Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 11
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comparative thallus anatomy of two Parmotrema (Parmeliaceae, lichenized Ascomycetes) with reticulate maculae Acta Botanica
Barbosa,Suzana Bissacot; Marcelli,Marcelo Pinto.
Using conventional techniques for structural studies under conventional microscopy, polarizing light microscopy and scanning electron microscopy this work describes and compares the thallus anatomy of two Parmotrema species with reticulate maculae, previously included in the genus Rimelia: Parmotrema cetratum (Ach.) Hale and P. clavuliferum (Räsänen) Streimann. The data showed that the species are anatomically similar, including the presence of epicortex, the upper cortex anatomy and the characteristics of rhizines and ciliae. In the medulla of the two species there are star-shaped clusters of hyphae associated with the presence of salazinic acid. This study showed that the anatomical characteristics are constant for the Parmotrema group studied.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Anatomy; Reticulate maculae; Parmotrema; Rimelia.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062010000300023
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Espécies de Parmotrema (Parmeliaceae, Ascomycota) do litoral centro-sul do Estado de São Paulo, Brasil: I. Grupos químicos girofórico e lecanórico Acta Botanica
Benatti,Michel Navarro; Marcelli,Marcelo Pinto.
O levantamento das espécies pertencentes aos gêneros de grandes parmélias do litoral centro-sul do Estado de São Paulo revelou a ocorrência de sete espécies de Parmotrema (talos foliosos de lobos arredondados em geral com mais de 0,5 cm larg. com margens inferiores não rizinadas) contendo como constituintes químicos medulares os ácidos girofórico e lecanórico, tipicamente reconhecidos pela cor avermelhada que resulta dos testes de coloração com hipoclorito de cálcio. São apresentados uma chave de identificação, descrições, comentários e ilustrações baseados em material brasileiro.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Costões rochosos; Liquens; Manguezal; Restinga.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062009000400011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Espécies de Parmotrema (Parmeliaceae, Ascomycota) do litoral centro-sul do Estado de São Paulo: II. Grupos químicos norstíctico e salazínico Acta Botanica
Marcelli,Marcelo Pinto; Benatti,Michel Navarro.
O levantamento das espécies pertencentes aos gêneros de grandes parmélias do litoral centro-sul do Estado de São Paulo revelou a ocorrência de nove espécies de Parmotrema sensu stricto (talos foliosos de lobos arredondados em geral com mais de 0,5 cm larg. com margens inferiores não rizinadas) contendo como constituintes químicos medulares os ácidos norstíctico ou salazínico. São tipicamente reconhecidos pela cor amarela que se torna avermelhada resultante dos testes de coloração com hidróxido de potássio. São apresentados uma chave de identificação, descrições, comentários e ilustrações, baseados em material brasileiro.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Costões rochosos; Liquens; Manguezal; Restinga; Parmotrema.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062010000100015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Espécies de Parmotrema (Parmeliaceae, Ascomycota) do litoral centro-sul do estado de São Paulo III: Grupos químicos equinocárpico e stíctico Acta Botanica
Benatti,Michel Navarro; Marcelli,Marcelo Pinto.
O levantamento das espécies pertencentes aos gêneros de grandes parmélias do litoral centro-sul do Estado de São Paulo revelou a ocorrência de sete espécies de Parmotrema sensu stricto (talos foliosos de lobos arredondados em geral com mais de 0,5 cm larg. com margens inferiores não rizinadas) contendo como constituintes químicos medulares os ácidos equinocárpico ou stíctico. São tipicamente reconhecidos pela forte cor amarela que resulta dos testes de coloração com hidróxido de potássio. São apresentados chave de identificação, descrições, comentários e ilustrações baseados em material brasileiro.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Costões rochosos; Liquens; Manguezal; Restinga.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062010000200002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Espécies de Parmotrema (Parmeliaceae, Ascomycota) do litoral centro-sul do Estado de São Paulo V: grupo químico alectorônico Rev. Bras. Bot.
Marcelli,Marcelo Pinto; Benatti,Michel Navarro.
O levantamento das espécies pertencentes aos gêneros de grandes parmélias do litoral centro-sul do Estado de São Paulo revelou a ocorrência de oito espécies de Parmotrema A. Massal. sensu stricto (talos foliosos de lobos arredondados em geral com mais de 0,5 cm larg. com margens inferiores não rizinadas) contendo ácido alectorônico como constituinte químico medular. São apresentados uma chave de identificação, descrições, comentários e ilustrações baseados em material brasileiro.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Costões rochosos; Liquens; Manguezal; Restinga.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-84042011000300003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Gêneros de fungos liquenizados dos manguezais do Sul-Sudeste do Brasil, com enfoque no manguezal do Rio Itanhaém, Estado de São Paulo Acta Botanica
Benatti,Michel Navarro; Marcelli,Marcelo Pinto.
(Gêneros de Fungos Liquenizados dos Manguezais do Sul-Sudeste do Brasil, com enfoque no manguezal do Rio Itanhaém, Estado de São Paulo). Foi realizado um levantamento dos gêneros de fungos liquenizados do manguezal do Rio Itanhaém. A única lista conhecida para os manguezais do sul-sudeste brasileiro foi publicada por Marcelli em 1992, com especial atenção ao do Rio Itanhaém, sendo que vários dos gêneros então conhecidos tiveram suas posições taxonômicas revistas, com um grande número sendo dividido em vários outros nos últimos anos. O objetivo deste trabalho foi realizar um novo levantamento de gêneros de fungos liquenizados para o manguezal do Rio Itanhaém, também conhecidos para as outras regiões de manguezais do sul-sudeste brasileiro, e elaborar uma...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Brasil; Fungos liquenizados; Manguezal; Taxonomia.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062007000400011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Líquens da área de reserva do Parque Estadual das Fontes do Ipiranga Acta Botanica
Nagaoka,Lúcia Yoko; Marcelli,Marcelo Pinto.
O objetivo deste trabalho é verificar a alteração da flora liquenica do parque neste século através da comparação de material de herbário com aquele encontrado atualmente na área de reserva do parque. Apenas 9 das 38 espécies levantadas em herbário puderam ser encontradas atualmente, sendo que a maioria apresenta sinais evidentes de perda de vigor e poderão desaparecer em pouco tempo. Pseudoparmelia texana (Tuck.)Hale aparece nas coletas posteriores a 1973 sendo agora abundante sobre troncos nas áreas mais expostas.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Líquens; Flora; São Paulo; Alteração; Poluição.
Ano: 1989 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061989000300009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Líquens da reserva biológica do Alto da Serra de Paranapiacaba Acta Botanica
Pereira,Wilson Roberto; Marcelli,Marcelo Pinto.
Com o objetivo principal de levantamento florístico foi efetuado estudo de material depositado no herbário do Instituto de Botânica de São Paulo mais coletas dos autores no ano de 1988. Foram encontradas ao todo 63 espécies, sendo que a maior parte do material antigo não foi recoletado e a amostragem atual revela uma flora heliófila composta principalmente por Parmeliaceae. Lobariaceae presentes nas coletas antigas não puderam ser encontradas, sendo notada também a ausência de liquens fruticosos como Usnea e Ramalina. A alteração da mata por poluição do ar proveniente de Cubatão aliada às condições de excessiva umidade e sombra podem ser os fatores responsáveis pela pobreza da flora liquênica encontrada.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Liquens; Flora; São Paulo; Mata pluvial.
Ano: 1989 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061989000300008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Pequenas Parmelia S.L. (Líquens: Ascomycotina) ciliadas dos cerrados brasileiros Acta Botanica
Marcelli,Marcelo Pinto.
Este trabalho foi baseado em coletas realizadas em todos os tipos estruturais de cerrado, incluindo formações de altitude e rochosas. São apresentadas descrições detalhadas, chave de identificação e ilustrações das espécies de Bulboíhrix (16), Relicina (2), Myelochroa (2), Parmelinella (1), Parmelinopsis (6) e Hypotrachyna (3) encontradas. B. linteolocarpa M.P. Marcelli e B. subklementii M.P. Marcelli são descritas como novas. E feita a combinação nova Parmelinella versiformis (Kremp.) M.P. Marcelli. B. sensibilis (Steiner & Zahlbr.) Hale é nova para o Brasil. B. meizospora (Nyl.) Hale e Parmelinopsis jamesii (Hale) Elix & Hale são novas para o Continente Americano. Há um grande número de primeiras citações para vários estados e várias...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Liquens; Cerrado; Sistemática; Bulbothrix; Relicina; Parmelina; Myelochroa; Parmelinella; Parmelinopsis; Hypotrachyna.
Ano: 1993 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061993000200003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Pseudocyphellae ontogeny and thallus anatomy in species of Punctelia Krog (Parmeliaceae, lichenized Ascomycota) Acta Botanica
Zanetti,Camila Aparecida; Barbosa,Suzana Bissacot; Adachi,Sérgio Akira; Marcelli,Marcelo Pinto.
ABSTRACT The genus Punctelia has been traditionally characterized by the type and distribution of pseudocyphellae, medullary chemical substances and the shape of conidia, whereas its species have been distinguished using mainly the shape, location, abundance and size of pseudocyphellae. Given that Punctelia is not monophyletic, additional studies are needed to determine its current delimitation. The present study used conventional techniques for structural studies using optical and scanning electron microscopy in order to describe and compare the structure and ontogeny of the pseudocyphellae of five species of Punctelia. The main differences among the studied species involve the type of pseudocyphellae development, the presence or absence of an epicortex...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Aeroplectenchyma; Lichen anatomy; Light microscopy; Parmeliaceae; Plectenchyma; Pseudocyphellae; Punctelia.
Ano: 2017 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062017000100051
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Thallus anatomy of Canoparmelia texana (Parmeliaceae, lichenized Ascomycota) Biota Neotropica
Barbosa,Suzana Bissacot; Machado,Silvia Rodrigues; Marcelli,Marcelo Pinto.
Conventional techniques for structural studies under light microscope and scanning electron microscope were employed to describe the histology of thallus in Canoparmelia texana, a lichen with wide distribution in open environments and fairly common in the cerrados and urban areas of Brazil. This study describes a new type of cortical organization for the family Parmeliaceae, in C. texana the upper cortex is lacunar, showing a large quantity of small intercellular spaces or lacunae. The anatomical features including medulla thickness, hyphal orientation pattern, rhizines thickness and crystals inclusions have an important adaptive role for the success of C. texana in Brazilian cerrado, a savanna-like ecosystem.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Anatomy; Crystals; Lacunar upper cortex; Parmeliaceae.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1676-06032010000300016
Registros recuperados: 11
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional