M..
O objetivo deste trabalho foi avaliar as características culinárias de etnovariedades de mandioca da Terra Indígena kaxinawa de Nova Olinda. O experimento de campo foi conduzido no Campo Experimental da Embrapa Acre com dez genótipos entre abril de 2014 a junho de 2015. Os testes culinários foram realizados no Laboratório de Tecnologia de Alimentos da Embrapa Acre onde foram avaliados os parâmetros: porcentagem de água absorvida/perdida, facilidade de descascamento, cor da polpa, textura, plasticidade, pegajosidade e o tempo de cozimento usando cozedor Mattson modificado no qual toletes de mandioca foram posicionados abaixo de 24 pinos e submersos em água sob fervura. Os resultados das médias obtidas para as variáveis; água absorvida/perdida, textura e...
Tipo: Parte de livro Palavras-chave: Conhecimento tradicional; Mandioca de mesa; Etnovariedades; Amarelinha; Juriti; Cozimento; Terra Indígena Kaxinawá de Nova Olinda (TIKNO); Nova Olinda; Acre; Amazônia Ocidental.; Culinária; Mandioca; Manihot Esculenta..
Ano: 2015 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1028867
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização física e físico-química de duas variedades de taiobas oriundas da Terra Indígena Kaxinawá de Nova Olinda, Feijó/Acre. Repositório Alice
SARAIVA, L. S.; SOUZA, J. M. L. de; ARAÚJO, A. P.; HAVERROTH, M.; FERREIRA, A. B.; MING, L. C..
Diante da importância da busca por novas matérias-primas com características que atendam às exigências de um mercado em ascensão, este trabalho teve por objetivos caracterizar dois tipos de taioba denominados Kapanawa e Kistuku, oriundas da Terra Indígena Kaxinawa de Nova Olinda (TIKNO), coletadas na safra 2015/2016, Feijó/AC quanto às características físicas (comprimento X largura, cor da casca) e físico-químicas (umidade, cinzas, proteínas, lipídeos, fibras brutas, carboidratos, aw).
Tipo: Parte de livro Palavras-chave: Conhecimento tradicional; Índio; Kapanawa; Kistuku; Terra Indígena Kaxinawá de Nova Olinda (TIKNO); Feijó (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Conocimiento tradicional; Pueblos indígenas.; Explotación agrícola familiar; Ensayos de variedades; Agricultura familiar; Taioba; Plantio; Consumo alimentar; Segurança alimentar; Características Agronômicas.; Family farms; Indigenous knowledge; Indigenous peoples; Variety trials; Agronomic traits..
Ano: 2018 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1089408
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização físico-química de farinhas de mandioca (Manihot esculenta Crantz) dos povos indígenas Kaxinawá. Repositório Alice
ALVARES, V. de S.; HAVERROTH, M.; FELISBERTO, F. A. V.; MADRUGA, A. L. S..
A produção de farinha na TI Kaxinawá de Nova Olinda é feita pelas famílias, cada qual produzindo o suficiente para seu próprio consumo sempre que considerem necessário e tenham matéria-prima adequada e suficiente para a produção de farinha. Não há produção para comercialização fora da TI. O processo de produção é bastante simples e pode ser de dois tipos: a partir da raiz ralada, prensada e torrada; ou a chamada farinha puba, que consiste em deixar as raízes de molho na água até amolecerem, seguido de prensagem e torração. Dessa forma, o objetivo deste trabalho foi caracterizar as farinhas de mandioca produzidas na TI Kaxinawá de Nova Olinda.
Tipo: Parte de livro Palavras-chave: Conhecimento tradicional; Terra Indígena Kaxinawá de Nova Olinda (TIKNO); Feijó (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Calidad de los alimentos; Amazonia occidental; Conocimiento tradicional; Harina de yuca; Propiedades fisicoquímicas; Western amazon.; Mandioca; Manihot esculenta; Farinha; Qualidade; Propriedade físico-química; Agricultura de Subsistência.; Indigenous knowledge; Cassava flour; Physicochemical properties; Food quality; Subsistence farming..
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/970764
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização físico-química de sete tipos de amendoins oriundos da TIKNO, Feijó/AC. Repositório Alice
ARAÚJO, A. P. de S.; SOUZA, J. M. L. de; SARAIVA, L. S.; HAVERROTH, M.; FERREIRA, A. B.; MING, L. C..
Este trabalho teve como objetivo comparar as características físico-químicas e químicas de sete tipos de amendoins identificados de acordo com o conhecimento tradicional da TI (branco, roxo claro, rajado, preto, roxo, marrom claro, vermelho) coletados na Terra Indígena Kaxinawa de Nova Olinda (TIKNO), Feijáo/Acre, coletados na safra de 2015/2016.
Tipo: Parte de livro Palavras-chave: Conhecimento tradicional; Terra Indígena Kaxinawá de Nova Olinda (TIKNO); Feijó (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Conocimiento tradicional; Maníes; Propiedades fisicoquímicas; Amendoim; Arachis hypogaea; Propriedade físico-química; Indigenous knowledge; Peanuts; Physicochemical properties.
Ano: 2018 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1090491
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização físico-química de vinagreira (Hibiscus acetosella) em função da dosagem de adubo orgânico. Repositório Alice
SILVA, C. M. da; HAVERROTH, M.; SOUZA, J. M. L. de; FERREIRA, A. B.; LIMA, M. S. de; NASCIMENTO, M. M. do.
Plantas alimentícias não convencionais apresentam maiores teores de nutrientes do que as convencionais. Contudo, seu potencial de produção e consumo é negligenciado, havendo poucas informações sobre a composição química dessas espécies. Neste trabalho, determinaram-se a composição centesimal e o teor de ácido ascórbico (vitamina C) de folhas de vinagreira (Hibiscus acetosella Welw. ex Hiern) em função da dosagem de adubo orgânico. Não houve diferença significativa entre os quesitos avaliados: composição em umidade, proteínas, cinzas, carboidratos, valor energético e vitamina C. Concluiu-se que as dosagens de adubação testadas não influenciam os parâmetros físico-químicos na espécie. O objetivo deste trabalho foi caracterizar a vinagreira (H. acetosella L....
Tipo: Parte de livro Palavras-chave: Amazônia Ocidental; Vinagreira; Plantas alimentícias não convencionais (Panc); Comunidades tradicionais; Conhecimento tradicional; Conocimiento tradicional; Fertilizantes orgánicos; Universidade Federal do Acre (Ufac); Horta experimental; Rio Branco (AC); Acre; Western Amazon; Amazonia Occidental.; Rosela; Adubo Orgânico.; Hortaliça Folhosa; Propriedade Físico-Química; Hibiscus acetosella; Organic fertilizers; Indigenous knowledge..
Ano: 2020 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1125405
Registros recuperados: 83
Primeira ... 12345 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional