Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 6
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comportamento da Lectina de sementes de Canavalia brasiliensis Mart. durante a germinação em presença de luz Acta Botanica
Cavada,Benildo Sousa; Vieira,Clébia Crisóstomo; Silva,Lia Magalhães de Almeida; Oliveira,José Tadeu Abreu de; Moreira,Renato de Azevedo.
A comparação da metabolização da lectina de Canavalia brasiliensis com as demais proteínas de reservas durante a germinação das sementes na presença de luz foi acompanhada através da combinação de dosagem de proteínas solúveis, determinação da atividade hemaglutinante, cromatografia de afinidade em coluna de Sephadex G-50 e eletroforese em gel de poliacrilamida em presença de dodecilsulfato de sódio (SDS) e 2-mercaptoetanol. Os resultados foram comparados com resultados anteriormente obtidos com sementes germinadas na ausência da luz e ficou evidenciado que, mesmo com as plântuias fotossintetizando, a lectina de Canavalia brasiliensis é preservada, sendo metabolizada após as>demais proteínas de reserva. Estes dados sugerem também que estas proteínas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Lectinas; Canavalia brasiliensis; Germinação.
Ano: 1990 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061990000300003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Detecção de inibidores de tripsina e atividade hemaglutinante em sementes de leguminosas arbóreas da amazônia Acta Amazonica
Chevreuil,Larissa Ramos; Gonçalves,José Francisco de Carvalho; Bariani,Adriana; Rordrigues,João Victor Figueiredo Cardoso; Pando,Silvana Cristina.
Diferentes classes de proteínas são comuns em sementes de leguminosas, incluindo inibidores de tripsina e proteínas hemaglutinantes, as quais atuam sobre enzimas proteolíticas e sobre carboidratos da superfície celular, respectivamente. O objetivo deste trabalho foi quantificar, detectar e caracterizar parcialmente a ocorrência dessas proteínas em sementes de Tachigali plumbea, Sesbania exasperata e Ormosia costulata var. trifoliolata. Sementes das três espécies foram moídas e submetidas à extração salina (NaCl 0,15M - 10 %, p/v). Os extratos totais obtidos foram utilizados para quantificar o conteúdo protéico, detectar a atividade residual da tripsina, a atividade hemaglutinante (AHE) e na obtenção do perfil protéico. A atividade residual da tripsina foi...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Serinoproteinases; Sementes; Lectinas; Eritrócitos.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59672009000100021
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Lectinas de sementes como marcadores taxonômicos da tribo Diocleae Acta Botanica
Oliveira,José Tadeu Abreu de; Cavada,Benildo Sousa; Martins,Jorge Luiz; Jarenkow,João André; Vasconcelos,Ilka Maria; Moreira,Renato de Azevedo.
Eletroforese em gel de poliacrilamida das proteínas solúveis extraídas de sementes de doze espécies da tribo Diocleae, apresenta padrão qualitativo semelhante no que diz respeito às bandas correspondentes às lectinas, sugerindo a possibilidade de seu uso como marcadores taxonômicos.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Lectinas; Taxonomia; Canavalia; Dioclea.
Ano: 1990 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061990000300016
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estudo da interação lectinas-carboidrato utilizando eletrodo convencional e ultramicroeletrodo. Repositório Alice
PIMENTA, M. G. R.; FURTADO, R. F.; CARVALHO, J. B. de; SILVA, V. P. A. da; GUEDES, M. I. F.; DUTRA, R. F.; ALVES, C. R..
2009
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Lectinas; Galactose; Ultramicroeletrônico.
Ano: 2009 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/747907
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Perfil de proteases de lesões cutâneas experimentais em camundongos tratadas com a lectina isolada das sementes de Canavalia brasiliensis Ciência Rural
Silva,Flávio de Oliveira; Araújo,Rosângela Vidal de Souza; Schirato,Giuliana Viegas; Teixeira,Edson Holanda; Melo Júnior,Mário Ribeiro de; Cavada,Benildo de Sousa; Lima-Filho,José Luiz de; Carneiro-Leão,Ana Maria dos Anjos; Porto,Ana Lúcia Figueiredo.
O objetivo deste estudo foi determinar o perfil de proteases em lesões cutâneas experimentais tratadas com a lectina isolada das sementes da Canavalia brasiliensis (ConBr) livre e conjugada com o seu açúcar específico. Lesões cirúrgicas foram produzidas assepticamente na região dorsal de camundongos (n=120), divididos de acordo com o tratamento empregado: Grupo NaCl (NaCl 150mM), Grupo manose (manose 100mM), Grupo ConBr (ConBr 100µg mL-1) e Grupo ConBr/manose (solução contendo ConBr 100µg mL-1 preparada em manose 100mM). Amostras da área lesada foram coletadas para determinação do perfil de proteases e atividade colagenolítica no 2°, no 7° e no 12° dia de pós-operatório. O perfil das proteínas realizado através de eletroforese SDS-PAGE demonstrou a...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Canavalia brasiliensis; Cicatrização; Lectinas; Metaloproteinases; Reparo tecidual.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782009000600026
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efectos inflamatorios, oxidativos y aterogénicos del receptor endotelial de la lipoproteína de baja densidad oxidada-1 ABCL
Wigdorovitz-Wikinski,Regina; López,Graciela Inés; Lucero,Diego.
LOX-1 es un receptor endotelial de la familia de las lectinas. Su actividad biológica tiene un fuerte impacto en los fenómenos inflamatorios, oxidativos y aterogénicos endoteliales. Cuando se conoció el receptor de la lipoproteína de baja densidad (RLDL) y su regulación, se afirmó el papel aterogénico del colesterol transportado en esta lipoproteína (C-LDL). Este papel de las lipoproteínas fue la base de la denominación de dislipoproteinemias en reemplazo de dislipemias. En condiciones post-prandiales, las lipoproteínas ricas en triglicéridos, como quilomicrones y lipoproteínas de muy baja densidad (VLDL), son degradadas por la lipoproteína lipasa (LPL) de la pared vascular, produciéndose remanentes de quilomicrones (RQ) y lipoproteínas de densidad...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Lectinas; Receptor LOX-1; Estrés oxidativo; LDL oxidada; Lipoproteínas remanentes; Inflamación; Endotelio; Subendotelio.
Ano: 2016 URL: http://www.scielo.org.ar/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0325-29572016000400010
Registros recuperados: 6
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional