Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Adubação fosfatada e potássica no crescimento e nutrição da Crotalaria juncea L. Repositório Alice
COSTA, K. A. de P.; OLIVEIRA JÚNIOR, J. P. de; OLIVEIRA, I. P. de; HEINEMANN, A. B.; FAQUIN, V.; RODRIGUES, C..
O experimento foi conduzido em casa-de-vegetação, com objetivo de avaliar o efeito de doses de P e K na altura, produção de massa seca e nutrição da crotalária em ARGISSOLO VERMELHO-AMARELO-Eutrófico, sob vegetação do cerrado. O delineamento utilizado foi blocos ao acaso em esquema fatorial 4 x 4, com 3 repetições. Os tratamentos constituíram de quatro doses de P (0, 25, 50 e 75 kg ha-1 de P2O5) e quatro de K (0, 25, 50 e 75 kg ha-1 de K2O). Aos 60 dias após a germinação, antes do período de floração, foi realizado o corte da leguminosa. Foram realizadas análises químicas da parte área para determinação das concentrações de macro e micronutrientes. A aplicação de 75 kg ha-1 de P2O5 e K2O, promoveu melhores resultados na altura de planta e produção de massa...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Nutrição mineral; Massa seca; Produção; Crotalaria juncea; Solo; P; K.
Ano: 2006 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/203830
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Adubação potássica da rotação soja, milheto e algodão em sistema plantio direto nos cerrados. Infoteca-e
BERNARDI, A. C. de C.; OLIVEIRA JÚNIOR, J. P. de; LEANDRO, W. M.; MESQUITA, T. G. da S.; CARVALHO, M. da C. S.; FREITAS, P. L. de..
Este estudo teve objetivo avaliar a eficiência da adubação potássica com relação às doses, modos de aplicação (sulco, lanço e parcelada) e época (plantio, plantio e cobertura) na rotação soja, milheto e algodoeiro cultivadas em sistema plantio direto em solo da região dos Cerrados. O delineamento experimental adotado foi de blocos casualisados com 4 repetições em esquema fatorial. A fonte utilizada nas adubações foi o KCI. Na soja os tratamentos utilizados foram utilizadas as doses (testemunha, 30, 60 e 180 Kg ha-1 K2O), modos de aplicação (lanço e sulco) e épocas (pré-plantio, plantio e cobertura). Na cultura do algodoeiro foram utilizadas as doses de: 30, 60, 120 e 240 Kg ha-1 K2O, aplicados em pré-plantio, no sulco de plantio e, 60 Kg ha-1 K2O no sulco...
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Glycine max; Pennisetum; Gossypium hirsutum; Qualidade da fibra; Estado nutricional; Análise de solo.
Ano: 2004 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/965553
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Doses e formas de aplicação da adubação potássica na rotação soja, milheto e algodão em sistema plantio direto. Repositório Alice
BERNARDI, A. C. de C.; OLIVEIRA JÚNIOR, J. P. de; LEANDRO, W. M.; MESQUITA, T. A. de; FREITAS, P. L. de.; CARVALHO, M. da C. S..
Este estudo teve como objetivo avaliar a eficiência da adubação potássica, com relação às doses, modos (sulco, a lanço e parcelada) e épocas de aplicação (pré-semeadura, semeadura e cobertura), na sucessão de culturas soja-milheto-algodoeiro, cultivadas em sistema plantio direto, em Latossolo Vermelho, no município de Turvelândia, Goiás (17o51?S, 50o18?W). O delineamento experimental adotado foi o de blocos casualizados, com quatro repetições, em esquema fatorial. A fonte de potássio utilizada nas adubações foi o cloreto de potássio. Na soja, os tratamentos utilizados foram doses de K2O (0 kg ha-1, 30 kg ha-1, 60 kg ha-1 e 180 kg ha-1), aplicadas em pré-semeadura (a lanço) e na semeadura (no sulco), com e sem cobertura. Na cultura do algodoeiro, os...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Glycine max; Pennisetum; Gossypium hirsutum; Qualidade da fibra; Eficiência agronômica.
Ano: 2009 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/82788
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Teores de micronutrientes nas folhas de milho fertilizadas com lodo de curtume. Repositório Alice
BORGES, J. D.; BARROS, R. G.; SOUZA, E. R. B. de; OLIVEIRA JÚNIOR, J. P. de; LEANDRO, W. M.; OLIVEIRA, I. P. de; CARNEIRO, M. de F.; NAVES, R. V.; SONNENBERG, P. E..
A presente pesquisa foi conduzida em vasos em casa de vegetação na Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - EMBRAPA-Arroz e Feijão, no município de Santo Antônio de Goiás, GO, nas coordenadas 16º27? de latitude S e 49º17? de longitude W Gr., e 823 m de altitude. O delineamento experimental utilizado foi inteiramente casualizado, com sete tratamentos e quatro repetições, sendo estes: testemunha, doses de 113,1 ml.vaso-1 de lodo de curtume (36 m3.ha-1)-Lodo36; 226,2 ml.vaso-1 de lodo de curtume (72 m3.ha-1)-Lodo72; 452,4 ml.vaso-1 de lodo de curtume (144 3.ha-1)-Lodo144; 904,8 ml. vaso-1 de lodo de curtume (288 m3.ha-1)-Lodo288; 1,256 g.vaso-1 do formulado (NPK) 04-30-16 + Zn (400 kg.ha-1)-Químico, e 1,256 g.vaso-1 de (NPK) 04-30-16 + Zn (400 kg.ha-1) +...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Milho; Zea mays; Nutrição de plantas; Resíduo industrial; Micronutriente; Curtume.
Ano: 2007 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/215764
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional