Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação do perfil sensorial de chá light sabor pêssego Ciênc. Tecnol. Aliment.
Osawa,Cibele Cristina; Ferrari,Cristhiane Caroline; Siqueira,Priscila Becker; Brito,Carlos Alexandre Koguishi de; Sanvido,Gustavo Braga; Botelho,Adriana Prais; Alves,Leonardo Rangel; Cardoso,Cláudio Fernandes; Moais,Viviane Helena Ferreira; Melo,Lauro Luís Martins Medeiros de; Ribeiro,Ana Paula Badan; Bolini,Helena Maria André.
No presente estudo foi determinado o perfil sensorial e a aceitação de três marcas comerciais de chá light sabor pêssego, denominadas A, B e C, acondicionadas em embalagem PET e adquiridas no comércio local. O perfil sensorial foi determinado por Análise Descritiva Quantitativa (ADQ) utilizando-se uma equipe de 11 provadores rigorosamente selecionados e treinados. A aceitação dos produtos foi avaliada por 33 consumidores representativos do público alvo. Os resultados da ADQ foram submetidos à Análise de Variância (ANOVA), Teste de Média de Tukey e Análise de Componentes Principais. As amostras comerciais apresentaram perfis semelhantes em alguns termos descritores e diferenças significativas em outros. A amostra A caracterizou-se principalmente pelos...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Chá light; Pêssego; Análise sensorial; Análise descritiva quantitativa; Teste afetivo.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-20612008000500017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Concentrações de sódio em bebidas carbonatadas nacionais Ciênc. Tecnol. Aliment.
Ferrari,Cristhiane Caroline; Soares,Lucia Maria Valente.
O consumo de bebidas carbonatadas no Brasil é elevado e não existem dados sobre os teores de sódio neste tipo de bebida comercializada no país. O presente trabalho examinou 97 amostras de refrigerantes compreendendo 14 marcas e 7 tipos de bebidas (cola, guaraná, limão, laranja, uva, soda e água tônica). Os teores de sódio encontrados variaram de 19 a 202mg Na/L. As bebidas adoçadas com açúcar apresentaram uma média de 74 ± 13mg Na/L e as bebidas com adoçantes artificiais, uma média de 151 ± 39mg Na/L. Portanto, os refrigerantes adoçados artificialmente fornecem cerca de duas vezes o teor de sódio das bebidas adoçadas com açúcar. Como conseqüência, um consumidor médio de refrigerantes (259mL/dia) poderá ingerir por dia cerca de 19mg de sódio provenientes do...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Sódio; Bebidas carbonatadas.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-20612003000300021
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Propriedades mecânicas e estrutura celular de melão desidratado osmoticamente em soluções de sacarose ou maltose, com adição de lactato de cálcio Ciência e Agrotecnologia
Ferrari,Cristhiane Caroline; Yassui,Paula Yukari; Carmello-Guerreiro,Sandra Maria; Hubinger,Miriam Dupas.
Objetivou-se, neste trabalho, estudar a influência do lactato de cálcio e do tipo de açúcar nas propriedades mecânicas e na estrutura celular de pedaços de melão desidratados osmoticamente. O processo foi conduzido por duas horas com agitação de 120 rpm e temperatura controlada (30º C), utilizando-se soluções desidratantes de sacarose ou maltose a 40ºBrix, contendo lactato de cálcio em concentrações de 0, 0,5, 1,0 e 1,5% (p/v). As amostras foram submetidas às determinações de perda de água, ganho de sólidos, incorporação de cálcio, propriedades mecânicas (tensão e deformação na ruptura) e microscopia óptica. Os ensaios com maltose, em ação conjunta com o sal, promoveram uma maior perda de água e um menor ganho de sólidos. A adição de lactato de cálcio na...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Desidratação osmótica; Melão; Tensão na ruptura; Cálcio; Microscopia óptica; Parede celular.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542011000400016
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Vida útil de fatias de manga armazenadas em embalagem com atmosfera modificada passiva Ciênc. Tecnol. Aliment.
Rodrigues,Lilian Karine; Pereira,Leila Mendes; Ferrari,Cristhiane Caroline; Sarantópoulos,Claire Isabel Grigoli de Luca; Hubinger,Miriam Dupas.
Fatias de manga fresca e osmoticamente desidratadas foram acondicionadas em bandejas de poliestireno expandido, recobertas com filme de polietileno de baixa densidade (PEBD) e estocadas à temperatura de 5 °C com o objetivo de verificar o efeito da desidratação osmótica e da embalagem com atmosfera modificada passiva na vida útil das frutas. Amostras de manga fresca, acondicionadas nas condições do ar atmosférico, foram utilizadas como controle. As mangas foram avaliadas periodicamente quanto às suas características físico-químicas e microbiológicas, composição da atmosfera interna das embalagens, perda de peso e aceitação sensorial. O processo de desidratação osmótica e o acondicionamento das frutas com atmosfera modificada influíram positivamente na...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Desidratação osmótica; Processamento mínimo; Vida de prateleira; Embalagem com atmosfera modificada.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-20612008000500041
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional