Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: 

RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 3
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Correção de estenose de narina – Relato de caso 195
Mazzaro, L.; Leon-Roman, M. A..
A estenose de narina é o estreitamento dos orifícios nasais que fica reduzido a uma pequena fenda, sendo causada por malformações congênitas das cartilagens nasais. É observada comumente em raças braquicefálicas. As raças mais afetadas são: buldogue francês e inglês, boston terrier, pequinês, pug, shih tzu, boxer, lhasa apso e mastiff e, em alguns gatos de focinho curto como o persa. Não há predisposição de sexo e a sintomatologia se manifesta a partir de dois a quatro anos de idade. Animais com orifícios nasais estenosados, durante a inspiração, apresentam deslocamento medial da asa da narina, colapsando e fechando o espaço aéreo. Na presença de oclusão total, a respiração fica dependente da cavidade oral. Uma vez que as irregularidades impedem o fluxo de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Estenose de narina; Rinoplastia; Braquicefálicos.
Ano: 2016 URL: http://www.revistamvez-crmvsp.com.br/index.php/recmvz/article/view/31887
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Reconstrução de ponte nasal com tela de titânio após exérese tumoral em um cão 65
Krüger,Renan Marcel; Colomé,Lucas Marques; Müller,Daniel Curvello de Mendonça; Gomes,Cristiano; Amaral,Anne Santos do.
O presente trabalho relata o uso de tela de titânio como alternativa para reconstrução do defeito ósseo criado pela ressecção agressiva de carcinoma de células escamosas da ponte nasal em cão. Após o tratamento quimioterápico com 5-fluorouracil tópico e sistêmico associado à piroxicam para a redução da massa tumoral, foi realizada a ressecção cirúrgica da região comprometida e reparo do defeito ósseo com tela de titânio e posterior recobrimento com retalho músculo-cutâneo unipediculado de avanço. A principal complicação no período pós-operatório foi a formação de enfisema subcutâneo, controlado em três dias com drenagem do ar e aplicação de bandagens compressivas. O animal permaneceu sem sinais de recidiva por oito meses. No décimo mês pós-operatório, o...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Rinoplastia; Implante; Carcinoma de células escamosas.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782011000300019
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Rinoplastia experimental com enxerto autógeno de costela em cães 45
Santos Junior,E.B.; Contesini,E.A.; Beheregaray,W. K.; Schiochet,F.; Pöppl,A.; Moura,L.; Pelizari,M.; Kroth,E..
O uso de costela autógena para correção de defeito criado no osso nasal em cães foi utilizado em 15 animais, separados em três grupos de pós-operatório, em que, após 30, 60 e 90 dias, finalizavam-se seus acompanhamentos. Cada grupo era composto de quatro animais enxertados e um animal-controle, no qual se utilizava o material do próprio defeito criado para coaptação. Os animais receberam monitoração clínica diária, e a integração do enxerto foi avaliada com exames radiográficos obtidos a cada 15 dias, quando se realizou o exame histológico. A técnica cirúrgica foi de fácil execução e possui praticidade em seu uso e foi suficiente para a correção de todos os defeitos criados. O efeito estético foi satisfatório, os exames radiográficos comprovaram a...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cão; Rinoplastia; Enxerto; Costela.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352008000200011
Registros recuperados: 3
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional