Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 3
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cistopexia videoassistida em cadela com cistocele após prolapso uterino: relato de caso Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Krebs,T.; Brun,M.V.; Linhares,M.T.; Dalmolin,F.; Pohl,V.H.; Feranti,J.P.S..
O prolapso de vesícula urinária associado ao prolapso uterino é condição rara em cães e gatos. O tratamento preconizado para essa afecção é o reposicionamento anatômico das estruturas afetadas. No presente relato é descrito o manejo por meio de ovariossalpingo-histerectomia por celiotomia e, após dois dias, cistopexia videoassistida. Essa condição, conforme o conhecimento dos autores, não havia sido previamente descrita. A operação apresentou-se como possibilidade viável de tratamento, sem complicações pós-operatórias.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/report Palavras-chave: Videocirurgia; Retroflexão vesical; Vesícula urinária; Prolapso; Canino.
Ano: 2015 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352015000200347
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Meloxicam associado ou não ao tramadol no controle da dor após ovário-histerectomia videoassistida em cadelas Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Oliveira,M.T.; França,R.T.; Feranti,J.P.S.; Coutinho Júnior,A.S.; Soares,A.V.; Santos,F.R. B.; Corrêa,L.F.D.; Hartmann,H.F.; Pinto Filho,S.T.L.; Chaves,R.O.; Pohl,V.H.; Brun,M.V..
O objetivo deste estudo foi avaliar a eficácia do meloxicam associado ou não ao tramadol, no controle da dor após ovário-histerectomia (OVH) laparoscópica com dois portais. Foram selecionadas 14 cadelas hígidas. Os animais foram separados de forma aleatória, em dois grupos. O grupo M (GM) recebeu meloxicam (0,2mg kg-1, s.i.d.), enquanto os animais do grupo MT (GMT) receberam a associação de meloxicam (0,2mg kg-1, s.i.d.) e tramadol (4mg kg-1, t.i.d.), ambos durante dois dias de pós-operatório. Para avaliação da dor pós-cirúrgica, foram utilizadas as escalas de Melbourne e escala visual analógica (EVA), além de mensurações de glicemia e cortisol sérico. Não houve diferença ao se avaliarem os grupos GM e GMT pela escala de Melbourne nem pela EVA. As...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cão; Analgesia; AINES; Videocirurgia.
Ano: 2016 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352016000100010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ressecção de cisto e abscesso renais por laparoscopia em um cão Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Pinto Filho,S.T.L.; Brun,M.V.; Dalmolin,F.; Hartmann,H.; Pereira,D.T.; Pohl,V.H.; Coutinho Jr.,A.S.; Giglio,C.F.; Wiecheteck,F.S.; Oliveira,M.T.; Godoy,C.L.B.; Hora,A.M..
Cistos renais podem formar-se em qualquer parte do néfron e dos ductos coletores. Alguns são hereditários, originando-se durante a organogênese, e outros se desenvolvem no tecido renal normal, depois que os rins estão completamente formados. No presente relato, descreve-se a ressecção de cisto e abscesso renais, por cirurgia laparoscópica em um cão. Para o acesso, foram utilizados três portais, dois de 10mm de diâmetro e um de 5mm, dispostos na parede abdominal lateral direita e, num segundo momento, na parede abdominal lateral esquerda. Conclui-se, portanto, que a técnica laparoscópica com três portais permite a realização de ressecção de cisto e abscesso renais em cães, sem a ocorrência de recidivas em curto prazo.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cirurgia; Videolaparoscopia; Cão; Rim.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352013000600010
Registros recuperados: 3
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional