Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 8
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alterações cardiovasculares de gatos submetidos à toracotomia intercostal, pré-medicados com associação de tramadol, butorfanol e atropina e anestesiados com propofol e halotano Ciência Rural
Brondani,Juliana Tabarelli; Natalini,Cláudio Corrêa; Schossler,João Eduardo Wallau; Pinto Filho,Saulo Tadeu Lemos; Bertin,Adriana Paula.
A toracotomia é um procedimento cirúrgico que produz estímulo doloroso intenso. O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito cardiovascular da associação tramadol, butorfanol e atropina na medicação pré-anestésica de gatos anestesiados com propofol e halotano. Doze animais, SRD, machos ou fêmeas, com peso médio de 2,7 ± 0,62kg receberam como medicação pré-anestésica (MPA), a associação de tramadol (2,0mg kg-1), butorfanol (0,4mg kg-1) e atropina (0,044mg kg-1), via intramuscular. Trinta minutos após MPA, a indução foi realizada com propofol (5,0mg kg-1) por via intravenosa. A manutenção anestésica foi obtida com halotano e oxigênio 100% sob ventilação artificial manual. Os gatos foram submetidos à toracotomia intercostal para implante de um segmento...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Gatos; Toracotomia; Tramadol; Butorfanol.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782003000500012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
AVALIAÇÃO DO VOLUME CORRENTE DE AR EM CÃES SUBMETIDOS A TORACOTOMIA EM BLOCO Ciência Rural
Moura,Amaury Regis de; Fialho,Sérgio Amaro Guimarães; Natalini,Corrêa; Wheeler,Juan Thomás; Stainki,Daniel Roulin; Lopes,Sônia Terezinha dos Anjos.
A freqüência respiratória e o volume corrente de ar foram medidos em cães submetidos a técnica de toracotomia em bloco. Os animais foram tranqüilizados com acetilpromazina e anestesiados com tiopental sódico, acompanhado de entubação endotraqueal e utilização de mini-respirador automático à pressão positiva intermitente. Os valores do volume-minuto, freqüência respiratória e volume corrente foram registrados nos seguintes tempos: antes da indução de anestesia (T0), no final da cirurgia (T1), 24 horas (T2) e 7 dias depois do término da cirurgia (T3), respectivamente. Nos animais do grupo II, no final da cirurgia (Tempo 1) e 24 horas após (Tempo 2), foi feita anestesia local infiltrativa dos nervos intercostais junto das costelas seccionadas para comparação...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cirurgia canina; Toracotomia; Volume corrente; Volume minuto.
Ano: 1993 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84781993000200011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação pós-operatória, através de exame clínico, laboratorial e ultra-sonográfico, de eqüinos submetidos à toracotomia experimental Ciência Rural
Baccarm,Raquel Yvonne Arantes; Alvarenga,José de; Hagen,Stefano; Silva,Luís Cláudio Lopes Correia da.
Nos trabalhos encontrados na literatura é dada pouca ênfase às conseqüências na cavidade torácica de eqüinos que são submetidos à toracotomia. Também não mencionam a ultra-sonografia como método auxiliar e de controle na avaliação pós-operatória, muitas vezes, optando-se exclusivamente pela necropsia. Neste experimento, foram utilizados seis eqüinos hígidos, sob anestesia com ventilação controlada, para a realização de acesso cirúrgico ao hemitórax direito, com o objetivo de se avaliarem através de exame clínico, mensuração de pH e gases sanguíneos, hemograma e ultra-sonografia torácica, as conse- qüências da prática de toracotomia em eqüinos. Não foram observados em nenhum dos animais transtornos respiratórios, sinais de pneumotórax ou deiscências de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Toracotomia; Ultra-sonografia; Eqüino.
Ano: 1998 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84781998000400011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação ventilométrica e hemogasométrica da oxigenoterapia por cateterização nasal em cães após toracotomia lateral intercostal Ciência Rural
Dal Pai,Simone; Natalini,Cláudio Corrêa; Polvdoro,Alexandre da Silva.
Doze cães, sem raça definida, foram submetidos à toracotomia lateral intercostal e divididos em dois grupos de diferentes tratamentos pós-operatórios, sendo que seis animais receberam oxigenoterapia por cateterização nasal e os demais não receberam este tratamento. Os animais de ambos os grupos estiveram sob cuidados intensivos em sala de recuperação por quatro horas de período pós-operatório, quando foram monitorados o volume corrente pulmonar, a gasometria arterial, o tempo de reperfusão capilar, a coloração de mucosas ocular e oral, as frequências respiratória e cardíaca, a temperatura retal e a tolerância ao uso do cateter nasal. Os resultados obtidos demonstraram que ocorre diminuição dos valores de pressão parcial arterial de oxigênio abaixo dos...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cateter nasal; Oxigenoterapia; Toracotomia; Cães.
Ano: 1995 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84781995000100015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Toracotomia em bloco em cães pré-medicados com acetilpromazina e anestesiados com tiopental sódico: efeitos sobre os gases sangüíneos e equilíbrio ácido-base Ciência Rural
Moura,Amaury Regis de; Fialho,Sérgio Amaro Guimarães; Natalini,Cláudio Corrêa; Stainki,Daniel Roulin; Lopes,Sonia Terezinha dos Anjos; Wheeler,Juan Thomás.
A medição dos gases sangüíneos foi realizada em cães submetidos à técnica de toracotomia em bloco. A medicação pré-anestésica constou de acetilpromazina administrada pela via intravenosa. Com injeção intravenosa de tiopental sódico foram providas a indução, intubação orotraqueal e manutenção da anestesia cirúrgica. O traqueotubo foi conectado a um respirador mecânico pressométrico, que manteve o animal oxigenado durante a operação. Foram colhidas amostras de sangue arterial por punção da artéria femoral para determinação do pH, pressão de dióxido de carbono (PCO2), pressão de oxigênio (PO2), excesso de base (BE) e bicarbonato (HCO3-). Nos animais do grupo II, no final da cirurgia (Tempo 1) e 24 horas após (Tempo 2), foi feita anestesia local dos nervos...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cirurgia canina; Toracotomia; Gases sangüíneos; Equilíbrio ácido-base.
Ano: 1995 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84781995000100016
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
TORACOTOMIA EM BLOCO NO CÃO Ciência Rural
Moura,Amaury Regis de; Wheeler,Juan Thomás; Fialho,Sérgio Amaro Guimarães; Stainki,Daniel Roulin; Natalini,Cláudio Corrêa; Lopes,Sonia Terezinha dos Anjos.
A técnica de toracotomia em bloco foi realizada em 12 cães com um regime anestésico constando de acetilpromazina e tiopental sódico. Após a intubação orotraqueal foi utilizado um minirespirador automático à pressão positiva intermitente. A parede torácica foi aberta com uma incisão em forma de "U invertido", ficando a base da letra "U" paralela a coluna vertebral, distando 4 a 5cm aproximadamente da mesma e mais duas perpendiculares, sendo a primeira mais cranial, no espaço compreendido entre a quarta e quinta costelas, estendendo-se de cima para baixo até a junção costo-condral; a segunda, mais caudal, no espaço intercostal entre a nona e décima costelas, estendendo-se até a inserção da porção muscular do diafragma. A diérese de pele e músculos foi...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cirurgia canina; Toracotomia.
Ano: 1991 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84781991000300007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Toracotomia em eqüinos Braz. J. Vet. Res. Anim. Sci.
BACCARIN,Raquel Yvonne Arantes; ALVARENGA,José de.
Foram utilizados 6 eqüinos hígidos, sob anestesia com ventilação controlada, para a realização de acesso cirúrgico ao hemitórax direito com o objetivo de se avaliar a técnica cirúrgica empregada, mediante a utilização de anestesia com ventilação controlada mecânica. A técnica de toracotomia provocou sangramento difuso intenso nas camadas musculares; o descolamento do periósteo da costela a ser parcialmente excisada foi realizado facilmente; após a pressão negativa intratorácica ser desfeita, a expansão pulmonar manteve-se visualmente adequada; os cotos ósseos forneceram bom suporte para os músculos da região e tornaram a síntese cirúrgica mais estável; e, o fio de sutura utilizado na musculatura mostrou força de tensão suficiente para suportar os...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Toracotomia; Cirurgia torácica; Eqüinos.
Ano: 1999 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-95961999000600002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Toracotomia em eqüinos sob anestesia com ventilação mecânica controlada Ciência Rural
Baccarin,Raquel Yvonne Arantes; Alvarenga,José de; Fantoni,Denise Tabachi; Silva,Luís Cláudio Lopes Correia da.
Diversos procedimentos cirúrgicos e diagnósticos podem ser realizados através da cirurgia torácica em eqüinos. Para tanto faz-se necessária a utilização da ventilação controlada mecânica (VCM) e a compreensão dos efeitos respiratórios deste tipo de ventilação durante a toracotomia. Foram utilizados seis eqüinos hígidos, sob anestesia com ventilação controlada, para a realização de acesso cirúrgico ao hemitórax direito com o objetivo de se avaliar, através da mensuração dos parâmetros fisiológicos, ventigrafia, pH e gases sangüíneos, a eficácia da ventilação controlada em otimizar a ventilação e a oxigenação e em prevenir a atelectasia pulmonar durante manipulações intratorácicas. Verificou-se diminuição dos valores da PaCO2 e aumento dos valores de pH...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ventilação controlada; Ventigrafia; Toracotomia; Eqüino.
Ano: 1998 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84781998000200014
Registros recuperados: 8
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional