Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cistopexia videoassistida em cadela com cistocele após prolapso uterino: relato de caso Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Krebs,T.; Brun,M.V.; Linhares,M.T.; Dalmolin,F.; Pohl,V.H.; Feranti,J.P.S..
O prolapso de vesícula urinária associado ao prolapso uterino é condição rara em cães e gatos. O tratamento preconizado para essa afecção é o reposicionamento anatômico das estruturas afetadas. No presente relato é descrito o manejo por meio de ovariossalpingo-histerectomia por celiotomia e, após dois dias, cistopexia videoassistida. Essa condição, conforme o conhecimento dos autores, não havia sido previamente descrita. A operação apresentou-se como possibilidade viável de tratamento, sem complicações pós-operatórias.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/report Palavras-chave: Videocirurgia; Retroflexão vesical; Vesícula urinária; Prolapso; Canino.
Ano: 2015 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352015000200347
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Refluxo gastroesofágico em cadelas durante ovário-histerectomia convencional submetidas a diferentes medicações pré-anestésicas Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Hartmann,H.F.; Feranti,J.P.S.; Oliveira,M.T.; Linhares,M.T.; Correa,L.F.D.; Coradini,G.P.; Pires,B.; Brun,M.V..
RESUMO A doença do refluxo gastroesofágico decorre do fluxo de conteúdo gastroduodenal para o esôfago e/ou para os órgãos adjacentes, o que leva à ampla gama de sinais e implicações clínicas. É desconhecida a incidência de refluxo gastroesofágico transoperatório em caninos. O objetivo deste trabalho foi, por meio da endoscopia flexível, avaliar a presença do refluxo gastroesofágico em cadelas submetidas a ovário-histerectomia com base nos fármacos analgésicos utilizados na medicação pré-anestésica (morfina, tramadol ou metadona). Concluiu-se que não houve diferença na incidência de refluxo gastroesofágico transoperatório, não tendo os fármacos testados influenciado de forma diferente esse comportamento; porém, alguns animais do grupo morfina apresentaram...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Endoscopia; Regurgitação transoperatória; Pré-medicação; Canino.
Ano: 2017 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352017000501231
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Refluxo gastroesofágico em cadelas submetidas à ovário-histerectomia convencional ou videoassistida Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Hartmann,H.F.; Feranti,J.P.S.; Oliveira,M.T.; Linhares,M.T.; Correa,L.F.D.; Coradini,G.P.; Abati,S.L.; Brun,M.V..
RESUMO A doença do refluxo gastroesofágico decorre do fluxo de conteúdo gastroduodenal para o esôfago e/ou órgãos adjacentes, o que leva à ampla gama de sinais e implicações clínicas. A incidência de refluxo gastroesofágico transoperatório em caninos é desconhecida. O objetivo deste trabalho foi, por meio da endoscopia flexível, avaliar a presença e quantificar o refluxo gastroesofágico em cadelas submetidas à ovário-histerectomia por duas abordagens cirúrgicas (convencional e videoassistida com dois portais), pré-medicadas com morfina. Cem por cento das cadelas submetidas à ovário-histerectomia videoassistida e 30% das cadelas submetidas à ovário-histerectomia convencional apresentaram algum grau de refluxo. A intensidade dos refluxos foi maior nas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Endoscopia; Regurgitação transoperatória; Cirurgia; Videocirurgia; Canino.
Ano: 2018 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352018000100101
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Reparo de lesão penetrante em parede torácica de cão, ocasionada por javali (Sus scrofa scrofa), com flape unipediculado de músculo reto abdominal Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Linhares,M.T.; Freitas,Í.B.; Gorczak,R.; Feranti,J.P.S.; Zanetti,R.M.; Macagnan,M.; Schossler,J.E.W.; Brun,M.V..
RESUMO Lesões penetrantes no tórax causadas por interação animal são frequentes em cães e caracterizam-se por dano extenso e desvitalização dos tecidos moles adjacentes. Quando a musculatura local é insuficiente para a reconstrução, retalhos musculares podem ser mobilizados para reparar o defeito torácico. O presente relato tem como objetivo demonstrar uma alternativa para o reparo de defeito da parede torácica em um cão, ocasionada por interação com javali (Sus scrofa scrofa), utilizando flape unipediculado de músculo reto abdominal. Com base na literatura consultada, essa técnica reconstrutiva ainda não foi descrita. O flape de músculo reto abdominal mostrou-se uma alternativa viável no reparo de lesão extensa e infectada na parede torácica em cães.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Flape muscular; Tórax; Cirurgia reconstrutiva; Canino.
Ano: 2016 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352016000300667
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional