Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 11
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alterações histológicas da pars esophagea de suínos e sua relação com Helicobacter spp. Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Yamasaki,L.; Boselli-Grotti,C.C.; Alfieri,A.A.; Silva,E.O.; Oliveira,R.L.; Camargo,P.L.; Bracarense,A.P.F.R.L..
A relação entre Helicobacter spp. e a presença de alterações histológicas na pars esophagea de suínos foi avaliada em 67 estômagos de animais em idade de abate. Para a identificação das helicobactérias, utilizou-se a técnica da PCR com primers específicos para o gênero Helicobacter. As alterações histológicas foram identificadas e classificadas como ulceração, erosão, degeneração epitelial, alongamento de papilas, hiperplasia, paraqueratose, intensidade do infiltrado inflamatório e aumento do número de folículos linfoides. As alterações mais frequentemente encontradas na pars esophagea foram a degeneração epitelial e o alongamento de papilas, observadas em 83,5% (n=56) das amostras analisadas. Em 77,5% (n=52) das amostras, observou-se paraqueratose e em...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Suíno; Estômago; Úlcera gástrica; Helicobacter spp.; PCR.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352009000300005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação macroscópica e microscópica de implante de Biomembrana em estômago de coelhos (Oryctolagus cuniculus) Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Ferreira,A.R.S.; Machado,M.R.F.; Melo,V.S.; Martins,L.L.; Leal,L.M.; Sartori,L.C.A..
Neste estudo foi implantado um retalho de biomembrana de látex natural em substituição a um fragmento da parede de estômago de coelhos albinos, raça Nova Zelândia, adultos, machos não castrados (n=12), com o intuito de avaliar o processo de reparação tecidual no que se refere à biocompatibilidade, à capacidade de reparação tecidual e a possíveis complicações. Aos 15, 30 e 60 dias de pós-operatório, os animais foram sacrificados, mediante o emprego de tiopental sódico (200mg kg-1), para posterior avaliação macroscópica e análise histopatológica da interface do implante com o tecido nativo. Macroscopicamente, aos 15, 30 e 60 dias de pós-operatório observou-se presença de aderências na face serosa. Aos 60 dias de pós-operatório, em todos os animais avaliados,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Coelho; Implante; Membrana biológica; Estômago.
Ano: 2014 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352014000100025
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação morfológica do abomaso e ceco-cólon de bovinos Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Cardoso,M.G.; Resende Júnior,J.C.; Lima,R.F.; Daniel,J.L.P..
A morfofisiologia relacionada à absorção de ácidos graxos voláteis (AGV) ao longo do trato gastrintestinal de ruminantes não é totalmente caracterizada. Desse modo, os objetivos deste trabalho foram mensurar a extensão da superfície de absorção e determinar o índice mitótico (IM) do abomaso, do ceco e da alça proximal do cólon ascendente (APCA). Dez bovinos mestiços adultos tiveram seu estômago e intestino grosso removidos imediatamente após o abate. A área total da superfície de absorção foi mensurada por meio de digitalização e análise de imagens. Cortes histológicos foram feitos para determinação do IM. A superfície absortiva do abomaso, 0,58m², foi menor (P<0,01) do que a do rúmen, 6,53m², e a do omaso, 2,31m². A superfície absortiva do ceco e da...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ruminante; Câmara de fermentação distal; Estômago; Índice mitótico; Intestino grosso; Absorção.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352013000200007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Casearia sylvestris na permeabilidade gástrica à sacarose em equinos submetidos a protocolo de indução de úlcera gástrica Ciência Rural
Fialho,Sergio da Silva; Nogueira,Geison Morel; Duarte,Cláudia Acosta; Paiva Neto,Álvaro de Oliveira; Macoris,Delphim da Graça.
Estudos em animais de laboratório sugerem um efeito antiulcerogênico do extrato de Casearia sylvestris. Esse extrato ainda não foi estudado para a profilaxia e/ou o tratamento de úlceras gástricas em equinos. Para avaliar a influência do extrato de C. sylvestris na permeabilidade gástrica à sacarose, seis equinos adultos foram submetidos a modelo de indução de úlceras gástricas. Os animais foram submetidos ao teste de permeabilidade à sacarose antes e ao término do protocolo de restrição alimentar intermitente, para detecção de ulceração gástrica. Durante os sete dias da indução, os animais foram submetidos a tratamentos diários via sondagem nasogástrica com extrato de C. sylvestris (9mg kg-1 de peso corpóreo) ou veículo (ágar). Após intervalo de 32 dias...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Equino; Casearia sylvestris; Gastrite; Estômago.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782010000200014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desenvolvimento de estômago de bezerros holandeses desaleitados precocemente R. Bras. Zootec.
Carvalho,Paulo Afonso; Bonnecarrère Sanchez,Luis Maria; Viégas,Julio; Velho,João Pedro; Jauris,Gilberto Cardoso; Rodrigues,Marcos Bittencourt.
O presente estudo foi desenvolvido com o objetivo de avaliar, em diferentes idades da fase inicial da vida produtiva, o desenvolvimento dos compartimentos estomacais de bezerros da raça Holandês desaleitados precocemente e recebendo concentrado e volumoso ad libitum a partir do início da segunda e terceira semanas de vida, respectivamente. Foram utilizados 18 animais, distribuídos aleatoriamente em três tratamentos (idade de abate). Foram abatidos seis bezerros ao nascimento (referência), seis aos 50 dias e seis aos 110 dias de vida, para a retirada dos estômagos e mensurações de peso de tecido e volume do órgão e dos compartimentos. Os dados foram submetidos a análises de correlação e regressão, por intermédio do programa estatístico SAS (1996). Foi...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Abomaso; Desaleitamento precoce; Estômago; Omaso; Rúmen.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982003000600021
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estudo comparativo sobre o suprimento arterial do estômago do queixada (Tayassu pecari) e do cateto (Tayassu tajacu) [Linnaeus, 1789] Braz. J. Vet. Res. Anim. Sci.
CAVALCANTE FILHO,Miguel Ferreira; MIGLINO,Maria Angélica; MACHADO,Gilberto Valente; BEVILACQUA,Estela; NEVES,Willams Costa.
Para a realização deste estudo foram coletados os estômagos de 36 animais, 28 queixadas e 8 catetos. Através da porção torácica da aorta, a artéria celíaca recebeu injeção de neoprene-látex 650 corado com o objetivo de preencher ramificações arteriais deste vaso que se dirigiam aos compartimentos do estômago. Em seguida, as peças foram fixadas em solução aquosa a 10% para serem cuidadosamente dissecadas e analisadas. Os resultados mostraram que este órgão, em ambas as espécies, encontra-se suprido pela artéria celíaca em 100% das observações, sendo que nos queixadas, a trifurcação deste vaso, originando as artérias esplênica, gástrica esquerda e hepática, ocorreu com maior freqüência (71,41% ± 7,5), enquanto nos catetos o referido vaso originou...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Estômago; Artérias; Tayassuídae.
Ano: 1998 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-95961998000100003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Freqüência de lesões gástricas em suínos destinados ao abate na região de Ribeirão Preto, SP Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Carvalho,L.F.O.S.; Oliveira,C.J.B.; Martinez,P.A.O.; Mazzucato,B.C.; Alessi,A.C..
Foram colhidos e examinados 1085 estômagos de suínos, machos castrados ou fêmeas, todos com idade entre 140 e 150 dias. As lesões encontradas foram classificadas de acordo com a localização, tipo e severidade. A análise macroscópica revelou que 694 (64%) estômagos apresentavam algum tipo de lesão. A paraqueratose foi identificada como alteração patológica única em 213 (19,6%) estômagos. Em outros 319 (29,4%) estômagos, ela estava associada apenas a processos erosivos ou associada a erosões e úlceras. Erosões isoladas ou associadas a ulcerações foram identificadas em 121 (11,2%) animais, enquanto que úlceras, foram verificadas em 41 (3,8%) animais. A avaliação por regiões, revelou que 62,8% apresentaram lesões na região gastresofágica e apenas 6,6% na...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Suíno; Lesão gástrica; Úlcera gástrica; Estômago.
Ano: 1999 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09351999000300004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Helicometrina nimia Linton, 1910 (Digenea: Opecoelidae) in dusky grouper Epinephelus marginatus (Lowe, 1834) (Teleostei: Serranidae) from southeastern Brazil. Repositório Alice
ROUMBEDAKIS, K.; MARCHIORI, N. C.; GARCIA, P.; PEREIRA JUNIOR, J.; CASTRO, L. A. S. de; MARTINS, M. L..
2014
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Parasitologia; Peixe marinho; Estômago; Intestino.
Ano: 2014 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1012111
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Histologia e histoquímica do tubo digestório de Phrynops geoffroanus (Testudines, Chelidae) Acta Amazonica
Vieira-Lopes,Danielle Alcantara; Nascimento,Aparecida Alves do; Sales,Armando; Ventura,Adriana; Novelli,Iara Alves; Sousa,Bernadete Maria; Pinheiro,Nadja Lima.
Phrynops geoffroanus é o quelônio onívoro com mais ampla distribuição geográfica na América do Sul. Este trabalho descreve a histologia e histoquímica do tubo digestório desta espécie, relacionando as características dos órgãos com seu hábito alimentar. O esôfago, estômago e intestino de quatro espécimes foram fixados em formol 10% e incluídos em parafina por técnica histológica de rotina. Depois, cortes de 5 µm de espessura foram corados com hematoxilina-eosina (HE), ácido periódico de Schiff (PAS) e alcian blue (AB) pH 0.4 e 2.5. O tubo é formado pelas camadas mucosa, submucosa, muscular e adventícia ou serosa. A mucosa do esôfago e do estômago é revestida pelo epitélio simples cilíndrico com células mucossecretoras, onde estão inseridas glândulas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Réptil; Esôfago; Estômago; Intestino; Células mucossecretoras.
Ano: 2014 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59672014000100013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Leiomiossarcoma gástrico associado a hérnia de hiato em cão da raça Shar-pei: relato de caso Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Prado,L.O.C.; Franco,G.G.; Legatti,E.; Ranzani,J.J.T.; Quitzan,J.G.; Siqueira,E.G.M.; Souza,J.A.L.; Minto,B.W.; Brandão,C.V.S..
RESUMO Os tumores do sistema digestório não são comuns na medicina veterinária e as neoplasias de estômago representam menos de 1% de todos os tumores malignos. O leiomiossarcoma é o segundo tumor que mais acomete o trato gastrointestinal de cães, com predisposição para as regiões de jejuno e ceco, mas qualquer porção pode ser afetada, desde o esôfago até o reto. O presente trabalho relata um caso em um canino da raça Shar-pei, macho, com 13 anos de idade e histórico de episódios eméticos pós- prandiais e emagrecimento progressivo havia oito meses. Após avaliação radiográfica e endoscópica, foi indicada intervenção cirúrgica e observada tumoração gástrica associada a hérnia de hiato. O diagnóstico de leiomiossarcoma gástrico foi estabelecido por meio de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cirurgia; Estômago; Oncologia; Tumor.
Ano: 2017 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352017000100111
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Órgãos vitais e trato gastrintestinal de vacas de descarte mestiças Charolês x Nelore abatidas com pesos distintos R. Bras. Zootec.
Kuss,Fernando; Restle,João; Brondani,Ivan Luiz; Pacheco,Paulo Santana; Silveira,Magali Floriano da; Pazdiora,Raul Dirceu; Cezimbra,Ian Machado.
Objetivou-se estudar o desenvolvimento dos órgãos vitais e do trato gastrintestinal de vacas de descarte mestiças provenientes da segunda (G2 - 3/4Charolês (C) 1/4Nelore (N) e 3/4NC) e terceira geração (G3 - 5/8CN e 5/8NC) do cruzamento rotativo Charolês × Nelore terminadas em confinamento e abatidas com 465 (T465), 507 (T507) ou 566 kg (T566). Os animais apresentaram, em média, ao início do confinamento, 8,5 anos, 388,6 kg e 2,35 pontos de escore corporal. A dieta, com relação volumoso:concentrado de 48:52, continha 12,5% de PB e 2,99 Mcal de ED/kg de MS. Entre os órgãos, o fígado apresentou maior desenvolvimento. O pulmão e o baço desenvolveram até os animais atingirem 507 kg, reduzindo aos 566 kg. O aumento do peso de abate conferiu menor participação...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Bovinos de corte; Cruzamento; Estômago; Fêmeas; Fígado.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982007000200020
Registros recuperados: 11
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional