Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Registro completo
Provedor de dados:  IPB - Escola Superior Agrária
País:  Portugal
Título:  Caracterização de focos de mortalidade de escolitídeos (Coleoptera: Scolitydae) em povoamentos de pinheiro bravo (Pinus pinaster Ait.) do perímetro florestal da Serra da Meia Via e Marão (Amarante)
Autores:  Gazo, Joaquin
Pinto, M. Alice
Castro, João Paulo
Corte-Real, Luís
Data:  2011-02-16
Ano:  2005
Palavras-chave:  Escolitídeos
Pinheiro Bravo
Resumo:  O ataque de escolitídeos está frequentemente associado a árvores que sofrem de algum tipo de desequilibro fisiológico causado por factores climáticos, factores de perturbação factores do povoamento e/ou factores da estação (Pinto 1996). O conhecimento dos factores que mais consistentemente estão associados ao ataque de escolitídeos permite a adopção de medidas preventivas. Na presença de focos de mortalidade é necessário adoptar meios de luta que reduzam a intensidade de ataque. Numerosos meios de luta têm sido estudados e utilizados para diminuir as populações de escolitídeos (Pinto 1996). Os meios de luta biotécnica, biológica e química actuam fundamentalmente sobre as populações de escolitídeos. Os meios de luta cultural, por sua vez, actuam quer sobre o insecto (ex: árvores armadilha) quer sobre o insecto e seu alimento (árvore) (ex: técnica de corte e deixe, técnica de salvamento). A técnica de salvamento (meio de luta cultural) tem sido preconizada no combate a infestações de pequena e média dimensão de D. frontalis (Billings 1980). Esta técnica consiste no corte de todas as árvores mortas, ou com sintomatologia de ataque, e de uma faixa de árvores sãs à volta da frente activa do foco de mortalidade. Segundo Billings (1980) a largura da faixa de árvores sãs (faixa tampão) deve ser proporcional ao tamanho da infestação variando entre 3 e 30 metros.
Tipo:  ConferenceObject
Idioma:  Português
Identificador:  Gazo, Joaquin; Pinto, M. Alice; Castro, J. Paulo; Corte-Real, Luís (2005) - Caracterização de focos de mortalidade de escolitídeos (Coleoptera: Scolitydae) em povoamentos de pinheiro bravo (Pinus pinaster Ait.) do perímetro florestal da Serra da Meia Via e Marão (Amarante). In 5º Congresso Florestal Nacional. Viseu

http://hdl.handle.net/10198/3419
Direitos:  open access
Fechar
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional