Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 78
Primeira ... 1234 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A vegetação nos aldeamentos indígenas Tekoha Añetete e Tekoha Itamarã, Diamante d'Oeste, Paraná. Infoteca-e
BONNET, A.; CURCIO, G. R.; CAVIGLIONE, J. H.; KACHAROUSKI, M.; PETRY, A. L.; DEBRINO, M. A.; BRUSTOLON, R.; KODAMA, A..
A cobertura florestal original que abrangia, em grande parte, o oeste do Paraná pertence à unidade fitogeográfica Floresta Estacional Semidecidual e apresenta como característica singular a semidecidualidade de 20% a 80% das árvores do dossel. Com o decorrer do desenvolvimento e expansão agrícolas, as florestas foram severamente reduzidas e empobrecidas floristicamente nos remanescentes. Restaram florestas como áreas mais extensas apenas em unidades de conservação, além de terras indígenas, importantes espaços para a conservação de flora e fauna. As terras indígenas no município de Diamante D?Oeste, PR, proporcionam atualmente a manutenção de aproximadamente 1.500 ha de florestas, inclusive nas margens de importantes rios. Grande parte dessas terras foram...
Tipo: Documentos (INFOTECA-E) Palavras-chave: Cobertura florestal; Floresta Estacional Semidecidual; Terra indígena; Floresta fluvial; Comunidade indígena; Política pública; Manejo; Preservação da Natureza; Vegetação Nativa.
Ano: 2020 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1124777
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Albedo de Caatinga preservada comparado com cultivo de cana-de-açúcar irrigada. Repositório Alice
CARVALHO, H. F. de S.; MOURA, M. S. B. de; LEITÃO, M. de M. V. B. R.; RODRIGUES, C. T. A.; SILVA, T. G. F. da.
Objetivou-se avaliar e comparar estatisticamente o comportamento sazonal do albedo, em função do ângulo de elevação solar para duas superfícies no Submédio do Vale do São Francisco: uma área de caatinga preservada e um cultivo de cana-de-açúcar irrigada, durante junho de 2015 a maio de 2016. Para levantamento dos dados foram instaladas torres micrometeorológicas em cada área experimental, equipadas com piranômetros para medição da radiação solar global incidente e radiação refletida. O albedo de ambas as superfícies foi calculado fazendo-se a razão entre a radiação refletida e a radiação incidente. Os resultados obtidos mostraram que o albedo da caatinga preservada foi menor do que o albedo da cana-de-açúcar, e que em ambas as áreas ocorrem variações...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Cultivo agrícola; Albedo de Caatinga; Vale do São Francisco; Cana de açucar; Irrigação; Caatinga; Vegetação Nativa; Sugarcane.
Ano: 2017 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1083528
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Amburana cearensis: Amburana-de-cheiro. Infoteca-e
PAREYN, F. G. C.; ARAÚJO, E. de L.; DRUMOND, M. A.; MIRANDA, J. de A. C.; SOUZA, C. A.; SILVA, A. P. de S.; BRAZOLIN, S.; MARQUES, K. K. M..
Árvore decídua na estação seca, com altura entre 6-12m (Figura 1). Caule com diâmetro superior a 30cm, geralmente ereto, com casca castanho-escura e ritidoma desprendendo-se em lâminas (Figura 2); ramos pouco estriados, glabros. Folhas compostas, 10-15cm de comprimento, alternas, imparipinadas, com pecíolos cilíndricos; folíolos subopostos ovais à elípticos, com base e ápice arredondados ou acuminados. Inflorescências axilares ou terminais, composta por numerosas flores de cor branco-amarelada, pequenas e aromáticas (Figura 3). Frutos do tipo vagem de cor escura, deiscente em um dos lados, contendo uma semente, ou raramente, duas. As sementes são aladas e apresentam coloração preta, rugosa, com cerca de 1cm de largura e 2cm de comprimento. Espécie é...
Tipo: Capítulo em livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Umburana de cheiro; Amburana; Cumaru-das-caatingas; Cumaru-de-cheiro; Umburana-lisa; Louro-ingá; Umburana-macho; Umburana-vermelha; Amburana cearensis; Caatinga; Vegetação Nativa; Planta Produtora de Madeira; Cumbaru; Biodiversity; Fabaceae.
Ano: 2018 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1103192
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anadenanthera colubrina: Angico. Infoteca-e
PAREYN, F. G. C.; ARAÚJO, E. de L.; DRUMOND, M. A..
Árvore decídua na estação seca, medindo 7-15m de altura. Caule, geralmente, não perfilhado, com 30cm de diâmetro ou superior e casca castanho-avermelhada; ramos lenticelados, pubescentes a glabrescente. Folhas com 15-20cm de comprimento, alternas, bipinadas, 14-30 pares de pinas, raque pubescente, pinas com 35-50 (ou mais) pares de foliólulos, lineares, 3-7x1mm, ambas superfícies glabras, ápice agudo a obtuso, base assimétrica. Inflorescências dispostas em panículas globosas axilares ou terminais, flores com 3mm de comprimento, com brácteas foliáceas bipinadas, de cor branca a amarelada e de aroma suave. Frutos tipo vagem de cor castanho avermelhado deiscente em apenas um dos lados, contendo 8 a 15 sementes. As sementes apresentam coloração variando entre...
Tipo: Capítulo em livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Angico; Acacia cebil Griseb; Caatinga; Vegetação Nativa; Angico Branco; Angico Bravo; Angico do Cerrado; Angico Monjolo; Angico Pardo; Angico Vermelho; Vegetation; Vegetation types; Vegetation structure; Savannas.
Ano: 2018 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1103448
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análisis comparado de políticas públicas de protección y gestión de los bosques nativos en el Gran Chaco Sudamericano. Repositório Alice
ALONSO, I. A.; ALFRED ARNOLD, G.; ALONSO ARGÜELLO, G. D.; PRADO, R. B.; CABALLERO ALVAREZ, P. J.; FLORES MONTES, N. G.; MONTEIRO, J. M. G.; MIONI, W. F.; SANJINÉS U. V. E.; TARABORELLI, D. S..
Esta investigación analiza y compara las políticas públicas que regulan el cambio en el uso del suelo y la conservación de los bosques nativos del Gran Chaco en Argentina, Bolivia, Brasil y Paraguay. En términos metodológicos, se propone un análisis comparado y multiescalar de los actores e instrumentos vigentes. El estudio enfatiza la mirada interestatal que permite comparar la articulación entre herramientas y compromisos internacionales con las políticas y normativas específicas de cada país. Los hallazgos de este trabajo permiten identificar y comparar, por un lado, la relevancia narrativa de la escala internacional y; por el otro, la heterogeneidad normativa y la coordinación a nivel nacional para regular los espacios de producción y conservación en...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Governança; Ordenamento; Ecorregião; Políticas Públicas; Vegetação Nativa; Conservação.
Ano: 2020 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1126729
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Angico-de-bezerro Pityrocarpa moniliformis (Benth.) Luckow & R.W. Jobson. Repositório Alice
NASCIMENTO, J. P. B.; DANTAS, B. F..
O angico-de-bezerro (Pityrocarpa moniliformis (Benth.) Luckow & R.W. Jobson), também conhecido como ramade-bezerro e catanduva, é pertencente à família Fabaceae e tem como sinonímia científica Piptadenia moniliformis Benth. A espécie é nativa, endêmica do Brasil e possui uma distribuição geográfica restrita à região Sudeste (Minas Gerais) e Nordeste, ocorrendo nos estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Piauí e Rio Grande do Norte. Abrange os domínios fitogeográficos Caatinga e Mata Atlântica, sendo encontrada principalmente em solos arenosos distróficos e em altitudes de 360 a 900 m.
Tipo: Nota Técnica/Nota Científica (ALICE) Palavras-chave: Bioma Caatinga; Angico de bezerro; Biologia reprodutiva; Caatinga; Angico Branco; Vegetação Nativa; Muda; Semente; Composição Botânica; Pityrocarpa moniliformis; Seed germ.
Ano: 2018 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1131664
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Angico-de-bezerro Pityrocarpa moniliformis (Benth.) Luckow & R.W. Jobson. Infoteca-e
NASCIMENTO, J. P. B.; DANTAS, B. F..
O angico-de-bezerro (Pityrocarpa moniliformis (Benth.) Luckow & R.W. Jobson), também conhecido como ramade-bezerro e catanduva, é pertencente à família Fabaceae e tem como sinonímia científica Piptadenia moniliformis Benth. A espécie é nativa, endêmica do Brasil e possui uma distribuição geográfica restrita à região Sudeste (Minas Gerais) e Nordeste, ocorrendo nos estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Piauí e Rio Grande do Norte. Abrange os domínios fitogeográficos Caatinga e Mata Atlântica, sendo encontrada principalmente em solos arenosos distróficos e em altitudes de 360 a 900 m.
Tipo: Outras publicações técnicas (INFOTECA-E) Palavras-chave: Bioma Caatinga; Angico de bezerro; Biologia reprodutiva; Caatinga; Angico Branco; Vegetação Nativa; Muda; Semente; Composição Botânica; Pityrocarpa moniliformis; Seed germ.
Ano: 2018 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1131664
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Áreas prioritárias para restauração florestal no bioma Amazônia: relações com clima, relevo, solos e regiões fitoecológicas. Infoteca-e
GERHARD, P.; ALVAREZ, I. A.; IEMINI, A. E..
Este estudo está fortemente apoiado nas análises e dados gerados pelo trabalho da Aliança pela Restauração da Amazônia, e visa subsidiar decisões e políticas públicas para restauração florestal - quanto às espécies e aos números de mudas a serem produzidas para cada plano de restauração a ser implantado -, por meio da descrição de características de clima, relevo, solos e vegetação, e considerando escalas de prioridade de APR.
Tipo: Documentos (INFOTECA-E) Palavras-chave: Classificação climática de Köppen; Restauração ecológica; Floresta Tropical; Vegetação Nativa.
Ano: 2020 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1127114
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aspectos fisiológicos e bioquímicos de sementes de Erythrina velutina Willd. na tolerância aos estresses abióticos durante a germinação e crescimento inicial de plântulas. Infoteca-e
RIBEIRO, R. C.; DANTAS, B. F.; PELACANI, C. R..
Influência do estresses abióticos na resposta germinava de semente; Estresse térmico; Estresse hídrico; Estresse salino; Mudanças bioquímicas durante os estresses abióticos; Mecanismos antioxidantes de tolerância aos estresses abióticos.
Tipo: Capítulo em livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Planta nativa; Estresse abiótico; Espécie florestal; Estresse hídrico; Caatinga; Mulungu; Semente; Germinação; Vegetação Nativa; Erythrina velutina.
Ano: 2019 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1114510
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aspectos morfométricos de diferentes lotes de Poincianella pyramidalis (Tul.) L. P. Queiroz. Repositório Alice
GOMES, S. E. V.; MATIAS, J. R.; COSTA, D. C. C. da; OLIVEIRA, G. M. de; DANTAS, B. F..
Objetivou-se descrever os aspectos morfométricos das sementes de cinco lotes de P. pyramidalis.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Poincianella pyramidalis; Catingueira-verdadeira; Bioma Caatinga; Planta nativa; Vegetação Nativa; Caatinga; Semente; Biometria.
Ano: 2019 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1108792
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Atuacao do PNP Florestal no Nordeste no periodo de 1978 a 1981. Repositório Alice
PIRES, I. E..
Esta palestra tem como objetivo, mostrar o desempenho do Programa Nacional de Pesquisa Florestal (PNPF), junto ao Centro de Pesquisa Agropecuaria do Tropico Semi-Arido (CPATSA), no periodo de 1978 a 1981. Este programa e resultante do Convenio entre o Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Florestal (IBDF) e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuaria (EMBRAPA). Sao apresentados resultados de estudos de comportamento de especies florestais exoticas e nativas; implantacao, conducao e manutencao de povoamentos florestais na regiao semi-arida; producao, coleta e armazenamento de sementes de especies nativas; producao de mudas; manejo de povoamentos e aumento de produtividade madeireira na regiao Nordeste.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Nordeste; Regiao semiárida; PNP Florestal; Programa Nacional de Pesquisa Florestal; Floresta; Pesquisa Florestal; Caatinga; Vegetação Nativa; Espécie Nativa; Forestry; Research.
Ano: 1982 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/132881
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de diferentes concentrações de ácido giberélico na germinação de sementes de Rhaphiodon echinus Shauer (Lamiaceae). Repositório Alice
SOUZA, G. C. da S.; ARAÚJO, K. L. G. de; SILVA, R. C. S. da; COELHO, W. S. S.; KIILL, L. H. P..
O objetivo do presente estudo foi avaliar o efeito do ácido giberélico (GA3) na superação de dormência e germinação de sementes dessa espécie.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Flores tropicais; Rhaphiodon echinus; Beton; Vegetação Nativa; Flor Tropical; Ácido Giberélico; Semente; Germinação; Planta Ornamental; Ornamental plants.
Ano: 2019 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1108772
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação do banco de dados do acervo do Herbário do Trópico Semiárido. Repositório Alice
ARAÚJO, K. L. G. de; LUZ, J. C. L.; SOUZA, P. S. S.; SOUZA, G. C. da S.; KIILL, L. H. P..
Os herbários servem como base para pesquisa em muitas áreas do conhecimento e são de grande importância para estudos de sistemática de plantas. Este trabalho teve como objetivo realizar uma análise do banco de dados do acervo do Herbário do Trópico Semiárido (HTSA), visando caracterizar a coleção quanto à diversidade e abundância de famílias e gêneros botânicos. O acesso ao banco de dados do HTSA foi feito por meio da Rede Species- Link, utilizando a aba ?dados e ferramentas? e ?formulário de busca?. Na aba downloads foi feita a exportação dos dados para planilhas, para que as análises fossem feitas. O acervo do HTSA está composto por 7.107 registros de plantas, pertencentes a 198 famílias, 923 gêneros e 2.561 espécies. Quanto ao local de coleta,...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Bioma; Herbário do Trópico Semiárido; Caatinga; Herbário; Flora; Vegetação; Vegetação Nativa.
Ano: 2019 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1114644
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação do vigor pela liberação de etanol em sementes de umburana-de- cheiro. Repositório Alice
ORNELLAS, F. L. S.; ARAÚJO, M. do N.; FREIRE, J. N. T.; BARBOSA, R. M.; DANTAS, B. F..
Este trabalho teve como objetivo avaliar a eficiência do teste de etanol como teste de vigor para sementes de umburana-de-cheiro.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Umburana-de- cheiro; Amburana cearensis; Planta nativa; Semente; Vegetação Nativa; Caatinga; Planta Medicinal; Germinação; Medicinal plants.
Ano: 2019 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1108793
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Biodiversidade da Caatinga como potencialidade para a agricultura familiar. Infoteca-e
KIILL, L. H. P.; ARAÚJO, F. P. de; ANJOS, J. B. dos; FERNANDES JUNIOR, P. I.; AIDAR, S. de T.; SOUZA, A. V. de.
Potencialidades da flora; Frutíferas da Caatinga; Aromáticas da Caatinga; Plantas ornamentais; Espécies oleaginosas; Potencialidades dos microrganismos;
Tipo: Capítulo em livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Espécies nativas; Frutas da Caatinga; Bioma Caatinga; Semiárido; Agricultura Familiar; Biodiversidade; Caatinga; Vegetação Nativa; Desenvolvimento Sustentável; Planta Ornamental; Planta Oleaginosa; Natural resources.
Ano: 2019 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1118487
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Biodiversidade da caatinga para a produção agropecuária. Infoteca-e
PORTO, D. D.; SOUZA, F. de F..
Biodiversidade da Caatinga para a produção agropecuária: 1. Plantas: Plantas Ornamentais; Plantas Forrageiras; Plantas Frutíferas; Plantas com ativos biotecnológicos; Plantas com potencial madereiro e de múltiplos uso; 2. Insetos: Polinizadores; Agentes de controle biológico; 3. Micro-organismos: Fungos micorrízicos; Bactérias fixadoras de nitrogênio.
Tipo: Artigo de divulgação na mídia (INFOTECA-E) Palavras-chave: Forrageira nativa; Flores da caatinga; Fruticultura da Caatinga; Maracujá da Caatinga; Maracujá do mato; Biodiversidade; Caatinga; Planta Ornamental; Vegetação Nativa; Polinização; Microrganismo; Planta Forrageira; Umbu; Biodiversity; Alternative crops; Alternative farming.
Ano: 2016 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1098504
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização de acessos de açucena (Amaryllidaceae) coletados no Estado do Ceará. Infoteca-e
PEREIRA, R. de C. A.; CASTRO, A. C. R. de; BEZERRA A. M. E..
bitstream/item/210877/1/CLV19035.pdf
Tipo: Capítulo em livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Amarílis; Bulbos; Descritores; Açucena; Biomassa; Vegetação Nativa; Germoplasma.
Ano: 2019 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1118566
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização de maracujá-da-caatinga em diferentes estádios de maturação para obtenção de alimentos. Repositório Alice
CALDEIRA, V. F.; GUIMARÃES, S. M.; AIDAR, S. de T.; NASSUR, R. de C. R..
O objetivo deste trabalho foi a caracterização físico-química da polpa do maracujá da Caatinga em dois pontos de maturação, sugerindo sua utilização em alimentos.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Maracujá do mato; Planta nativa; Características físico-químicas; Passiflora cincinnata Mast; Maracujá; Vegetação Nativa; Polpa de Fruta; Caatinga; Passiflora edulis f. edulis.
Ano: 2019 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1108801
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização físico-química e perfil lipídico da semente de maracujá do mato (Passiflora cincinnata Mast.). Repositório Alice
ARAÚJO, A. J. de B.; SANTOS, N. C.; BARROS, S. L.; VILAR, S. B. de O.; SCHMIDT, F. L.; ARAUJO, F. P. de; AZEVEDO, L. C. de.
O presente estudo tem como objetivo avaliar o potencial nutricional da semente de maracujá do mato por meio do conhecimento da composição físico química e perfil lipídico desse resíduo, verificando seu potencial de tecnológico para indústria de alimentos.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Passiflora cincinnata; Maracujá do mato; Características físico-química; Maracujá; Caatinga; Semente; Passifloraceae; Vegetação Nativa; Passiflora; Passiflora edulis f. edulis.
Ano: 2019 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1110715
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização pedológica da área do Projeto Trijunção no oeste da Bahia, região do Matopiba. Infoteca-e
ALBUQUERQUE FILHO, M. R. de; VIANA, J. H. M.; FRANCELINO, M. R.; THOMAZINI, A.; SANTANA, D. P.; SANTOS, F. C. dos.
A região que corresponde aos espaços territoriais com áreas do bioma Cerrado dos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia, denominada ?Matopiba?, consolidou-se nas últimas décadas como uma importante fronteira agrícola do País. A Fazenda Trijunção, nos municípios de Cocos e Jaborandi, ocupa 33 mil hectares em ambiente representativo das áreas de exploração agropecuária intensiva do Oeste baiano, região que concentra o maior volume de produção de grãos do Matopiba. Na Fazenda Trijunção está sendo desenvolvido um projeto com o objetivo de definir a melhor estratégia de intensificação agrícola com base em sistemas de produção sustentáveis para esta região. Como base para as atividades de pesquisa, este trabalho refere-se à caracterização pedológica da...
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Grupo Urucuia; Classificação do Solo; Vegetação Nativa; Pedologia; Agricultura Sustentável; Solo Arenoso; Manejo do Solo.
Ano: 2020 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1126611
Registros recuperados: 78
Primeira ... 1234 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional