Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 123
Primeira ... 1234567 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A Detecção de produtos naturais biologicamente ativos no Estado do Amapá. Infoteca-e
SEGOVIA, J. F. O.; GONÇALVES, M. C. A.; OLIVEIRA, V. L. de; SILVEIRA, D.; KANZAKI, L. I. B..
Enfoque histórico sobre a detecção de produtos naturais biologicamente ativos. Caracterização e potencialidades biológicas da flora amapaense. Composição química e atividades biológicas das espécies coletadas: Uncaria guianensis; Simaba cedron/Quassia cedron (Simaroubaceae); Brosimum acutifolium (Moraceae); Copaifera reticulata (Caesalpinaceae); Mimusops huberi/Manilkara huberi (Sapotaceae); Brosimum rubescens (Moraceae); Stryphnodendron barbatiman (Fabaceae); Aspidospermum carapanauba (Apocynaceae); Ouratea hexasperma (Ochnaceae); Virola multicostata / Virola surinamensis (Myristicaceae). A pesquisa na detecção de produtos naturais biologicamente ativos.
Tipo: Capítulo em livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Produto natural; Planta medicinal.
Ano: 2010 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/879679
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ação do estresse térmico na sobrevivência de mudas e produção de camomila originadas de sementes importadas e nacionais Horticultura Brasileira
Souza,José Roberto P de; Rocha,Juliana N; Melo,Juliana M; Nixdorf,Suzana Lucy.
Avaliou-se o efeito de baixas temperaturas sobre a sobrevivência de mudas de camomila (originadas de sementes importadas e coletadas localmente) e sobre a produtividade da matéria-prima vegetal. Quarenta mudas com 7 a 10 cm de altura foram transferidas para câmara de germinação, tipo BOD, de duas procedências, onde permaneceram por 24 h nas condições: 10 h, com luz e 15ºC; 8 h, sem luz e 10ºC; 3 h, sem luz e 5ºC; 3 h; sem luz e temperaturas de 0ºC (testemunha), -2ºC, -4ºC e -6ºC. As mudas de sementes local apresentaram maior número de plantas mortas quando aplicadas às temperaturas de -4 e -6ºC, do que as importadas. O número de flores por planta e o acúmulo de matéria seca de flores por planta foram 462% e 226% superior, respectivamente, nas plantas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Matricaria chamomilla; Planta medicinal; Frio; Resistência.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362006000200023
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Actividad antibacteriana de los extractos de Syzygium cumini (L.) Skeels (jambolán) frente a los microorganismos asociados a la mastitis bovina Plantas Medicinales
Voigt Mota,Fernanda; Damé Schuch,Luiz Filipe; Lambrecht Gonçalves,Carolina; Faccin,Ângela; Almeida Schiavon,Diane Bender; Conrad Bohm,Bianca; Ferreira Lessa,Lisiane.
Introducción: la aparición de cepas bacterianas resistentes a los antibióticos ha estimulado el desarrollo de nuevas líneas de investigación, basadas en las propiedades antibacterianas de plantas utilizadas en medicina popular. La medicina veterinaria ha estado tomando para sí los beneficios de la medicina tradicional, en un intento de sustituir el uso de antibióticos en el tratamiento y la prevención de la mastitis. Objetivo: evaluar la actividad antibacteriana de los extractos hidralcohólicos de Syzygium cumini (L.) Skeels, en comparación con las bacterias relacionadas en la mastitis bovina. Métodos: se obtuvieron extractos de hojas frescas con alcohol a 92,8° y de hojas secas con alcohol a 70°. La actividad antimicrobiana de plantas se evaluó utilizando...
Tipo: Journal article Palavras-chave: Planta medicinal; Syzygium cumini; Extractos hidroalcohólicos; Mastitis.
Ano: 2013 URL: http://scielo.sld.cu/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1028-47962013000300016
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aislamiento de consorcios de hongos micorrícicos arbusculares de plantas medicinales y su efecto en el crecimiento de vinca (Catharanthus roseus) RChHN
DE LA ROSA-MERA,CLAUDIA; FERRERA-CERRATO,RONALD; ALARCÓN,ALEJANDRO; SÁNCHEZ-COLÍN,MARÍA DE JESÚS; FRANCO-RAMÍREZ,ALICIA.
Este trabajo consistió en propagar e identificar hongos micorrícicos arbusculares (HMA) recolectados de plantas medicinales (PM) de áreas naturales de bosques mixtos, y seleccionar consorcios micorrícicos con base en la promoción del crecimiento de vinca Catharanthus roseus (L) G. Don, planta medicinal cuyos alcaloides tienen propiedades antineoplásicas. En la primera fase experimental se recolectaron raíces y suelo rizosférico de 13 PM establecidas en campo para evaluar el porcentaje de colonización total (PCT) y cuantificar el número de esporas; además, se tomó una parte del suelo para establecer plantas trampa en invernadero durante 10 meses, y posteriormente evaluar el PCT e identificar los principales géneros de HMA. Todas las PM en su condición...
Tipo: Journal article Palavras-chave: Colonización micorrícica; Cultivos trampa; Planta medicinal; Selección de hongos micorrícicos; Simbiosis micorrícica.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.cl/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0716-078X2012000200005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anatomia de raiz, caule e folha e identificação de estruturas secretoras de Achillea millefolium L. (Asteraceae) - DOI: 10.4025/actascibiolsci.163 Biological Sciences
Gregio, Simone de Jesus Dematei; Unipar; Moscheta, Ismar Sebastião; UEM.
Realizou-se o estudo anatômico dos órgãos vegetativos raiz, caule e folha, e extraíram-se os óleos essenciais das diferentes partes da planta, identificando-se as possíveis estruturas secretoras desses óleos. Utilizou-se material fresco para a realização dos testes histoquímicos e para a confecção de lâminas semipermanentes, as quais se coraram com Safrablau. Para a confecção de lâminas permanentes, utilizou-se material fixado em FAA 50%, incluído em historesina. Observaram-se pêlos tectores no escapo e na folha, enquanto que pêlos glandulares foram encontrados no escapo e na flor. Canais secretores de origem esquizógena acompanham os feixes vasculares no rizoma, no escapo, na folha e na bráctea da flor. Na raiz, esses canais estão ausentes. Na folha e na...
Palavras-chave: 2.01.00.00-0 Biologia Geral Achillea millefolium; Anatomia vegetal; Óleos essenciais; Planta medicinal.
Ano: 2007 URL: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciBiolSci/article/view/163
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anatomia e histoquímica dos órgãos vegetativos de Siegesbeckia orientalis (Asteraceae) Planta Daninha
Aguilera,D.B.; Meira,R.M.S.A.; Ferreira,F.A..
Descreveu-se a anatomia dos órgãos vegetativos de S. orientalis, em estrutura primária, enfatizando a caracterização e histoquímica de suas estruturas secretoras. Folhas, caules e raízes foram fixados em FAA50 e em sulfato ferroso e estocados em etanol 70%. Cortes transversais e longitudinais foram submetidos ao azul-de-toluidina pH 4,0, ao vermelho-de-rutênio, à reação de PAS, ao reativo Xylidine Ponceau, ao Sudan Black B e ao reativo Dragendorff. Anatomicamente, os órgãos vegetativos de S. orientalis são semelhantes aos caracteres descritos para Asteraceae. As raízes laterais são triarcas e o caule, um eustelo. Ductos estão ausentes na raiz e presentes no caule e na folha. Estas estruturas são de pequeno diâmetro, sendo delimitadas por quatro a cinco...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Planta daninha; Planta medicinal; Botão-de-ouro; Heliantheae.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-83582004000400001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anatomia e ultraestrutura foliar de Ocimum gratissimum sob diferentes níveis de radiação luminosa Ciência Rural
Fernandes,Valéria Ferreira; Bezerra,Lais de Almeida; Mielke,Marcelo Schramm; Silva,Delmira da Costa; Costa,Larissa Corrêa do Bomfim.
Espécies vegetais são capazes de ajustar suas características fisiológicas, anatômicas e ultraestruturais aos fatores ambientais, como, por exemplo, a disponibilidade de radiação luminosa incidente. O objetivo deste estudo foi avaliar a influência de diferentes níveis de radiação luminosa na anatomia e ultraestrutura foliar de Ocimum gratissimum L. (Lamiaceae). As plantas foram cultivadas por 93 dias em quatro níveis de radiação fotossinteticamente ativa (20, 11, 7 e 4mol m-2 d-1). O incremento da intensidade de luz proporcionou aumento no espessamento dos parênquimas paliçádico e esponjoso e do limbo foliar, entretanto, a espessura da epiderme não foi alterada. Em relação aos aspectos ultraestruturais, verificou-se aumento no tamanho dos cloroplastos e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Planta medicinal; Plasticidade fenotípica; Lamiaceae.
Ano: 2014 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782014000600014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anatomia foliar de Tabebuia serratifolia (Vahl) Nich. (Bignoniaceae) propagadas in vitro, in vivo e durante a aclimatização Ciência e Agrotecnologia
Dousseau,Sara; Alvarenga,Amauri Alves de; Castro,Evaristo Mauro de; Soares,Roberta Pereira; Emrich,Eduardo Bucsan; Melo,Lucas Amaral de.
As mudas propagadas por técnicas de micropropagação geralmente apresentam alterações significativas induzidas pelas condições in vitro, que diminuem a capacidade de sobrevivência após a transferência para o ambiente ex vitro, sendo fundamental a avaliação da mudança estrutural durante o processo de adaptação. Objetivou-se com este trabalho, identificar as diferenças anatômicas foliares entre plantas de Tabebuia serratifolia (Vahl) Nich. (ipê amarelo), cultivadas in vitro, in vivo e durante a aclimatização. Foram utilizadas plântulas mantidas por 43 dias em sala de crescimento, com 20, 40, 60 e 80 dias de aclimatização e mudas de 90 dias cultivadas em viveiro. As plântulas foram obtidas via cultura de embriões em meio MS e transplantadas para tubetes...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ipê-amarelo; Planta medicinal; Micropropagação.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542008000600002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aplicação do teste de raios x no estudo da morfologia interna e da qualidade fisiológica de aquênios de arnica (Lychnophora pinaster Mart.) Rev. bras. sementes
Melo,Paulo Régis Bandeira de; Oliveira,João Almir; Carvalho,Maria Laene Moreira de; Guimarães,Renato Mendes; Carvalho,Bruno de Oliveira.
O teste de raios X vem sendo empregado em programas de qualidade e como auxiliar nos estudos morfológicos e fisiológicos de sementes de diversas espécies. A arnica (Lychnophora pinaster Mart.) é uma espécie medicinal que apresenta um número elevado de aquênios cheios ou mal formados por ocasião da frutificação, o que dificulta a produção de sementes necessária para o suprimento de uma demanda cada vez maior, pela indústria farmacêutica. Para verificar o efeito do estádio de maturação de aquênios de arnica na qualidade fisiológica das sementes e a eficiência do teste de raios X na separação de sementes mal formadas, foram coletados, no mês de dezembro de 2003, aquênios provenientes de uma população de plantas do município de Itumirim, MG. Na coleta, foram...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Semente; Análise de imagens; Maturação; Germinação; Planta medicinal.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-31222009000200017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Atividade antibacteriana de extrato hidro-alcoólico de folhas de jambolão (Syzygium cumini (L.) Skells) Ciência Rural
Loguercio,Andrea Pinto; Battistin,Alice; Vargas,Agueda Castagna de; Henzel,Andréia; Witt,Niura Mazzini.
A atividade antimicrobiana de plantas medicinais tem sido pesquisada em diversas espécies, tanto no Brasil quanto em outros países. O objetivo deste trabalho foi o de avaliar a existência de efeito antibacteriano de extrato hidro-alcoólico a 10% (m/v) de folhas de jambolão. Utilizaram-se 17 isolados bacterianos, Gram positivos e Gram negativos. A ação antibacteriana foi avaliada através da inoculação de placas de ágar Mueller Hinton, com um inóculo bacteriano de 1x10(6) ufc mL-1, onde se colocaram quatro discos de papel; o primeiro de antimicrobiano comercial e os demais embebidos em 25mL do extrato, de solução salina ou de etanol. As placas foram incubadas a 37°C por 24 horas, sendo posteriormente realizada a leitura do diâmetro dos halos de inibição. O...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Planta medicinal; Antimicrobiano; Jambolão.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782005000200019
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Atividade antimicrobiana e toxicidade do látex de Euphorbia tirucalli L. (aveloz) Plantas Medicinales
Cordeiro Arruda,Maria Fernanda; Takaki Rosa,Rosimeire; Ribeiro Rosa,Edvaldo Antonio; Stuelp Campelo,Patrícia Maria.
Tipo: Journal article Palavras-chave: Citotoxicidade; Planta medicinal; Toxicidade oral.
Ano: 2015 URL: http://scielo.sld.cu/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1028-47962015000400012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Atividade bacteriostática e bactericida do decocto de Baccharis trimera (Less.) D.C., Compositae, carqueja, como desinfetante ou anti-séptico Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Avancini,C.A.M.; Wiest,J.M.; Mundstock,E..
Verificou-se a atividade antimicrobiana in vitro do decocto de Baccharis trimera (Less) D.C., Compositae, (carqueja) por meio de testes-padrão internacionais utilizados para avaliar desinfetantes e anti-sépticos. Determinaram-se a concentração inibitória mínima e a concentração bactericida mínima do decocto frente a várias diluições de inóculos. Os resultados sugerem a possibilidade de se utilizar o decocto de B. trimera como desinfetante e anti-séptico em determinadas situações-problema em produção animal, relacionadas aos agentes transmissíveis estudados.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Carqueja; Baccharis trimera; Planta medicinal; Desinfetante; Anti-séptico.
Ano: 2000 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352000000300011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Atividade de nanoformulações de Melaleuca alternifolia e terpinen-4-ol em isolados de Rhodococcus equi Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Sagave,L.; Gressler,L.T.; Flores,F.C.; Silva,C. B.; Vargas,A.P.C.; Lovato,M.; Sangioni,L.A.; Pötter,L.; Botton,S.A..
Rhodococcus equi é o agente etiológico da rodococose equina, importante doença respiratória de potros. Especialmente na última década, a emergência de cepas resistentes aos antimicrobianos empregados no tratamento da rodococose tem sido relatada. Nesse sentido, há a necessidade de estudos envolvendo terapias alternativas e novas tecnologias, incluindo o uso de plantas medicinais e nanotecnologia. Neste trabalho utilizou-se Melaleuca alternifolianas seguintes formulações: óleo livre, nanocápsula, nanoemulsão e a combinação de óleo livre com nanocápsula e com nanoemulsão, além do seu composto majoritário, terpinen-4-ol, a fim de verificar a atividade antimicrobiana frente a isolados de R. equide diferentes origens. Utilizou-se o método de microdiluição em...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Planta medicinal; Nanotecnologia; Rodococose; Teste de susceptibilidade.
Ano: 2015 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352015000100221
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Biologia floral e reprodutiva da quixabeira. Infoteca-e
KIILL, L. H. P.; SILVA, P. P. da.
Características gerais; morfologia e biologia floral; Visitantes florais; Frutos.
Tipo: Fôlder / Folheto / Cartilha (INFOTECA-E) Palavras-chave: Quixabeira; Biologia floral; Bioma caatinga; Planta nativa.; Planta medicinal; Recurso natural; Caatinga; Fruto; Polinização.; Medicinal plants; Pollination.; Fruits; Natural resources.
Ano: 2008 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/159738
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Calagem e adubação fosfatada promovem crescimento inicial e produção de hipericina em erva-de-São-João Horticultura Brasileira
Souza,Alexandra Goede de; Amarante,Cassandro Vidal Talamini do; Deschamps,Francisco Carlos; Ernani,Paulo Roberto.
A erva-de-São-João é uma planta medicinal empregada no tratamento antidepressivo. A hipericina é considerada um dos compostos que contribui para o efeito medicinal da planta. Uma vez que a concentração e a quantidade do princípio ativo pode ser afetada pela nutrição das plantas, este trabalho teve por objetivo avaliar os efeitos do pH do solo e da adubação fosfatada sobre o crescimento inicial e a produção de hipericina em erva-de-São-João. O experimento foi realizado em Lages, SC, de julho a dezembro de 2003, em casa de vegetação. Utilizou-se delineamento experimental inteiramente casualizado (fatorial 4 x 3), correspondendo a quatro valores de pH (4,1; 5,5; 6,0 e 6,5) e três doses de P (0, 50 e 100 mg kg-1 de solo), com quatro repetições. Foram...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Hypericum perforatum L.; Planta medicinal; Fitoterápico; Nutrição.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362006000400005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização morfológica dos frutos, das sementes e do desenvolvimento das plântulas de Jatropha elliptica Müll. Arg. (Euphorbiaceae) Rev. Bras. Bot.
Añez,Luciana M.M.; Coelho,Maria F.B.; Albuquerque,Maria C.F.; Dombroski,Jeferson L.D..
O objetivo deste trabalho foi descrever a morfologia do fruto, da semente e do desenvolvimento de plântulas de Jatropha elliptica Müll. Arg. Os frutos foram coletados em setembro e outubro de 2003, na Fazenda Experimental da Universidade Federal de Mato Grosso, no Município de Santo Antônio de Leverger. Para a descrição da morfologia dos frutos e das sementes foram utilizados 50 frutos e 50 sementes. Para a caracterização das etapas da germinação foram utilizadas quatro repetições de 20 sementes, colocadas sobre papel mata-borrão, umedecidas com ácido giberélico (400 ppm), em caixas de plástico transparente, mantidas em câmara para germinação, a 30 ºC e fotoperíodo de oito horas, durante 40 dias. O fruto de J. elliptica é seco, tricoca, endocarpo lenhoso e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Germinação; Jatropha elliptica; Morfologia; Planta medicinal.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-84042005000300012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização morfológica e germinação de sementes de jalapa (Operculina macrocarpa (L.)Urb.) Rev. bras. sementes
Brasileiro,Beatriz Gonçalves; Bhering,Maria Carmen; Vidigal,Deborah De Souza; Casali,Vicente Wagner Dias.
O objetivo deste trabalho foi avaliar a presença da dormência tegumentar, identificando tratamentos pré-germinativos que possam acelerar e uniformizar a germinação, bem como conhecer a morfologia do desenvolvimento pós seminal em sementes de Operculina macrocarpa. As sementes foram submetidas aos seguintes tratamentos pré-germinativos: imersão em água por 1 hora; imersão em solução de hipoclorito por 1 hora e testemunha, representada por sementes sem tratamento prévio. Os testes de germinação e de emergência foram conduzidos com quatro repetições de 25 e de 20 sementes, em laboratório e em casa-de-vegetação, respectivamente. As avaliações foram realizadas diariamente, durante 30 dias, onde foi calculada a porcentagem de plântulas normais aos 15 e 30 dias e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Dormência; Operculina macrocarpa (L.) Urb.; Tegumento; Planta medicinal.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-31222009000300009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Coleção de plantas medicinais, aromáticas e condimentares da Embrapa Tabuleiros Costeiros. Infoteca-e
CARVALHO, L. M. de..
bitstream/item/171031/1/folder-Colecao-Plantas.pdf
Tipo: Fôlder / Folheto / Cartilha (INFOTECA-E) Palavras-chave: Planta medicinal; Planta codimentar; Planta aromática.
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1085333
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comparação de métodos para a avaliação in vitro de atividade antimicrobiana de extratos vegetais. Infoteca-e
GASPAR, E. B.; MINHO, A. P.; DOMINGUES, R.; SILVA, K. C. da.
Buscamos com este trabalho comparar três diferentes técnicas de avaliação de efeito antimicrobiano de extratos de diferentes polaridades de plantas das famílias: Mirtaceae (planta A); Asteraceae (planta B) e Fabaceae (planta C): (i) difusão em ágar variante disco-difusão, (ii) difusão em ágar variante perfuração de poço e (iii) microdiluição em meio líquido (caldo). Estes testes foram realizados com Escherichia coli; Staphylococcus aureus; Enterococcus faecalis e Pseudomonas aeruginosa.
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Extrato vegetal; Planta medicinal; Bactericida.
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1081017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comprimento da estaca e tipo de substrato na propagação vegetativa de atroveran Ciência Rural
Costa,Larissa Corrêa do Bomfim; Pinto,José Eduardo Brasil Pereira; Bertolucci,Suzan Kelly Vilela.
A propagação vegetativa de espécies medicinais vem despertando interesse das pesquisas agronômicas, uma vez que se constitui no ponto de partida e em ferramenta básica para qualquer cultivo em escala comercial. Este trabalho objetivou determinar o comprimento de estaca e o tipo de substrato mais adequados para a propagação vegetativa de atroveran. Em condições de casa de vegetação sob nebulização intermitente, foram testados dois comprimentos de estacas (10 e 20cm) e três substratos (areia lavada, casca de arroz carbonizada e substrato comercial Plantmax®), em delineamento experimental em blocos casualizados, com quatro repetições e cinco estacas por parcela. Aos trinta e cinco dias, foram avaliados a porcentagem de enraizamento, o comprimento da maior...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ocimum selloi (Benth); Planta medicinal; Estaquia.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782007000400040
Registros recuperados: 123
Primeira ... 1234567 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional