Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 18
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alterações pós-colheita da "fruta-de-lobo" (Solanum lycocarpum St. Hil.) durante o amadurecimento: análises físico-químicas, químicas e enzimáticas Rev. Bras. Frutic.
Oliveira Junior,Enio Nazaré de; Santos,Custódio Donizete dos; Abreu,Celeste Maria Patto de; Corrêa,Angelita Duarte; Santos,José Zilton Lopez.
Estudaram-se, neste trabalho, algumas modificações físico-químicas, químicas e enzimáticas, em pós-colheita, durante o amadurecimento da fruta-de-lobo, comparando-as com as de outros frutos. Os frutos colhidos de plantas nativas no início do estádio de amadurecimento foram selecionados e armazenados durante 18 dias à temperatura ambiente (17,1 a 26,9ºC). Os frutos foram lavados com água destilada, descascados, picados, congelados em nitrogênio líquido e liofilizados até massa constante. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, com quatro repetições de 3 frutos. Os valores de pH e acidez titulável não variaram estatisticamente durante o amadurecimento. A atividade de amilase e os teores de amido diminuíram gradativamente com o...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Polifenóis; Peroxidase; Polifenoloxidase; Poligalacturonase; Polimetilgalacturonase; Pectinametilesterase.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452004000300010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise de genes expressos durante estádios finais da maturação de frutos de café. Repositório Alice
BUDZINSKI, I. G. F.; CAÇÃO, S. M. B.; CARNEIRO, C. E. A.; PEREIRA, L. F. P.; VIEIRA, L. G. E..
A maturação uniforme dos frutos do cafeeiro relaciona-se diretamente com a qualidade da bebida. Diferentes floradas em um mesmo cafeeiro propiciam frutos em estádios desiguais de maturação podendo resultar em uma maior dificuldade na colheita, maior gasto com mão de obra e queda na qualidade do produto. Em frutos climatéricos, o processo final da maturação é desencadeado por um grande acúmulo de etileno, seguido por mudança bioquímicas e fisiológicas que promovem principalmente a desestabilização da parede celular dos frutos, composta principalmente por compostos pécticos. As pectinas são degradadas devido à solubilização e despolimerização da parede celular vegetal em decorrência da ação de enzimas como: pectinametilesterase, poligalacturonase,...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Maturação; Poligalacturonase; Pectinametilesterase; Expansina; Genoma; Coffea.
Ano: 2005 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/909458
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aplicação da metodologia de superfície de resposta no estudo da produção de pectinase por fermentação em estado sólido do pedúnculo de caju. Repositório Alice
SANTOS, S. F. de M.; SOUZA, R. L. A. de; ALCÂNTARA, S. R.; PINTO, G. A. S.; SILVA, F. L. H. da; MACEDO, G. R. de..
2008
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Poligalacturonase; Pectinases; Fermentação em estado sólido; Pedúnculo de caju; Superfície de resposta.
Ano: 2008 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/630876
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Armazenamento sob atmosfera controlada de tomates com injúria interna de impacto Horticultura Brasileira
Moretti,Celso Luiz; Sargent,Steven A.; Huber,Donald J.; Puschmann,Rolf.
A injúria interna de impacto causa redução significativa da qualidade de frutos de tomate. O presente trabalho teve como objetivo avaliar a utilização do armazenamento sob atmosfera controlada na redução do desenvolvimento de uma desordem de amadurecimento conhecida como injúria interna de impacto. Tomates (Lycopersicon esculentum Mill), cv. Solimar, foram colhidos no estádio de amadurecimento verde-maduro e tratados com etileno, por 12 horas, a 20°C. Ao atingirem o estádio verde-rosado, sofreram uma queda de 40 cm de altura sobre uma superfície plana, lisa e maciça. Metade dos frutos foi então armazenada sobre atmosfera controlada (3% O2; 4% CO2; balanço com N2) por 8 dias a 20°C e 85-95% de umidade relativa, e então foram transferidos para atmosfera...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Lycopersicon esculentum; Extravasamento de eletrólitos; Injúria mecânica; Poligalacturonase; Pós-colheita; Qualidade.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362002000300013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comparação da produção da poligalacturonase por duas cepas de Aspergillus por fermentação em estado sólido. Repositório Alice
GOTTSCHALK, L. M. F.; TERZI, S. da C.; SOUZA, E. F. de; PENHA, E. das M..
2014
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Poligalacturonase; Aspergillus; Fermentação em estado sólido.
Ano: 2014 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/988552
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estudo da produção de poligalacturonase por fermentação em estado sólido utilizando torta de girassol como substrato. Repositório Alice
CASTRO, R. J. S. de; TORRES, M. B. O.; FREITAS, A. C. de; PINTO, G. A. S..
2009
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Torta de girassol; A niger; Poligalacturonase; Fermentação em estado sólido.
Ano: 2009 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/576500
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estudo do comportamento das pectinas e pectinases durante o desenvolvimento de mangas 'Tommy Atkins' no vale do São Francisco. Repositório Alice
LUCENA, E. M. P. de; ASSIS, J. S. de; ALVES, R. E.; ENÉAS FILHO, J..
2008
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Manga; Variedade; Tommy Atkins; Mangifera indica L; Fisiologia; Pós-colheita; Pectinametilesterase; Poligalacturonase; Vale do São Francisco.
Ano: 2008 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/160219
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Firmeza de caqui 'Giombo' submetido à aplicação pós-colheita de cloreto de cálcio Rev. Bras. Frutic.
Moraes,Maria Rosa de; Vieites,Rogério Lopes; Daiuto,Érica Regina; Picanço,Nagela Farias Magave.
Este trabalho teve por objetivo avaliar o efeito da aplicação pós-colheita do cloreto de cálcio na firmeza de caquis 'Giombo', destanizados ou não. Os frutos foram colhidos manualmente com aproximadamente 50% da coloração verde, transportados para o Laboratório, onde foram selecionados, higienizados e imersos em água (T1= controle), e em solução de cloreto de cálcio, por 10 minutos, nas seguintes concentrações: T2 =0,5% CaCl2; T3 =1,0% CaCl2; T4 =2,0% CaCl2; e T5 =3,0% CaCl2. Em seguida, foram acondicionados em bandejas de poliestireno expandido, revestidas por filme plástico de polietileno de baixa densidade (PEBD). O armazenamento foi a 0 ºC e 85-90% UR, por 35 dias, com análise a cada 7 dias quanto à perda de massa, firmeza e atividade das enzimas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Diospyrus kaki .; Destanização; Poligalacturonase; Pectinametilesterase.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452011000500040
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Fisiologia do amadurecimento na planta do tomate 'Santa Clara' e do mutante 'Firme' Horticultura Brasileira
Moura,Márcia Lima; Finger,Fernando Luiz; Mizobutsi,Gisele P.; Galvão,Hilton L..
O mutante natural de tomate 'Firme' da cv. Santa Clara tem frutos com coloração "amarelo-creme" quando imaturos, firmes e com amadurecimento lento. Estudou-se as alterações fisiológicas que ocorrem durante o processo de amadurecimento na planta de frutos de tomate da cv. Santa Clara e do mutante 'Firme'. Os frutos normais e mutantes foram colhidos em 6 diferentes estádios de maturidade, e em cada um deles foram avaliados a produção de etileno e CO2, os teores de açúcares solúveis totais do pericarpo e do tecido locular, e as atividades das enzimas oxidase do ACC e poligalacturonase. Os frutos mutantes apresentaram menores taxas respiratórias e de produção de etileno em todos os estádios de maturidade. A atividade da oxidase do ACC apresentou padrão de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Lycopersicon esculentum; Etileno; Respiração; Açúcares solúveis; Oxidase do ACC; Poligalacturonase.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362005000100017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Identificação e caracterização de genes de poligalacturonase de Coffea arabica. Repositório Alice
CAÇÃO, S. M. B.; GALVÃO, R. M.; PEREIRA, L. F. P.; VIEIRA, L. G. E..
2003
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Poligalacturonase; Café; Maturação; Identificação de genes.
Ano: 2003 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/909048
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Isolamento e seleção de microrganismos pectinolíticos a partir de resíduos provenientes de agroindústrias para produção de aromas frutais Ciênc. Tecnol. Aliment.
Uenojo,Mariana; Pastore,Glaucia Maria.
As pectinases são enzimas produzidas naturalmente por plantas, fungos, leveduras e bactérias. Estes microrganismos podem ser inoculados em meios contendo resíduos agroindustriais utilizados como fonte de carbono para a produção de compostos de maior valor agregado, como enzimas, etanol, proteínas, aminoácidos e compostos de aroma. Vários microrganismos foram isolados e selecionados quanto à produção de enzimas pectinolíticas pelo método da placa, através de zonas claras de degradação de pectina ao redor da colônia. De 104 linhagens testadas, 18 foram selecionadas para fermentarem em meio líquido, contendo pectina para a determinação de atividade de poligalacturonase (PG) e de pectina liase (PMGL), e em meio frutose/extrato de levedura para produção de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pectina; Fermentação; Pectinase; Poligalacturonase; Pectina liase; Aroma.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-20612006000300004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Modificações nas atividades da poligalacturonase e pectinametilesterase em morangos armazenados a temperatura ambiente Ciência e Agrotecnologia
Silva,Polyanna Alves; Abreu,Celeste Maria Patto de; Corrêa,Angelita Duarte; Asmar,Simone Abreu.
Objetivou-se, neste trabalho, avaliar as modificações da poligalacturonase (PG) e da pectinametilesterase (PME) em morangos cultivados na região de Lavras, MG, e armazenados em temperatura ambiente. Foram utilizados morangos das cultivares 'Oso-grande', 'Toyorrinho' e 'Tudla'. Utilizou-se o delineamento inteiramente casualizado com 4 repetições, sendo os tratamentos arranjados em esquema fatorial (3X2), sendo 3 cultivares e 2 dias de análises (0 e 5 dias). A parcela experimental foi constituída por 10 frutos. Durante o armazenamento houve uma diminuição nos teores de pectina total e um aumento nos de pectina solúvel em todas as variedades analisadas. A atividade da PG e PME aumentaram com o período de armazenamento, independente da cultivar.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Poligalacturonase; Pectinametilesterase; Morangos; Fragaria ananassa.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542009000700044
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Produção de poligalacturonase, pelo termofílico Bacillus sp. e algumas de suas propriedades Ciênc. Tecnol. Aliment.
Cordeiro,Carlos Alberto Martins; Martins,Meire Lelis Leal.
A produção de poligalacturonase pelo termofílico Bacillus sp. SMIA-2, cultivado em meio líquido contendo pectina cítrica como única fonte de carbono, alcançou a sua máxima atividade enzimática em 30 horas, com níveis de 42 IU.mL-1. Entre as várias fontes orgânicas e inorgânicas de nitrogênio testadas, o sulfato de amônio foi a que proporcionou maior atividade da poligalacturonase. O aumento da concentração da pectina cítrica, no meio de cultura, acima de 0,5% não proporcionou um aumento da atividade da enzima. O microrganismo foi capaz de utilizar uma variedade de fontes de carbono, mas a atividade da poligalacturonase variou com cada fonte. Pectina de maçã foi a melhor fonte de carbono para a secreção da poligalacturonase (56 IU.mL-1), enquanto frutose e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Poligalacturonase; Bactéria termofílica; Bacillus sp.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-20612009000100021
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Produção de poligalacturonase por Aspergillus niger em fermentação semi-sólida utilizando como substrato torta de canola. Repositório Alice
CASTRO, R. J. S. de; FREITAS, A. C. de; BESERRA, M. A.; VIEIRA, J. M. M.; PINTO, G. A. S..
2009
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Fermentação semi-sólida; Torta de canola; Poligalacturonase.
Ano: 2009 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/576496
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Redução do amaciamento de banana 'Maçã' minimamente processada pelo uso de tratamentos químicos Ciência e Agrotecnologia
Melo,Anderson Adriano Martins; Vilas Boas,Eduardo Valério de Barros.
O uso de banana em saladas de frutas minimamente processadas possui restrições devido à sua elevada perda da firmeza após o fatiamento. Objetivou-se neste trabalho, avaliar o efeito de ácido ascórbico (AA), cloreto de cálcio (CC), cloridrato de L-cisteína (Cis) e Na2EDTA, empregados em associação com a atmosfera modificada, na prevenção do amaciamento de banana 'Maçã' minimamente processada. Foram utilizadas as seguintes combinações: 1 (AA 1% + CC 1% + Cis 0,5%); 2 (AA 1% + CC 1% + Cis 1%); 3 (AA 1% + CC 1% + Cis 1,5%); 4 (Na2EDTA 1%), constituindo os 4 tratamentos de um delineamento inteiramente casualizado. As bananas, no estádio de maturação 6, foram tratadas com uma solução de hipoclorito de sódio 500 ppm, descascadas e fatiadas manualmente, submetidas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Musa spp.; Processamento mínimo; Poligalacturonase; Pectinametilesterase; Amaciamento; Cloreto de cálcio.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542007000300032
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Resposta da aplicação do 1-MCP em frutos de mamoeiro 'Golden' em diferentes estádios de maturação Rev. Bras. Frutic.
Souza,Maximiliano Silva de; Azevedo,Inga Gonçalves de; Corrêa,Sávio Figueira; Silva,Marcelo Gomes da; Pereira,Messias Gonzaga; Oliveira,Jurandi Gonçalves de.
O estudo de fatores que influenciam no processo de amadurecimento é fundamental para o planejamento do processo de comercialização, principalmente em frutos com padrão de respiração climatérico e perecível, como é o caso do mamão. Nesse trabalho, avaliou-se o efeito da aplicação do 1-MCP (1-metilciclopropeno) sobre o amadurecimento de frutos de mamoeiro nos estádios 0; 1 e 2 de maturação. O 1-MCP diminui a produção de etileno (≈79%) e a taxa respiratória (≈45%), principalmente em frutos no estádio 0 de maturação. O uso deste inibidor da ação do etileno retardou a perda de coloração verde da casca dos frutos, principalmente em frutos nos estádios 0 e 1 de maturação. Houve redução na perda de firmeza do fruto e do mesocarpo nos estádios 1 e 2. Entretanto, em...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Etileno; Poligalacturonase; Pectinametilesterase.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452009000300011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Textura de goiabas "Pedro Sato" submetidas à aplicação de cloreto de cálcio Ciência e Agrotecnologia
Xisto,Andréa Luiza Ramos Pereira; Abreu,Celeste Maria Patto de; Corrêa,Angelita Duarte; Santos,Custódio Donizete dos.
Entre as técnicas utilizadas para manter a qualidade pós-colheita de frutos, destaca-se a aplicação de cálcio, geralmente associada à refrigeração. No entanto, nem todos os produtores têm acesso a câmaras frias; portanto, objetivou-se neste trabalho avaliar o tratamento isolado com cloreto de cálcio na manutenção da aparência de goiabas (Psidium guajava L.) destinadas ao consumo “in natura”, armazenadas em condições ambientes. O tratamento hidrotérmico à temperatura de 30ºC com cloreto de cálcio a 1g/100 mL (CCa) foi testado, comparando-o com frutos sem tratamento (SCa). Em seguida, os frutos foram armazenadas em condições ambientes (22,6ºC ± 1, UR 75% ± 5) durante quatro dias. Após o armazenamento, avaliaram-se os teores de pectina total e solúvel e as...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Goiaba; Cálcio; Amaciamento; Pectinametilesterase; Poligalacturonase; Psidium guajava.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542004000100015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Uso de misturas químicas para a manutenção da firmeza de banana 'Prata' minimamente processada Ciência e Agrotecnologia
Vilas Boas,Eduardo Valério de Barros; Reis,Camila Martins Fonseca; Melo,Anderson Adriano Martins.
A banana constitui interessante alternativa para compor saladas de frutas. No entanto, possui curta vida de prateleira após o processamento mínimo em razão da rápida perda da firmeza. Neste trabalho, objetivou-se avaliar o efeito da mistura química contendo cloreto de cálcio, ácido ascórbico e L-cisteína e/com o uso de atmosfera modificada ativa (10 kPa CO2 e 2 kPa O2), enfatizando a perda de firmeza sobre a qualidade e vida de prateleira de banana 'Prata' minimamente processada. O conteúdo de pectina solúvel e a % de solubilização aumentaram significativamente ao longo do período de conservação. A perda de firmeza e o aumento das atividades das enzimas poligalacturonase e pectinametilesterase apresentaram uma interação significativa entre os fatores...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Musa sapientum; Poligalacturonase; Pectinametilesterase; Cloreto de cálcio; Atmosfera modificada ativa; Cisteína.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542009000100033
Registros recuperados: 18
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional