Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 2
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação hematológica de espécies de peixe de valor comercial da planície de inundação do rio Paraná, Brasil Biological Sciences
Paiva, Maria José Tavares Ranzani de; Instituto de Pesca; Souza, Ângela Teresa Silva e; UEL; Pavanelli, Gilberto Cezar; UEM; Takemoto, Ricardo Massato; UEM; Eiras, Augusto Cocuzza das; Fishery Institute.
Em fevereiro de 1994 e março de 1995, foram analisados 144 exemplares pertencentes a 20 espécies mais representativas da bacia do rio Paraná, Estado do Paraná e Mato Grosso do Sul, Brasil. Retirou-se sangue para as determinações de: número de eritrócitos; hematócrito; taxa de hemoglobina; contagem diferencial dos leucócitos e cálculo dos índices hematimétricos absolutos: volume corpuscular médio, hemoglobina corpuscular média e concentração de hemoglobina corpuscular média. Para P. lineatus e S. borellii foi possível fazer uma análise mais detalhada, considerando-se os sexos e os estádios de maturação gonadal. Para estas espécies, encontraram-se diferenças significativas entre os estádios de maturação gonadal, com valores mais baixos no estádio de repouso....
Palavras-chave: 2.00.00.00-6 Ciências Biológicas hematologia de peixes; Espécies comerciais; Rio Paraná; Brasil 2.00.00.00-6 Ciências Biológicas.
Ano: 2000 URL: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciBiolSci/article/view/2939
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estoque comercial para o segundo ciclo de corte na Floresta Nacional do Tapajós - área experimental KM 67 - Embrapa. Repositório Alice
MAZZEI, L.; RUSCHEL, A..
O estudo apresenta o estoque comercial para o segundo ciclo de corte do experimento km 67 da Embrapa Amazônia Oriental. Este volume é de 69,7 m³/ha para o grupo de espécies comerciais colhidas em 1979, considerando diâmetro mínimo de corte de 50 cm. A média de produtividade em volume comercial para este grupo de espécies comerciais foi de 1,47 m³/ha/ano no período de 31 anos de monitoramento. Logo após a exploração de 1979, as espécies comerciais iniciaram a recuperação de sua estrutura, na comparação entre o volume após a exploração (1981) e o volume disponível 31 anos depois, houve um acréscimo de 45,5 m³/ha em árvores dessas espécies com diâmetro acima do DMC.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Ciclo de corte; Produtividade; Espécies comerciais; Resiliência.
Ano: 2014 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1009629
Registros recuperados: 2
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional