Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: 

RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 9
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Determinação do sexo da Tuvira Gymnotus sp. através da análise de imagem de ultra-som 14
ROTTA, M. A.; PEDROSO, M. F.; ACORCI, L. C..
A tuvira (Gymnotus sp.) é um peixe muito conhecido no Pantanal por ser amplamente utilizado como isca viva pela pesca esportiva. Visto os problemas inerentes à sua coleta na natureza, como degradação ambiental e as condições desumanas de trabalho, faz-se necessário buscar alternativas para sua produção, como a criação em cativeiro. Entretanto, ainda não há uma técnica simples e não invasiva para a sexagem deste peixe. Deste modo, este trabalho tem por objetivo verificar a possibilidade de se utilizar a ultra-sonografia na determinação do sexo da tuvira. Foram avaliados 100 reprodutores coletados nos viveiros de reprodutores, os quais foram submetidos à análise individual de ultra-som utilizando-se um aparelho portátil (ALOKA C.O. LTD. Modelo SSD-500) com...
Tipo: Folhetos Palavras-chave: Sexagem; Piscicultura; Reprodução.
Ano: 2007 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/785625
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Dimorfismo sexual de tamanho no fura-barreira Hylocryptus rectirostris (Wied) (Aves, Furnariidae) 104
Faria,Luciene P.; Carrara,Lucas A.; Rodrigues,Marcos.
O fura-barreira Hylocryptus rectirostris é uma ave endêmica das matas ciliares da região do Cerrado, considerada rara a incomum e prioritária para pesquisa. A ausência de dimorfismo sexual aparente é o padrão disseminado entre os Furnariidae, no entanto, para algumas espécies da família foram encontradas diferenças morfométricas entre os sexos, sugerindo pressões evolutivas e exigências ecológicas distintas entre machos e fêmeas. O objetivo deste trabalho foi verificar a existência de dimorfismo sexual de tamanho de uma população de H. rectirostris do Parque Nacional da Serra do Cipó, Minas Gerais, sugerindo uma hipótese capaz de explicar a diferença observada entre os sexos. Para tanto foram tomadas sete medidas corporais de 21 indivíduos (13 machos e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Asa; Cauda; Morfometria; Sexagem; Territorialismo.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-81752007000100027
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Dimorfismo sexual do gorgulho-da-goiaba Conotrachelus psidii Marshall (Coleoptera: Curculionidae) 82
Silva-Filho,Gilson; Bailez,Omar E.; Viana-Bailez,Ana M..
Este trabalho teve como objetivo determinar diferenças que permitam identificar o sexo de adultos de Conotrachelus psidii Marshall, 1922. Gorgulhos coletados em um pomar comercial de goiaba foram individualizados em caixas e mantidos em laboratório. Diariamente, dez gorgulhos eram agrupados e seu comportamento observado. Durante o acasalamento, os machos e as fêmeas eram identificados. Cinqüenta gorgulhos de cada sexo foram sacrificados e observados sob microscópio estereoscópico. Foram examinadas a inserção da antena no rostro e a distribuição de pilosidade na superfície do tórax e abdome. Também, foi medido o comprimento e a largura do corpo, pronoto, último esternito abdominal e rostro. Do ponto de vista comportamental, machos emitem sons por...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Sexagem; Goiabeira; Estridulação.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-566X2007000400006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito de diferentes meios de cultivo no desenvolvimento e proporção do sexo de embriões bovinos produzidos in vitro 45
Gilardi,S.G.T.; Sá,W.F.; Camargo,L.S.A.; Ferreira,A.M.; Machado,M.A.; Serapião,R.V.; Soares,A.B.M.; Pinho,T.G.; Viana,J.H.M..
Avaliou-se o efeito da suplementação de meios de cultivo sobre o desenvolvimento e proporção do sexo de embriões bovinos fertilizados in vitro. Complexos cumulus-oócitos obtidos de ovários de matadouro foram maturados e fertilizados in vitro. Os zigotos (n= 484) foram distribuídos aleatoriamente em meio CR2aa, contendo soro fetal bovino (SFB) (T1), albumina sérica bovina (BSA) (T2) ou BSA mais insulina:transferrina:selênio e vitaminas (BSA+) (T3), no cultivo embrionário in vitro, a uma atmosfera de 5% CO2 a 38,8ºC em ar. A taxa de clivagem foi observada 72-76 horas pós-fertilização (PF) e a taxa de blastocistos com sete e oito dias PF. Os blastocistos (n= 63) foram sexados pela técnica de reação em cadeia de polimerase. A taxa de clivagem em T2 foi maior...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Bovino; Cultivo embrionário; Sexagem.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352004000500009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Masculinização da tilápia do Nilo, Oreochromis niloticus, utilizando diferentes rações e diferentes doses de 17 a-metiltestosterona 96
Mainardes-Pinto,Cleide Schmidt Romeiro; Fenerich-Verani,Nelsy; Campos,Benedito Espírito Santo de; Silva,Alexandre Livramento da.
Os objetivos deste estudo foram comparar a eficiência de duas rações 1 (NUTRAVIT) e 2 (IP), ambas com 40% de proteína bruta, contendo o andrógeno sintético 17 a-metiltestosterona (MT), e analisar a dosagem mais efetiva desse hormônio na reversão sexual da Tilápia do Nilo, Oreochromis niloticus, por intermédio da análise histológica das gonadas e da sexagem dos exemplares. Foram utilizadas 9600 larvas de tilápia do Nilo, com 7 dias de vida, recebendo os seguintes tratamentos, por um período de 45 dias: A - 30 mg MT/kg de ração 1; B - 60 mg MT/kg de ração 1; C - 30 mg MT/kg ração 2; D - 60 mg MT/kg ração 2 e dois grupos controle: E e F, rações 1 e 2, respectivamente, sem hormônio. Os resultados dos testes qui-quadrado das freqüências de indivíduos machos e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Metiltestosterona; Oreochromis niloticus; Reversão sexual; Sexagem.
Ano: 2000 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982000000300003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Morfometria e histologia das gônadas de machos e fêmeas recém-eclodidos de Podocnemis expansa e Podocnemis unifilis (Testudines, Podocnemididae) - doi: 10.4025/actascibiolsci.v34i1.7257 3
Malvasio, Adriana; Universidade Federal do Tocantins - UFT; Nascimento-Rocha, Josefa Moreira do; Universidade Federal do Tocantins - UFT; Santos, Helcileia Dias; Universidade Federal do Tocantins - UFT; Ataídes, Adson Gomes de; Universidade Federal do Tocantins - UFT; Portelinha, Thiago Costa Gonçalves; Universidade Federal do Tocantins - UFT.
P. expansa e P. unifilis. Todos os espécimes utilizados neste trabalho foram procedentes do rio Javaés, entorno do Parque Nacional do Araguaia, Estado do Tocantins, Brasil. Após estudo sob estereomicroscópio, foram coletadas as gônadas para o procedimento histológico de rotina. Foram analisadas 187 amostras de P. expansa, das quais 81,2% foram identificadas como fêmeas e 18,7% como machos; e 98 de P. unifilis, das quais 31,6% eram fêmeas e 68,4% machos. Não foram verificadas diferenças microscópicas relevantes na sexagem entre estas espécies. Os critérios utilizados no diagnóstico microscópico foram principalmente a morfologia das gônadas, a presença do apêndice no oviduto remanescente, a morfologia do oviduto e as características das células de...
Palavras-chave: 2.04.00.00-4 tartarugas; Sexagem; Ovário; Testículo; Microscopia; Tocantins 2.04.00.00-4 turtles; Sexing; Ovary; Testicle; Microscopy; Tocantins.
Ano: 2011 URL: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciBiolSci/article/view/7257
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
PASSO a passo para envio de material genético para sexagem de peixes. 14
O passo a passo detalha que a análise é feita com uma amostra de DNA de cada peixe. Os procedimentos para envio. Como contratar o serviço? Como conseguir os materiais para a coleta de nadadeira? Como enviar o material genético? Qual é o prazo para receber o resultado? Como obter o resultado? Qual o valor do serviço? Como é o pagamento?
Tipo: Folders Palavras-chave: Sexagem; Material genético; Peixe; Pirarucu; Tambaqui; Aquicultura; Piscicultura.
Ano: 2022 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1145905
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Sexagem de embriões bovinos fecundados in vitro pela técnica de PCR multiplex 62
LUZ,Marcelo Rezende; WATANABE,Yeda Fumie; FERRO,Jesus Aparecido; FERRO,Maria Inês T.; MAURO,Sônia Marli Singaretti de; HOSSEPIAN DE LIMA,Vera Fernanda Martins; FRANCESCHINI,Paulo Henrique.
Neste trabalho, a técnica de PCR ("polymerase chain reaction") foi utilizada para a sexagem de 92 embriões bovinos fertilizados in vitro. Os embriões originaram-se de fertilização in vitro de oócitos aspirados de ovários de fêmeas bovinas, provenientes de abatedouros comerciais. Os oócitos foram maturados, fertilizados e cultivados até o estádio de blastocisto. Os embriões foram lavados em solução de PBS, transferidos para tubos de polipropileno contendo água ultrapura, e imediatamente congelados a -196ºC. Os embriões foram descongelados sobre isopor contendo gelo picado e tratados com proteinase K. Para a reação de PCR, utilizaram-se alíquotas de 34 µl de cada tudo, onde foram acrescidos dois pares de primers, seqüência BC1.2 e seqüência satélite 1.715,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Sexagem; Embrião; Bovino; PCR.
Ano: 2000 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-95962000000600006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Técnica simples para identificação de fêmeas de tilápia nilótica (Oreochromis niloticus) realizando incubação oral dos ovos 65
Rotta,Marco Aurélio; Afonso,Luís Orlando Bertolla.
Em laboratórios de aquacultura que trabalham com reprodução de tilápia nilótica (Oreochromis niloticus) utilizando água cristalina, é freqüentemente necessário verificar se as fêmeas estão realizando incubação oral dos ovos. Quando não se tem prática a olho nu, essa constatação torna-se difícil e demorada. Nos casos em que não se consegue identificar visualmente a incubação, é necessário o uso de técnicas que estressam as fêmeas e que, freqüentemente, danificam os ovos. O presente trabalho descreve uma técnica simples para a identificação de fêmeas de tilápia nilótica que estão realizando incubação oral, em água cristalina, através do uso de espelho. Os resultados demonstram que é possível identificar as fêmeas realizando incubação oral com 100% de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Desova; Estresse; Sexagem; Espelho; Água cristalina.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782001000300028
Registros recuperados: 9
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional