Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 11
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alimentação dos peixes detritívoros da Baía Tuiuiú, rio Paraguai, Pantanal de Mato Grosso do Sul, Brasil. Infoteca-e
ALMEIDA, I. M. de.; RESENDE, E. K. de.
Foram analisadas as dietas dos peixes detritívoros da baía Tuiuiú, meandro abandonado do rio Paraguai, próximo a Corumbá, Mato Grosso do Sul. Os peixes detritívoros apresentam estratégias específicas para o consumo do detrito orgânico existente na baía, como o sairu-boi, Potamorhina squamoralevis, que possui os olhos voltados para baixo para consumo do detrito acumulado no fundo, e o cascudo, Liposarcus anisitsi, que se coloca de barriga para cima para raspar os detritos e algas acumuladas nas raízes das macrófitas aquáticas. Para L. anisitsi, que teve os conteúdos estomacais analisados em quase todos os períodos de amostragem, foi encontrada correlação entre índice alimentar e altura de inundação e transparência da água. Peixes detritívoros apresentam...
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Dieta; Liposarcus anisitsi; Potamorhina squamoralevis; Pulso de inundação; Feeding; Flood pulse.
Ano: 2012 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/937689
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da diversidade arbórea das ilhas do rio Paraguai na região de Cáceres, Pantanal Matogrossense, Brasil Acta Botanica
Castrillon,Solange Kimie Ikeda; Silva,Carolina Joana da; Fernandez,José Ricardo Castrillon; Ikeda,Andrea Kyoko.
A diversidade de plantas está associada à heterogeneidade de habitats, à ampla distribuição de espécies, ao pulso de inundação que podem estar sendo controlados pela dinâmica fluvial e diferenças na origem geomorfológica. Este estudo avaliou a diversidade da vegetação arbórea em seis ilhas do rio Paraguai, entre Cáceres e a Estação Ecológica de Taiamã, Pantanal Matogrossense. Foram comparadas ilhas originárias de dois processos geomorfológicos: a partir do rompimento do colo do meandro e de sedimentação. Foram estabelecidas 22 parcelas (10 x 20 m) por ilha, distantes 50 m entre si, onde foram amostradas todas as árvores com DAP > 5cm. Foram alocadas 10 parcelas na parte central e 12 nas bordas das ilhas. O cluster construído a partir do coeficiente de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pantanal; Ilhas; Vegetação arbórea; Origem geomorfológica; Pulso de inundação.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062011000300021
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comunidade de artrópodes associada à copa de Attalea phalerata Mart. (Arecaceae) durante o período de cheia no Pantanal de Poconé, MT Neotropical Entomology
Battirola,Leandro D.; Adis,Joachim; Marques,Marinêz I.; Silva,Fábio H.O..
Seis indivíduos de Attalea phalerata Mart. foram amostrados durante o período de cheia (fase aquática) no pantanal mato-grossense (fevereiro/2001), empregando-se a metodologia de nebulização de copas com o objetivo de analisar a composição, estrutura e biomassa da comunidade de artrópodes associada à copa dessa espécie vegetal, bem como a influência do regime hídrico sobre a comunidade. Cada palmeira foi nebulizada uma única vez e realizadas três coletas subseqüentes. O total de 63.657 artrópodes (643,0 ± 259,87 indivíduos/m²) foi amostrado, representando 25 ordens dentre as classes Insecta, Arachnida, Diplopoda e Crustacea. Os grupos dominantes foram Acari (40.0%; 257.2 ± 116,50 indivíduos/m²), Coleoptera (12,0%; 77,5 ± 64,93 indivíduos/m²), Psocoptera...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Invertebrado; Área inundável; Palmeira; Pulso de inundação; Sazonalidade.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-566X2007000500002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Considerações limnológicas sobre um lago da planície de inundação amazônica (lago Catalão – Estado do Amazonas, Brasil) - DOI: 10.4025/actascibiolsci.v31i4.4641 Biological Sciences
Almeida, Fabiane Ferreira de; Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - Programa de Pós-Graduação em Biologia de Água Doce e Pesca Interior; Melo, Sérgio; Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.
Este estudo aborda a variação temporal (sazonal, semanal e nictemeral) e espacial de algumas variáveis limnológicas na região limnética do lago Catalão, um lago da planície de inundação do rio Amazonas. Foram analisados os valores de temperatura, zona eufótica, zona de mistura, condutividade elétrica, oxigênio dissolvido, transparência, nitrogênio e fósforo total, amostrados em quatro estações, em escala semanal, durante um mês no período de seca de 2006 e um mês no período de cheia de 2007. Regressões simples foram realizadas para testar a hipótese da homogeneização de ambientes aquáticos em função da inundação. Foram analisados, também, os valores de temperatura, oxigênio dissolvido e condutividade elétrica em um perfil vertical ao longo de um ciclo...
Palavras-chave: 2.05.02.00-1 variáveis limnológicas; Variação nictemeral; Planície de inundação; Variação sazonal; Pulso de inundação; Amazônia Brasileira Ecologia de Ecossistemas (Limnologia) limnological variables; Diel variation; Flood plain lake; Seasonal variation; Flood pulse; Brazilian Amazon.
Ano: 2009 URL: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciBiolSci/article/view/4641
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
ESTRATÉGIAS DE SOBREVIVÊNCIA DE INVERTEBRADOS TERRESTRES EM FLORESTAS INUNDÁVEIS DA AMAZÔNIA CENTRAL: UMA RESPOSTA À INUNDAÇÃO DE LONGO PERÍODO Acta Amazonica
ADIS,Joachim.
As florestas inundáveis na Amazônia Centrai e suas margens adjacentes sofrem alagações de vários metros de altura por 5-7 meses cada ano, devido ao pulso monomodal de inundação dos rios. Os invertebrados terrestres adaptaram-se à este ecossistema, envolvendo várias estratégias de sobrevivência. A fauna compõe-se de animais terrícolas e arborícolas. Ambos os grupos incluem não migrantes e migrantes. A reação migratória dos animais terrícolas é horizontal (à frente da linha d'água), vertical (subida temporária para troncos ou copas de árvores) ou inclui um vôo temporário para florestas de terra firme. Não migrantes têm estágios ativos ou dormentes abaixo d'agua. Os dormentes passam a inundação em abrigos disponíveis em condições naturais, em abrigos...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pulso de inundação; Florestas inundáveis; Migrações; Invertebrados terrestres; Estratégias de sobrevivência; Amazônia.
Ano: 1997 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59671997000100043
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Fatores que influenciam a comunidade de peixes em dois ambientes no baixo Rio das Mortes, Planície do Bananal, Mato Grosso, Brasil Zoologia
Silva,Eliete F. da; Melo,Cesar E. de; Vênere,Paulo C..
A caracterização limnológica e da ictiofauna em uma enseada e no canal principal do Rio das Mortes na sua região de planície de inundação foi feita com o intuito de comparar estes ambientes e indicar os possíveis fatores ambientais que influenciam as comunidades de peixes em cada um deles. Foi observada uma diferença significativa entre enseada e canal do rio em relação às variáveis transparência da água, que se apresentou maior na enseada, e velocidade da água, maior no canal. A diversidade de espécies também foi diferente entre os ambientes, com um valor significativamente maior na enseada. Nas duas localidades os maiores valores de riqueza e diversidade de espécies ocorreram durante o período de seca e os de densidade relativa (CPUE) durante a enchente....
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Diversidade; Limnologia; Pulso de inundação; Similaridade.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-81752007000200029
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Fitossociologia de uma floresta inundável monodominante de Vochysia divergens Pohl (Vochysiaceae), no Pantanal Norte, MT, Brasil Acta Botanica
Arieira,Julia; Cunha,Cátia Nunes da.
Cambarazais são formações florestais monodominantes de Vochysia divergens Pohl. O rápido espalhamento de cambarazais em campos sazonalmente inundados no Pantanal tem sido considerado um efeito de mudanças climáticas ocorridas em ciclos plurianuais. Realizado na RPPN SESC Pantanal, Barão de Melgaço, Mato Grosso (Brasil), o presente estudo, inserido no Programa de Pesquisas Ecológicas de Longa Duração (PELD), teve por objetivo analisar a estrutura do cambarazal presente na Reserva, ao longo de um gradiente hidro-topográfico. Os dados fitossociológicos foram coletados em quatro áreas de 1 ha (100×100 m). Todos os indivíduos com CAP (Circunferência à Altura do Peito) > 5 cm foram identificados, medidos seus perímetros e estimadas suas alturas. Um total de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Estrutura; Cambarazal; Planície de inundação; Monodominância; Pulso de inundação.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062006000300007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Importância socioambiental da conservação do pulso de inundação do Pantanal. Infoteca-e
CALHEIROS, D. F..
2010
Tipo: Artigo de divulgação na mídia (INFOTECA-E) Palavras-chave: Pulso de inundação.
Ano: 2010 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/859027
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Influência do ciclo hidrológico na dieta e estrutura trófica da ictiofauna do Rio Cuiabá, Pantanal Mato-Grossense Iheringia, Sér. Zool.
Corrêa,Carlos Eduardo; Petry,Ana Cristina; Hahn,Norma S.
Este estudo teve como objetivo avaliar a influência do ciclo hidrológico sobre a dieta e estrutura trófica da ictiofauna no Pantanal. Foram realizadas amostragens mensais entre março de 2000 e fevereiro de 2001, no rio Cuiabá e na lagoa Chacororé. A análise dos conteúdos estomacais de 58 espécies permitiu o reconhecimento de oito categorias tróficas. Peixes das categorias piscívora, detritívora e lepidófaga foram os que apresentaram menor variação na composição da dieta em ambos os ambientes, independente do período hidrológico. Os efeitos do pulso de inundação foram pronunciados na abundância numérica e na biomassa das categorias detritívora e omnívora, enquanto variações nestes parâmetros apresentaram-se relacionadas ao tipo de ambiente para as...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Alimentação; Estrutura trófica; Pulso de inundação; Peixes neotropicais.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0073-47212009000400018
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Padrão de distribuição espacial de Vochysia divergens Pohl. e Mouriri guianensis Aubl. em uma floresta inundável monodominante no Pantanal Norte, Brasil. Repositório Alice
LIMA JÚNIOR, G. A.; MAGALHÃES, S. R. de; SILVA, K. E. da; BRAZÃO, C. M. dos S. C.; CUNHA, C. N. da; MARTINS, S. V..
O objetivo deste estudo é descrever o padrão espacial da comunidade e de duas espécies selecionadas (V. divergens e Mouriri guianensis), a fim de contribuir para o entendimento dos processos geradores da distribuição dos indivíduos e populações na comunidade.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Pulso de inundação; Função K de Ripley; Cambarazal.
Ano: 2012 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/946954
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Relatório técnico: pulso de inundação, diversidade e biologia dos peixes na Baía do Tuiuiú, Pantanal Sul. Infoteca-e
RESENDE, E. K. de; SALIS, S. M. de; ISHII, I. H.; SANTOS, R. A. C. P.; MOURA, H. C. G. de; MONACO, I. de A.; FERREIRA, L. K. S. G.; SILVA, L. W. da..
O Pantanal é conhecido pela sua riqueza ictiofaunística e constitui região de pesca visitada por muitos pescadores esportivos. Mas o que faz com que esse tipo de ambiente inundável seja tão rico em peixes? Esse artigo se propõe a responder a essa questão, mostrando que o pulso de inundação, o encher e secar a cada ano, típico de ambientes inundáveis, é o processo ecológico que regula sua fauna e flora, particularmente os peixes. Para tanto foi escolhido um braço abandonado do Rio Paraguai, denominado localmente como Baía do Tuiuiú, onde se estudou o ambiente, em termos de vegetação circundante, as características limnológicas de suas águas e suas relações com os peixes ocorrentes em termos de composição, riqueza, diversidade e suas estratégias de vida.
Tipo: Documentos (INFOTECA-E) Palavras-chave: Pulso de inundação; Peixe; Inundação; Ecologia aquática; Fish; Floods; Aquatic ecosystems.
Ano: 2016 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1053104
Registros recuperados: 11
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional