Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 24
Primeira ... 12 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização de três genótipos de umezeiro (Prunus mume Sieb. et Zucc.) por marcadores RAPD Rev. Bras. Frutic.
Mayer,Newton Alex; Lemos,Eliana Gertrudes de Macedo; Pereira,Fernando Mendes; Wickert,Ester.
Um projeto de pesquisa visando à utilização de clones de umezeiro (Prunus mume Sieb. et Zucc.) como porta-enxertos para pessegueiro [Prunus persica (L.) Batsch] está sendo conduzido na FCAV/UNESP, Câmpus de Jaboticabal-SP, com promissoras perspectivas de sucesso. Três genótipos de umezeiro foram selecionados de acordo com características agronômicas desejáveis para esta finalidade. A distinção dos três genótipos entre si, baseada exclusivamente em características morfológicas, apresenta limitações. Dessa forma, o objetivo do presente trabalho foi identificar marcadores RAPD capazes de diferenciar e caracterizar os Clones 05, 15 e a cv. Rigitano (Clone 10) de umezeiro, utilizando-se das cultivares Aurora-1 e Okinawa de pessegueiro como outgroup. Dos 220...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Frutas de caroço; Porta-enxerto; Marcadores moleculares.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452008000400034
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização morfológica de três genótipos de umezeiro selecionados como porta-enxertos para pessegueiro Rev. Bras. Frutic.
Mayer,Newton Alex; Pereira,Fernando Mendes; Môro,Fabíola Vitti.
O objetivo do presente trabalho foi caracterizar morfologicamente a cultivar 'Rigitano' e os Clones 05 e 15 de umezeiro (Prunus mume Sieb. et Zucc.), selecionados na FCAV/UNESP, como porta-enxertos clonais para a cultura do pessegueiro [Prunus persica (L.) Batsch]. Procedeu-se à coleta e à caracterização morfológica das folhas, ramos, flores, frutos e sementes de plantas-matrizes com 2 anos de idade, mantidas em condições de campo. Não é possível distinguir os Clones 05; 15 e a cultivar 'Rigitano' de umezeiro por meio das características morfológicas e biométricas de suas flores e frutos. Apesar de terem sido detectados o maior comprimento do pecíolo foliar no Clone 05 e as menores dimensões e massa do endocarpo e da semente na cultivar Rigitano, essas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus mume; Morfologia; Frutas de caroço.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452008000300026
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Crescimento de três clones de umezeiro (Prunus mume Sieb. et Zucc.) e pessegueiro cv. Okinawa (Prunus persica (L.) Batsch.) propagados por estacas herbáceas Rev. Bras. Frutic.
Mayer,Newton Alex; Pereira,Fernando Mendes.
O umezeiro (Prunus mume Sieb. et Zucc.) apresenta promissoras características para utilização como porta-enxerto para pessegueiro e nectarineira; entretanto, quando adotada a propagação sexuada, as plantas apresentam-se muito heterogêneas, em função da grande variabilidade genética da espécie. Três clones (Clones 05; 10 e 15), selecionados a partir de plantas em cultivo na Estação Experimental de Jundiaí-SP (IAC), propagados assexuadamente e mantidos na FCAV/UNESP, Câmpus de Jaboticabal-SP, têm sido objeto de diversos estudos para viabilizar agronomicamente estes materiais. O presente estudo teve por objetivo avaliar o crescimento de três clones de umezeiro e do pessegueiro cv. Okinawa propagados por estacas herbáceas. As estacas enraizadas foram...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Porta-enxerto; Propagação vegetativa; Prunus spp.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452004000100031
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desenvolvimento inicial no campo de pessegueiros 'Aurora-1' enxertados em clones de umezeiro e 'Okinawa' propagados por estacas herbáceas Rev. Bras. Frutic.
Mayer,Newton Alex; Pereira,Fernando Mendes; Koba,Valter Yoshio.
A presente pesquisa teve por objetivo estudar o desenvolvimento inicial no campo de pessegueiros 'Aurora-1' enxertados nos Clones 05; 10 e 15 de umezeiro (Prunus mume Sieb. et Zucc.) e 'Okinawa' [Prunus persica (L.) Batsch] propagados por estacas herbáceas. O experimento foi conduzido em propriedade rural no município de Taiaçu-SP, em Argissolo Vermelho-Amarelo sob espaçamento de 1,5m x 6,0m, com uso de irrigação por microaspersores subcopa. Foi adotado o delineamento em blocos ao acaso, com quatro tratamentos (porta-enxertos) e cinco repetições, sendo que cada parcela foi constituída de três plantas. Após 23 meses da implantação, foi possível concluir que: a) os porta-enxertos Clones 05; 10 e 15 de umezeiro e 'Okinawa' não influenciaram de maneira...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Enxertia interespecífica; Frutas de caroço; Porta-enxerto; Rosaceae.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452006000200017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Distribuição do sistema radicular de porta-enxertos de umezeiro enxertados com o pessegueiro 'Aurora-1' PAB
Mayer,Newton Alex; Pereira,Fernando Mendes; Barbosa,José Carlos; Koba,Valter Yoshio.
O objetivo deste trabalho foi estudar a distribuição do sistema radicular de três porta-enxertos de umezeiro (Prunus mume Siebold et Zucc.), Clone 05, Clone 15 e a cultivar Rigitano, propagados por estacas herbáceas, em condições de campo. As plantas, enxertadas com o pessegueiro 'Aurora-1' [Prunus persica (L.) Batsch], foram conduzidas no espaçamento de 6x1 m em Argissolo Vermelho-Amarelo eutrófico de textura arenosa média. Aos 34 meses após o transplantio, foram avaliadas duas plantas de cada porta-enxerto, tendo-se demarcado 36 monólitos (0,5x0,5x0,4 m) ao redor de cada planta, com barras de ferro (0,6 m) e fitas de plástico. O solo foi removido com jatos de água até a profundidade de 0,4 m. Não houve diferença entre os porta-enxertos, na massa de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus mume; Prunus persica; Propagação vegetativa; Frutas de caroço.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2007000700008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Distribuição do sistema radicular do pessegueiro 'Okinawa' propagado por sementes e por estacas herbáceas Rev. Bras. Frutic.
Mayer,Newton Alex; Pereira,Fernando Mendes; Barbosa,José Carlos; Koba,Valter Yoshio.
Objetivou-se estudar a distribuição do sistema radicular do pessegueiro 'Okinawa' propagado por sementes e por estacas herbáceas, em condições de campo. As plantas, enxertadas com a cv. Aurora-1, foram conduzidas no espaçamento de 6,0 x 1,0 m, em Argissolo Vermelho-Amarelo eutrófico de textura arenosa média ("Fazenda São Benedito"), no Município de Taiaçu (SP). Foram realizados todos os tratos culturais recomendados para a cultura do pessegueiro na região, incluindo a irrigação por microaspersores. Aos 34 meses após o transplantio das mudas, foram avaliadas 3 plantas de cada método de propagação, demarcando-se 36 monólitos (0,5 x 0,5 x 0,4 m) ao redor de cada planta, com auxílio de barras de ferro (0,6 m) e fitas plásticas. O solo foi removido com jatos de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus persica (L.) Batsch; Frutas de caroço; Porta-enxerto; Método de propagação.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452007000300053
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito de porta-enxertos e espaçamentos entre plantas na qualidade de pêssegos 'Aurora-1' Rev. Bras. Frutic.
Mathias,Carolina; Mayer,Newton Alex; Mattiuz,Ben-Hur; Pereira,Fernando Mendes.
O objetivo deste trabalho foi avaliar a qualidade pós-colheita de pêssegos da cultivar 'Aurora-1' enxertada sobre quatro porta-enxertos: 'Okinawa' propagado por sementes e por estacas herbáceas, Clone 15 e cv. Rigitano de umezeiro propagados por estacas herbáceas, e conduzidos em três espaçamentos: 6 x 2 m, 6 x 3 m e 6 x 4 m. Os frutos foram colhidos na safra de 2005, obedecendo ao estádio de maturação correspondente à coloração exigida para a comercialização in natura, eliminando-se os defeituosos, machucados ou fora do padrão de maturação estipulado. Foram realizadas análises físicas (massa fresca do fruto, diâmetro longitudinal, diâmetro equatorial, coloração externa, coloração interna e firmeza) e químicas dos frutos (sólidos solúveis, acidez titulável...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus persica; Prunus mume; Porta-enxerto; Composição química.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452008000100030
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Enraizamento de estacas herbáceas de quatro clones de umezeiro (Prunus mume Sieb. et Zucc.) durante o inverno ameno, em Jaboticabal-SP Rev. Bras. Frutic.
Mayer,Newton Alex; Pereira,Fernando Mendes.
Estudos realizados no Brasil com o umezeiro (Prunus mume Sieb. et Zucc.) relatam promissoras perspectivas de utilização desta espécie como porta-enxerto para pessegueiro e nectarineira, em função de sua rusticidade, adaptação ao inverno brando, compatibilidade com Prunus persica, redução do vigor das plantas e melhoria da qualidade dos frutos. Entretanto, em função da propagação por sementes, tem sido observadas diferenças de vigor entre as plantas, resultando em pomares muito heterogêneos. Assim, o presente estudo teve por objetivo estudar o enraizamento de estacas herbáceas de quatro clones de umezeiro (Clones 02, 05, 10 e 15) durante o inverno ameno, em Jaboticabal-SP. O experimento foi conduzido entre os meses de junho e agosto, sendo avaliado aos 70...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Propagação vegetativa; Porta-enxerto; Frutas de caroço.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452003000300036
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Fenologia e produção de gemas em cultivares e seleções de pessegueiro na região de Jaboticabal-SP Rev. Bras. Frutic.
Pereira,Fernando Mendes; Mayer,Newton Alex.
O cultivo do pessegueiro, nos últimos anos, vem demonstrando ser uma atividade viável tecnicamente e atrativa sob o ponto de vista econômico, na região de Jaboticabal-SP. Para que essa região se torne um novo pólo de produção de pêssegos, faz-se necessário estudos com novas cultivares e seleções locais de dupla finalidade, ampliando as opções e o período de colheita. O presente trabalho teve por objetivo estudar a fenologia e a produção de gemas das cultivares Aurora-1 e Régis e das seleções 'Jab 484' e Jab 694', na região de Jaboticabal-SP. Em dois anos de avaliações (2005 e 2006), conclui-se que: a) a cultivar Régis apresenta a maior produção de gemas floríferas por ramo misto, a maior relação entre gemas floríferas/vegetativas e o menor ciclo (entre 72...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus persica (L.) Batsch; Frutas de caroço; Gemas floríferas; Gemas vegetativas; Ciclo.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452008000100010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Formação de mudas de pessegueiro cv. Aurora-1 enxertadas em dois clones de umezeiro (Prunus mume Sieb. et Zucc.) propagados por estacas herbáceas Rev. Bras. Frutic.
Pereira,Fernando Mendes; Mayer,Newton Alex.
O presente trabalho teve por objetivo estudar a formação de mudas de pessegueiro 'Aurora-1' enxertadas nos Clones 10 e 15 de umezeiro (Prunus mume Sieb. et Zucc.) propagados por estacas herbáceas. Após o período de enraizamento, as estacas enraizadas foram transplantadas para sacos plásticos contendo substrato comercial e mantidas em viveiro com piso cimentado e coberto com sombrite (50%), até que as hastes atingissem diâmetro em torno de 10mm. Neste estágio, os porta-enxertos foram enxertados com o pessegueiro cv. Aurora-1 pelo método da borbulhia por escudo modificado. Aos 135 dias após a enxertia, o experimento foi avaliado. Com os resultados obtidos, foi possível concluir que é viável a produção de mudas de pessegueiro 'Aurora-1' enxertadas nos Clones...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus persica (L.) Batsch; Porta-enxerto; Enxertia interespecífica; Frutas de caroço.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452005000200040
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Frutificação, características físicas de frutos e produtividade em cultivares e seleções de pessegueiro em Vista Alegre do Alto-SP Ciência Rural
Pereira,Fernando Mendes; Mayer,Newton Alex.
A microrregião de Jaboticabal, SP, considerada como marginal para o cultivo do pessegueiro, apresenta vantagens comparativas importantes em relação às principais regiões produtoras do Brasil, como o reduzido risco de geadas, a baixa umidade relativa do ar e o déficit hídrico entre abril e setembro, além da possibilidade de produção precoce (agosto a outubro), o que tem remunerado satisfatoriamente os produtores. Entretanto, os resultados de pesquisa são consistentes apenas para a cultivar "Aurora-1". Visando consolidar esta microrregião como um novo pólo produtor de pêssegos de alta qualidade, o presente trabalho foi realizado no município de Vista Alegre do Alto-SP e teve por objetivo estudar a frutificação, as características físicas de frutos e a...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Frutas de caroço; Prunus spp.; Inverno ameno; Baixa exigência de frio.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782008000600009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Initial performance of own-rooted and budded 'Sunraycer' nectarine plants PAB
Jimenes,Isabela Maria; Mayer,Newton Alex; Dias,Carlos Tadeu dos Santos; Silva,Simone Rodrigues da.
Abstract: The objective of this work was to evaluate the performance in the field of 'Sunraycer' nectarine plants when own rooted and budded onto 13 clonal rootstocks. For this, flowering, flushing, fruit maturity, vigor, and production were assessed. The time span between the end of flowering and the harvest period was shorter for 'Sunraycer' budded onto the 'G x N.9', 'Santa Rosa', and 'Ishtara' rootstocks. 'Flordaguard' and 'Ishtara' induced the largest and smallest canopy sizes, respectively. 'Flordaguard' resulted in the greatest production, and 'Cadaman', in the lowest. Own-rooted 'Sunraycer' plants produce heavier fruits and can be an alternative to growers.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus; Flowering; Flushing; Production; Vigor.
Ano: 2020 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2020000102801
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Leaf nutrient content on seven plum cultivars with grafted by budding or own-rooted trees Rev. Bras. Frutic.
Mayer,Newton Alex; Ueno,Bernardo; Nava,Gilberto; Neves,Tainá Rodrigues das.
Abstract Several studies have been conducted in Brazil with rooting of plum scion cultivars, however, it is not known the performance and benefits of own-rooted trees at field. This study aimed to evaluate the leaf nutrient content (N, P, K, Ca, Mg, Fe, Mn, Zn, Cu and B) in seven Japanese plum cultivars (Prunus salicina) on the 2nd and 3rd year after field planting, whose nursery trees were produced by “T-inverted” budding method over ‘Capdeboscq’ peach (P. persica) or by own-rooted hardwood cuttings. The experimental design was in randomized blocks, factorial 7 x 2 (cultivars x nursery tree types), with five replicates of one tree per plot. We conclude that leaf nutrient content of Japanese plums varies among cultivars; however there is no cultivar that...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Rosaceae; Prunus salicina Lindl.; Nutrition; Propagation method.
Ano: 2018 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452018000303001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Marcadores fAFLP na caracterização de três genótipos de umezeiro selecionados como porta-enxertos para pessegueiro PAB
Wickert,Ester; Lemos,Eliana Gertrudes de Macedo; Pereira,Fernando Mendes; Mayer,Newton Alex.
O objetivo deste trabalho foi caracterizar a diversidade genética existente em três genótipos de umezeiro (Clone 05, cv. Rigitano e Clone 15) e identificar marcadores moleculares fAFLP (fluorescent Amplified Fragment Lenght Polymorphism) passíveis de serem utilizados na discriminação dos três genótipos de umezeiro selecionados como porta-enxertos para pessegueiro. Foram utilizadas 24 diferentes combinações de primers seletivos fAFLP que geraram 648 marcas, das quais 272 foram diferenciadoras dos três genótipos entre si. As marcas diferenciadoras permitiram o agrupamento dos clones de umezeiro de acordo com sua similaridade através do Método da Distância e algorítmo Neighbour Joining. As mesmas marcas foram utilizadas para calcular a distância genética...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus mume; Prunus persica; Marcador molecular.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2007001200011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Métodos de propagação do porta-enxerto 'Okinawa' e espaçamentos: efeitos no diâmetro do tronco, fenologia e produção de gemas em pessegueiros 'Aurora-1' Rev. Bras. Frutic.
Mayer,Newton Alex; Pereira,Fernando Mendes.
O presente trabalho teve por objetivo estudar o diâmetro do tronco, a fenologia e a produção de gemas em pessegueiros 'Aurora-1', enxertados no porta-enxerto 'Okinawa' propagado por sementes e por estacas herbáceas, em três espaçamentos (6 x 2 m, 6 x 3 m e 6 x 4 m). No 2º e 3º anos após o plantio das mudas (2005 e 2006, respectivamente), foram estudadas 13 variáveis na cultivar-copa 'Aurora-1', além de sete avaliações trimestrais de diâmetro do tronco, mensuradas a 5 cm acima e abaixo do ponto de enxertia. Nas condições experimentais adotadas, conclui-se que: a) o diâmetro do tronco de pessegueiros 'Aurora-1' não é influenciado pelo método de propagação do porta-enxerto 'Okinawa' nem pelos diferentes espaçamentos entre plantas; b) não há diferença de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus persica; Seedling; Estaca herbácea; Alta densidade.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452008000200052
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Pegamento e crescimento inicial de enxertos do pessegueiro 'Aurora-1' em clones de umezeiro (Prunus mume Sieb. et Zucc.) e 'Okinawa' [Prunus persica (L.) Batsch] propagados por estacas herbáceas Rev. Bras. Frutic.
Mayer,Newton Alex; Pereira,Fernando Mendes; Barbosa,José Carlos.
O presente estudo teve por objetivo avaliar o pegamento e o crescimento inicial de enxertos do pessegueiro 'Aurora-1' em clones de umezeiro (Prunus mume Sieb. et Zucc.) e 'Okinawa' [Prunus persica (L.) Batsch] propagados por estacas herbáceas. Realizaram-se dois experimentos, adotando-se a enxertia de borbulhia por escudo (março) e borbulhia por escudo modificada (julho). Com os resultados obtidos, pode-se concluir que é viável a realização da enxertia do 'Aurora-1' nos Clones 05; 10 e 15 de umezeiro e no 'Okinawa', tanto em março quanto em julho, com as metodologias utilizadas. O 'Okinawa' induz crescimento mais rápido ao enxerto, de forma que o ponto máximo do comprimento é atingido em tempo menor.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Enxertia interespecífica; Compatibilidade; Porta-enxerto.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452005000100028
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Peroxidase activity and initial growth of ‘Barbosa’ peach on clonal rootstocks Rev. Bras. Frutic.
Oldoni,Chirlene Márcia; Nienow,Alexandre Augusto; Schons,Jurema; Mayer,Newton Alex.
Abstract In the peach nursery trees production, the use of rootstocks with unknown genetic identity obtained from peach seeds in the canning industry is frequent. The hypothesis tested was that there are rootstocks that express greater graft compatibility, enabling greater survival and growth, and that peroxidase activity can be used as indication of graft incompatibility. The aim of this study was to evaluate the survival and the peroxidase activity efficiency in identifying graft incompatibility and the trunk diameter growth of ‘Barbosa’ peach grafted onto 18 Prunus clonal rootstocks, propagated by herbaceous cuttings, compared to own-rooted scion trees. The experimental design was three randomized blocks, with one tree per plot. The first three...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus persica (L.) Batsch; Graft; Graft compatibility.
Ano: 2019 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452019000601001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Produtividade de pessegueiros 'Aurora-1' em diferentes espaçamentos e métodos de propagação do porta-enxerto 'Okinawa' Bragantia
Mayer,Newton Alex; Pereira,Fernando Mendes.
O presente trabalho teve por objetivo estudar a influência de diferentes espaçamentos entre plantas (6x2 m, 6x3 m e 6x4 m) e de métodos de propagação do porta-enxerto 'Okinawa' (sementes e estacas herbáceas) em variáveis relativas à produção da cultivar Aurora-1 de pessegueiro. O experimento foi desenvolvido em condições de campo, no município de Vista Alegre do Alto (SP), adotando-se as tecnologias recomendadas para a cultura do pessegueiro na região, e as avaliações foram realizadas no segundo e no terceiro ano após o plantio das mudas. Nas condições experimentais adotadas, pode-se concluir que o método de propagação do porta-enxerto 'Okinawa' não interfere em nenhuma das características vegetativas e produtivas da cv. Aurora-1, nas duas safras...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus persica; Adensamento; Semente; Estaca herbácea.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87052012000300009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Qualidade pós-colheita de pêssegos de cultivares e seleções produzidos na microrregião de Jaboticabal-SP Rev. Bras. Frutic.
Mayer,Newton Alex; Mattiuz,Ben-Hur; Pereira,Fernando Mendes.
O objetivo deste trabalho foi avaliar a qualidade pós-colheita de pêssegos das cultivares 'Aurora-1' e 'Régis' e das seleções 'Jab 484' e 'Jab 694', produzidos na microrregião de Jaboticabal-SP. As plantas foram enxertadas no porta-enxerto 'Okinawa', propagado por sementes, mantidas em condições de campo em Argissolo Vermelho-Amarelo eutrófico de textura arenosa média e conduzidas no espaçamento 6 x 4m. No segundo e terceiro anos após o transplantio das mudas (2005 e 2006), procedeu-se à colheita dos frutos no estádio maduro, conforme a época de maturação e a coloração de cada genótipo. No laboratório, foram realizadas análises de coloração (luminosidade, ângulo de cor e cromaticidade) do epicarpo e mesocarpo, firmeza, teor de sólidos solúveis e acidez...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus persica; Dupla finalidade; In natura; Coloração; Composição química.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452008000300009
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Reação de clones de umezeiro (Prunus mume sieb. et zucc.) e cultivares de pessegueiro a Meloidogyne javanica (treub, 1885) Chitwood, 1949 Rev. Bras. Frutic.
Mayer,Newton Alex; Pereira,Fernando Mendes; Santos,Jaime Maia dos.
Um amplo projeto de estudos sobre a utilização do umezeiro como porta-enxerto para pessegueiro está sendo desenvolvido na FCAV/UNESP, Câmpus de Jaboticabal-SP, devido, especialmente, às promissoras características para uso como redutor de vigor da copa e sua boa qualidade de frutos. Alguns trabalhos na literatura citam o umezeiro como resistente ao nematóide das galhas, entretanto dispõe-se de poucas informações. Neste trabalho, teve-se por objetivo estudar a reação de clones de umezeiro e cultivares de pessegueiro a Meloidogyne javanica. O experimento foi conduzido em casa de vegetação, com 6 tratamentos (Clones 05; 10 e 15 de umezeiro e as cultivares Okinawa, Aurora-1 e Dourado-1 de pessegueiro) e 9 repetições. As plantas foram mantidas em vasos de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Porta-enxerto; Frutas de caroço; Nematóide de galhas; Prunus spp.; Meloidogyne spp.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452003000100050
Registros recuperados: 24
Primeira ... 12 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional