Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: 

RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 21
Primeira ... 12 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alterações pós-colheita da "fruta-de-lobo" (Solanum lycocarpum St. Hil.) durante o amadurecimento: análises físico-químicas, químicas e enzimáticas Rev. Bras. Frutic.
Oliveira Junior,Enio Nazaré de; Santos,Custódio Donizete dos; Abreu,Celeste Maria Patto de; Corrêa,Angelita Duarte; Santos,José Zilton Lopez.
Estudaram-se, neste trabalho, algumas modificações físico-químicas, químicas e enzimáticas, em pós-colheita, durante o amadurecimento da fruta-de-lobo, comparando-as com as de outros frutos. Os frutos colhidos de plantas nativas no início do estádio de amadurecimento foram selecionados e armazenados durante 18 dias à temperatura ambiente (17,1 a 26,9ºC). Os frutos foram lavados com água destilada, descascados, picados, congelados em nitrogênio líquido e liofilizados até massa constante. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, com quatro repetições de 3 frutos. Os valores de pH e acidez titulável não variaram estatisticamente durante o amadurecimento. A atividade de amilase e os teores de amido diminuíram gradativamente com o...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Polifenóis; Peroxidase; Polifenoloxidase; Poligalacturonase; Polimetilgalacturonase; Pectinametilesterase.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452004000300010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ativação de defesa em cacaueiro contra a murcha-de-verticílio por extratos naturais e acibenzolar-S-metil PAB
Pereira,Ricardo Borges; Resende,Mário Lúcio Vilela de; Ribeiro Júnior,Pedro Martins; Amaral,Daniel Rufino; Lucas,Gilvaine Ciavareli; Cavalcanti,Fábio Rossi.
O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial de extratos fúngicos e vegetais na redução da murcha-de-verticílio do cacaueiro, as atividades da peroxidase e polifenoloxidase e o conteúdo de lignina. Mudas de cacaueiro foram pulverizadas com filtrado de micélio de Rhizopus sp. (FMR), quitosana de Rhizopus sp. (QMR) e Trichoderma sp. (QMT), extratos de casca in natura e seca de maracujá, extrato metanólico de casca seca de frutos de maracujá (MMS) e acibenzolar-S-metil (ASM - 0.2 mg mL-1) e sete dias depois, submetidas à inoculação de Verticillium dahliae. O ASM reduziu a murcha-de-verticílio em 38,0%, seguido dos extratos FMR, QMT, MMS e QMR, que apresentaram reduções em 22,8, 20,1, 19,2 e 15,7%, respectivamente, em relação à testemunha. Plantas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Theobroma cacao; Verticillium dahliae; Lignina; Peroxidase; Polifenoloxidase.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2008000200003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Atuação das enzimas oxidativas no escurecimento causado pela injúria por frio em raízes de batata-baroa - DOI: 10.4025/actasciagron.v30i1.1129 Agronomy
Menolli, Luciana Nunes; UFV; Finger, Fernando Luiz; UFV; Puiatti, Mário; UFV; Barbosa, Janaina Miranda; UFV; Barros, Raimundo Santos; UFV.
Neste trabalho, as raízes de batata-baroa (Arracacia xanthorrhiza Bancroft) foram armazenas em câmaras frias, à temperatura de 5 e 10ºC, por 28 dias. A cada sete dias, as raízes eram retiradas da condição de frio, e realizada análise visual dos sintomas de injúria por frio. Em seguida, as raízes foram maceradas para determinação das atividades da peroxidase, polifenoloxidase e da concentração dos compostos fenólicos solúveis. As temperaturas de 5 e 10ºC estimularam o escurecimento externo e interno das raízes durante o armazenamento, com maior intensidade para a temperatura de 5oC. Em ambas as temperaturas, houve elevação da atividade da polifenoloxidase, peroxidase e da concentração de compostos fenólicos, a partir da exposição dos tecidos ao frio. A...
Palavras-chave: 5.07.02.02-5 Tecnologia de Produtos de Origem Vegetal peroxidase; Polifenoloxidase; Mandioquinha-salsa; Armazenamento 5.07.02.02-5 Tecnologia de Produtos de Origem Vegetal.
Ano: 2008 URL: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciAgron/article/view/1129
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação do tempo de secagem e da atividade de óxido-redutases de yacon (Smallanthus sonchifolius) sob tratamento químico Ciência Rural
Padilha,Vivianne Montarroyos; Rolim,Priscilla Moura; Salgado,Silvana Magalhães; Livera,Alda Verônica Souza; Oliveira,Michelle Galindo de.
Evidências científicas reconhecem o yacon (Smallanthus sonchifolius) como fonte promissora de frutanos, tais como inulina e frutooligossacarídeos (FOS). No entanto, a presença de compostos fenólicos torna-o suscetível à reação de escurecimento enzimático. Este trabalho teve como objetivo avaliar o emprego de agentes químicos no processamento de yacon, para obtenção de farinha, a fim de inibir o escurecimento enzimático do produto e favorecer o tempo de secagem. Amostras de yacon sem inibição química, de yacon submetido à solução de cloreto de cálcio 1,0g 100g-1 por 30 minutos e de yacon submetido à solução de metabissulfito de potássio 0,5g 100g-1 por 5 minutos foram secas a 55°C, em estufa ventilada, e o teor de água e curvas de secagem foram...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Peroxidase; Polifenoloxidase; Curva de secagem; Cloreto de cálcio; Metabissulfito de potássio.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782009000700034
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cinética de inativação da polifenoloxidase e peroxidase de abacate (Persea americana Mill.) Ciência e Agrotecnologia
Luíz,Rúbia Caroline; Hirata,Talita Akemi Medeiros; Clemente,Edmar.
Extratos enzimáticos foram preparados a partir da polpa de abacate (Persea americana Mill.) dos cultivares Quintal, Fortuna e Choquete, em dois estádios de maturação (verde e maduro). A polpa de abacate (150,00g) foi homogeneizada em liquidificador, com 300 mL de solução tampão fosfato de sódio 100mM em pH 7,4 para polifenoloxidase (PPO) e pH 6,0 para peroxidase (POD). A peroxidase ionicamente ligada foi extraída usando solução de NaCl 1,0M, em tampão fosfato de sódio 100mM pH 6,0. Para o estudo da estabilidade térmica, os extratos foram submetidos a temperaturas de 60, 65, 70, 75 e 80ºC e por períodos que variaram de 1 à 10 minutos e a atividade enzimática foi determinada por espectrofotometria (lambda= 395nm para PPO e lambda= 460nm para POD). Pode-se...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Abacate; Polifenoloxidase; Peroxidase; Persea americana.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542007000600025
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito da densidade populacional do pulgão-verde Schizaphis graminum (Rondani, 1852) (Hemiptera: Aphididae) na atividade enzimática em plantas de trigo Ciência e Agrotecnologia
Gomes,Flávia Batista; Santos,Custódio Donizete dos; Moraes,Jair Campos de; Goussain,Marcio Marcos.
Verificou-se o efeito da densidade populacional do pulgão-verde Schizaphis graminum (RONDANI, 1852) em plantas de trigo (Triticum aestivum L.) na atividade das enzimas peroxidase e polifenoloxidase. Utilizaram-se os seguintes tratamentos: 10 pulgões/planta; 30 pulgões/planta; 50 pulgões/planta e a testemunha (sem pulgões). A peroxidase apresentou atividade mais intensa em relação à polifenoloxidase. A maior atividade da peroxidase ocorreu quando se utilizaram 30 e 50 pulgões/planta. Já para a polifenoloxidase, não houve diferença na sua atividade entre as três densidades utilizadas.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/other Palavras-chave: Pulgão-verde; Peroxidase; Polifenoloxidase.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542004000600029
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito de diferentes temperaturas na qualidade de mandioquinha-salsa minimamente processada Horticultura Brasileira
Nunes,Elisângela Elena; Vilas Boas,Eduardo Valério de B; Piccoli,Roberta H; Xisto,Andréa Luiza RP; Vilas Boas,Brígida M.
O objetivo do presente trabalho foi avaliar a vida útil de mandioquinha-salsa 'Amarela de Senador Amaral' minimamente processada e armazenada em três temperaturas de armazenamento. As raízes foram descascadas manualmente, fatiadas (±1 cm de espessura), imersas em solução de dicloro isocianurato de sódio 100 mg L-1 por 15 minutos e acondicionadas em embalagem rígida de polipropileno (15 x 11,5 x 4,5 cm). As embalagens, contendo cerca de 150 g de raízes minimamente processadas, foram armazenadas a 0±1ºC, 5±1ºC ou 10±1ºC durante 15 dias, sendo realizadas análises a cada 3 dias. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado em fatorial 3 x 6, sendo 3 temperaturas de armazenamento e 6 períodos de armazenamento, com 3 repetições. O armazenamento a 0ºC...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Arracacia xanthorrhiza; Processamento mínimo; Peroxidase; Polifenoloxidase.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362010000300012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Embalagem a vácuo: efeito no escurecimento e endurecimento do feijão durante o armazenamento Ciência Rural
Lima,Rafaella Araújo Zambaldi; Tomé,Laís Moretti; Abreu,Celeste Maria Patto de.
A influência do uso de embalagem a vácuo no controle do escurecimento e endurecimento do tegumento foi avaliada em feijões da cv. 'Pérola'. Os feijões após secos foram submetidos a diferentes embalagens: polietileno seladas a vácuo (espessura de 80µm), polietileno seladas sem vácuo (espessura de 80µm) e embalagem comercial (espessura de 20µm), armazenados por oito meses em condições ambiente. Foram realizadas análises de umidade, tempo de cozimento, cor, atividade enzimática e compostos fenólicos, logo após a secagem e em intervalos de dois meses até o oitavo mês. O tempo de cozimento foi maior para os grãos acondicionados em embalagem comercial do que nas outras embalagens, ao final do armazenamento. Os grãos embalados em sacos de polietileno selados a...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Phaseolus vulgaris; Cozimento; Cor; Peroxidase; Polifenoloxidase.
Ano: 2014 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782014000901664
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Embalagens e recobrimento em lichias (Litchi chinensis Sonn.) armazenadas sob condições não controladas Ciência e Agrotecnologia
Lima,Rafaella Araújo Zambaldi; Abreu,Celeste Maria Patto de; Asmar,Simone Abreu; Corrêa,Angelita Duarte; Santos,Custódio Donizete dos.
A lichia (Litchi chinensis Sonn.) é um fruto subtropical de alto potencial comercial devido ao seu sabor levemente acidificado, excelente aroma, alto valor nutritivo e atrativa cor vermelha da casca. Ainda no campo, a cor da casca altera-se facilmente, tornando-se escurecida em resposta a estresses (alterações da umidade relativa e ataque de patógenos). Após colhida, a casca da lichia perde rapidamente sua cor vermelha. O escurecimento da casca tem sido atribuído a rápida degradação da antocianina, assim como: à rápida perda de umidade pelo fruto e à atividade de enzimas oxidativas como polifenoloxidases e peroxidases. Dada essa alta perecibilidade, o controle do escurecimento é fundamental para o aumento na vida útil pós-colheita, visando ao mercado...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Atmosfera modificada; Antocianina; Polifenoloxidase; Peroxidase.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542010000400017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estudo das atividades de peroxidades e polifenoloxidase de guariroba (Syagrus oleracea Becc) sob a ação de diferentes inibidores - DOI: 10.4025/actascibiolsci.v25i1.2108 Biological Sciences
Carneiro, Cristine Elizabeth Alvarenga; UFG; Rolim, Henriqueta Merçon Vieira; UFG; Fernandes, Katia Flavia; UFG.
Neste trabalho a guariroba (Syagrus oleracea, Becc) foi submetida a tratamento com soluções contendo inibidores da peroxidase (POX) e da polifenoloxidase (PPO). Fatias de guariroba foram imersas em soluções de ácido cítrico, ácido láctico e bissulfito de sódio nas concentrações de 0,5, 0,8 e 1,0 % (p/v), por intervalos de tempo de 10, 15 e 20 min. As atividades de POX e PPO foram monitoradas antes e após o tratamento com as soluções de inibidores, bem como a concentração de fenóis e o pH das soluções. O ácido láctico, quando utilizado na concentração de 1,0 % por 10 min apresentou os melhores resultados, tanto para a inibição das enzimas quanto para a análise dos teores de fenóis
Palavras-chave: 2.01.00.00-0 Biologia Geral Peroxidase; Polifenoloxidase; Guariroba; Ácido láctico; Escurecimento; Processamento 2.01.00.00-0 Biologia Geral.
Ano: 2003 URL: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciBiolSci/article/view/2108
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ineficiência de acibenzolar-S-methyl na indução de resistência de feijoeiro comum à murcha-de-Curtobacterium Trop. Plant Pathol.
Soares,Rafael M.; Maringoni,Antonio C.; Lima,Giuseppina P.P..
O efeito da indução de resistência promovido por acibenzolar-S-methyl foi avaliado em três cultivares de feijoeiro (Phaseolus vulgaris), com diferentes níveis de resistência à murcha-de-Curtobacterium, em dois ensaios distintos, sob condições de casa de vegetação. O primeiro ensaio visou avaliar a ação do acibenzolar-S-methyl na indução de resistência à murcha-de-Curtobacterium e o segundo, objetivou avaliar a ação deste produto na atividade das enzimas peroxidase e polifenoloxidase e no nível de proteínas totais solúveis, em amostras de folhas e caule, sem inoculação do patógeno. Em ambos os ensaios o indutor foi pulverizado na dosagem de 100 µg i.a./ml, cinco dias após o transplante das plantas para vasos. O acibenzolar-S-methyl foi ineficiente, tanto...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Curtobacterium flaccumfaciens; Indução de resistência; Phaseolus vulgaris; Peroxidase; Polifenoloxidase.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582004000400002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Influência do processamento por via úmida e tipos de secagem sobre a composição, físico química e química do café (Coffea arabica L). Ciência e Agrotecnologia
Santos,Mariá Auxiliadora; Chalfoun,Sára Maria; Pimenta,Carlos José.
O café (Coffea arabica L.) é um importante produto de exportação brasileira, por fazer parte do hábito alimentar da população de diversos países. Sua produção vem passando por transformações tecnológicas que têm como objetivo agregar valores qualitativos ao produto destinado tanto para mercado interno como externo. A exportação do café e de produtos alimentícios deve se adequar aos programas de qualidade estabelecidos por acordos políticos internacionais. Assim sendo, objetivou-se, nesse estudo, verificar a influência do método de preparo via úmida com tipos distintos de secagens, na obtenção do café cereja descascado, sobre a composição, físico-química e química do café. Houve influência da forma, preparo e tipo de secagem sobre as principais...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cereja descascado; Polifenoloxidase; Terreiro.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542009000100030
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Levantamento da qualidade da bebida do café e avaliação do estado nutricional dos cafeeiros do Alto Jequitinhonha, Minas Gerais, através do DRIS Ciência e Agrotecnologia
Farnezi,Múcio Mágno de Melo; Silva,Enilson de Barros; Guimarães,Paulo Tácito Gontijo; Pinto,Nísia Andrade Villela Dessimoni.
A região do Alto Jequitinhonha tem se apresentado como expressivo parque cafeeiro do estado de Minas Gerais. No entanto, têm-se pouca informação sobre a influência do estado nutricional do cafeeiro sobre a qualidade da bebida juntamente com a produção. Objetivou-se, neste trabalho, foi realizar o levantamento da qualidade da bebida do café (Coffea arabica L.) e avaliar o estado nutricional dos cafeeiros do Alto Jequitinhonha, através do DRIS. Obtiveram-se as produções, as atividades enzimáticas da polifenoloxidase dos grãos de café e os teores foliares dos nutrientes em duas safras (2005 e 2006), para o cálculo do DRIS, com vistas a efetuar o diagnóstico nutricional do cafeeiro. A região do Alto Jequitinhonha apresentou aptidão para produzir cafés de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Café; Coffea arabica; Diagnose foliar; Polifenoloxidase; Índice de coloração; Açúcares totais.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542010000500016
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
OBTENÇÃO E UTILIZAÇÃO DA ENZIMA POLIFENOLOXIDASE EXTRAÍDA DE POLPA DE PINHA (Annona squamosa L.) MADURA NO MELHORAMENTO DO SABOR DO CACAU (Theobroma cacao L.) Rev. Bras. Frutic.
LIMA,ELIZA DOROTEA POZZOBON DE ALBUQUERQUE; PASTORE,GLÁUCIA MARIA; BARBERY,SANDRA DRINA FERNANDEZ; GARCIA,NELSON HORÁCIO PEZOA; BRITO,EDY SOUSA DE; LIMA,CARLOS ALBERTO DE ALBUQUERQUE.
O presente trabalho teve como objetivo estudar a obtenção e a utilização da enzima polifenoloxidase (PPO) extraída de polpa de pinha madura na redução do teor de compostos polifenólicos com a finalidade de diminuir a adstringência e o amargor das amêndoas de cacau processadas na forma de "nibs". A PPO foi extraída com tampão fosfato de potássio 0,025M (pH 7,5), adicionando sulfato de amônio para a precipitação da enzima. O material em pó obtido foi denominado de enzima parcialmente purificada, sendo que a análise de atividade enzimática foi realizada, utilizando-se de catecol como substrato. As características bioquímicas apresentadas foram pH de estabilidade de 6,0 a 6,5 e temperatura de estabilidade de 10 a 30°C. Os "nibs" foram autoclavados (121°C por...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pinha; Polifenoloxidase; Polifenóis; Cacau.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452001000300053
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Prevenção do escurecimento do pericarpo de lichia através do uso de ácidos e filmes¹ Rev. Bras. Frutic.
Silva,Danielle Fabíola Pereira da; Salomão,Luiz Carlos Chamhum; Cabrini,Elaine Cristina; Alves,Robson Ribeiro; Struiving,Tiago Barbosa.
Neste trabalho, foram avaliados os efeitos de ácidos e filmes na prevenção do escurecimento do pericarpo de lichia. Lichias 'Bengal' foram colhidas com o pericarpo completamente vermelho e submetidas aos seguintes tratamentos: imersão em ácido cítrico 100 mM, por 5 minutos; imersão em ácido clorídrico (HCl) 1 N, por 2 minutos; imersão em fécula de mandioca 30 g/L, por 5 minutos, e filme de policloreto de vinila (PVC) de 14 µm de espessura, além do controle, não tratado.Os frutos de todos os tratamentos foram acondicionados em bandejas de poliestireno (220 mm x 140 mm x 40 mm), armazenados em câmara fria a 5 ± 1,2°C e 90 ± 5% de UR e avaliados a cada 4 dias, durante 20 dias. A fécula de mandioca e o ácido cítrico não foram eficientes em prevenir ou retardar...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Litchi chinensis Sonn; Polifenoloxidase; Peroxidase; Qualidade pós-colheita.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452011000500070
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Procedimento eficiente na inibição do escurecimento de guariroba (Syagrus oleracea, Becc) durante processamento e armazenamento - DOI: 10.4025/actasciagron.v25i2.1744 Agronomy
Carneiro, Cristine Elizabeth Alvarenga; UEL; Rolim, Henriqueta Vieira Merçon; UEL; Fernandes, Kátia Flávia; UFG.
Neste trabalho, a guariroba (Syagrus oleracea, Becc) foi submetida a um procedimento de branqueamento que possibilitou a inativação das enzimas peroxidase (POD) e polifenoloxidase (PPO). O tratamento consistiu em imergir as fatias de guariroba a uma solução de espera contendo solução de ácido láctico 1,0% (p/v), durante 10 minutos, seguido de cozimento em solução de NaCl 2,5% (p/v), por 15 minutos. Esse tratamento foi efetivo na inativação das enzimas, o que pode ser medido pela atividade enzimática e por testes de coloração e de luminosidade. O tratameno permitiu que as guarirobas ficassem armazenadas em sacos de polietileno, a 8ºC, por 60 dias. Também foram investigados os efeitos do tempo de pós-colheita sobre a vida útil das guarirobas, cujos...
Palavras-chave: 5.00.00.00-4 Ciências Agrárias peroxidase; Polifenoloxidase; Guariroba; Escurecimento; Processamento 5.00.00.00-4 Ciências Agrárias.
Ano: 2003 URL: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciAgron/article/view/1744
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Qualidade de alface crespa minimamente processada armazenada sob refrigeração em dois sistemas de embalagem Horticultura Brasileira
Mattos,Leonora M; Moretti,Celso Luiz; Chitarra,Adimilson B; Prado,Mônica ET.
O processamento mínimo acelera a perda de qualidade, reduz a vida de prateleira e modifica os atributos sensoriais de frutas e hortaliças. A alface minimamente processada sofre ainda o efeito do escurecimento enzimático resultante da descompartimentação de enzimas e seus substratos. Neste trabalho, avaliou-se a qualidade química, física e bioquímica de alface crespa minimamente processada e armazenada sob refrigeração em dois sistemas de embalagem. A alface cv. Verônica foi colhida em campos de produção comercial em Brasília, DF e processada nas formas de folha inteira e em tiras de 5 mm. O material processado foi acondicionado em filmes de polipropileno e polietileno de baixa densidade e armazenado a 5ºC durante 14 dias. A cada dois dias, as alfaces foram...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Lactuca sativa L.; Polifenoloxidase; Peroxidase; Processamento mínimo; Cor; Acidez titulável.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362007000400003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Qualidade de grãos de café beneficiados em resposta à adubação potássica Scientia Agricola
Silva,Enilson de Barros; Nogueira,Francisco Dias; Guimarães,Paulo Tácito Gontijo.
O clima e o solo tem elevada influência na qualidade dos grãos de café (Coffea arabica L.) beneficiado. Foram instalados dois experimentos sobre latossolo (Latossolo Vermelho distroférrico e Latossolo Vermelho-Amarelo distrófico) com o objetivo de verificar a qualidade dos grãos de café beneficiados submetidos à adubação potássica em duas condições edafoclimáticas. Em ambos os locais, os experimentos foram delineados em blocos casualizados, em esquema de parcelas subdivididas, utilizando-se três fontes de K: cloreto de potássio (KCl), sulfato de potássio (K2SO4) e nitrato de potássio (KNO3) nas parcelas e quatro doses de K (0, 100, 200 e 400 kg ha-1) aplicadas nas subparcelas com quatro repetições. Usou-se nos experimentos o cultivar Catuaí Vermelho no...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Doses; Polifenoloxidase; Índice de coloração; Açúcares totais.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90162002000100025
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Respostas enzimáticas na enxertia de tomateiro Horticultura Brasileira
Gomes,Rafaelle F; Cruz,Flávio JR; Nunes,Renata C; Castoldi,Renata; Santos,Durvalina MM; Braz,Leila T.
RESUMO Visando avaliar a compatibilidade de tomateiros enxertados em diferentes portaenxertos, sob ambiente protegido, foi determinada a atividade das enzimas antioxidantes, peroxidases (POXs), polifenoloxidase (PPO) e superóxido dismutase (SOD). A primeira etapa experimental consistiu na avaliação, aos seis e onze dias após a enxertia, das mudas enxertadas e não enxertadas com três combinações de enxertia (Maxifort, Multifort e autoenxertia), em três regiões de coleta no caule: a) 2 cm acima da região da enxertia; b) na região de enxertia e c) 2 cm abaixo da região da enxertia, além do tratamento adicional, constituído de mudas não enxertadas de 'Alambra' (pé franco). O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, em esquema fatorial 3x3+1, com...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Solanum lycopersicum; Compatibilidade; Superóxido dismutase; Peroxidases; Polifenoloxidase.
Ano: 2016 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362016000400491
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Uso de tratamento hidrotérmico e ácido clorídrico na qualidade de lichia 'Bengal' Rev. Bras. Frutic.
Hojo,Ellen Toews Doll; Durigan,José Fernando; Hojo,Ronaldo Hissayuki; Donadon,Juliana Rodrigues; Martins,Ramilo Nogueira.
Um dos maiores problemas na pós-colheita da lichia é o escurecimento do pericarpo, cuja cor vermelha se torna totalmente escurecida em 48 horas, sob 25 ºC. Tecnologias que possam controlar o escurecimento do pericarpo são valiosas, e é o foco principal da pesquisa na área de pós-colheita. O objetivo deste trabalho foi avaliar a vida útil de lichias 'Bengal', armazenadas a 20 ºC e 82 %UR após o tratamento hidrotérmico e/ou imersão em solução de HCl. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, em esquema fatorial 4 x 7, com 3 repetições, onde o primeiro fator correspondeu aos tratamentos: testemunha; imersão em HCl a 1%, por 6 minutos; tratamento hidrotérmico, com imersão em água a 52 ºC por 1 minuto, seguido de resfriamento em água a 10 ºC,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Litchi chinensis; Escurecimento do pericarpo; Antocianina; Peroxidase; Polifenoloxidase.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452011000200008
Registros recuperados: 21
Primeira ... 12 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional