Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 137
Primeira ... 1234567 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Adaptação metabólica de equinos suplementados com óleos vegetais em testes de longa duração Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Oliveira,T.M.; Watanabe,M.J.; Oliveira,A.P.L.M.; Fernandes,W.R..
Suplementação com óleos vegetais tem sido usada frequentemente na dieta de equinos atletas. O objetivo deste trabalho foi avaliar o metabolismo lipídico em testes de longa duração em equinos suplementados com óleo de soja ou óleo de arroz. Doze equinos da raça Árabe, não treinados, foram distribuídos em dois grupos, e cada grupo foi suplementado com óleo de soja ou de arroz por um período de seis semanas. Antes e após esse período, esses animais foram submetidos a um teste de longa duração (TLD) em esteira, quando foram coletadas amostras de sangue antes, durante e após o exercício. No TLD houve aumento nos valores séricos de ácidos graxos livres (AGL) e redução nos valores de triglicérides nos animais após suplementação nos dois grupos (P<0,05). Em...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Equino; Óleos vegetais; Teste em esteira; Ácidos graxos livres.
Ano: 2016 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352016000200265
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Adição de alanina, glicina e glutamina ao meio crioprotetor seminal de garanhões Mangalarga Marchador R. Bras. Zootec.
Fagundes,Bruno; Silva,José Frederico Straggiotti; Shimoya,Aldo; Cunha,Isabel Candia Nunes da; Souza,Guilherme Valente de; van Tilburg,Maurício Fraga.
Objetivou-se neste trabalho verificar o efeito da adição de alanina, glicina e glutamina ao meio crioprotetor seminal de garanhões Mangalarga Marchador. Foram utilizados cinco garanhões provenientes do haras Lugavi. Três ejaculados de cada garanhão, após coleta e avaliação, foram divididos em seis tratamentos: sem adição de aminoácidos, adição de 40 mM de alanina, adição de 40 mM de glicina, adição de 60 mM de glutamina, adição de 7 mM de alanina + 7 mM de glicina + 20 mM de glutamina e adição de 40 mM de alanina + 40 mM de glicina + 60 mM de glutamina ao diluente de congelamento convencional. Foram avaliados os parâmetros motilidade total, motilidade progressiva, retidão, linearidade, velocidade média do percurso, velocidade linear, velocidade curvilínea,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Aminoácido; Congelamento; Equino; Espermatozoide; Membrana plasmática.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982010000200008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Adição de insulina ao meio crioprotetor seminal de garanhões Mangalarga Marchador R. Bras. Zootec.
Fagundes,Bruno; van Tilburg,Maurício Fraga; Silva,José Frederico Straggiotti; Shimoya,Aldo; Barreto,Marcus Antonio Pessanha; Ferreira,Vinicius Motta.
Objetivou-se verificar o efeito da adição de insulina (0,1; 1 ou 10 UI/mL) ao diluente de congelamento convencional por meio de análise computadorizada das características de motilidade espermática (CASA), funcionalidade da membrana plasmática, por meio de choque hiposmótico, e integridade de membrana acrossomal, avaliada pelo teste FITC/PSA. Não houve efeito significativo da adição de 0,1 e 1 UI/mL de insulina na análise imediata após o descongelamento sobre os parâmetros de motilidade e cinemática espermática, porém o nível de 10 UI/mL de insulina promoveu redução desses parâmetros.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Congelamento; Equino; Espermatozoide; Membrana plasmática.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982010000200007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aerofagia y rendimiento deportivo en caballos fina sangre de carrera InVet
Muñoz,L; León,C; Cruces,J; Ortiz,R; Briones,M.
El objetivo de este trabajo fue determinar si la aerofagia afecta negativamente el rendimiento deportivo en caballos fina sangre de carrera. De los fina sangre de carrera residentes en el Club Hípico de Santiago, con índice de carrera y participación en al menos 5 carreras, se eligieron al azar 389. Utilizando el índice de carrera como criterio de rendimiento deportivo los equinos se dividieron en 2 grupos: grupo A (menor rendimiento) índice de carrera 1-29 (n=333) y grupo B (mayor rendimiento) índice de carrera 30-56 (n=56). Posteriormente, por observación directa se determinó la presencia-ausencia de aerofagia en cada caballo. Los resultados son expresados como porcentajes simples. Para el análisis estadístico se utilizó la prueba exacta de Fisher con un...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Estereotipia; Conducta; Equino; Hípica.
Ano: 2016 URL: http://www.scielo.org.ar/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1668-34982016000100012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alimentação de equinos da raça Árabe. Infoteca-e
MANZANO, A..
Como o objetivo de levar aos produtores solucoes eficientes e economicas para os inumeros problemas dentro da alimentacao, foi iniciado, 1975, um trabalho de que visava a substituicao do arracoamento tradicional(TA), isto e o fornecimento de concentrado e de volumoso duas vezes ao dia (7:00 horas 1/2 concentrado; 13:00 horas 1/2 concentrado e 1/3 volumoso e 17:00 horas 2/3 volumoso) por uma racao completa peletizada (RCP), tres vezes ao dia, no mesmo horario. A racao utilizada era constituida de 60% de feno + alfafa + 34% milho e 6% farelo de soja. Este tipo de arracoamento (RCP), elimina uma serie de inconvinientes, tais como: corte diario de verde; disperdicio da ordem de 20% de feno, quando fornecido nas baias.
Tipo: Artigo de divulgação na mídia (INFOTECA-E) Palavras-chave: Equino; Racao peletizada.; Alimentação..
Ano: 1983 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/42491
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alterações ultraestruturais nas vilosidades do jejuno de equinos após distensão Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Costa,R.S.; Pagliosa,G.M.; Alves,G.E.S.; Tinto,J.J.M. Rio; Alessi,A.C.; Faleiros,R.R..
O objetivo do presente estudo foi analisar as alterações ultraestruturais nas vilosidades do jejuno de seis equinos submetidos à distensão intraluminal com solução salina. A pressão intraluminal foi mantida em 25cm de água durante duas horas. As amostras de mucosa intestinal colhidas às: zero hora; duas horas de distensão; e duas horas e 12h de descompressão foram analisadas por meio de microscopia eletrônica de varredura. Avaliaram-se a área e o perímetro das vilosidades e sua densidade, usando-se um programa computacional de análise de imagens (Image J). A distensão luminal promoveu aumentos da área e do perímetro das vilosidades intestinais. Essa alteração ultraestrutural ocorreu somente 12h após a descompressão e considerou-se que a provável causa...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Equino; Distensão intestinal; Isquemia; Reperfusão; Vilosidade.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352010000500003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise macroscópica da região de transição esôfago-gástrica de eqüinos submetidos a diferentes manejos alimentares e atividade física UnB - FAB
Moraes, Priscilla Teixeira de Barros; Silva, Luís Cláudio Lopes Correia da; Bombonato, Pedro Primo; Hernandez Blazquez, Francisco Javier; Lima, Eduardo Maurício Mendes de.
Estudou-se a região de transição esôfago-gástrica dos eqüinos, pois diversos fatores distintos podem causar lesões nessa região ou, ainda, na região aglandular do estômago destes animais. O objetivo deste trabalho foi verificar se diferentes tipos de manejo físico e alimentar determinam alterações na estrutura macroscópica da região de transição esôfago-gástrica de eqüinos. Foram utilizados 15 conjuntos, compreendendo a região de transição esôfago-gástrica de eqüinos adultos, com raça, sexo e idade não identificados, divididos em três grupos de acordo com a dieta e atividade física desenvolvida: Grupo I, cinco conjuntos de eqüinos em treinamento intensivo e alimentados à base de concentrado, principalmente; Grupo II, cinco conjuntos de eqüinos que não...
Tipo: Article Palavras-chave: Transição esôfago-gástrica; Exercícios físicos; Dieta; Equino; Úlcera gástrica.
Ano: 2009 URL: http://hdl.handle.net/10482/7678
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise morfométrica da transição esôfago-gástrica de eqüinos submetidos a diferentes manejos alimentares e atividade física UnB - FAB
Moraes, Priscilla Teixeira de Barros; Silva, Luís Cláudio Lopes Correia da; Bombonato, Pedro Primo; Hernandez Blazquez, Francisco Javier; Lima, Eduardo Maurício Mendes de.
O objetivo deste trabalho foi identificar se diferentes tipos de manejo físico e alimentar determinaram mudanças adaptativas na morfometria da região de transição esôfago-gástrica (TEG) em eqüinos. Foram utilizados 15 conjuntos de animais adultos com raça, sexo e idade não identificados, divididos em três grupos de acordo com a dieta e a atividade física: grupo I - composto por cinco conjuntos da TEG de eqüinos em treinamento intensivo e alimentados principalmente à base de concentrado; grupo II - com cinco conjuntos da TEG de eqüinos que não desempenhavam atividade física intensa e eram alimentados principalmente à base de concentrado, e o grupo III - composto por cinco conjuntos da TEG de eqüinos mantidos a pasto e que não desempenhavam atividade física...
Tipo: Article Palavras-chave: Transição esôfago-gástrica; Alimentação dos animais; Equino - morfologia; Equino - exercícios físicos; Equino.
Ano: 2008 URL: http://hdl.handle.net/10482/6984
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anemia infecciosa equina: epizootiologia, prevencao e controle no Pantanal. Infoteca-e
SILVA, R. A. M. S.; ABREU, U. G. P. de; BARROS, A. T. M. de.
Os equideos sao ferramentas de trabalho essenciais a mais importante atividade economica do Pantanal - a pecuaria de corte, a qual e desenvolvida extensivamente na regiao. A Anemia Infecciosa Equina (AIE), conhecida mundialmente como Febre-do-pantano, e considerada uma das principais doencas que acometem equideos no Pantanal. Durante seis anos, entre 1990 e 1995, a Embrapa Pantanal conduziu pesquisas sobre a AIE na regiao, as quais envolveram 28 fazendas e 3.285 equinos. Estudos epizootiologicos permitiram a obtencao de um perfil de prevalencia da AIE em equinos, em relacao ao sexo, idade e manejo. Tambem, estudos sobre vetores (mutucas) incluiram o levantamento e sazonalidade de especies, definicao das epocas de maior risco de transmissao e aspectos da...
Tipo: Circular Técnica (INFOTECA-E) Palavras-chave: Equino; AIE; Anemia infecciosa equina; Controle; Horse; Disease; Control.; Doença; Epidemiologia; Profilaxia.; Brazil; Equidae; Epidemiology; Equine infectious anemia..
Ano: 2001 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/807376
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anemia infecciosa equina no Pantanal Sul-Mato-Grossense: soroprevalência e avaliação da adoção de um programa de controle. Infoteca-e
NOGUEIRA, M. F.; OLIVEIRA, J. M.; AGUIAR, D. M.; JULIANO, R. S.; REIS, J. K. P. dos; ABREU, U. G. P. de.
O objetivo deste trabalho foi estimar a prevalência da AIE em equídeos de serviço de fazendas do município de Corumbá, empregando-se o teste oficial de IDGA, e avaliar a adoção do ?Programa de prevenção e controle da anemia infecciosa equina no Pantanal Sul-Mato-Grossense? proposto pela Embrapa Pantanal e órgãos oficiais nos anos 1990.
Tipo: Documentos (INFOTECA-E) Palavras-chave: Equino.
Ano: 2018 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1101245
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anticorpos anti-Neospora spp. em amostras sorológicas de potros pré-colostrais pela técnica de imunofluorescência indireta Ciência Rural
Pivoto,Felipe Lamberti; Antonello,Ana Maria; Camillo,Giovana; Braunig,Patricia; Sangioni,Luis Antonio; Pompermayer,Endrigo; Vogel,Fernanda Silveira Flores.
Buscou-se detectar a frequência de anticorpos anti-Neospora spp. em amostras de potros pré-colostrais, bem como estabelecer a melhor diluição do soro sanguíneo para ser utilizado na imunofluorescência indireta. Foram analisadas 203 amostras sorológicas de potros pré-colostrais, pela reação de imunofluorescência indireta em diferentes titulações. As titulações 16 e 50 apresentaram 25,1% e 9,9% de potros pré-colostrais positivos, respectivamente. Dessa forma, em amostras de soro de animais desprovidos de colostro, pode-se considerar a titulação 16 mais apropriada para detectar a ocorrência de infecção pelo protozoário e assim da transmissão transplacentária pelo Neospora spp. em equinos.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/report Palavras-chave: Diagnóstico; Equino; Imunofluorescência indireta; Neospora spp.; Transmissão transplacentária..
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782012000600018
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Associação entre medidas lineares e angulares de equinos da raça Mangalarga Marchador Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Lage,M.C.G.R.; Bergmann,J.A.G.; Procópio,A.M.; Pereira,J.C.C.; Biondini,J..
Foram analisadas 12 medidas de comprimento dos ossos, duas medidas de altura, duas medidas de perímetro e 11 medidas de ângulos articulares) de 169 equinos da raça Mangalarga Marchador, de ambos os sexos (82% de fêmeas), com idades entre 35 e 269 meses, de 11 criatórios do Estado de Minas Gerais e cinco de São Paulo. Os efeitos de estado e criatório de origem, tipo de criação (baia ou pasto), idade e sexo sobre essas características foram avaliados pelo método dos quadrados mínimos, e as associações entre as características foram quantificadas por meio da correlação de resíduos. Os modelos justificaram pouco da variação observada, com coeficientes de determinação variando de 0,09 a 0,48 para as medidas lineares e de 0,11 a 0,44 para as medidas angulares....
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Equino; Morfometria; Medidas lineares; Medidas angulares.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352009000400027
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da migração das células progenitoras após terapia da tendinite equina Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Oliveira,P.G.G.; Carvalho,A.M.; Yamada,A.L.M.; Maia,L.; Freitas,N.P.P.; Watanabe,M.J.; Landim-Alvarenga,F.C.; Alves,A.L.G..
A terapia celular vem sendo utilizada com resultados promissores no tratamento da tendinite equina, entretanto ainda existem dúvidas quanto à persistência e ao comportamento dessas células quando implantadas no local da lesão, e quanto à sua migração para outros focos inflamatórios. O objetivo deste estudo foi avaliar a marcação das células-tronco mesenquimais (CTMs) com nanocristal antes e após o implante em lesões tendíneas experimentais do tendão flexor digital superficial (TFDS) de equinos, bem como observar a possibilidade de migração das CTMs marcadas para outro foco de lesão, o membro contralateral do mesmo animal. Para isso, foi realizada a indução de lesão experimental no TFDS em ambos os membros torácicos de cinco equinos e, após sete dias, foram...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Equino; Células-tronco mesenquimais; Nanocristal; Tendinite; Migração.
Ano: 2014 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352014000401033
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliacao de gramineas forrageiras para equinos. Infoteca-e
NUNES, S. G.; SILVA, J. M. da; QUEIROZ, H. P. de.
bitstream/item/137594/1/PESQ-EM-ANDAMENTO-45.pdf
Tipo: Séries anteriores (INFOTECA-E) Palavras-chave: Equino; Avaliacao; Brachiaria dictyoneura; Braquiaria; Coloniao; Tangola; Transvala; Llanero; G-24; T-91; Estrela; Coastcross; Brasil; Equine; Pasture; Grass; Evaluation; Brazilian savannas.; Hemarthria Altíssima; Brachiaria Humidicola; Cerrado; Cynodon Dactylon; Digitaria Decumbens; Gramínea Forrageira; Pastagem.; Panicum Maximum; Cynodon nlemfuensis; Forage.; Brazil.
Ano: 1990 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/319851
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de sete protocolos para obtenção de plasma rico em plaquetas na espécie equina Ciência Rural
Pereira,Roberta Carneiro da Fontoura; Zacarias,Gian Vitor Freitas; Cantarelli,Camila; Corrêa,Marcos Matoso Burgo; Silva,Gabriele Biavaschi da; Barbosa,Anna Laethicia Trindade; Brass,Karin Erica; Côrte,Flávio Desessards De La.
O presente estudo teve por objetivo avaliar a capacidade de concentração plaquetária e sua correlação com os níveis do fator de crescimento TGF-B1, a presença de leucócitos e de hemácias nos diferentes protocolos utilizados na obtenção do plasma rico em plaquetas (PRP) de equinos, através do método manual. Dez equinos, sadios, com idade média de 7 anos (±2,39), pesando em média 500kg (±67,1) foram utilizados neste estudo. Os protocolos testados variaram na velocidade e no tempo nas duas centrifugações. As variáveis analisadas nas amostras de PRP foram: concentração de plaquetas, presença de leucócitos e hemácias, e níveis de TGF-β1 quantificados pelo teste ELISA. Os protocolos testados não diferiram na capacidade de concentração de plaquetas e nos níveis...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: PRP; Equino; Centrifugação; TGF-B1.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782013000600028
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliacao do desempenho reprodutivo e estabelecimento da estacao de monta de equinos em regime de monta natural a campo no Pantanal. Infoteca-e
SERENO, J. R. B.; SANTOS, S. A.; ZUCCARI, C. E. S. N.; MAZZA, M. C. M..
O cavalo Pantaneiro caracteriza-se pela sua rusticidade e adaptacao as condicoes ecologicas do Pantanal, fruto de selecao natural por mais de dois seculos. Como animal de trabalho, constitui fator de importancia economica e social auxiliando nas producao pecuaria, alem de contribuir para a fixacao do homem na regiao. A partir de 1900, cruzamentos indiscriminados com outras racas, alem da disseminacao de enfermidades, como o "mal-de-cadeiras" (tripanosomose) e mais recentemente a anemia infecciosa equina (AIE), contribuiram para a diminuicao do seu efetivo. A AIE, enfermidade endemica para a regiao, apresenta incidencia media de 42,7% (SILVA, et al. 1995), sendo considerada, atualmente o principal fator limitante para a expansao da criacao de equino no...
Tipo: Comunicado Técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Equino; Monta natural; Cavalo pantaneiro; Equine; Pantaneiro horse.; Reprodução.; Pantanal; Reproduction..
Ano: 1996 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/787811
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação dos fatores que influem nas medidas lineares do cavalo pantaneiro UnB - FAB
Miserani, Márcia Gabriel; Pimentel, Concepta Margaret McManus; Santos, Sandra Aparecida; Silva, Joaquim Augusto da; Mariante, Arthur da Silva; Abreu, Urbano Gomes Pinto de.
O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos de sexo, sub-região, idade de registro e ano de nascimento sobre 15 medidas lineares (altura da cernelha, altura do dorso, altura da garupa, altura dos costados, comprimento da cabeça, comprimento do pescoço, comprimento dorso-lombar, comprimento da garupa, comprimento da espádua, comprimento do corpo, largura da cabeça, largura do peito, largura da anca, perímetro do tórax e perímetro da canela) do Cavalo Pantaneiro. Foram analisados dados de 1.214 animais coletados pela Associação Brasileira de Criadores do Cavalo Pantaneiro ¾ ABCCP, no período de 1972 a 1991, usando os procedimentos PRINCOMP, CORR e GLM do SAS e o programa GENES. O sexo, a idade do animal na hora do registro, sub-regiões e ano de registro...
Tipo: Article Palavras-chave: Equino; Pantanal; Fenótipo; Equino - morfologia; Fatores ambientais.
Ano: 2002 URL: http://hdl.handle.net/10482/6869
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação e conservação do cavalo pantaneiro. Infoteca-e
SANTOS, S. A.; MAZZA, M. C. M.; SERENO, J. R. B.; ABREU, U. G. P. de; SILVA, J. A. da.
Os cavalos introduzidos no Pantanal pelos conquistadores durante a epoca da colonizacao, encontraram na regiao condicoes ambientais propicias para sua multiplicacao. Como consequencia dos processos adaptativos e da selecao natural por mais de dois seculos e com pouca ou nenhuma interferencia antropica, surgiu um tipo adaptado ao meio. Com o desenvolvimento da pecuaria na regiao, o cavalo Pantaneiro constituiu-se num fator de importancia economica e social, tornando-se imprescindivel em trabalhos de gado e no transporte regional. No final do seculo XIX, a raca entrou em declinio principalmente devido a doenca conhecida como Peste das cadeiras e, posteriormente, outras ameacas como cruzamentos indiscriminados com outras racas e, mais recentemente a Anemia...
Tipo: Circular Técnica (INFOTECA-E) Palavras-chave: Equino; Cavalo pantaneiro; Avaliacao; Manejo reprodutivo e sanitario; Morfologia; Equine; Pantaneiro horse; Conservation; Reproductive management; Evaluation; Genetic; Morphology.; Conservação; Crescimento; Criação; Genética; Pecuária.; Pantanal..
Ano: 1995 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/784346
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação endoscópica das vias aéreas, do perfil de gases, dos eletrólitos e do equilíbrio ácido-base em equinos submetidos ao treinamento de três tambores Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Barbosa,J.P.B.; Denadai,D.S.; Gerardi,B.; Pereira,M.A.; Chaves,A.A.; Gomide,L.M.W.; Peiró,J.R.; Mendes,L.C.N..
RESUMO O objetivo deste estudo foi avaliar as vias aéreas por endoscopia, o perfil de gases, de eletrólitos e o equilíbrio ácido-base de equinos da raça Quarto de Milha (QM) antes e após o exercício de três tambores. Dezesseis cavalos, divididos em dois grupos de oito animais, treino regular (TR - cinco vezes) e treino esporádico (TE - duas vezes por semana), foram utilizados no experimento. A endoscopia foi realizada antes e 90 min após o exercício. Foram realizadas duas coletas de sangue por punção da artéria facial transversa antes do aquecimento (M0) e imediatamente após o exercício (M1), e as leituras foram realizadas com o I-Stat(r). Foram determinadas PCO2, PO2, SO2, pH, BE, HCO3 e TCO2, Na+, K+, iCa, glicose, Hg e Ht. Foi utilizada ANOVA com...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Equino; Hemogasometria; Hemorragia pulmonar; Exercício.
Ano: 2016 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352016000501152
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação hematológica e bioquímica de equinos suplementados com óleo de arroz semirrefinado, rico em gamaorizanol Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Oliveira,R.N.; Marques Jr,A.P.; Xavier,P.R.; Alves,G.E.S.; Paes,P.R.O.; Gobesso,A.A.O..
Avaliou-se o efeito da suplementação com óleo de arroz sobre o peso e perfil hematológico de equinos submetidos a exercício físico moderado. Foram utilizados 14 equinos machos, com peso aproximado de 411kg, distribuídos entre o grupo tratado (GT; n=7), suplementado com óleo de arroz adicionado diariamente à dieta (0,5ml/kg/PV), e o grupo-controle (GC; n=7), tratado com óleo de soja (0,5ml/kg/PV). Foram feitas três avaliações: antes do início e aos 20 e 40 dias após o início do tratamento, as quais consistiram de determinação do peso, exame clínico e coleta de amostras de sangue dos animais, antes e após o exercício, para hematócrito, hemograma, dosagem de glicose, lactato e proteína total. Não houve diferença entre grupos e nem entre avaliações quanto às...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Equino; Suplementação; Óleo de arroz; Lactato.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352010000500004
Registros recuperados: 137
Primeira ... 1234567 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional