Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 9
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Acute toxicity and enzymatic alterations of Daphnia similis exposed to 4-chloroaniline. Repositório Alice
DANTZGER, D. D.; LEME, C. W.; ANJOS, E. F.; JONSSON, C. M.; AOYAMA, H..
2012
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: 4-chloroaniline; Acid phosphatase; Daphnia similis; Catalase.
Ano: 2012 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/956385
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da toxicidade aguda de Piraclostrobin, Epoxiconazol e sua mistura em Daphnia similis. Repositório Alice
PRESTES, E. B.; JONSSON, C. M.; CASTRO, V. L. S. S. de.
No presente trabalho avaliou-se o efeito toxicológico (inibição da mobilidade) de formulações fungicidas à base de piraclostrobin e epoxiconazol, isoladamente e em formulação conjugada sobre Daphnia similis, mediante determinação da Concentração Efetiva Média (CE50-48h) de cada uma das formulações. Também foi determinado o possível efeito sinérgico ou antagônico que o uso conjugado dos dois fungicidas poderia exercer em relação à sua toxicidade. Foram encontrados valores de CE50-48h de 18,36 mg.L-1 para a formulação à base de piraclostrobin, de 89,98 mg.L-1 para a formulação à base de epoxiconazol e de 23,50 mg.L-1 para a formulação conjugada. Das três formulações estudadas, o piraclostrobin mostrou-se o mais tóxico para os organismos em estudo. A análise...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Piraclostrobin; Epoxiconazol Toxicidade; Daphnia similis; Alga; Fungicida; Impacto ambiental; Poluição da água; Toxidez; Fungicides; Water pollution; Toxicity; Environmental impact.
Ano: 2012 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/981831
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da toxicidade crônica de Piraclostrobin, Epoxiconazol e sua mistura em Daphnia similis. Repositório Alice
PRESTES, E. B.; JONSSON, C. M.; CASTRO, V. L. S. S. de; PARAÍBA, C. C. M..
Resumo O presente trabalho avaliou o efeito toxicológico de formulações fungicidas à base de piraclostrobin e epoxiconazol, isoladamente e em formulação conjugada sobre Daphnia similis por 21 dias, através da determinação da Concentração de Efeito Não Observado (CENO) de cada uma das formulações. Em relação à mortalidade de D. similis, foram encontrados valores CENO de 0,098 mg L-1 para a formulação à base de piraclostrobin; 1,324 mg L-1 para a formulação à base de epoxiconazol e 0,341 mg L-1 para a formulação conjugada. Em relação à alteração na relação neonatos/adulto foram encontrados valores CENO de 0,579 mg L-1 para a formulação à base de piraclostrobin; 3,599 mg L-1 para a formulação à base de epoxiconazol e 0,623 mg L-1 para a formulação conjugada....
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Daphnia similis; Epoxiconazol; Piraclostrobin; Toxicidade; Alga; Fungicida; Impacto ambiental; Poluição da água; Toxidez; Environmental impact; Fungicides; Water pollution; Toxicity.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/963107
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da toxicidade da sulfametazina em organismos aquáticos. Repositório Alice
OLIVEIRA, E. A. de; CARRA, M. L.; CHALUPE, V. C.; SAMPAIO, F. G.; JONSSON, C. M..
Resumo: Dentre os fármacos, o grupo dos antibióticos, entre eles as sulfonamidas, é considerado um dos mais importantes. Estes compostos são extensivamente utilizados na medicina humana, veterinária e na aquicultura, com o propósito de prevenir ou tratar infecções microbianas. Essas substâncias podem acumular-se no solo, sofrer lixiviação ou, ainda, ser transportada via escoamento superficial para os corpos hídricos. A fim de alcançar um maior entendimento sobre os efeitos das sulfonamidas, avaliou-se a toxicidade aguda da sulfametazina utilizando-se duas espécies de invertebrados aquáticos (Daphnia similis e Artemia salina) e o peixe (Piaractus mesopotamicus). Foram determinados os valores de concentração efetiva media (CE50-48h), relacionada à...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Avaliação de Risco; Sulfametazina; Daphnia similis; Artemia salina; Pacu; Peixe de água doce; Antibiótico; Toxidez; Piaractus mesopotamicus; Daphnia similis; Sulfonamides; Toxicity.
Ano: 2014 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1006621
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da toxicidade do diflubenzuron e P-cloroanilina em indicadores bioquímicos de organismos não-alvo aquáticos. Repositório Alice
DANTZGER, D. D.; GOMES, F. B.; JONSSON, C. M.; AOYAMA, H..
Resumo: O uso de produtos agrícolas vem sendo a principal forma de combater parasitas na aquicultura, sendo que o Diflubenzuron, (DFB) é o mais utilizado. Este composto inibe a síntese de quitina, componente do exoesqueleto dos parasitas, e apresenta baixa toxicidade aos peixes. Porém, no ambiente aquático, o DFB pode ser tóxico às espécies não-alvo e, quando degradado, gera p-cloroanilina, (PCA), metabólito potencialmente cancerígeno e mutagênico para o ser humano. Tendo em vista a necessidade de se obter mais informações sobre a toxicidade destes compostos nos organismos aquáticos não-alvo, a proposta deste trabalho foi analisar a atividade enzimática de fosfatases ácida (FAT) e alcalina (Fale), catalase (CAT) e superoxido dismutase (SOD) de microalga...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: P-cloroanilina; Indicadores bioquímicos; Fosfatases; Catalase; Superoxido dismutase; Agrotóxico; Inseticida; Toxidez; Microalga; Pesticides; Insecticides; Diflubenzuron; Ecotoxicology; Daphnia similis; Pseudokirchneriella subcapitata; Oreochromis niloticus.
Ano: 2014 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1007601
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação ecotoxicológica preliminar das águas das bacias hidrográficas dos rios Tarumã, São Raimundo e Educandos Acta Amazonica
Rodrigues,Déborah Oliveira; Silva,Sergio Luiz Rodrigues da; Silva,Maria do Socorro Rocha da.
As Bacias hidrográficas dos riosTarumã, São Raimundo e Educandos e seus afluentes estão sendo impactados, devido as influências antrópicas. Neste estudo foi realizada uma avaliação da toxicidade das águas destes ecossistemas, através de testes de toxicidade aguda com Daphnia similis e análises físico-químicas. Os resultados obtidos demostraram um maior efeito deletério sobre D. similis, nas amostras da microbacia Tarumã.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ecotoxicologia; Toxicidade aguda; Daphnia similis.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59672009000400021
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ecotoxicological studies of aquatics compartments contaminated with glyphosate and AMPA using Daphnia similis. Repositório Alice
ANDRADE, J. A.; GRANERO, G.; JONSSON, C. M.; QUEIROZ, S. C. do N. de; JARDIM, I. C. S. F..
2008
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Ecotoxicological; Aquatics; Compartments; Contaminated; Glyphosate; AMPA; Daphnia similis.
Ano: 2008 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/16194
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Exposição subletal de Daphnia a anatase provoca alterações bioquímicas dependentes da condição de iluminação. Repositório Alice
CLEMENTE, Z.; CASTRO, V. L. S. S. de; JONSSON, C. M.; FRACETO, L. F..
Resumo: As nanopartículas de dióxido de titânio (nano-Ti0 2) apresentam propriedades fotocatalíticas que devem ser consideradas na sua avaliação ecotoxicológica. Este trabalho teve por objetivo avaliar a toxicidade do nano-Ti0 2 em Daphnia similis, sob diferentes condições de iluminação. D. similis foram expostas a O, 7, 75 e 750 mg/L de nano-Ti0 2 (anatase, 25 nm) sob luz visível ou luz visível e radiação ultravioleta (UV), durante 24h. Analisou-se a atividade de catalase (CAT), glutationa S-transferase (GST) e fosfata- se ácida (FA) nos organismos expostos. CAT apresentou redução na sua atividade nos grupos expostos a 750 mg/L. Em geral, a exposição a radiação UV elevou a atividade de GST. FA sofreu interação dos fatores, sendo a atividade de FA inibida...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Nanotecnologia; Ecotoxicologia; Microcrustáceo; Crustáceo; Substância tóxica; Raio ultravioleta; Daphnia similis; Ecotoxicology; Nanoparticles; Titanium dioxide; Ultraviolet radiation.
Ano: 2014 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1007360
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Reproducing the organic matter model of anthropogenic dark earth of Amazonia and testing the ecotoxicity of functionalized charcoal compounds PAB
Linhares,Carolina Rodrigues; Lemke,Jasmin; Auccaise,Ruben; Duó,Daniele Avilez; Ziolli,Roberta Lourenço; Kwapinski,Witold; Novotny,Etelvino Henrique.
The objective of this work was to obtain organic compounds similar to the ones found in the organic matter of anthropogenic dark earth of Amazonia (ADE) using a chemical functionalization procedure on activated charcoal, as well as to determine their ecotoxicity. Based on the study of the organic matter from ADE, an organic model was proposed and an attempt to reproduce it was described. Activated charcoal was oxidized with the use of sodium hypochlorite at different concentrations. Nuclear magnetic resonance was performed to verify if the spectra of the obtained products were similar to the ones of humic acids from ADE. The similarity between spectra indicated that the obtained products were polycondensed aromatic structures with carboxyl groups: a soil...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Daphnia similis; Biochar; Chemical oxidation; Fractionation of humic substances; Nuclear magnetic resonance; Pyrogenic carbon.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2012000500009
Registros recuperados: 9
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional