Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 48
Primeira ... 123 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Antecipação da colheita na qualidade fisiológica de sementes de soja Bragantia
Terasawa,José Maurício; Panobianco,Maristela; Possamai,Edilberto; Koehler,Henrique Soares.
O retardamento da colheita a partir da maturidade fisiológica pode influenciar negativamente a qualidade da semente devido a sua exposição a condições menos favoráveis do ambiente. Normalmente, o produtor aguarda a redução de umidade das sementes e inicia a colheita tão logo seja possível efetuá-la. A pesquisa teve por objetivo avaliar a influência da colheita da soja, com diferentes teores de água, sobre a qualidade fisiológica das sementes produzidas, procurando-se determinar o melhor momento de colheita antecipada para a cultura. Para tanto foram realizados experimentos na safra 2006/2007 com duas cultivares: FTS Campo Mourão RR e FTS Cascavel RR, de ciclo precoce e semiprecoce, respectivamente, sendo as sementes de cada cultivar colhidas no estádio R8,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Glycine max; Teor de água; Germinação; Vigor.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87052009000300025
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da qualidade fisiológica em sementes de quinze progênies de maracujá amarelo. Repositório Alice
NASCIMENTO, W. M. O.; TOMÉ, A. T.; OLIVEIRA, M. S. P.; CARVALHO, J. E. U.; MÜLLER, C. H..
2001
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Maracujá; Semente; Fisiologia; Germinação; Vigor; Teor de água; Progênie.
Ano: 2001 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/403275
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de três modelos dielétricos derivados da função [(épsilon'-1)/épsilon"] na estimativa do teor de água de sementes de feijão AGRIAMBI
Berbert,Pedro A.; Queiroz,Daniel M. de; Sousa,Elias F. de; Viana,Alexandre P.; Detmann,Edenio; Carlesso,Vinícius de O..
Sensores capacitivos operando em radiofreqüências são considerados ferramentas mais adequadas para a estimativa on-line do teor de água de grãos por meio de sua utilização na medição da permissividade elétrica relativa (épsilon') e do fator de perda dielétrica (épsilon'') desses produtos. No entanto, devido à impossibilidade de controlar o fluxo de massa de grãos em movimento, há que se buscar soluções para a redução da influência da massa específica aparente (ro) nos resultados obtidos com esse tipo de sensor, em que a melhor alternativa tem sido a utilização de modelos dielétricos que correlacionem épsilon' e épsilon'' ao teor de água e que sejam independentes de ro. Sendo assim, o objetivo desse trabalho consistiu na avaliação do grau de acurácia dos...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Instrumentação; Modelos dielétricos; Teor de água; Phaseolus vulgaris L..
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-43662004000100014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação do vigor de sementes de carambola em função da secagem e do armazenamento AGRIAMBI
Oliveira,Marcia T. R. de; Berbert,Pedro A.; Vieira,Henrique D.; Thiébaut,José T. L.; Carlesso,Vinicius de O.; Pereira,Rozimar de C..
Neste estudo se avaliaram os efeitos imediato e latente da temperatura do ar de secagem no vigor das sementes de carambola, em condições controladas de laboratório. O vigor foi estimado por meio do índice de velocidade de germinação (IVG) e do tempo médio de germinação (t médio). Os testes de secagem foram realizados em secador protótipo de camada delgada a 30, 34 e 38 °C, empregando-se fluxo tangencial de ar seco de 1,123 kg s-1 m-2. O efeito latente das condições de secagem sobre o vigor foi determinado armazenando-se as sementes durante 45, 60, 90, 180 e 270 dias, a 15 °C. Não se observou efeito imediato significativo da secagem para nenhuma das temperaturas avaliadas, sobre o vigor das sementes estimado, tanto pelo IVG quanto pelo t médio. Em relação...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Averrhoa carambola; Qualidade fisiológica; Teor de água; Índice de velocidade de germinação.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-43662009000400016
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cinética da secagem de clones de café (Coffea canephora Pierre) em terreiro de chão batido Acta Amazonica
Resende,Osvaldo; Rodrigues,Silvestre; Siqueira,Valdiney Cambuy; Arcanjo,Renan Vieira.
Objetivou-se com o presente trabalho estudar a cinética da secagem de quatro clones de café da espécie Coffea canephora submetidos à secagem em terreiro de chão batido, bem como ajustar diferentes modelos matemáticos aos valores experimentais selecionando aquele que melhor representa o fenômeno em estudo. Foram utilizados frutos de café dos clones: Cpafro 194, Cpafro 193, Cpafro 167 e Cpafro180, colhidos com os teores de água iniciais de 1,20; 1,32; 1,51 e 1,46 (decimal base seca (b.s.)), respectivamente. A secagem prosseguiu em terreiro de chão batido até que o produto atingisse o teor de água de 0,137; 0,133; 0,142 e 0,140 (decimal b.s.) respectivamente para os clones Cpafro 194, Cpafro 193, Cpafro 167 e Cpafro 180. Aos dados experimentais foram...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Modelagem matemática; Teor de água; Processamento; Pós-colheita.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59672010000200002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cinética de secagem de grãos de soja: influência varietal. Repositório Alice
BOTELHO, F. M.; HOSCHER, R. H.; HAUTH, M. R.; BOTELHO, S. de C. C..
Objetivou-se, com o presente trabalho, ajustar diferentes modelos matemáticos aos dados experimentais da secagem de grãos de quatro variedades de soja, selecionando aquele que melhor descreve as curvas de secagem. Além disso, buscou-se determinar o coeficiente de difusão efetivo e a energia de ativação para a secagem de grãos de soja das variedades analisadas. Foram utilizados grãos de soja de variedades precoces (NS7901RR e TMG1180RR) e de ciclo médio (TMG132RR e P98Y70). Os grãos foram submetidos à secagem em estufa de convecção mecânica (ar forçado) nas temperaturas de 40, 50, 60 e 70 °C. Verificou-se que, de todos os modelos ajustados, o de Midilli foi o único que apresentou ajuste adequado para todas as variedades e em todas as condições de secagem...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Teor de água; Moisture Content; Glycine Max; Modelo Matemático; Mathematical models.
Ano: 2018 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1098726
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
CINÉTICA DE SECAGEM DE GRÃOS DE SOJA: INFLUÊNCIA VARIETAL Engenharia na Agricultura
Mendes Botelho, Fernando; Henrique Hoscher, Renata; Rosemari Hauth, Michele; de Carvalho Campos Botelho, Sílvia.
Objetivou-se, com o presente trabalho, ajustar diferentes modelos matemáticos aos dados experimentais da secagem de grãos de quatro variedades de soja, selecionando aquele que melhor descreve as curvas de secagem. Além disso, buscou-se determinar o coeficiente de difusão efetivo e a energia de ativação para a secagem de grãos de soja das variedades analisadas. Foram utilizados grãos de soja de variedades precoces (NS7901RR e TMG1180RR) e de ciclo médio (TMG132RR e P98Y70). Os grãos foram submetidos à secagem em estufa de convecção mecânica (ar forçado) nas temperaturas de 40, 50, 60 e 70 °C. Verificou-se que, de todos os modelos ajustados, o de Midilli foi o único que apresentou ajuste adequado para todas as variedades e em todas as condições de secagem...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pré-processamento de produtos agrícolas Glycine max L. Merrill; Modelos matemáticos; Teor de água.
Ano: 2018 URL: http://www.seer.ufv.br/seer/index.php/reveng/article/view/807
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comparação entre terrenos híbrido e de concreto na secagem do café conilon processado por via seca e úmida. Repositório Alice
RESENDE, O.; SIQUEIRA, V. C.; AFONSO JUNIOR, P. C.; CORRÊA, P. C..
Analisar a utilização do terreiro de concreto e do terreiro híbrido como métodos distintos para a secagem do café conilon (Coffea canephora Pierre) nas condições climáticas do estado de Rondônia, bem como a eficiência deste último, foram os principais objetivos que incentivaram a realização do presente trabalho. O café foi colhido, manualmente, pelo sistema de derriça no pano com teor de água de aproximadamente 50% (b.u.). Depois da colheita o produto foi segregado por diferença de massa específica em dois lotes: cerejas e boia. Em seguida, para o processamento via úmida, os frutos cereja foram conduzidos ao descascador, obtendo-se os lotes cereja descascado e verde. Posteriormente, os quatro lotes de café (cereja, verde, boia e cereja descascado) foram...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Eficiência de secagem; Teor de água; Tipos de pavimentos.
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/902256
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comportamento de hidratação e qualidade fisiológica das sementes de arroz Bragantia
Bortolotto,Rafael Pivotto; Menezes,Nilson Lemos de; Garcia,Danton Camacho; Mattioni,Nilson Matheus.
O trabalho teve como objetivo verificar a relação existente entre o comportamento da curva de hidratação de sementes de arroz e sua qualidade fisiológica. Foram utilizados seis lotes de sementes de arroz, sendo três da cultivar IRGA 417 e três da cultivar IRGA 422 CL, inicialmente submetidos a testes para caracterizar o potencial fisiológico dos lotes: germinação, primeira contagem de germinação, envelhecimento acelerado, frio sem terra, condutividade elétrica, comprimento de plântula, massa seca de plântula e emergência em campo. Posteriormente, foi determinada a curva de hidratação das sementes de cada lote. Conclui-se que a qualidade fisiológica afeta o teor de água alcançado pelas sementes de arroz durante a hidratação, e nas sementes menos vigorosas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Oryza sativa; Teor de água; Germinação.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87052008000400023
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comportamento mecânico dos grãos de feijão submetidos a compressão AGRIAMBI
Resende,Osvaldo; Corrêa,Paulo C.; Ribeiro,Deise M.; Figueiredo Neto,Acácio.
Verificar a influência do teor de água nos valores da força máxima de compressão para deformações fixas e determinar o módulo proporcional de deformidade de grãos de feijão submetidos a compressão em três diferentes posições, foram os principais objetivos que estimularam o presente trabalho. Para isto, utilizaram-se grãos de feijão com teores de água variando de 0,13 a 0,45 (b.s.) comprimidos uniaxicialmente, entre duas placas paralelas, na direção de suas três dimensões essenciais. A partir dos resultados obtidos, conclui-se que a força de compressão necessária para deformar o feijão diminui com o aumento do teor de água, sendo maior para a direção perpendicular à divisão dos cotilédones (posição natural de repouso). O módulo proporcional de deformidade...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Propriedades reológicas; Módulo proporcional de deformidade; Teor de água.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-43662007000400010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Condicionamento fisiológico de sementes de milheto Rev. bras. sementes
Peske,Fabrício Becker; Novembre,Ana Dionisia da Luz Coelho.
A pesquisa foi realizada com o objetivo de avaliar o condicionamento fisiológico de sementes de três lotes de milheto do cultivar BRS 1501. Os tratamentos consistiram da testemunha, sementes hidratadas em água pura (potencial zero) e em oito potenciais de solução aquosa de PEG 6000 (-0,1; -0,2; -0,4; -0,6; -0,8; -1,0; -1,2 e -1,4 MPa). As sementes foram avaliadas quanto ao teor de água, germinação (total e primeira contagem de germinação), emergência da plântula (total e índice de velocidade de emergência da plântula), testes de envelhecimento acelerado e de condutividade elétrica. Os resultados indicaram que as sementes de milheto emitem a raiz primária ao atingirem 33% de água, porém, como esperado, na medida em que aumentou a concentração de PEG, maior...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Pennisetum glaucum; Teor de água; Osmocondicionamento.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-31222010000400015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Conservação de sementes de maracujá-amarelo: interferências do teor de água das sementes e da temperatura de armazenamento Bragantia
Fonseca,Samara Camargo Lopes; Silva,Walter Rodrigues da.
Buscando embasamento para a definição de alternativas tecnológicas voltadas a desacelerar a deterioração durante o armazenamento, a pesquisa objetivou estudar, através de variações no teor de água das sementes e na temperatura do ambiente de armazenamento, o comportamento fisiológico de sementes de maracujazeiro. O experimento, realizado entre julho de 2002 e agosto de 2003 no Laboratório de Análise de Sementes localizado na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (USP), foi realizado com sementes de maracujá-amarelo (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Deg.) produzidas em Mogi Mirim/ SP a partir de polinização aberta entre híbridos da Série IAC 270. Após a retirada da mucilagem das sementes, foi determinado o grau de umidade inicial do lote e,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Passiflora edulis; Sementes; Teor de água; Conservação; Armazenamento.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87052005000200015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Controle da hidratação para o condicionamento osmótico de sementes de aspargo Rev. bras. sementes
Bittencourt,Mário Lúcio Carvalho; Dias,Denise Cunha Fernandes dos Santos; Araújo,Eduardo Fontes; Dias,Luiz Antônio dos Santos.
Como o aspargo apresenta a germinação da semente e a emergência da plântula lentas, justifica-se o uso de técnicas que acelerem a germinação, como o condicionamento osmótico das sementes. Inicialmente, para definir as melhores condições de condicionamento das sementes, é necessário conhecer os padrões de embebição dessas sementes para se ter um controle adequado da hidratação. Assim, este trabalho teve como objetivo conhecer o padrão de embebição das sementes de aspargo com vistas ao seu condicionamento osmótico. Utilizaram-se quatro lotes de sementes de aspargo, cultivar Mary Washington, determinando-se as curvas de embebição das sementes, para cada lote, em água destilada, em PEG 6000 a -1,0MPa e -1,2MPa e em água do mar a -3,3MPa, em BOD a 25(0)C. Para...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Asparagus officinalis; Teor de água; PEG 6000.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-31222004000200014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Deterioração controlada para avaliar o potencial fisiológico de sementes de beterraba Horticultura Brasileira
Silva,Josué B; Vieira,Roberval D.
Sementes de hortaliças quase sempre apresentam elevado valor comercial, motivo pelo qual devem ter o potencial fisiológico eficientemente avaliado. O teste de deterioração controlada é um dos recomendados para avaliação do vigor de sementes pequenas, como as de beterraba. O objetivo do trabalho foi determinar o melhor procedimento para a condução de referido teste em sementes de beterraba e sua relação com a emergência de plântulas em campo. Foram utilizados sete lotes de sementes da cultivar Top Tall Early Wonder, adquiridos no comércio. Após lavagem em água corrente, as sementes foram submetidas aos testes de germinação, velocidade de germinação, envelhecimento acelerado, emergência de plântulas em campo, velocidade de emergência e deterioração...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Beta vulgaris; Germinação; Teor de água.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362012000300004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Determinação da difusividade e da energia de ativação para feijão macassar (Vigna unguiculata (L.) Walp.), variedade sempre-verde, com base no comportamento da secagem REA
Silva,Wilton P. da; Mata,Mário E. R. M. C.; Silva,Cleiton D. P. S. e; Guedes,Manoel A.; Lima,Antonio G. B..
Neste artigo, teve-se o objetivo de determinar curvas de secagem em camada fina para grãos de feijão macassar, variedade sempre-verde. Visou-se, também, à determinação da difusividade efetiva da água no interior do produto, bem como a energia de ativação. Para tal, foram utilizadas amostras com 150 g de feijão com teor inicial de água de 37% (bu), nas temperaturas de 40; 50 e 60 ºC. A velocidade do ar do secador convectivo foi mantida em 1,0 m s-1 e, durante todo o processo, os valores médios da temperatura e da umidade relativa do ar ambiente foram, respectivamente, 29 ºC e 58%. A difusividade efetiva da água no produto foi determinada, em cada temperatura, por meio da lei de Fick, pressupondo um modelo esférico para os grãos. Uma expressão para a...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Modelo de Page; Segunda lei de Fick; Teor de água; Grãos esféricos.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-69162008000200013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Difusividade térmica aparente de sementes de cajá em temperaturas acima do congelamento até ultrabaixas temperaturas AGRIAMBI
Gama,Marcos J. de A.; Mata,Mario E. R. M. Cavalcanti; Duarte,Maria E. M.; Aragão,Renato F.; Farias,Paulo de A..
O objetivo do trabalho foi determinar a difusividade térmica aparente de sementes de cajá avaliando o efeito da variação do teor de água e da temperatura e ajustar diferentes modelos matemáticos aos valores experimentais. Sementes com a faixa de teor de água de 6,05 a 61,84% (b.u.) foram submetidas a secagem e à temperatura de 40 ºC. A redução do teor de água ao longo da secagem foi acompanhada pelo método gravimétrico (perda de massa) enquanto a difusividade térmica aparente da semente de cajá foi determinada pelo método de Dickerson. Concluiu-se que a difusividade térmica aparente, em temperatura acima do congelamento e em ultrabaixas temperaturas em função do teor de água (b.u), podem ser representados satisfatoriamente por um modelo de regressão linear...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Spondias lutea; Propriedade termofísica; Teor de água; Modelo matemático.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-43662012000300011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeitos do condicionamento fisiológico e da secagem na germinação e no vigor de sementes de cenoura Rev. bras. sementes
Balbinot,Ernando; Lopes,Higino Marcos.
O condicionamento fisiológico de sementes foi avaliado sob diferentes metodologias, incluindo a imersão de sementes em soluções aeradas, seguidas ou não de secagem. O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos do condicionamento osmótico em sistema aerado seguido de secagem sobre a germinação e o vigor de sementes de cenoura, cultivar Brasília. Utilizaram-se sementes submersas em 40mL de água destilada e em soluções de PEG-6000, nas concentrações de 161,30 e 240,97g.L-1 a 15ºC, correspondentes aos potenciais hídricos de -0,4 e -0,8MPa, durante os períodos de 12, 24 e 48 horas. As sementes após o condicionamento, foram submetidas à secagem em estufa com circulação de ar, a 35ºC, por 1, 2, 3, 4, e 5 horas, determinando-se o teor de água das sementes. Os...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Daucus carota L.; Priming; Teor de água.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-31222006000100001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estratégias de aeração de milho armazenado: temperatura e teor de água REA
Nascimento,Vânia R. G.; Queiroz,Marlene R. de.
O objetivo deste trabalho consistiu em avaliar e comparar o desempenho de três diferentes estratégias de aeração de milho armazenado: aeração contínua, aeração noturna e aeração em condições de equilíbrio higroscópico entre os grãos e o ar ambiente. Utilizaram-se grãos de milho com dois níveis de teor de água; 11% e 17%. Realizou-se monitoramento contínuo da temperatura, e amostras de grãos foram retiradas durante os ensaios para análise do teor de água. Observou-se que todas as estratégias de aeração favoreceram a redução da temperatura nos grãos secos (11%) e umidificados (17%). A estratégia de aeração contínua foi a mais eficiente em grãos úmidos, uma vez que evitou aquecimento dos grãos durante o armazenamento. Nenhuma estratégia de aeração manteve a...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Armazenagem; Conservação de grãos; Temperatura; Teor de água.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-69162011000400013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estudo granulométrico de grãos de soja normal e transgênico REA
Milani,Adhemar P.; Bidóia,Vitor S.; Perecin,Dilermando.
Este trabalho foi desenvolvido com o propósito de estudar o comportamento granulométrico de grãos de soja em função da variação do teor de água. A pesquisa foi realizada com seis variedades, sendo duas transgênicas e quatro comuns, com os teores de água de 10%, 12%, 15%, 20% b.s. A granulometria foi determinada utilizando-se de seis subamostras de 120 grãos para cada teor de água, e as suas dimensões (comprimento, largura e espessura) obtidas por meio de paquímetro digital. Os resultados indicaram que cada variedade de soja comportou-se de maneira diferenciada e que as comuns tiveram comportamento granulométrico diferenciado das transgênicas.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Granulometria; Teor de água; Variedades de soja.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-69162009000400015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Exploratory Repositório Alice
FIGUEIREDO, M. A. de; COELHO, S. V. B.; ROSA, S. D. V. F. da; VILELA, A. L.; SILVA, L. C..
Cryopreservation is a viable option for conservation of coffee germplasm. However, for this technique to be completely successful, it is of fundamental importance to carry out studies that ensure maintenance of cell integrity before and after immersion in liquid nitrogen (LN). Therefore, the aim in this study was to investigate the water content, cooling rate, and final temperature most suitable for cryopreservation of Coffea arabica L. seeds. The seeds were dried by silica gel to water contents of 5, 10, 15, 20, 30 and 40 % wb, subjected to slow cooling treatments at speeds of -1, -3 and -5 °C min.-1 to final temperatures of -40, -50 and -60 °C and then directly immersed in LN. After storage, seeds were rewarmed at 40 °C for two minutes. The survival rate...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Coffee; Slow cooling; Liquid nitrogen; Sílica gel; Teor de água; Resfriamento lento; Nitrogênio líquido; Café; Silica gel; Water content.
Ano: 2017 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1081992
Registros recuperados: 48
Primeira ... 123 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional