Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 76
Primeira ... 1234 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ação do 1-metilciclopropeno (1-MCP) na vida de prateleira da banana 'maçã' Rev. Bras. Frutic.
Pinheiro,Ana Carla Marques; Vilas Boas,Eduardo Valério de Barros; Mesquita,Caroline Teixeira.
Objetivou-se avaliar o efeito do 1-metilciclopropeno (1-MCP), em diferentes concentrações, sobre a vida pós-colheita e sob as variáveis associadas aos atributos de qualidade de banana 'Maçã'. Frutos verde-maturos foram submetidos a cinco concentrações de 1-MCP (0; 50; 100; 150 e 200 etaL.L-1), por 12 horas, e foram analisados durante o amadurecimento sob condição ambiente (20±1ºC e 80±5% UR). O tratamento com 50 etaL.L-1 de 1-MCP atrasou o início do amadurecimento das bananas em aproximadamente 8 dias, baseando-se nas primeiras mudanças de coloração da casca, enquanto os tratamentos 100; 150 e 200 etaL.L-1 atrasaram-no em aproximadamente 10 dias. Observou-se, durante o amadurecimento, o amaciamento dos frutos, associado à conversão de amido em açúcares e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pós-colheita; Musa sp.; 1-metilciclopropeno; Qualidade; Amadurecimento.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452005000100009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Adição de torta de mamona em substratos na aclimatação de mudas micropropagadas de bananeira Rev. Bras. Frutic.
Martins,Adriana Novais; Suguino,Eduardo; Dias,Naíssa Maria Silvestre; Perdoná,Marcos José.
A utilização de mudas micropropagadas de bananeira que oferecem qualidade genética e fitossanitária, favorecendo o desenvolvimento, instalação e uniformidade do pomar, é importante para a exploração comercial da bananicultura. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência da adição da torta de mamona nos substratos na aclimatação de mudas micropropagadas de bananeira da cv. Willians. O delineamento estatístico utilizado foi o inteiramente casualizado, com 10 tratamentos, sendo 2 substratos e 5 dosagens de torta de mamona (0; 6; 12; 18 e 24 g vaso-1). O substrato Vivatto Slim Plus® possibilitou o melhor desenvolvimento das plantas na aclimatação. Não são recomendadas doses superiores a 12 g planta-1 de torta de mamona misturadas ao substrato na...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Musa sp.; Micropropagação; Banana.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452011000100025
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Adubação da bananeira 'Prata Anã' com diferentes doses e fontes de nitrogênio AGRIAMBI
Silva,José T. A. da; Pereira,Rosimeire D.; Rodrigues,Maria G. V..
Objetivou-se, com este trabalho, verificar qual fonte de N (sulfato de amônio, nitrato de amônio, nitrato de cálcio e uréia) é apropriada à bananeira e determinar a dose para se obter a máxima eficiência física e econômica. Os experimentos foram instalados na região semiárida do norte de Minas Gerais em Latossolo Vermelho argiloso e Latossolo Vermelho Amarelo textura média. O delineamento experimental foi de blocos casualizados com 20 tratamentos e quatro repetições. Os tratamentos foram dispostos em arranjo fatorial 4 x 5 correspondendo a quatro fontes de N (sulfato de amônio, nitrato de amônio, nitrato de cálcio e ureia) e a cinco doses de N (0, 100, 200, 400 e 800 kg ha-1 ano-1). O N elevou a produção no 1° ciclo da bananeira cultivada no Latossolo...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Nutrição; Musa sp.; Latossolo.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-43662012001200008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Adubação nitrogenada para bananeira-'Terra' (Musa sp. AAB, subgrupo Terra) Rev. Bras. Frutic.
BORGES,ANA LÚCIA; SILVA,TÁCIO OLIVEIRA DA; CALDAS,RANULFO CORRÊA; ALMEIDA,ISRAEL ELY DE.
O trabalho, desenvolvido em área de produtor, no Litoral Sul do Estado da Bahia, objetivou definir a dose de nitrogênio de máxima eficiência física e econômica, bem como a melhor adubação nitrogenada, mineral ou orgânica, para a bananeira-'Terra' (Musa sp. AAB, subgrupo Terra). O experimento foi instalado em maio de 1998, no espaçamento 4m x 2m x 3m e irrigado por microaspersão. Empregou-se o delineamento experimental em blocos casualizados, com seis tratamentos e quatro repetições, estudando-se cinco doses de nitrogênio (N) mineral (0; 50; 200; 350 e 500 kg/ha/ano), na forma de uréia, e o tratamento com adubação orgânica, com esterco de curral (267 kg/ha/ano de N), em cobertura. No primeiro ciclo da cultura (média de 528 dias), a adubação nitrogenada...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Musa sp.; Plátanos; Nitrogênio; Esterco de curral; Uréia.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452002000100041
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Agronomic and molecular characterization of gamma ray induced banana (Musa sp.) mutants using a multivariate statistical algorithm. Repositório Alice
PESTANANA, R. K. N.; AMORIM, E. P.; FERREIRA, C. F.; AMORIM, V. B. de O.; OLIVEIRA, L. S.; LEDO, C. A. da S.; SILVA, S. de O. e..
Bananas are tropical fruits grown world-wide playing a key role in market trade and especially used as main food source for low income populations. In Brazil, bananas are mainly consumed in natura, occupying the second largest internal market. Nevertheless, this crop presents low availability of productive commercial varieties with good agronomic characteristics. A strategy undertaken to solve this problem is the development of new cultivars through conventional genetic breeding methods. However, this strategy presents some obstacles such as female sterility and low number of seeds. In order to overcome these shortcomings, use of mutation induction aiming the selection of mutants with desirable agronomic characteristics seems to have great potential for...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Banana; ISSR markers; Multivariante analysis; Musa sp..
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/879403
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alterações em propriedades de solo adubado com doses de composto orgânico sob cultivo de bananeira Rev. Bras. Frutic.
Damatto Junior,Erval Rafael; Villas Bôas,Roberto Lyra; Leonel,Sarita; Fernandes,Dirceu Maximino.
Com o intuito de avaliar os efeitos de diferentes doses de composto orgânico nas propriedades químicas do solo cultivado com bananeira 'Prata-anã' (Musa AAB), foi desenvolvido o presente trabalho na Faculdade de Ciências Agronômicas - UNESP, Botucatu-SP. O plantio foi realizado no mês de novembro de 2002, com mudas convencionais, adotando-se o espaçamento de 2,5 x 2,5 m. O composto orgânico foi produzido com serragem de madeira e esterco de bovino, sendo os tratamentos empregados constituídos das seguintes doses de composto: T1 = 0 g planta-1 de K2O (dose zero do composto - Testemunha); T2 = 98,5 g planta-1 de K2O (43 kg planta-1 de composto); T3 = 197,0 g planta-1 de K2O (86 kg planta-1 de composto); T4 = 290,5 g planta-1 de K2O (129 kg planta-1 de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/other Palavras-chave: Musa sp.; Prata-anã; Adubação orgânica; Fertilidade do solo; Potássio.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452006000300048
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aplicação de doses de zinco, via solo, na bananeira "Prata Anã" (AAB) irrigada, no norte de Minas Gerais Rev. Bras. Ciênc. Solo
Silva,Enilson de Barros; Farnezi,Múcio Mágno de Melo; Pinho,Paulo Jorge de; Rodrigues,Maria Geralda Vilela; Carvalho,Janice Guedes de.
Foi realizado um experimento de campo no município de Nova Porteirinha, no Norte de Minas Gerais, em Latossolo Vermelho-Amarelo distrófico, com os objetivos de avaliar a resposta da bananeira 'Prata Anã' à aplicação de doses de Zn via solo e estimar os níveis críticos de Zn no solo e nas folhas. Foram aplicadas quatro doses de Zn, correspondentes a 0, 10, 20 e 40 kg ha-1 ano-1 , utilizando-se o sulfato de zinco. Os tratamentos foram dispostos no delineamento em blocos casualizados com três repetições, totalizando 36 parcelas experimentais. Foram avaliados a produtividade de frutos, o teor de Zn no solo (Mehlich-1 e DTPA a pH 7,3) e o teor foliar durante dois anos de cultivo. A produtividade de frutos aumentou com as doses de Zn aplicadas no solo,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Musa sp.; Nutrição da bananeira; Latossolo; Análise foliar; Nível crítico.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-06832007000600026
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aplicação de potássio, magnésio e calcário em mudas de bananeira 'Prata-anã' (AAB) Rev. Bras. Frutic.
Silva,José Tadeu Alves da; Silva,Inêz Pereira da; Moura Neto,Asthor de; Costa,Édio Luiz da.
Para aplicar elevada quantidade de K no solo, é necessário que exista Mg em quantidade adequada, para evitar o aparecimento de distúrbios fisiológicos na bananeira. O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos da aplicação de potássio (K), magnésio (Mg) e calcário sobre o desenvolvimento de mudas de bananeira 'Prata-anã' (AAB) cultivadas em casa de vegetação. Os tratamentos foram distribuídos no delineamento de blocos casualizados, com quatro repetições em esquema fatorial (5x5x2), correspondentes a cinco doses de K (0; 200; 400; 800 e 1.600 mg dm-3), cinco doses de Mg (0; 30; 60; 90 e 180 mg dm-3) e duas doses de calcário dolomítico (0 e 2 t ha-1). A produção da massa da matéria seca das mudas de bananeira aumentou com as aplicações de K e calcário no...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Musa sp.; Nutrição; Solo.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452008000300037
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aplicações de tecnologias pós-colheita para bananas 'Prata-Anã' produzidas em Roraima AGRIAMBI
Prill,Marcos A. de S.; Neves,Leandro T. B. C.; Campos,André J. de; Silva,Samuel; Chagas,Edvan A.; Araújo,Wellington F..
Neste trabalho objetivou-se manter a qualidade e aumentar o tempo de prateleira durante a pós-colheita de bananas 'Prata-Anã' e se avaliou a eficiência do armazenamento refrigerado (AR) e da atmosfera modificada (AM) pelo uso de embalagens plásticas de polietileno de baixa densidade (PEBD), do vácuo e da utilização de sachê adsorvedor de etileno. Os tratamentos foram: T1: Controle (sem embalagem, sistema de adsorção de etileno e sem vácuo); T2: Embalagem de polietileno de baixa densidade (PEBD); T3: PEBD + adsorvedor de etileno; T4: PEBD + vácuo e T5: PEBD + adsorvedor de etileno + vácuo. As análises foram realizadas em intervalos de 5 dias após a colheita, até 35 dias de AR. Verificou-se que os frutos submetidos à embalagem de PEBD apresentaram as menores...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Musa sp.; Atmosfera modificada; Etileno; Vácuo.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-43662012001100013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Armazenamento em atmosfera modificada e controlada de banana 'Prata' com absorção de etileno Ciência e Agrotecnologia
Brackmann,Auri; Steffens,Cristiano André; Sestari,Ivan; Neuwald,Daniel Alexandre; Giehl,Ricardo Fabiano Hettwer.
Foram conduzidos dois experimentos com o objetivo de avaliar o efeito da absorção do etileno e de pressões parciais de O2 e CO2 sobre a qualidade da banana 'Prata'. Os tratamentos no experimento 1 foram: AR (armazenamento refrigerado); AR + AE (absorção de etileno); e AM (atmosfera modificada) + AE. No experimento 2 os tratamentos foram: AR; AR + AE; AM + AE; 21,0 kPa O2 + 3,0 kPa CO2 + AE; 21,0 kPa O2 + 4,5 kPa CO2 + AE; 21,0 kPa O2 + 6,0 kPa CO2 + RA; 21,0 kPa O2 + 4,5 kPa CO2; e 2,0 kPa O2 + 4,5 kPa CO2 + AE. As temperaturas de armazenamento foram 25ºC e 12ºC para os experimentos 1 e 2, respectivamente. Para o armazenamento em atmosfera modificada foram utilizados filmes de polietileno de baixa densidade, com espessura de 16gama. No experimento 1, a...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pós-colheita; Amadurecimento; Musa sp..
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542006000500014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Atividade antibacteriana de óleos essenciais e extratos vegetais sobre o desenvolvimento de Ralstonia Solanacearum em mudas de bananeira Rev. Bras. Frutic.
Amorim,Edna Peixoto da Rocha; Andrade,Flavia Waneska Rodrigues de; Moraes,Edlene Maria da Silva; Silva,Julio Cesar da; Lima,Rosangela da Silva; Lemos,Eurico Eduardo Pinto de.
O presente trabalho teve como objetivo determinar a atividade de diferentes concentrações de óleos essenciais e extratos vegetais sobre o crescimento de Ralstonia solanacearum e a incidência do moko em mudas de bananeira. Foram avaliadas diferentes concentrações de óleos essenciais de citronela, eucalipto citriodora, cravo-da-índia e gengibre: 1,25%; 3,5%; 3,75% e 5% e de extratos de cravo-da-índia, gengibre, canela e melão-de-são-caetano: 5%, 10%, 15% e 20%, medindo-se o halo de inibição da bactéria, após 48 horas. O óleo de eucalipto e os extratos de melão-de-são-caetano, cravo-da-índia e canela não apresentaram efeito sobre a bactéria. O extrato de gengibre, os óleos de citronela, de cravo e de gengibre inibiram o crescimento de R. solanacearumem todas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Controle alternativo; Musa sp.; Moko.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452011000500050
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Atraso do amadurecimento de banana 'Maçã' pelo 1-MCP, aplicado previamente à refrigeração Rev. Bras. Frutic.
Almeida,Gustavo Costa; Vilas Boas,Eduardo Valério de Barros; Rodrigues,Luiz José; Paula,Nélio Ranieli Ferreira de.
O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de diferentes períodos de exposição da banana 'Maçã' a 50 ppb de 1-MCP (0; 3; 6; 9; 12 e 24 horas) sobre sua vida pós-colheita e qualidade. Após exposição ao 1-MCP, os frutos verde-maturos foram armazenados por 30 dias em câmaras com temperatura de 13ºC ± 0,5 e umidade relativa de 95%. Em seguida, as bananas foram armazenadas à temperatura de 20ºC ± 1, até amarelecimento completo da casca. A exposição de banana 'Maçã' a 50 ppb de 1-MCP, por 9 horas, retardou em 7 dias o seu amadurecimento, em comparação a frutos não expostos ao 1-MCP, após 30 dias de armazenamento refrigerado (13ºC), sem prejuízos à sua aparência e composição química. A exposição de banana 'Maçã' a 50 ppb de 1-MCP, por 3 e 6 horas, não...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: 1-metilciclopropeno; Musa sp.; Qualidade; Vida pós-colheita.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452006000200037
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação agronômica de genótipos de bananeiras em condições subtropicais, Vale do Ribeira, São Paulo - Brasil Rev. Bras. Frutic.
Nomura,Edson Shigueaki; Damatto Junior,Erval Rafael; Fuzitani,Eduardo Jun; Amorim,Edson Perito; Silva,Sebastião de Oliveira e.
Existe grande número de cultivares de bananeira no Brasil, porém quando se consideram aspectos como preferência dos consumidores, produtividade, tolerância às pragas e doenças, porte adequado e resistência à seca e ao frio, restam poucas com potencial agronômico para serem usadas comercialmente. Objetivando avaliar o desenvolvimento vegetativo de genótipos de bananeiras nas condições edafoclimáticas do Vale do Ribeira (Brasil), foram testados os seguintes materiais, separados em dois grupos genômicos: AAAA (Bucaneiro, FHIA 02 e FHIA 17); e AAAB, sendo este subdividido de acordo com a genitora utilizada no melhoramento: Prata (BRS Garantida, FHIA 18, BRS FHIA Maravilha, BRS Platina e PA94-01); Pacovan (BRS Japira, BRS Pacovan Ken, PV79-34, PV94-01 e BRS...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Musa sp.; Cultivares; Melhoramento.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452013000100014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação bioquímica da atividade peroxidásica em folhas de bananeira inoculadas com fungo Mycosphaerella fijiensis Morelet. Repositório Alice
SOUZA, J. L. de; FERNANDES, C. de F.; VIEIRA JUNIOR, J. R.; REIS, N. D.; LIMA, R. F. de; SILVA, J. C. C. da; ANTUNES JÚNIOR, H. A.; SILVA, D. S. G. da; FERNANDES, C. F. C..
O objetivo do trabalho foi avaliar os níveis de atividade da peroxidase em variedades de Musa sp., na presença e ausência do fungo M. fijiensis. Os resultados alcançados até o momento sugerem que a peroxidase pode estar envolvida no mecanismo de defesa da bananeira contra o ataque do fungo M. fijiensis. Esta participação deve envolver ainda enzimas como a catalase e a ascorbato peroxidase, as quais estariam atuando no controle dos níveis de peróxido de hidrogênio.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Mycosphaerella fijiensis; Musa sp.; Pr - proteínas; Catalase; Ascorbato peroxidase.
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/940836
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da atividade fenilalanina amônia liásica em folhas de bananeira inoculadas com o fungo mycosphaerella fijiensis. Repositório Alice
SILVA, J. C. C. da; FERNANDES, C. de F.; VIEIRA JUNIOR, J. R.; REIS, N. D.; SOUZA, J. L. de; LIMA, R. F. de; SILVA, C. M. da; ANTUNES JÚNIOR, H.; SILVA, D. S. G. da; FERNANDES, C. F. C..
O objetivo deste trabalho foi avaliar os atributos bioquímicos envolvidos na defesa da bananeira ao ataque do fungo M. fijiensis; notadamente avaliar o papel da enzima fenilalanina amônia liase na resposta de resistência. Para as análises realizadas nas variedades BRS caprichosa e grande naine, os resultados alcançados até o momento sugerem que a fenilalanina amônia liase pode estar envolvida no mecanismo de defesa da bananeira contra o ataque do fungo M. fijiensis.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: PR-Proteínas; Musa sp.; Fenilalanina amônia liase; Sigatoka-negra.
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/940891
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da atividade fenilalanina amônia liásica em folhas de bananeira inoculadas com o fungo Mycosphaerella fijiensis. Repositório Alice
SILVA, C. M.; SILVA, J.C.C.; FERNANDES, C. de F.; VIEIRA JUNIOR, J. R.; REIS, N.D; SOUZA, J.L.; LIMA, R.F.; ANTUNES JÚNOR, H.; SILVA, D. S. G. da; FERNANDES, C. de F..
O objetivo deste trabalho foi avaliar os atributos bioquímicos envolvidos na defesa da bananeira ao ataque do fungo M. fijiensis, notadamente avaliar o papel da enzima fenilalanina amônia liase nesta resposta, nas variedades Caprichosa, Garantida, FHIA-18, Prata Ken, Prata Anã, Maçã e Grande Naine, nos tempos: 0, 6h, 24h, 48h, 72h dias após a inoculação. Após a coleta, as folhas foram pesadas e obtidos os extratos totais por meio de maceração das folhas com tampão acetato de sódio 50 mM, pH 5,2, os quais foram utilizados nas determinações de proteínas e atividade enzimática.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: PR-Proteínas; Musa sp.; Fenilalanina amônia liase; Bananeira; Mycosphaerella fijiensis; Sigatoka Negra; Fisiologia do Parasitismo.
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/899963
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de genótipos de banana à sigatoca-amarela na amazônia ocidental Rev. Bras. Frutic.
Siviero,Amauri; Ledo,Ana da Silva.
A resistência de genótipos de banana em relação à Mycosphaerella musicola foi avaliada em condições naturais de infecção. Foram avaliadas 24 plantas de cada genótipo. As cultivares 'Pacovan' e 'Prata-anã' atuaram como fonte de inóculo do patógeno. A avaliação da doença foi realizada com uso de uma escala de notas variando de 1 (plantas sem sintomas) até 8 (folhas velhas e novas com sintomas), obtendo-se o índice de doença pela média ponderada das notas. As cultivares 'Mysore' e 'Nam' e o híbrido 'PA 12-03' foram classificados como suscetíveis ao patógeno. Os demais genótipos 'Yangambi km5', 'Thap Maeo', 'Pelipita', 'Pioneira', 'JV 03-15' e 'PV 03-44' foram classificados como resistentes ao patógeno.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Musa sp.; Resistência a doenças; Pseudocercospora musae.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452002000300040
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de genótipos de bananeira na região do baixo São Francisco, Sergipe Rev. Bras. Frutic.
Lédo,Ana da Silva; Silva Junior,Josué Francisco da; Lédo,Carlos Alberto da Silva; Silva,Sebastião de Oliveira e.
Este trabalho teve como objetivo avaliar o desempenho de 20 genótipos de bananeira nas condições edafoclimáticas da região do Baixo São Francisco-SE. O experimento foi instalado em área experimental da Embrapa Tabuleiros Costeiros, no município de Propriá- SE. O delineamento foi em blocos ao acaso, com quatro repetições e três touceiras úteis por parcela. Foram avaliados caracteres de crescimento e produção no primeiro e segundo ciclos. Os híbridos PV42-53, PV42-68, PV42-85 e FHIA-02, devido ao bom desempenho com relação ao peso do cacho e peso médio do fruto, podem ser recomendados para cultivo no Baixo São Francisco. O híbrido FHIA-18 apresentou excelentes características agronômicas, sendo uma alternativa a cultivar Prata-Anã. Os híbridos Ambrósia e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Musa sp.; Variedades; Híbridos.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452008000300022
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de genótipos de bananeira sob irrigação Rev. Bras. Frutic.
Rodrigues,Maria Geralda Vilela; Souto,Rosilene Ferreira; Silva,Sebastião de Oliveira e.
Como alternativa de genótipos de bananeira para o semi-árido irrigado do norte de Minas Gerais, foram avaliados quatro ciclos de produção da variedade Caipira (AAA) e dos híbridos SH3640 (AAAB), FHIA 1 (AAAB), FHIA 18 (AAAB) e Pioneira (AAAB), além de três ciclos da variedade Prata-Anã (AAB), no espaçamento 3 m x 2,7 m, em delineamento inteiramente casualizado, com 25 repetições de uma planta. Foram avaliados caracteres da planta e da produção, levando à conclusão de que os genótipos 'SH3640', 'FHIA 1' e 'FHIA 18' são mais produtivos que a 'Pioneira', 'Caipira' e 'Prata-Anã'. A 'Pioneira' apresentou maior crescimento inicial, porém, na floração, a maior altura foi apresentada pela 'Caipira', sendo que todos os genótipos se igualaram no quarto ciclo. A...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Musa sp.; Híbridos; Variedades.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452006000300023
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de protocolo para obtenção de mudas micropropagadas de bananeira cv. Prata-Anã (subgrupo AAB) Rev. Bras. Frutic.
SÁ,MARIA EUGÊNIA LISEI DE; BRAGA,MARCELO FIDELES.
O trabalho teve como objetivo avaliar um sistema de micropropagação para a cultivar Prata-Anã, observando-se os principais fatores de eficiência e limitação no processo produtivo da muda. Os explantes foram estabelecidos em meio nutritivo MS, suplementado com 5mg/L de BAP (benzilaminopurina) e 30g/L de sacarose solidificado com 8g/L de ágar e pH ajustado em 5,7. A fase de multiplicação foi composta pelo mesmo meio de cultura e a de enraizamento constituída pela metade da concentração dos sais de MS e de sacarose, sem regulador de crescimento. Perdas por contaminação bacteriana foram maiores durante o estabelecimento in vitro e por fungos, nos dois últimos subcultivos. As maiores taxas de multiplicação ocorreram entre o 4º e o 5º subcultivos e, ao final do...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/other Palavras-chave: Micropropagação; Musa sp..
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452002000100050
Registros recuperados: 76
Primeira ... 1234 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional