Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 26
Primeira ... 12 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A 31P NMR study of phosphate levels in roots of ectomycorrhizal and nonmycorrhizal Castanea sativa IPB - Escola Superior Agrária
Martins, Anabela; Santos, M.M.; Santos, Helena; Pais, M.S..
31 P-Nuclear Magnetic Resonance (NMR) was used to assess phosphate distribution in ectomycorrhizal and nonmycorrhizal roots of Castanea sativa Mill. as well as in the mycorrhizal fungus Pisolithus tinctorius in order to gain insight into phosphate trafficking in these systems. The fungus P. tinctorius accumulated high levels of polyphosphates during the rapid phase of growth. Mycorrhizal and nonmycorrhizal roots accumulate orthophosphate. Only mycorrhizal roots presented polyphosphates. The content in polyphosphates increased along the 3 months of mycorrhiza formation. In mycorrhizal roots of plants cultured under axenic conditions, the orthophosphate pool decreased along the culture time. In nonmycorrhizal roots the decrease in the orthophosphate content...
Tipo: Article Palavras-chave: Castanea sativa; Pisolithus tinctorius; Ectomycorrhiza; Phosphate; NMR.
Ano: 1999 URL: http://hdl.handle.net/10198/6420
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Characterization of the oxidative system on Castanea sativa Mill. in association with the ectomycorrhizal fungi Pisolithus tinctorius and Amanita muscaria during the early stages of contact IPB - Escola Superior Agrária
Baptista, Paula; Martins, Anabela; Tavares, Rui Manuel; Lino-Neto, Teresa.
Mycorrhizae are symbiotic associations between soil borne fungi and the root system of higher plants having a beneficial role on plant growth. The fungus receives carbon from plant, while the plant increased nutrient uptake mediated via the fungus. In agroforestry systems, most of the mycorrhizae belong to ectomycorrhizal (ECM) group being the mechanisms controlling its development poorly defined. During arbuscular mycorrhizal (AM) establishment, some evidences suggest that a temporal and spatial activation of different defence mechanisms by plants are activated. The present work pretends to assess the influence of ECM inoculation on the activity of antioxidant enzymes from roots of Castanea sativa Mill., during the early stages of contact. The...
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Ectomycorrhizal; Oxidative stress; Pisolithus tinctorius; Amanita muscaria; Castanea sativa Mill..
Ano: 2004 URL: http://hdl.handle.net/10198/5720
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Detection of trypsin inhibitor in seeds of Eucalyptus urophylla and its influence on the in vitro growth of the fungi Pisolithus tinctorius and Rhizoctonia solani BJM
Tremacoldi,Célia Regina; Pascholati,Sérgio Florentino.
Inhibitors of plant proteases can regulate the hydrolysis of proteins inside the cells and also participate in the mechanisms of plant defense against herbivore insects and pathogens. Here, we demonstrated that seeds of Eucalyptus urophylla exhibit activities of trypsin and papain inhibitors, two proteases commonly found in living cells. Low amounts of proteins of the crude protein extract of seeds and fractions partially purified by gel filtration, with inhibitory activity against trypsin, inhibited in vitro the mycelial growth of a compatible isolate of the ectomycorrhizal fungus Pisolithus tinctorius and allowed an unsatisfactory growth of another isolate from Pinus taeda, considered incompatible for this eucalyptus species. The same amounts of...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Protease; Inhibitor; Trypsin; Pisolithus tinctorius; Rhizoctonia solani.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-83822002000400001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito de extractos de raízes eliciadas de Castanea sativa no crescimento do fungo ectomicorrízico Pisolithus tinctorius IPB - Escola Superior Agrária
Baptista, Paula; Martins, Anabela; Tavares, Rui Manuel; Lino-Neto, Teresa.
O castanheiro (Castanea sativa Mill.) estabelece associação com numerosas espécies de fungos ectomicorrízicos, estando descritos os efeitos benéficos para a planta após micorrização com Pisolithus tinctorius. Neste processo é essencial que ocorra a troca de sinais entre os simbiontes, para que seja reconhecida a sua compatibilidade e para que ocorra a formação dos órgãos ectomicorrízicos. Neste trabalho são fornecidas evidências que sugerem a capacidade de extractos de raízes de castanheiro, nos estádios iniciais de contacto com P. tinctorius regularem o crescimento do fungo micorrízico.
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Castanea sativa; Pisolithus tinctorius; Simbiose ectomicorrízica; Sinais rizosféricos.
Ano: 2007 URL: http://hdl.handle.net/10198/5947
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito de extractos de raízes eliciadas de Castanea sativa no crescimento do fungo ectomicorrízico Pisolithus tinctorius IPB - Escola Superior Agrária
Baptista, Paula; Martins, Anabela; Tavares, Rui Manuel; Lino-Neto, Teresa.
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Castanea sativa; Pisolithus tinctorius; Extractos radiculares; Crescimento fúngico.
Ano: 2007 URL: http://hdl.handle.net/10198/5742
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito de metais pesados e pesticidas no desenvolvimento de Pisolithus tinctorius. Repositório Alice
BETTIOL, W.; SILOTO, R.C.; ASTIARRAGA, B.D..
Este estudo teve como objetivo avaliar o efeito de metais pesados (cadmio, cromo, chumbo, cobre e niquel) e pesticidas [glifosato, diuron, ametryna e atrazina (herbicidas); clorotalonil, benomyl, PCNB, captan, metalaxyl e triadimenol (fungicidas); metamidophos e Bacillus thuringiensis (inseticidas)] sobre o desenvolvimento micelial do fungo ectomicorrizico Pisolithus tinctorius, isolados 1604 e 185. O estudo foi realizado em meio de cultura MMN, incorporando-se ao meio concentracoes crescentes, de 0 a 10.000 ppm. Para esses meios foi transferido um disco de 0,5 cm de diametro, com o fungo em pleno desenvolvimento, para o centro das placas de Petri e incubados a 26C +- 2 no escuro. As avaliações foram feitas semanalmente, determinando-se o crescimento...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Efeito; Metais; Pesticidas; Pisolithus tinctorius.
Ano: 1998 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/12936
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estudos e perspectivas futuras da micorrização in vitro e ex vitro de Castanea sativa Mill. IPB - Escola Superior Agrária
Martins, Anabela; Baptista, Paula; Rodrigues, Paula; Pais, Maria Salomé.
O castanheiro, Castanea sativa Mill. é uma espécie agro-florestal de grande importância económica em Portugal, quer pela produção de fruto quer de madeira, sendo a sua cultura conhecida desde o tempo dos Romanos. A maioria das espécies vegetais possui micorrizas, associações mutualistas altamente evoluídas entre fungos do solo e raízes de plantas. As simbioses acompanharam a evolução da biosfera, sendo um dos casos de cooperação entre genomas de organismos diferentes. As micorrizas constituem as infecções fúngicas mais frequentes: todas as Gimnospérmicas, 83% das dicotiledóneas e 79% das monocotiledóneas são micorrízicas. Através da simbiose, a planta hospedeira recebe nutrientes minerais e o fungo obtém compostos de carbono, contribuindo de forma...
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Castanea sativa; Pisolithus tinctorius; Micorrização in vitro; Micorrização ex vitro.
Ano: 2005 URL: http://hdl.handle.net/10198/5731
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estudos e perspectivas futuras das micorrizas e da indução de micorrização in vitro e ex vitro de Castanea sativa Mill. IPB - Escola Superior Agrária
Martins, Anabela; Baptista, Paula; Rodrigues, Paula; Pais, Maria Salomé.
Apresenta-se uma breve retrospectiva dos estudos de micorrização in vitro e ex vitro de plantas de castanheiro micropropagadas e germinantes e os efeitos fisiológicos e químicos da micorrização. Pretende-se ainda perspectivar os estudos em vias de desenvolvimento no domínio da micorrização, dos mecanismos e sinais de associação raiz-fungo e dos efeitos comparativos com associações patogénicas do castanheiro. Estudos de biodiversidade de macrofungos associados ao castanheiro e à aplicação de fungos nativos em programas de micorrização controlada serão também apresentados.
Tipo: Article Palavras-chave: Castanea sativa Mill.; Castanheiro; Pisolithus tinctorius; Micorrização; Micropropagação; Inoculação.
Ano: 2005 URL: http://hdl.handle.net/10198/3884
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
In vitro evidences of mycoparasitism of the ectomycorrhizal fungus Pisolithus tinctorius by Hypholoma fasciculare IPB - Escola Superior Agrária
Baptista, Paula; Rodrigues, Paula; Martins, Anabela; Tavares, Rui Manuel; Lino-Neto, Teresa.
In the northeast of Portugal macrofungi community associated to chestnut tree (Castanea sativa Mill.) is rich and diversified. Among fungal species, Pisolithus tinctorius and Hypholoma fasciculare are common in this habitat. In vitro interaction between P. tinctorius and H. fasciculare was investigated, to ascertain the potential mycoparasitic capabilities of H. fasciculare in the growth suppression of ectomycorrhizal P. tinctorius. The results show that in co-culture, the growth of P. tinctorius was drastically inhibited by H. fasciculare. Preliminary studies seem to evidence P. tinctorius hyphal injury and stress response in the contact zone between both mycelia. As the chestnut inoculation with these fungi showed higher hyphal adhesion of H. fasciculare...
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Hypholoma fasciculare; Pisolithus tinctorius; Mycoparasitism; Chestnut orchards.
Ano: 2006 URL: http://hdl.handle.net/10198/5730
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Influence of mycorrhization on phisiological parameters of Castanea sativa Mill micropropagated plants IPB - Escola Superior Agrária
Martins, Anabela; Casimiro, Adalcina; Pais, M.S..
Mycorrhizal micropropagated Castanea sativa plants were studied in terms of growth and physiological parameters following in vitro mycorrhization with Pisolithus tinctorius. Mycorrhization enhanced growth of micropropagated chestnut plants, increased their protein content and photosynthetic rates, decreased the respiratory rates and CO2 compensation point. RuBisCO activity was not significantly different in mycorrhizal and control plants, although there was an increase in the amount of RuBisCO in the former. Mycorrhization increased plant biomass and improved plants physiological status, thus enhancing the acclimatization process.
Tipo: Article Palavras-chave: Micropropagation; Pisolithus tinctorius; RuBisCo; Acclimatization.
Ano: 1997 URL: http://hdl.handle.net/10198/6419
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Influência de lodo de esgoto e de acículas de Pinus na formação de ectomicorrizas em mudas de Pinus caribaea var. hondurensis pelos fungos Pisolithus tinctorius e Thelephora terrestris. Repositório Alice
BETTIOL, W.; AUER, C.G.; KRUGNER, T.L.; PREZOTTO, M.E.M..
Foram estudados os efeitos de lodo de esgoto e acículas de Pinus incorporados ao solo nas concentracoes de 0, 2, 4, 6, 8, e 19% (v/v) sobre a formação de ectomicorrizas em mudas de Pinus caribaea var. hondurensis, inoculadas artificialmente com Pisolithus tinctorius e Thelephora terrestris. Nos substratos infestados com T. terrestris, o lodo de esgoto e as acículas de Pinus nao afetaram significativamente a formação de micorrizas nem o crescimento das mudas, avaliado pelo peso de matéria seca total. No entanto, houve tendência do crescimento das mudas ser maior com o aumento na concentração de material orgânico. No ensaio onde os substratos foram infestados com P. tinctorius foi verificado que o lodo de esgoto inibiu a formação de micorrizas, em todas as...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Esgoto; Lodo; Acícula; Pinus; Solo; Incorporação; Ectomicorriza; Formação; Muda; Pisolithus tinctorius; Thelephora terrestris; Fungo; Resíduo; Matéria orgânica.
Ano: 1986 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/10754
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Influência de matéria orgânica na formação de ectomicorrizas em mudas de Pinus por Pisolithus tinctorius e Thelephora terrestris. Repositório Alice
BETTIOL, W.; KRUGNER, T.L..
Foram avaliados os efeitos do lodo de esgoto, esterco de curral, torta de filtro e acículas de Pinus incorporados ao solo nas concentracoes de 10%, 30% e 50% (v/v) sobre a formação de ectomicorrizas em mudas de Pinus caribea var. hondurensis inoculadas artificialmente com Pisolithus tinctorius e Thelephora terrestris. O esterco de curral e acículas de Pinus na concentração 10% não afetaram a formação de micorrizas, tanto por P. tinctorius quanto por T. terrestris, ao passo que as concentracoes de 30% e 50% reduziram a simbiose. Lodo de esgoto em todas as concentracoes inibiu a formação de micorrizas por ambos os fungos. Torta de filtro inibiu a associação das mudas de P. caribea va. hondurensis com T. terrestris em todas as concentracoes e nas de 30% e 50%...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Esgoto; Lodo; Torta de filtro; Esterco; Acícula; Matéria orgânica; Resíduo; Pinus; Solo; Ectomicorriza; Formação; Muda; Pisolithus tinctorius; Thelephora terrestris.
Ano: 1986 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/9970
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Influência de matéria orgânica no crescimento dos fungos ectomicorrízicos Pisolithus tinctorius e Thelephora terrestris. Repositório Alice
BETTIOL, W.; KRUGNER, T.L..
Foram avaliados os efeitos dos extratos aquosos de lodo de esgoto, torta de filtro, esterco de curral, e acículas de pinus nas concentrações de 1, 10, 100 e 1000 ppm e 1,2,3,4,5,10,15 e 20% (v/v) em MMn-agar (meio de Melin - Norkrans, modificado por Marx), sobre o crescimento micelial dos fungos ectomicorrizicos Pisolithus tinctorius e Thelephora terrestris. Nas concentrações inferiores a 1% não houve efeito significativo de todos os extratos sobre o crescimento dos fungos. Em concentrações superiores a 1000 ppm o extrato de acículas de Pinus reduziu o crescimento tanto de P. tinctorius com T. terrestris. Lodo de esgoto reduziu o crescimento de P. tictorius nas concentrações acima de 1000 ppm. O crescimento de T. terrestris foi também diminuído por lodo de...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Esgoto; Lodo; Torta de filtro; Esterco; Acícula; Matéria orgânica; Resíduo; Pinus; Solo; Ectomicorriza; Formação; Pisolithus tinctorius; Muda; Thelephora terrestris; Fungo.
Ano: 1986 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/10755
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Interaction between Hypholoma fasciculare and the ectomycorrhizal fungus Pisolithus tinctorius IPB - Escola Superior Agrária
Baptista, Paula; Pinho, P. Guedes de; Malheiro, R.; Tavares, Rui Manuel; Lino-Neto, Teresa.
In the past few years, cord-forming basidiomycetes have received considerable attention in their growth strategies in the presence of other fungi (saprotrophic and pathogenic). In the present study, the in vitro interaction between the cord-forming basidiomycete Hypholoma fasciculare and the ectomycorrhizal fungus Pisolithus tinctorius was studied. Dual-cultures were established and the radial fungal growth, hyphae morphology and production of volatile compounds were evaluated during interaction. Growth of P. tinctorius is severely inhibited by H. fasciculare even before mycelia contact, suggesting a mechanism of antagonism at a distance. Following contact with H. fasciculare mycelia, P. tinctorius displayed distinctive hyphal interference with collapsed...
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Hypholoma fasciculare; Pisolithus tinctorius; Volatile compounds; Fungal interaction.
Ano: 2010 URL: http://hdl.handle.net/10198/4493
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Involvement of reactive oxygen species during early stages of ectomycorrhiza establishment between Castanea sativa and Pisolithus tinctorius IPB - Escola Superior Agrária
Baptista, Paula; Martins, Anabela; Pais, Maria Salomé; Tavares, Rui Manuel; Lino-Neto, Teresa.
Evidence for the participation of reactive oxygen species (ROS) and antioxidant systems in ectomycorrhizal(ECM) establishment is lacking. In this paper, we evaluated ROS production and the activities of superoxide dismutase (SOD) and catalase (CAT) during the early contact of the ECM fungus Pisolithus tinctorius with the roots of Castanea sativa (chestnut tree). Roots were placed in contact with P. tinctorius mycelia, and ROS production was evaluated by determining the levels of H2O2 and O2 I− during the early stages of fungal contact. Three peaks of H2O2 production were detected, the first two coinciding with O2 I− bursts. The first H2O2 production peak coincided with an increase in SOD activity, whereas CAT activity seemed to be implicated in H2O2...
Tipo: Article Palavras-chave: Castanea sativa; Pisolithus tinctorius; Ectomycorrhiza (ECM); Reactive oxygen species; Catalase (CAT); Superoxide dismutase (SOD).
Ano: 2007 URL: http://hdl.handle.net/10198/947
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Macrofungos associados à cultura de castanheiro: aspectos da sua biodiversidade e da interacção de Pisolithus tinctorius e Hypholoma fasciculare com raízes de Castanea sativa Mill. IPB - Escola Superior Agrária
Baptista, Paula.
No Nordeste transmontano, a cultura do castanheiro (Castanea sativa Mill.) tem grande importância, económica, social, cultural e paisagística. A dinâmica populacional de fungos associados a uma plantação de castanheiros localizada em Bragança foi avaliada mediante a monitorização dos seus corpos de frutificação, os cogumelos. Os resultados evidenciaram uma flora micológica diversificada, tendo sido registadas 73 espécies, pertencentes a 16 famílias e 23 géneros. A frutificação dos cogumelos ocorreu em duas épocas distintas do ano, uma no Outono e outra na Primavera, sendo a primeira aquela onde se observou um maior número de espécies e de carpóforos. A temperatura e precipitação parecem influenciar a diversidade e a abundância das espécies fúngicas...
Tipo: DoctoralThesis Palavras-chave: Macrofungos; Biodiversidade; Castanea sativa; Pisolithus tinctorius; Hypholoma fasciculare; Interacção planta-fungo.
Ano: 2007 URL: http://hdl.handle.net/10198/5729
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Micorrização “in vitro” de germinantes de Pinus pinaster IPB - Escola Superior Agrária
Costa, A.; Baptista, Paula; Martins, Anabela.
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Pinus pinaster; Micorrização; Pisolithus tinctorius; Amanita muscaria.
Ano: 2005 URL: http://hdl.handle.net/10198/5747
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Micorrização “in vitro” de germinantes de Pinus pinaster IPB - Escola Superior Agrária
Costa, A.; Baptista, Paula; Martins, Anabela.
Em Portugal, as florestas de pinheiro bravo (Pinus pinaster) possuem grande importância económica, sobretudo nas regiões cujos solos apresentam baixa fertilidade. Contudo, nos últimos anos, a área de pinhal bravo tem vindo a diminuir, resultante essencialmente dos fogos florestais, originando um défice anual de matéria-prima para satisfazer as necessidades das indústrias da madeira. A micorrização de plantas de pinheiro bravo apresenta-se como uma medida adequada para a revitalização do cultivo desta espécie, pelos enormes benefícios que advêm desta associação para ambos os intervenientes (planta e fungo). As principais vantagens para a planta traduzem-se num aumento da sua sobrevivência, sobretudo quando em condições adversas, e de crescimento, acrescendo...
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Pinus pinaster; Micorrização; Pisolithus tinctorius; Amanita muscaria; Crescimento.
Ano: 2005 URL: http://hdl.handle.net/10198/5932
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Micorrização in vitro de germinantes de Pinus pinaster: estudos histológicos e de crescimento IPB - Escola Superior Agrária
Costa, A.; Baptista, Paula; Martins, Anabela.
As micorrizas são associações mutualistas que se estabelecem entre fungos do solo e raízes de plantas vasculares. A diversidade de características morfofuncionais observada ao nível das micorrizas permitiu a sua classificação em diferentes grupos e, dos quais cabe destacar o das ectomicorrizas. As espécies florestais, nomeadamente as pertencentes ao género Pinus spp., estão normalmente dependentes desta simbiose para o seu desenvolvimento. As ectomicorrizas estimulam o crescimento, por favorecerem a absorção de água e nutrientes. Contribuem ainda para o aumento da tolerância a metais pesados e a condições ambientais adversas (eg secura), e conferem resistência a agentes patogénicos. Foi objectivo deste trabalho estudar a capacidade de diferentes espécies...
Tipo: ConferenceObject Palavras-chave: Pinus pinaster; Micorrização; Pisolithus tinctorius; Amanita muscaria; Crescimento.
Ano: 2005 URL: http://hdl.handle.net/10198/5751
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Micorrização in vitro de germinantes de Pinus pinaster: estudos histológicos e de crescimento IPB - Escola Superior Agrária
Costa, A.; Baptista, Paula; Martins, Anabela.
As espécies florestais, nomeadamente as pertencentes ao género Pinus sp., estão normal mente dependentes da simbiose micorrizica para o seu desenvolvimento. Foi objectivo deste trabalho estudar a capacidade do fungo ectomicorrizico, Pisolithus tinctorius formar ectomicorrizas com germinantes de Pinus pinaters, em condições in vitro, e avaliar o efeito da micorrização no crescimento das plâtulas.
Tipo: Article Palavras-chave: Pinus pinaster; Pisolithus tinctorius; Micorrização in vitro; Estudo histológico.
Ano: 2006 URL: http://hdl.handle.net/10198/5935
Registros recuperados: 26
Primeira ... 12 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional