Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 56
Primeira ... 123 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alterações relacionadas ao amaciamento da uva Superior Seedless durante a maturação. Repositório Alice
LIMA, M. A. C. de; TRINDADE, D. C. G. da; AMARIZ, A.; RIBEIRO, T. P.; SANTOS, A. C. N. dos; BORGES. R. M. E..
2008
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Videira; Uva de mesa; Qualidade; Firmeza; Atividade enzimática; Colheita; Maturação.
Ano: 2008 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/160941
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Amadurecimento e senescência de mamão com 1-metilciclopropeno Scientia Agricola
Jacomino,Angelo Pedro; Kluge,Ricardo Alfredo; Brackmann,Auri; Castro,Paulo Roberto de Camargo e.
O mamão (Carica papaya L.) é uma fruta altamente perecível devido ao rápido amadurecimento após a colheita. A busca de técnicas que ampliem o período de conservação e reduzam as perdas pós-colheita é desejável. Mamões 'Sunrise Solo' foram colhidos em dois estádios de maturação (verde e maduro) e tratados com o antagonista competitivo do etileno 1-metilciclopropeno (1-MCP) nas concentrações de 0, 30, 90 e 270 nL L-1, durante 12 horas a 20ºC. Após o tratamentos os frutos foram armazenados em condições ambientais (20ºC) durante oito dias. A aplicação do 1-MCP (90 e 270 nL L-1) retardou a perda de coloração verde dos frutos e a incidência de podridões. Frutos verdes tratados com 1-MCP (270 nL L-1) apresentaram maior firmeza do que os frutos controle. O 1-MCP...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Carica papaya; 1-MCP; Etileno; Firmeza; Armazenamento.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90162002000200015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aplicação de 1-metilciclopropeno associado ao etileno para minimizar seus efeitos na inibição do amadurecimento do mamão 'golden' Rev. Bras. Frutic.
Trevisan,Marcos José; Jacomino,Angelo Pedro; Cunha Junior,Luis Carlos; Alves,Renan Fernandes.
O objetivo deste trabalho foi estudar a fisiologia e a conservação pós-colheita de mamões 'Golden', submetidos à aplicação simultânea de 1-metilciclopropeno e etileno. Os frutos foram provenientes de cultivo comercial no Espírito Santo, no estádio de maturação 1. Os tratamentos foram compostos pelas seguintes combinações de 1-MCP (nL. L-1) + etileno (µL. L-1): 0+0; 100+0; 100+2,5; 100+5 e 100+10. Os tratamentos com 1-MCP e 1-MCP mais 2,5 µL. L-1 de etileno foram os que mais retardaram a perda da firmeza e a mudança da cor. Foi observada diferença na atividade respiratória entre o controle e os demais tratamentos. Inicialmente, a produção de etileno foi maior nos frutos do controle e menor naqueles com 1-MCP, a qual aumentou a partir do 10º dia. Não houve...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Carica papaya; 1-MCP; Etileno; Firmeza.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000200007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Armazenamento de dois tipos de sapoti sob condição de ambiente Rev. Bras. Frutic.
Miranda,Maria Raquel Alcântara de; Silva,Francinalma Socorro da; Alves,Ricardo Elesbão; Filgueiras,Heloísa Almeida Cunha; Araújo,Nágela Cristina Costa.
Esse trabalho objetiva avaliar a vida útil de dois tipos de sapoti em temperatura ambiente, com ou sem atmosfera modificada (filme de PVC). O experimento constituiu-se no armazenamento dos frutos, coletados na estação experimental da Embrapa em Paraipaba-CE, em temperatura ambiente (24 ± 2ºC e 90 ± 5% U.R.) e dispostos em bandejas com ou sem filme de PVC. Dois tipos de sapoti foram avaliados quanto à perda de peso, textura, sólidos solúveis totais, açúcares redutores e totais, acidez total titulável e amido. Os frutos sob atmosfera modificada apresentaram uma menor perda de peso, mas apresentaram uma redução mais rápida na firmeza da polpa. Os dois tipos de sapoti apresentaram um decréscimo no teor de sólidos solúveis, acidez, açúcares solúveis totais e pH...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Manilkara achras L.; Qualidade; Firmeza; Açúcares solúveis; Sólidos solúveis totais; Atmosfera modificada.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452002000300017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Atividade da pectinametilesterase e sua relação com a perda de firmeza da polpa de mamão cv. Sunrise Solo e Tainung Rev. Bras. Frutic.
Fontes,Renata Venturim; Santos,Mirella Pupo; Falqueto,Antelmo Ralph; Silva,Diolina Moura.
O objetivo deste trabalho foi avaliar a atividade da pectinametilesterase (PME) em mamão (Carica papaya L.), cv. Sunrise Solo e Tainung, e relacionar suas alterações com a perda de firmeza da polpa durante o amadurecimento. Os frutos foram coletados diariamente em uma lavoura comercial em Aracruz - ES, e armazenados sob temperatura ambiente (aproximadamente, 25ºC) até o período das análises. A perda da firmeza da polpa dos frutos das cultivares iniciou-se no 4º dia após a colheita (DAC); entretanto, a cv. Sunrise Solo apresentou uma redução mais acentuada em relação à cv. Tainung. A atividade da PME na cv. Sunrise Solo foi alta no 1º DAC e reduziu gradativamente até o 4º DAC, quando atingiu seu menor valor. No 5º DAC, a atividade aumentou, permanecendo...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pós-colheita; Pectinametilesterase; Firmeza; Mamão; Polpa.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452008000100012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da compressão em hortaliças e frutas e seu emprego na determinação do limite físico da altura da embalagem de comercialização Horticultura Brasileira
Luengo,Rita de Fátima A.; Calbo,Adonai G.; Jacomino,Ângelo Pedro; Pessoa,José Dalton C..
Obtiveram-se estimativas da altura máxima tolerável em embalagens para frutas e hortaliças usando métodos para medir a firmeza dependente do turgor em produtos hortícolas. As medidas de firmeza foram realizadas na região equatorial dos produtos. Estabeleceu-se em 5% a superfície da base da caixa em contato com a superfície amassada dos órgãos vegetais como o limite máximo de deformação do produto que não causa perda para a aceitabilidade comercial. Para o cálculo da altura da pilha que causa esta deformação, considerou-se o peso do produto e as acelerações de impacto observadas durante o transporte. A altura, associada a outras características serão utilizadas para o dimensionamento de uma família de tipos de caixas, para o transporte e armazenamento...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Firmeza; Turgor; Perdas pós-colheita.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362003000400027
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação sensorial de pudins de chocolate com açúcar e dietéticos por perfil livre Ciência e Agrotecnologia
Oliveira,Ana Paula Vital de; Benassi,Marta de Toledo.
Perfil Livre, uma técnica sensorial descritiva, foi utilizada na caracterização de três amostras de pudins com açúcar e cinco de pudins dietéticos comerciais. Quatorze provadores realizaram o levantamento de atributos pelo método Rede. Foram elaborados para cada provador, as listas de definições de atributos e as fichas de avaliação, empregando escala não estruturada. Utilizou-se a Análise Procrustes Generalizada para tratamento dos dados. Foram ainda determinados o perfil de textura instrumental e a cor. Foi obtida boa discriminação e os pudins foram caracterizados com base, principalmente, nos atributos cor marrom, sinérese, aroma e sabor de chocolate, sabor residual, firmeza e cremosidade. A técnica de Perfil livre mostrou-se eficiente para...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Análise sensorial; Análise Procrustes Generalizada; Cor marrom; Firmeza; Sabor residual.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542010000100019
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Calidad postcosecha de tomates almacenados en atmósferas controladas Horticultura Brasileira
Gómez,Perla A.; Camelo,Andrés F.L..
Las atmósferas controladas alargan la vida en estante del tomate, permitiendo su cosecha en estados de madurez más avanzados y a su vez afectando su calidad. El objetivo de este experimento fue estudiar los efectos que atmósferas controladas con bajas concentraciones de oxígeno y libres de dióxido de carbono y etileno, producen sobre el color, la firmeza y los principales componentes del sabor de frutos de tomate cultivar Diva. Durante abril de 1998, frutos cosechados con grado de color 3 (USDA) en INTA Balcarce (Argentina) fueron almacenados en frascos herméticos de 3 L a 12°C durante 36 días. El diseño fue completamente aleatorizado con tres repeticiones. Cada frasco poseía cuatro frutos, los que constituyeron la unidad experimental. Los tratamientos...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Lycopersicon esculentum; Refrigeración; Oxígeno; Color; Firmeza.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362002000100007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização física do fruto de noni (Morinda citrifolia L.). Repositório Alice
SILVA, L. R. da; MEDEIROS, P. V. Q. de; LEITE, G. A.; SILVA, K. J. P.; MENDONÇA, V.; SOUSA, J. A. de..
2009
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Morinda citrifolia L; Atributos; Massa fresca; Firmeza.
Ano: 2009 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/630770
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização física, química e físico-química de physalis cultivada em casa de vegetação Ciência Rural
Rodrigues,Filipe Almendagna; Penoni,Edwaldo dos Santos; Soares,Joyce Dória Rodrigues; Silva,Renata Alves Lara; Pasqual,Moacir.
A physalis (Physalis peruviana L.) é uma frutífera, pertencente à família Solanaceae, muito difundida no mercado internacional, principalmente por seu sabor e suas características medicinais, tornando-a atrativa para o mercado e comercialização. Objetivou-se determinar e correlacionar as características biométricas apresentadas por frutos e sementes e caracterizar física, físico-química e quimicamente o fruto de physalis, cultivado em casa de vegetação em Lavras-MG. Avaliaram-se nos frutos de physalis os caracteres diâmetros transversal e longitudinal do fruto, massa do fruto, massa do fruto com cálice, massa de sementes por fruto, massa de 100 sementes, massa de 1000 sementes e número de sementes por fruto, sendo que essas características foram avaliadas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/report Palavras-chave: Physalis peruviana L.; Sólidos solúveis; Firmeza; Fruticultura; Solanaceae.
Ano: 2014 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782014000801411
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
COMPORTAMIENTO EN POSTCOSECHA DE FRUTOS DE UN HIBRIDO DE CIRUELO Y DAMASCO (PLUOT) VAR. FLAVORICH Y EFECTOS DE ATMOSFERA MODIFICADA Agricultura Técnica
Retamales A.,Julio; Defilippi B.,Bruno.
Se evaluó el comportamiento en postcosecha de frutos de "pluots" variedad Flavorich. La fruta fue almacenada por 30 y 40 días en frío, incluyendo tratamientos en atmósfera modificada (AM) que permitieron alcanzar distintos niveles de gases. Adicionalmente la fruta fue evaluada después de mantenerla a 20°C, midiéndose firmeza de la pulpa, sólidos solubles, acidez total titulable, color de la pulpa y deshidratación. No se observaron beneficios de los tratamientos de atmósfera modificada, exceptuando reducción de la deshidratación de la fruta. La fruta pudo ser almacenada por 40 días en frío sin manifestaciones aparentes de senescencia, manteniéndose con adecuada firmeza y altos niveles de sólidos solubles. Adicionalmente, la acidez de la fruta es baja y no...
Tipo: Journal article Palavras-chave: Fruta de carozo; "plumcot"; Firmeza; Sólidos solubles; Acidez.
Ano: 2000 URL: http://www.scielo.cl/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0365-28072000000200006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comunicação científica qualidade de frutos da pereira-japonesa colhidos em duas regiões de Santa Catarina, Brasil Rev. Bras. Frutic.
Faoro,Ivan Dagoberto; Orth,Afonso Inacio.
O trabalho foi desenvolvido em Caçador (1067 unidades de frio -UF- durante a vernalização) e em São Joaquim (1999 UF), nas safras de 2006/07 e 2007/08, com objetivo de comparar a qualidade de frutos produzidos por diferentes cultivares de pereira-japonesa, nos dois locais, e colhidas em diferentes estágios de maturação. A deficiência na quantidade e na qualidade do frio durante a vernalização ocasionou a brotação de flores sem a presença de folhas até a fase "J" na cv. Kousui, afetando a fase inicial de desenvolvimento dos frutinhos. Também propiciou reduzido número de gemas florais por planta e baixa quantidade de flores por gema. Região com adequada quantidade de horas de frio durante a vernalização exige raleio mais intenso devido ao maior número de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pyrus pyrifolia var. culta; Pera; SST; Firmeza; Cor; Maturação; Semente.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452010000100038
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
CONSERVAÇÃO DE PERAS MINIMAMENTE PROCESSADAS SUBMETIDAS A TRATAMENTOS QUÍMICOS Rev. Bras. Frutic.
BOAS,ANA CAROLINA VILAS; HENRIQUE,PAÔLA DE CASTRO; LIMA,LUIZ CARLOS DE OLIVEIRA; PEREIRA,MICHEL CARDOSO DE ANGELIS.
RESUMO O trabalho teve como objetivo testar a eficácia de tratamentos químicos na manutenção da qualidade de peras ‘Williams’ minimamente processadas. Inicialmente, realizaram-se a lavagem, a sanitização e a retirada das sementes dos frutos. Em seguida, foram realizados cortes no formato de palitos, e os mesmos foram imersos nas soluções, compondo os tratamentos: ácido ascórbico a 2 % (controle); ácido ascórbico a 2% + cloreto de cálcio a 2%; ácido ascórbico a 2% + ácido cítrico a 2%; ácido cítrico a 1%; cloridrato de L-cisteína a 1%. Os frutos foram acondicionados em bandejas de polipropileno, armazenados em câmara fria a 5ºC por 12 dias e avaliados a cada três dias. O tratamento com cloridrato de L-cisteína a 1% foi o mais eficaz na inibição do...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pyrus communis L.; Coloração; Firmeza; Vitamina C; Qualidade.
Ano: 2015 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452015000401009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Conservação pós-colheita de melões Galia 'Solar King' tratados com 1-metilciclopropreno. Repositório Alice
LIMA, M. A. C. de; ALVES, R. E.; BISCEGLI, C. I.; FILGUEIRAS, H. A. C.; COCOZZA, F. del M..
Neste trabalho, avaliou-se o efeito de diferentes concentrações de l-MCP no amaciamento da polpa, no desenvolvimento da região de abscisão do pedúnculo, no comportamento respiratório e na qualidade pós-colheita de melão Galia 'Solar King', em temperatura ambiente.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Firmeza; 1-MCP; Cucumis Melo; Etileno; Melão; Respiração; Tomografia; Variedade; Melons.
Ano: 2004 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/154003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Conservação pós-colheita de melões Galia 'Solar King' tratados com 1-metilciclopropreno Horticultura Brasileira
Lima,Maria Auxiliadora C. de; Alves,Ricardo E.; Biscegli,Clóvis Isberto; Filgueiras,Heloísa A.C.; Cocozza,Fábio del M..
Avaliou-se o efeito de concentrações de 1-metilciclopropeno (1-MCP) sobre o amaciamento da polpa (através da firmeza e de tomografia de ressonância magnética), o desenvolvimento da região de abscisão do pedúnculo, o comportamento respiratório e a qualidade pós-colheita de melão Galia 'Solar King', em temperatura ambiente. Os frutos, provenientes do Polo Agrícola Mossoró-Assú (RN), foram colhidos com a região do pedúnculo ainda íntegra e tratados com solução contendo o fungicida Imazalil e a cera Megh Wash, ambos na concentração de 20 ml 10 L-1. Os frutos foram submetidos a tratamento com 1-MCP, nas concentrações 0; 100; 300 e 900 nl L-1, e ao armazenamento sob temperatura ambiente (24,5 ± 0,9ºC e 86,4 ± 7,9% UR), durante 0; 4; 8; 12; 16 e 20 dias....
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cucumis melo var cantaloupensis; Etileno; Firmeza; Tomografia; Respiração; 1-MCP.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362004000100026
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
DETERMINACIÓN DE LOS ÍNDICES DE COSECHA DE DURAZNOS CVS. FLORDAKING Y SAN PEDRO 16-33 Agricultura Técnica
Altube,Hector A.; Budde,Claudio O.; Ontivero Urquiza,Mónica G.; Rivata,Raquel S..
El estado de madurez de los frutos a la cosecha representa uno de los factores decisivos en su calidad y en su período de conservación. El objetivo del trabajo fue determinar los índices de cosecha más adecuados para duraznos (Prunus persica L.) de los cultivares Flordaking y San Pedro 16-33. La acidez disminuyó significativamente y no aumentaron los sólidos solubles, lo cual se asocia con pérdidas de sabor. De los índices evaluados los más representativos del grado de madurez fueron el valor a* <FONT FACE=Symbol></FONT>[ CIE (1976) L*a*b*]<FONT FACE=Symbol></FONT> medido en la zona más verde de la epidermis y la firmeza, esta última con valores de 5,89 kg en Flordaking y 4,98 kg en San Pedro 16-33, para asegurar una maduración...
Tipo: Journal article Palavras-chave: Maduración; Firmeza.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.cl/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0365-28072001000200004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efecto de la aplicación de 1-Metilciclopropeno por inmersión sobre las características físicas, químicas y fisiológicas de pitahaya amarilla (Selenicereus megalanthus How) mínimamente procesada Acta Agron. (Palmira)
Serna-Cock,Liliana; Segura-Rojas,Diego Fernando; Ayala-Aponte,Alfredo.
La pitahaya amarilla (Selenicereus megalanthus How) es una fruta exótica con gran potencial comercial. No obstante, sólo ha sido aprovechada comercialmente como fruta entera, sin procedimientos que le den valor agregado y mayor tiempo de vida de anaquel. En este trabajo se evaluó la aplicación de 200 mg%lt de 1-MCP (Metylciclopropene) en pitahaya amarilla mínimamente procesada (rodajas con cáscara y sin cáscara), empacada al vacío y almacenada bajo refrigeración, sobre la intensidad respiratoria y parámetros de calidad como sólidos solubles, acidez total titulable, pérdida de peso, azúcares totales, firmeza y color. La aplicación de 1-MCP aumentó la producción de CO2, lo cual se manifestó en mayores contenidos de sólidos solubles y azúcares totales, pero...
Tipo: Journal article Palavras-chave: Color; Firmeza; Fruta tropical; Sólidos soluble; Tasa respiratoria; Vitamina C.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.org.co/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0120-28122011000300003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito do 1-Metilciclopropeno no amadurecimento de quivi. Repositório Alice
CRIZEL, G.; PEGORARO, C.; FERREIRA, W. A.; BAZZO, P.; GIRARDI, C. L..
O quivi é um fruto extremamente sensível ao etileno. Pequenas concentrações desse fitohormônio causam amadurecimento e amolecimento precoces nesse fruto. O 1-MCP, um inibidor da ação do etileno, vem sendo utilizado para retardar o processo de amadurecimento em diferentes frutos. Esse inibidor bloqueia temporariamente o acesso do etileno aos receptores, inibindo sua ação nos tecidos vegetais. A resposta ao tratamento com 1-MCP depende da dose, espécie, cultivar e do estádio de desenvolvimento em que o produto é aplicado. Diferentes estudos têm sido realizados visando elucidar a ação do 1-MCP em quivis, entretanto, a maioria dos estudos relata o efeito desse inibidor em quivis após o armazenamento em atmosfera refrigerada e controlada, não elucidando o papel...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Quivi; 1-metilciclopropeno; Etileno; Firmeza; Fruticultura; Kiwi; Maturação; Colheita; Resfriamento; Qualidade.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/978873
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Effect of ripening stage on astringency removal of 'Rama Forte' persimmon. Repositório Alice
EDAGI, F. K.; SESTARI, I.; TERRA, F. A. M.; CHIOU, D. G.; KLUGE, R. A.; ANTONIOLLI, L. R..
Ripening stage is one of the most important factors that influence astringency removal from persimmon fruit. This work aimed to evaluate the efficiency of tannin polymerization for fruit harvested at different ripening stages and its influence on quality parameters. Fruit at three ripening stages (yellow, orange and red) were exposed to 70 kPa CO2 during 12 and 18h, at 22°C and 95% RH. The soluble tannin content decreased abruptly two days after CO2 treatment, regardless of ripening stage and exposure time. Yellow fruit exposed for 18h were completely non-astringent one day after treatment. In general, with the advance in ripening and increase in exposure time, fruit firmness decreased. Astringency removal with CO2 promoted an immediate increase in...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Adstringência; Tempo de exposição; Firmeza; Armazenagem; Caqui; Colheita; Dióxido de Carbono; Fruticultura; Maturação; Pós-Colheita.
Ano: 2009 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/543343
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Embalagem ideal para o transporte do tomate 'Santa Clara'. Repositório Alice
LUENGO, R. de F.A.; FURUYA, T.; SILVA, J.L.O. da.
O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito do uso de caixas de madeira e de plastico, e dos acessorios borracha e espuma, amortecedores de vibracao horizontal, sobre a perda de firmeza e a ocorrencia de danos mecanicos em tomates durante o trasnporte. Foram utilizados seis tratamentos: caixa de madeira, caixa de madeira sobre protecao de borracha; caixa de madeira forrada com esponja (densidade 16, espessura 20 mm), caixa de plastico, caixa de plastico sobre protecao de borracha e caixa de plastico forrada com esponja. As dimensoes da caixa de madeira ou caixa "K" sao 49,5 x 35,5 x 22,0 cm, e as da caixa de plastico sao 33 cm de largura por 30 cm de altura e 53 cm de comprimento. O delineamento estatistico utilizado foi o inteiramente casualizado, com...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Tomate; Firmeza; Dano mecanico; Transporte; Vibracao; Tomato; Hardness; Mechanical injury; Transportation; Vibration.
Ano: 1997 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/89781
Registros recuperados: 56
Primeira ... 123 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional