Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Registro completo
Provedor de dados:  Repositório Alice
País:  Brazil
Título:  Efeitos de diferentes tipos de poda nos teores de nutrientes em flores e frutos de goiabeira.
Autores:  SOUZA, H. A. de
ROZANE, D. E.
ROMUALDO, L. M.
NATALE, W.
Data:  2012-10-09
Ano:  2012
Palavras-chave:  Nutritional status
Goiaba
Psidium guajava
Nutrição vegetal
Estado nutricional
Guava
Plant nutrition
Resumo:  Resumo: Um melhor conhecimento das diferenças entre os teores de nutrientes, em função do tipo de poda empregada na cultura da goiaba, pode permitir compreensão mais adequada dos processos fisiológicos nessa frutífera. A análise de flores é uma ferramenta que pode ser utilizada para auxiliar na avaliação do estado nutricional das culturas, especialmente as perenes. Assim, avaliaram-se os efeitos de diferentes tipos de poda nos teores de nutrientes em flores e frutos (em diferentes estádios de desenvolvimento e, em diferentes partes das goiabas). O estudo foi realizado em Vista Alegre do Alto, em pomares de goiabeiras ?Paluma?. Foram coletados flores e frutos em pomares distintos, sendo um deles conduzido sob poda drástica e outro sob poda contínua. Os frutos foram coletados em dois estádios (chumbinho e maduro) e divididos em parte proximal e distal, sendo a parte proximal voltada para o pedúnculo. As flores também foram coletadas nos mesmos pomares da coleta de frutos, amostrando-se a parte proximal e basal das flores. Foi realizado o teste F e, quando necessário, aplicado o teste de Scott-Knott a 5%. Verificou-se que, de maneira geral, há diferenças nutricionais para flores e frutos em relação ao tipo de poda empregada, sendo que a poda drástica proporciona maiores teores de nutrientes, em comparação com a poda contínua. Em relação à parte amostrada observou-se, principalmente para os frutos, que há diferenças entre a parte proximal e distal, bem como para os diferentes estádios de coleta dos frutos. [Differences among nutrients in flowers and fruits of guava trees under different types of pruning]. Abstract: A better understanding of the differences between the levels of nutrients, depending on the type of pruning used in the cultivation of the guava tree, may allow a more adequate understanding of the physiological processes of this fruit. The analysis of flowers is a tool that can be used to assist in assessing the nutritional status of crops, especially perennials. We evaluated the effects of different types of pruning on nutrient concentrations in flowers and fruit, at different developmental stages and in different parts of the fruit. The study was carried out in Vista Alegre do Alto, in orchards of guava variety Paluma. Flowers and fruit were collected in orchards, one under heavy pruning and the other with continuous pruning. The fruit were collected in two stages (two millimeters length and mature) and divided into basal part and apex, with the top toward the stalk. Flowers were collected in the same orchards as the fruits, sampling the basal part and apex of the flowers. F tests were performed and, when necessary, the Scott-Knott test at a = 5%. Overall, there were nutritional differences among flowers and fruits in relation to the type of pruning employed; drastic pruning provided higher levels of nutrients compared with continuous pruning. In relation to the portion of the samples, especially for fruit, there were differences between the apex and base, as well as between different stages of fruit collection.

2012
Tipo:  Artigo em periódico indexado (ALICE)
Idioma:  Português
Identificador:  26098

http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/936037

http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/67600/1/API-Efeito-de-diferentes.pdf
Editor:  Idesia, Arica, v. 30, n. 2, p. 45-51, May/Ago., 2012.
Relação:  Embrapa Caprinos e Ovinos - Artigo em periódico indexado (ALICE)
Fechar
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional