Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 84
Primeira ... 12345 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Abrangência geográfica do Projeto Barraginhas no Brasil. Infoteca-e
LANDAU, E. C.; BARROS, L. C. de; RIBEIRO, P. E. de A.; BARROS, I. de R..
bitstream/item/97993/1/doc-159.pdf
Tipo: Documentos (INFOTECA-E) Palavras-chave: Água de chuva; Projeto social; Distribuição geográfica; Barragem; Reservatório de água; Geographical distribution; Water reservoirs.
Ano: 2013 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/980938
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ampliação da distribuição geográfica de Phoneutria bahiensis Simó & Brescovit, 2001 (Ctenidae: Cteninae) no estado da Bahia, Brasil Biota Neotropica
Dias,Marcelo Alves; Benati,Kátia Regina; Peres,Marcelo Cesar Lima.
Foram identificados quatro espécimes de P. bahiensis, decorrentes de um resgate de fauna realizado no município de Itapebi, extremo sul da Bahia. Este registro amplia a distribuição geográfica da espécie, visto que a literatura, até o momento, restringia a ocorrência da P. bahiensis apenas às cidades de Ilhéus, no sul da Bahia e Salvador.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Phoneutria bahiensis; Distribuição geográfica; Bahia.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1676-06032005000200020
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anuros da Reserva Rio das Pedras, Mangaratiba, RJ, Brasil Biota Neotropica
Carvalho-e-Silva,Ana Maria Telles de; Silva,Guilherme Ramos da; Carvalho-e-Silva,Sergio Potsch de.
Um estudo de composição de fauna foi realizado em um reduto de Mata Atlântica na região sul Fluminense, município de Mangaratiba, RJ, no período de maio de 1997 a setembro de 2006. As coletas foram feitas mensalmente nos cinco primeiros anos e bimensalmente nos outros cinco anos, totalizando 82 excursões. As visitas tiveram duração média de duas noites, com uma equipe de quatro pessoas, utilizando a metodologia de busca ativa visual e auditiva. Ao todo foram registradas para a região quarenta e uma espécies de vinte e um gêneros, distribuídos em nove famílias: Amphignathodontidae (três), Brachycephalidae (seis), Bufonidae (dois), Centrolenidae (um), Cyclorhamphidae (dois), Hylidae (21), Hylodidae (dois), Leptodactylidae (três) e Microhylidae (um). As...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Anfíbios; Mata Atlântica; Conservação; Distribuição geográfica; Inventário.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1676-06032008000100021
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ascídias (Tunicata, Ascidiacea) introduzidas no Arquipélago de Alcatrazes, São Paulo Iheringia, Sér. Zool.
Rocha,Rosana M. da; Bonnet,Nadia Y. K..
O Arquipélago de Alcatrazes (24º06'S, 45º42'W) localiza-se a 36 km da costa e constitui uma Estação Ecológica desde 1987. Estando próximo à região portuária de São Sebastião, São Paulo, está sujeito à introdução de espécies exóticas. Com o objetivo de detectar se está ocorrendo ou não introdução de espécies, foram coletados 40 exemplares de ascídias da principal ilha do arquipélago, a Ilha de Alcatrazes, sendo 15 amostras da Baía do Oratório e 25 do Saco do Funil. Foram encontradas 24 espécies em sete famílias. Dentre estas, apenas cinco espécies podem ser consideradas como nativas para o Atlântico; quatro são atlânticas, mas criptogênicas na região devido à distribuição disjunta; cinco são classificadas como criptogênicas de ampla distribuição mundial; e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Urochordata; Taxonomia; Bioinvasão; Distribuição geográfica; Ciona intestinalis.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0073-47212009000100004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aspectos florísticos da Estação Ecológica de Itapeva, SP: uma unidade de conservação no limite meridional do bioma Cerrado Biota Neotropica
Cielo-Filho,Roque; Aguiar,Osny Tadeu de; Baitello,João Batista; Pastore,João Aurélio; Toniato,Maria Teresa Zugliani; Souza,Silvana Cristina Pereira Muniz de; Lima,Conceição Rodrigues de; Almeida,Renan Soares de; Costa,Natalia de Oliveira.
A Estação Ecológica de Itapeva - EEcI (24º 04' S e 49º 04' W, altitude 750 m), Itapeva, SP, é uma Unidade de Conservação (UC) de proteção integral com cobertura vegetal predominante de cerrado denso e cerradão, cuja ocorrência na região representa o limite meridional de distribuição do cerrado sensu lato. Buscando conhecer a flora regional e supondo a existência de particularidades florísticas devido às condições climáticas locais (ausência de déficit hídrico e incidência de geadas), realizamos um levantamento florístico nesta UC entre fevereiro de 2008 a maio de 2010 e registramos 437 espécies em sete diferentes fisionomias. Nas fisionomias de cerrado sensu lato foram encontradas 346 espécies distribuídas em 87 famílias e 220 gêneros. As famílias mais...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Conceito de Cerrado; Distribuição geográfica; Fisionomias de Cerrado; Esforço de coleta; Espécies ameaçadas.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1676-06032012000200015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Briófitas de mata paludosa, município de Zacarias, noroeste do Estado de São Paulo, Brasil Acta Botanica
Peralta,Denilson Fernandes; Yano,Olga.
Na Mata Paludosa foram encontradas 84 espécies de briófitas, sendo 44 de musgos pertencentes a 36 gêneros em 22 famílias e 40 de hepáticas, pertencentes a 18 gêneros e 13 famílias. Destas espécies, 15 são citadas pela primeira vez para o Estado de São Paulo.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Musgos; Hepáticas; Zacarias; Distribuição geográfica; Levantamento florístico.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062005000400030
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cactaceae do Vale do Rio Jequitinhonha (Minas Gerais) Acta Botanica
Taylor,Nigel P; Zappi,Daniela C.
Durante as primeiras coletas relacionadas ao Projeto "Cactaceae no Brasil Oriental", ficou provada a grande diversidade de espércies dessa família na região do vale médio do Rio Jequitinhonha, tendo sido visitadas as localidades de Itinga, Itaobim e Pedra Azul. Foram coletadas 21 espécies distribuídas entre os gêneros Pereskia, Opuntia, Tacinga, Pseudoacanthocereus, Arrojadoa, Brasilicereus, Cereus, Coleocephalocereus, Melocactus, Pilosocereus e Selenicereus, representando as três subfamílias de Cactaceae, cujas afinidades taxonômicas e padrões de distribuição geográfica são discutidos a seguir.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cactaceae; Floristica; Distribuição geográfica; Minas Gerais.
Ano: 1991 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061991000100005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cerambycidae (Coleoptera) da Colômbia: VII. Novos táxons, novos registros, nova sinonímia, nova combinação e novo nome Zoologia
Martins,Ubirajara R.; Galileo,Maria Helena M..
Novos táxons descritos da Colômbia, Amazonas: Xenofrea triangularis sp. nov. (Xenofreini); Boyaca: Neoclytus canescens sp. nov. (Clytini); Epropetes variabile sp. nov. (Tillomorphini); Oreodera advena sp. nov.; Irundisa gen. nov, type species I. ocularis sp. nov. (Acanthoderini); Cauca: Ischiocentra punctata sp. nov. (Onciderini); Caquetá: Oreodera adornata sp. nov. (Acanthoderini); Chocó: Oreodera nivea sp. nov. (Acanthoderini); Magdalena: Mecometopus arixi sp. nov. (Clytini); Nariño: Carterica rubra sp. nov. (Colobotheini); Putumayo: Eburodacrys guttata sp. nov. (Eburiini); Valle del Cauca: Blabia bicolor sp. nov. (Desmiphorini). Novos registros: Colômbia, Amazonas: Criodion cinereum (Olivier, 1795); Coleoxestia atrata (Gounelle, 1909); Eburodacrys...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Distribuição geográfica; Taxonomia.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-81752005000100002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Checklist de Simuliidae (Insecta, Diptera) do Estado do Mato Grosso do Sul, Brasil Iheringia, Sér. Zool.
Zampiva,Nayara Karla; Pepinelli,Mateus.
RESUMO Este trabalho apresenta uma listagem de espécies de simulídeos no Mato Grosso do Sul e traz informações sobre a distribuição das espécies em 47 corpos d’água das duas grandes bacias hidrográficas do estado: Paraná e Paraguai. No total foram reportadas 18 espécies para o estado, incluindo dois novos registros: Simulium dinellii (Joan, 1912) e Simulium virescens Hamada, Silva & Pereira, 2012.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pium; Borrachudo; Distribuição geográfica; Novos registros; Programa Biota-MS.
Ano: 2017 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0073-47212017000200229
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comentários sobre a distribuição geográfica de Astyanax altiparanae Garutti & Britski, 2000 (Osteichthyes, Characidae) na bacia do rio Iguaçu Biological Sciences
Graça, Weferson Júnio da; UEM; Pavanelli, Carla Simone; UEM.
Garutti (1995) fez a revisão de algumas espécies de Astyanax (Osteichthyes, Characidae) e aquela, conhecida como “tambiú” na bacia do alto rio Paraná, anteriormente identificada como Astyanax bimaculatus, foi considerada nova e posteriormente descrita por Garutti & Britski (2000) como Astyanax altiparanae (Pisces, Characiformes). Naquela oportunidade, entretanto, não foram analisados exemplares da bacia do rio Iguaçu. Esse afluente do rio Paraná apresenta um alto grau de endemismo em sua ictiofauna devido ao isolamento geográfico causado pelas cataratas situadas próximo à sua foz. No entanto, muitas dúvidas relacionadas ao status específico da população da bacia do Iguaçu, também chamada de A. bimaculatus antes dos trabalhos de Garutti, permaneceram....
Palavras-chave: 2.00.00.00-6 Ciências Biológicas Astyanax altiparanae; Distribuição geográfica; Rio Iguaçu; Bacia do alto rio Paraná; Characidae; Tetragonopterinae 2.00.00.00-6 Ciências Biológicas.
Ano: 2002 URL: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciBiolSci/article/view/2319
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Concentração geográfica da agricultura familiar no Brasil. Infoteca-e
LANDAU, E. C.; GUIMARÃES, L. dos S.; HIRSCH, A.; GUIMARAES, D. P.; MATRANGOLO, W. J. R.; GONÇALVES, M. T..
A agricultura familiar compreende o cultivo da terra realizado por pequenos proprietários rurais, contando com mão de obra e direção dos trabalhos representada essencialmente por membros do núcleo familiar. A agricultura familiar brasileira é extremamente diversificada, abrangendo tanto famílias que vivem em condições de extrema pobreza quanto produtores rurais que conseguem gerar renda várias vezes superior à que define a linha da pobreza. O conhecimento das áreas em que se concentra a agricultura familiar no Brasil representa um subsídio para a elaboração de políticas públicas e ações sociais direcionadas para o setor, permitindo levantamentos sobre características econômicas, demográficas, ambientais, culturais, sociais, etc. em diferentes regiões do...
Tipo: Documentos (INFOTECA-E) Palavras-chave: Comunidade rural; Distribuição geográfica; Agricultura.
Ano: 2013 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/965105
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Concentração geográfica de pivôs centrais no Brasil. Infoteca-e
LANDAU, E. C.; MOURA, L.; GUIMARAES, D. P.; HIRSCH, A.; PIMENTA, F. M..
A produtividade de diversas culturas depende, em grande parte, de fatores climáticos como precipitação, radiação solar e temperatura. Na maior parte do Brasil, o regime de chuvas praticamente determina a disponibilidade de água no solo. A adoção de sistemas de irrigação, como o controlado por meio de pivô central, tem possibilitado um aumento considerável de produtividade e a extensão do período apto para o plantio de culturas agrícolas, como a soja, o milho e o feijão. Este trabalho objetivou identificar regiões do Brasil em que ocorre maior concentração de pivôs centrais. A partir de dados levantados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística foi calculada a proporção de estabelecimentos rurais com pivôs centrais por município. A maior...
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Geoprocessamento; Irrigação; Distribuição geográfica; Geographical distribution; Irrigation.
Ano: 2013 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/977535
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Coronalidia, gênero novo de Neocoelidiinae (Hemiptera, Cicadellidae) do Equador Rev. Bras. entomol.
Marques-Costa,Ana Paula; Cavichioli,Rodney Ramiro.
Um gênero novo de Neocoelidiinae, Coronalidia gen. nov., e duas espécies novas, Coronalidia pictapennis sp. nov. e Coronalidia sagittata sp. nov., são descritos. Coronalidia gen. nov. pode ser separado dos demais gêneros de Neocoelidiinae pela longa sutura coronal, quase atingindo a margem anterior da coroa, pela presença de um processo alongado na base do tubo anal e margem ventral do edeago com dentículos. As fêmeas deste gênero não são conhecidas. Ilustrações e a distribuição geográfica conhecida das espécies estudadas são fornecidas.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Distribuição geográfica; Espécies novas; Morfologia; Taxonomia.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0085-56262007000300007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Crustáceos decápodos estuarinos de Ilhéus, Bahia, Brasil Biota Neotropica
Almeida,Alexandre Oliveira de; Coelho,Petrônio Alves; Santos,José Tiago Almeida dos; Ferraz,Neyva Ribeiro.
A carcinofauna dos ambientes marinhos e costeiros das regiões sudeste e sul da Bahia, Brasil, ainda é pobremente conhecida. O objetivo deste estudo foi realizar um inventário da fauna de crustáceos decápodos do município de Ilhéus, localizado no sudeste da Bahia (14º47'55"S, 39º02'01"W). As amostragens foram realizadas de Fevereiro de 2001 a Fevereiro de 2005, nas zonas supra, meso e infralitoral. Os exemplares coletados foram fixados em etanol 70% e depositados na coleção de crustáceos da Universidade Estadual de Santa Cruz, Ilhéus (MZUESC). Foi coletado um total de 51 espécies pertencentes a 14 famílias. A família mais representativa em termos de número de espécies foi Ocypodidae, representada nas amostragens por 8 espécies. A distribuição geográfica...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Crustacea; Diversidade; Estuários; Distribuição geográfica; Bahia.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1676-06032006000200024
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Culicinae (Diptera, Culicidae) ocorrentes no Estado do Rio Grande do Sul, Brasil Rev. Bras. entomol.
Cardoso,Jader da Cruz; Corseuil,Elio; Barata,José Maria Soares.
Este trabalho lista as espécies e aponta a ocorrência de Culicinae, com base em coletas de adultos realizadas no período de setembro de 2001 a agosto de 2002, em 11 zonas fisiográficas do Estado, busca de informações bibliográficas e verificação de exemplares em coleções. São relacionadas 57 espécies, sendo que 22 constituem novas ocorrências para o Rio Grande do Sul. São ampliados os locais de ocorrência de Aedeomyia squamipennis, Culex chidesteri, Culex quinquefasciatus, Haemagogus leucocelaenus, Mansonia titillans, Ochlerotatus albifasciatus, Ochlerotatus crinifer, Ochlerotatus fluviatilis, Ochlerotatus scapularis, Ochlerotatus serratus, Psorophora confinnis, Psorophora ferox, Sabethes aurescens, Trichoprosopon pallidiventer e Uranotaenia lowii.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Culicinae; Distribuição geográfica; Mosquitos; Rio Grande do Sul.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0085-56262005000200013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cupins de duas florestas de restinga do nordeste brasileiro Iheringia, Sér. Zool.
Vasconcellos,Alexandre; Mélo,Ana Cerilza S.; Segundo,Eusébio de M. Vasconcelos; Bandeira,Adelmar G..
A estrutura da comunidade de cupins foi avaliada em duas florestas de restinga localizadas nos municípios de Mataraca e Cabedelo, Estado da Paraíba. Um protocolo padronizado de amostragem foi aplicado em cada área. Vinte e cinco espécies foram encontradas, sendo 19 em Mataraca e 15 em Cabedelo, com 9 espécies comuns às duas localidades. As espécies de Nasutitermitinae e as do grupo dos comedores de madeira foram dominantes em ambas as áreas. A baixa riqueza de espécies, em comparação com outros ecossistemas do Nordeste, e a baixa freqüência de encontros de humívoros e da subfamília Apicotermitinae podem estar relacionadas com as propriedades do solo das restingas. As espécies construtoras de ninhos conspícuos (todos arborícolas) foram Armitermes holmgreni...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Isoptera; Biodiversidade; Distribuição geográfica; Grupos alimentares; Ninhos.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0073-47212005000200003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Descrição da fêmea e redescrição do macho de Macrosoma klagesi (Prout) (Lepidoptera, Hedyloidea, Hedylidae) Rev. Bras. entomol.
Lourido,Gilcélia Melo; Silva Motta,Catarina da.
A fêmea de Macrosoma klagesi (Prout, 1916) é descrita e ilustrada pela primeira vez com base em indivíduos coletados no município de Presidente Figueiredo, estado do Amazonas, Brasil. A genitália do macho é redescrita e ilustrada.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Amazonas; Distribuição geográfica; Morfologia; Taxonomia.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0085-56262009000100018
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Descrição de um gênero novo e cinco espécies novas de Neocoelidiinae (Hemiptera, Auchenorrhyncha, Cicadellidae) Rev. Bras. entomol.
Marques-Costa,Ana Paula; Cavichioli,Rodney R..
Um gênero novo de Neocoelidiinae, Paracoelidiana gen. nov., e cinco espécies novas - Paracoelidiana hastata sp. nov., Paracoelidiana lamellata sp. nov., Paracoelidiana longipenis sp. nov., Paracoelidiana morretensis sp. nov. e Paracoelidiana recifensis sp. nov. - são descritos. Esse gênero novo é próximo a Coelidana Oman, 1936, apresentando morfologia externa muito semelhante, sua separação sendo feita apenas com base na morfologia da genitália masculina. As fêmeas do gênero novo não são conhecidas. Todas as espécies são ilustradas, uma chave para identificação das mesmas e sua distribuição geográfica conhecida são fornecidas.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Chave de identificação; Distribuição geográfica; Morfologia; Paracoelidiana; Taxonomia.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0085-56262007000200006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Descrição de um novo gênero amazônico de Neocoelidiinae (Hemiptera, Auchenorrhyncha, Cicadellidae) Zoologia
Marques-Costa,Ana Paula; Cavichioli,Rodney R..
Um gênero novo de Neocoelidiinae, Scopocoelidia gen. nov., e sua espécie-tipo, Scopocoelidia volsellata sp. nov., são descritos da Região Amazônica. Este novo gênero possui morfologia externa muito semelhante à de Coelidiana Oman, 1936, mas pode ser facilmente separado deste e dos demais gêneros de Neocoelidiinae pelas características da genitália masculina, sendo o único gênero que possui tubo anal com tufos de cerdas ventralmente. As fêmeas deste gênero não são conhecidas. São fornecidas ilustrações e a distribuição geográfica da espécie estudada.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Distribuição geográfica; Morfologia; Scopocoelidia; Scopocoelidia volsellata; Taxonomia.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-81752007000100030
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Dispharynx nasuta (Nematoda: Acuariidae) em Guira guira e Crotophaga ani (Cuculiformes: Cuculidae) no Estado do Rio Grande do Sul, Brasil Ciência Rural
Bartmann,Adriane; Amato,Suzana Bencke.
Os nematóides do gênero Dispharynx (Railliet, Henry & Sisoff, 1912) parasitam aves de diversas ordens e têm sido estudados, principalmente, em aves de importância econômica devido às lesões que provocam no proventrículo dos hospedeiros. Dispharynx nasuta (Rudolphi, 1819) Stiles & Hassall, 1920 é registrado em duas espécies de Cuculiformes, anu-branco, Guira guira Gmelin, 1788 e anu-preto, Crotophaga ani Linnaeus, 1758, no Sul do Brasil. Entre 2005 e 2008 foram coletados e necropsiados 120 espécimes de G. guira e 120 espécimes de C. ani nos municípios de Cacequi, São Vicente do Sul e Jaguari, Rio Grande do Sul, Brasil. A prevalência de D. nasuta foi de 28,3% em G. guira e 26,7%, em C. ani, e a intensidade média de infecção foi de 8,81...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Helmintos; Anu-branco; Anu-preto; Histopatologia; Patologia; Distribuição geográfica.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782009000400028
Registros recuperados: 84
Primeira ... 12345 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional