Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 14
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Criopreservação de embriões zigóticos de Butia capitata Mart. (Bercc.). Repositório Alice
FRUGERI, G. C.; LUIS, Z. G.; NOGUEIRA, G. F.; SCHERWINSKI PEREIRA, J. E..
2014
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Coquinho-azedo; Nitrogênio líquido; Germinabilidade; Dessecação.
Ano: 2014 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1002419
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desempenho germinativo da invasora Leucaena leucocephala (Lam.) de Wit. e comparação com Caesalpinia ferrea Mart. ex Tul. e Caesalpinia pulcherrima (L.) Sw. (Fabaceae) Acta Botanica
Fonseca,Nilson Gonçalves da; Jacobi,Claudia Maria.
O sucesso das plantas na colonização de novas áreas está fortemente relacionado ao comportamento germinativo das sementes nas condições ambientais locais. O objetivo deste trabalho foi comparar o desempenho germinativo da exótica invasora Leucaena leucocephala ao das leguminosas (Caesalpinia ferrea, nativa e C. pulcherrima, exótica) não consideradas invasoras. Sementes não escarificadas foram expostas às temperaturas de 15, 20, 25, 30, 35 e 40 °C, sob um fotoperíodo de 12 horas, durante 100 dias. Tanto a porcentagem final quanto a velocidade de germinação apresentaram diferenças significativas entre as três espécies. C. ferrea teve baixo desempenho, com temperatura ótima para a germinação a 25°C, porcentagem de germinação de 59% e IVG de 0,68 sementes d-1....
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Espécie exótica; Germinabilidade; Potencial de invasão; Velocidade de germinação.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062011000100022
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeitos da luz, temperatura e estresse de água na germinação de sementes de Caesalpinia peltophoroides Benth. (Caesalpinoideae) Bragantia
Ferraz-Grande,Fernanda Gollo A.; Takaki,Massanori.
As sementes de Caesalpinia peltophoroides absorvem água rapidamente e após 9 horas acumulam o conteúdo de 56% de água e perdem mais lentamente, necessitando de cerca de 20 horas para perder completamente a água absorvida. As sementes de Caesalpinia peltophoroides germinam na faixa de temperaturas de 15 a 25 °C, e não possuem fotossensibilidade independentemente dos tratamentos luminosos e das temperaturas testadas. Verificou-se que com a diminuição do potencial de água, ocorre nas sementes uma redução na germinabilidade e na velocidade de germinação sob luz branca. Sob condições de estresse de água, observa-se fotossensibilidade, em sementes de Caesalpinia peltophoroides, sendo a germinação inibida pela luz branca mediada pelo pigmento fitocromo.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Fotossensibilidade; Germinabilidade; Sibipiruna; Fitocromo.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87052006000100006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeitos da temperatura na germinação de sementes em culturas de feijões comuns (Phaseolus vulgaris L.) - DOI: 10.4025/actasciagron.v28i2.976 Agronomy
Machado Neto, Nelson Barbosa; UNOESTE; Prioli, Maria Regina; UFSCAR; Gatti, Ana Beatriz; UNESP; Cardoso, Victor José Mendes; UNESP.
A temperatura é um fator ambiental importante, afetando a germinação de sementes, o estabelecimento e o desenvolvimento de culturas. O objetivo deste trabalho foi avaliar as temperaturas de tolerância durante germinação em vários cultivares de feijão e determinar o valor de parâmetros térmicos para a germinação de cultivares. Sementes foram submetidas a temperaturas variando de 8°C a 45°C, em bloco termo-gradiente até a protrusão da raiz primária. Temperaturas altas (40°C ou mais) inibem fortemente a germinação dos cultivares. 'IAPAR-57, 'Guarumbé' e 'Iratim' parecem ser mais sensíveis à temperatura alta que outros. 'IAC Carioca 80SH ' PP e 'IAPAR-57' foram menos tolerantes a baixas temperaturas. O modelo termal de tempo poderia descrever relativamente bem...
Palavras-chave: 5.01.03.00-8 Fitotecnia feijão; Temperatura cardeal; Graus por dia; Germinabilidade; Velocidade 5.01.03.00-8 Fitotecnia.
Ano: 2006 URL: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciAgron/article/view/976
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Germinabilidade e viabilidade de sementes de quatro acessos de Arachis pintoi Krapov. & W. C. Gregoty - Fabaceae . Repositório Alice
QUEIROZ, A. P. de; ALMEIDA, F. F. de; SOARES, F. M.; SALOMAO, A. N..
2014
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Amendoim forrageiro; Germinabilidade; Viabilidade.
Ano: 2014 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1002296
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Germinacao de sementes de capicova. Repositório Alice
ZAYAT, A.G.; RANAL, M.A..
A capicova, ErechTites valerianaefolia DC. (asteraceae), e uma especie nativa do Brasil, potencialmente comerciavel como hortalica devido ao seu alto teor de vitamina A. As sementes, com o objetivo de avaliar o padrao de germinacao em condicoes de laboratorio, foram submetidas a 22 tratamentos, com cinco repeticoes de 50 sementes cada uma, incluindo estratificacao, escarificacao, utilizacao de agar e papel de filtro como substratos, aplicacao de KNO3 e hipoclorito de sodio, utilizacao de lotes com diferentes idades, tratamentos sob luz continua e no escuro, bem como combinacoes desses tratamentos. As sementes de capicova sao fotoblasticas positivas e apresentam maior germinabilidade quando coletadas no inverno (abril a setembro). O tipo de substrato...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Germinabilidade; Luz; Estratificacao; Escarificacao; Hipoclorito de sodio; Nitrato de potassio; Substrato; Erechtites valerianefolia; Hortalica; Vitamina A; Germinability; Light; Stratification; Scarification; Sodium hypochlorite; Potassium nitrate; Vegetable; Vitamin A.
Ano: 1997 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/91100
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Germinacao de sementes e crescimento de plantulas de brassica chinensis L. Var. parachinensis (Bailey) Sinskaja (Couve-da-Malasia). Repositório Alice
FERREIRA, W.R.; RANAL, M.R..
Brassica chinensis var. parachinensis, introduzida no Brasil em 1992, apresenta alto teor de vitamina A e ciclo curto. As sementes foram submetidas a 24 tratamentos em laboratorio e 12 em campo, com o objetivo de avaliar o padrao de germinacao e o crescimento das plantulas. Em laboratorio, as sementes foram indiferentes a luz e mostraram baixa sensibilidade a acao escarificante do hipoclorito de sodio. Acido giberelico, KNO3, escarificacao e estratificacao nao modificaram sua germinabilidade (96-100%) nem o tempo medio de germinacao (1-1,28 dias) em relacao ao controle. Em condicoes de campo os maiores valores de emegencia (89,2-96,4%) e os maiores indices de velocidades de emergencia (14,2-17,4)ocorreram em solo com adubacao mineral, entre 0,5 e 1,5 cm de...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Brassicaceae; Germinabilidade; Hortalica; Germinability; Vegetable.
Ano: 1999 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/91102
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Germinação de sementes e crescimento de plântulas de brassica chinensis L. var. parachinensis (bailey) sinskaja (couve-da-malásia) PAB
Ferreira,Wanessa Resende; Ranal,Marli A..
Brassica chinensis var. parachinensis, introduzida no Brasil em 1992, apresenta alto teor de vitamina A e ciclo curto. As sementes foram submetidas a 24 tratamentos em laboratório e 12 em campo, com o objetivo de avaliar o padrão de germinação e o crescimento das plântulas. Em laboratório, as sementes foram indiferentes à luz e mostraram baixa sensibilidade à ação escarificante do hipoclorito de sódio. Ácido giberélico, KNO3, escarificação e estratificação não modificaram sua germinabilidade (96-100%) nem o tempo médio de germinação (1-1,28 dias) em relação ao controle. Em condições de campo os maiores valores de emergência (89,2-96,4%) e os maiores índices de velocidade de emergência (14,2-17,4) ocorreram em solo com adubação mineral, entre 0,5 e 1,5 cm...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Brassicaceae; Germinabilidade; Hortaliça.
Ano: 1999 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X1999000300005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Influência da temperatura e regime de luz na germinação de sementes de janaguba (Himatanthus drasticus (Mart.) Plumel.) Ciência e Agrotecnologia
Amaro,Manoel Silva; Medeiros Filho,Sebastião; Guimarães,Renato Mendes; Teófilo,Elizita Maria.
Com este trabalho, buscou-se determinar a influência da luz e da temperatura na germinação de sementes de janaguba. O ensaio foi conduzido no Laboratório de Análises de Sementes do Departamento de Fitotecnia, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza-CE. Os tratamentos constaram de quatro temperaturas (20ºC, 25ºC, 30ºC e 20-35ºC) e três condições de luz (escuro constante, fotoperíodo de 8 h luz e 16 h escuro e luz constante). Foram utilizadas 200 sementes por tratamento, semeadas sobre papel de filtro dispostos em placas de Petri, e acondicionadas em câmara de germinação por 20 dias, para determinação do percentual, velocidade e tempo médio de germinação. Utilizou-se o delineamento inteiramente casualizado, com 4 repetições de 50 sementes, em esquema...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Planta medicinal; Germinabilidade; Propagação.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542006000300010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Parkia nitida Miquel II: efeito do congelamento em temperaturas subzero sobre a germinabilidade das sementes. Infoteca-e
SALOMAO, A. N.; SANTOS, I. R. I.; JOSE, S. C. B. R.; SILVA, J. P. da.
Foi avaliado o efeito do congelamento a -20 ºC e a -196 ºC por 72h sobre a germinabilidade de sementes de duas amostras (A1 e A2) de Parkia nitida, coletadas em Porto Velho - RO, à margem esquerda do rio Madeira. Para as sementes de A1 com 7,1% de umidade os percentuais germinativos foram de 96% (controle), 79% (-20 ºC) e 87% (-196 ºC), havendo diferença significativa (P < 0,05) entre os percentuais de germinação do controle e -20 ºC. Para as sementes de A2 com 7,8% de umidade, os percentuais germinativos foram de 89% (controle), 14% (-20 ºC) e 0% (-196 ºC). Houve diferença significativa entre o controle e os tratamentos em A2. Esses resultados são atribuídos à interação entre diferentes fatores, tais como diferença do grau de maturação e da qualidade...
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Congelamento de sementes; Germinabilidade.
Ano: 2018 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1088425
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Qualidade de sementes de marcela (Achyrocline satureioides) provenientes de duas populações do Rio Grande do Sul Ciência Rural
Marques,Flávia Charão; Barros,Ingrid Bergman Inchausti de.
Marcela é uma planta medicinal de largo uso popular, cujas propriedades despertam interesse da indústria farmacêutica. Com o objetivo de avaliar sementes de diferentes procedências e épocas de coleta, aquênios de marcela foram coletados em Eldorado do Sul e Viamão/RS, em 11 de março; 24 de março e 11 de abril. Os aquênios foram classificados em cheios, intermediários e chochos, conforme seu tamanho, coloração e rugosidade do pericarpo. A umidade foi determinada pelo método da estufa a 105ºC (± 3ºC/24h), o vigor foi avaliado pelo teste de condutividade elétrica e velocidade de germinação. A germinação foi testada a 20ºC e iluminação constante. Os lotes de 24 de março reuniram melhores características, pois aliaram maior quantidade de sementes cheias (58%),...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Achyrocline satureioides; Asteraceae; Planta medicinal; Germinabilidade.
Ano: 2000 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782000000200008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Regeneração in vitro de um anfidiplóide de amendoim com baixa capacidade germinativa. Repositório Alice
ALVES, M. M.; CARVALHO, J. M. F. C.; SANTOS, R. C. dos; LIMA, I. C. da S..
2010
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Arachis hypogaea; Germoplasma; Cruzamento; Germinabilidade.
Ano: 2010 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/855112
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Rendimento e processo germinativo do grão na espiga de genótipos de trigo. Repositório Alice
FELICIO, J. C.; CAMARGO, C.E. de O.; GERMANI, R.; FREITAS, J.G. de.
O objetivo deste trabalho foi estudar o processo germinativo dos grãos na espiga, o rendimento de grãos, a adaptabilidade e a estabilidade em genótipos de trigo (Triticum aestivum L.) sensíveis às variações ambientais. Os experimentos foram instalados no Núcleo Experimental do Instituto Agronômico, em Campinas, SP, no período de 1996 a 1998. A germinação na espiga foi avaliada pelo método do "Falling Number", que consiste em determinar o nível de atividade da alfa-amilase nos grãos. A segunda e a terceira colheitas foram realizadas ao sete e quatorze dias após a primeira colheita. O atraso da colheita determinou redução no rendimento, notadamente na terceira colheita; os teores de alfa-amilase foram maiores também na terceira colheita, em virtude da...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Triticum aestivum; Germinabilidade; Alfa-amilase; Época de semeadura; Germinability; Alpha-amylase; Sowing date.
Ano: 2002 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/106780
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Rendimento e processo germinativo do grão na espiga de genótipos de trigo PAB
Felicio,João Carlos; Camargo,Carlos Eduardo de Oliveira; Germani,Rogério; Freitas,José Guilherme de.
O objetivo deste trabalho foi estudar o processo germinativo dos grãos na espiga, o rendimento de grãos, a adaptabilidade e a estabilidade em genótipos de trigo (Triticum aestivum L.) sensíveis às variações ambientais. Os experimentos foram instalados no Núcleo Experimental do Instituto Agronômico, em Campinas, SP, no período de 1996 a 1998. A germinação na espiga foi avaliada pelo método do "Falling Number", que consiste em determinar o nível de atividade da alfa-amilase nos grãos. A segunda e a terceira colheitas foram realizadas ao sete e quatorze dias após a primeira colheita. O atraso da colheita determinou redução no rendimento, notadamente na terceira colheita; os teores de alfa-amilase foram maiores também na terceira colheita, em virtude da...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Triticum aestivum; Germinabilidade; Alfa-amilase; Época de semeadura.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2002000300009
Registros recuperados: 14
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional