Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 210
Primeira ... 123456789 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A rare syndrome of corn smut Trop. Plant Pathol.
MOURA,ROMERO M.; PEDROSA,ELVIRA M. R.; GUIMARÃES,LÍLIAN M. P..
Tipo: Info:eu-repo/semantics/report
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582001000400021
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alta incidência de Tomato chlorotic spot virus em jiló no estado de São Paulo Trop. Plant Pathol.
RABELO,LUIZ C.; PEDRAZZOLI,DANILO S.; NOVAES,QUELMO S.; NAGATA,TATSUYA; REZENDE,JORGE A.M.; KITAJIMA,ELLIOT W..
Tipo: Info:eu-repo/semantics/report
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582002000100020
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alterações na fotossíntese e na transpiração de folhas de milho infetadas por Phaeosphaeria maydis Trop. Plant Pathol.
GODOY,CLÁUDIA V.; AMORIM,LILIAN; BERGAMIN FILHO,ARMANDO.
O efeito da mancha foliar de Phaeosphaeria, causada por Phaeosphaeria maydis, na taxa líquida de fotossíntese e na transpiração de folhas de milho (Zea mays) foi avaliado no campo em três híbridos e uma linhagem de milho. A taxa líquida de fotossíntese foi relacionada à severidade da doença por meio do modelo Px/Po=(1-x )beta, onde Px representa a taxa fotossintética líquida de folhas com severidade de doença x (em proporção), Po representa a taxa fotossintética líquida média de folhas sadias e beta representa a relação entre a lesão virtual (área foliar com fotossíntese nula) e a lesão visual (área foliar coberta por sintomas). O parâmetro beta caracteriza o efeito do patógeno em toda a gama de severidade de doença. Os valores de beta determinados por...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/other Palavras-chave: Lesão virtual; Eficiência fotossintética.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582001000200017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise da curva de progresso temporal da vassoura-de-bruxa do cupuaçuzeiro Trop. Plant Pathol.
NUNES,ANGELA M. L.; BERGAMIN FILHO,ARMANDO; AMORIM,LILIAM; NUNES,MARCO AURÉLIO L.; DIAS,CARLOS T. S..
A evolução de lançamentos e de flores de cupuaçuzeiro (Theobroma grandiflorum) com sintomas de vassoura-de-bruxa e a produção de basidiocarpos do patógeno (Crinipellis perniciosa) foram monitoradas em plantas enxertada e não-enxertadas de um campo experimental no município de Belém, PA. Modelos epidemiológicos (logístico, Gompertz, e as somas logístico + logístico e Gompertz + Gompertz) foram ajustados a curvas de progresso da doença bianuais (1993 e 1994 para incidência da doença em lançamentos e basidiocarpos produzidos nesses lançamentos) e anuais (1994), para incidência da doença em flores e basidiocarpos produzidos nessas flores. A soma de duas equações logísticas apresentou bom ajuste aos dados bianuais e o modelo logístico, aos dados anuais. O...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Theobroma grandiflorum; Crinipellis perniciosa; Modelos de progresso de doenças.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582002000400002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise da segregação de avirulência de Magnaporthe grisea do trigo Trop. Plant Pathol.
URASHIMA,ALFREDO S.; BRUNO,ANA C.; LAVORENTI,NORBERTO A..
A segregação de avirulência entre progênies de cruzamento entre isolados de Magnaporthe grisea provenientes de trigo (Triticum aestivum) foi estudada utilizando cinco variedades de trigo. A população segregante desse estudo foi formada por 37 progênies resultantes do cruzamento entre dois isolados de campo que diferiram na reação de avirulência/virulência a essas variedades. Os resultados obtidos mostraram que para as variedades CNT 8, BR 17 e OR 1 a relação avirulência/virulência foi de 1:1, demonstrando segregação de um gene de avirulência, que foi diferente para cada uma das variedades. A segregação observada para as variedades BR 31 e Iapar 3 foi de 1:3 avirulência/virulência indicando segregação de um gene de avirulência e do supressor desse gene de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/other Palavras-chave: Triticum aestivum; Pyricularia; Variabilidade; Recombinação.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582001000300011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise de proteínas e isoenzimas de isolados de Rhizoctonia spp. patogênicos a Eucalyptus Trop. Plant Pathol.
SILVEIRA,SILVALDO F.; ALFENAS,ACELINO C..
Objetivou-se caracterizar isolados de Rhizoctonia solani AG1 e AG4 e isolados binucleados de Rhizoctonia spp. patogênicos a Eucalyptus, por meio de eletroforese de proteínas, em gel de poliacrilamida, e de isoenzimas (ACP, 6-PGDH, LAP, SOD, MDH e IDH), em gel de amido. Para comparação, incluíram-se alguns isolados brasileiros de outros hospedeiros e isolados-padrões de R. solani AG1, procedentes do Japão. Observaram-se diferenças nos padrões gerais de proteínas e nos fenótipos isoenzimáticos entre isolados binucleados e multinucleados e entre isolados de diferentes grupos e subgrupos de anastomose. Isolados de R. solani AG1, procedentes do Brasil e Japão, apresentaram baixa similaridade nos padrões de proteínas e de isoenzimas. Isolados brasileiros...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Rhizoctonia solani; Eletroforese de proteínas; Gel de amido.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582002000100005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise de restrição de DNA ribossomal amplificado (ARDRA) pode diferenciar Fusarium solani f. sp. phaseoli de F. solani f. sp. glycines Trop. Plant Pathol.
OLIVEIRA,VIRGÍNIA C. de; COSTA,JEFFERSON L. S. da.
Métodos moleculares têm sido utilizados para caracterizar a diversidade entre isolados de Fusarium spp. patogênicos e não patogênicos a uma cultura e, para determinar relações genéticas entre formae speciales. Testes de patogenicidade realizados em soja (Glycine max) e feijoeiro (Phaseolus vulgaris) com 17 isolados de Fusarium solani não demonstraram especificidade de hospedeiros. Utilizou-se a técnica ARDRA (Amplified Ribosomal DNA Restriction Analysis) para analisar a região ITS1 - 5,8S rDNA - ITS2, amplificada com os primers ITS5 e ITS4. Os produtos amplificados foram digeridos com as enzimas de restrição Hae III e Msp I. Os padrões de bandas gerados pela digestão com a enzima Hae III permitiram diferenciar três grupos entre os isolados de F. solani,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Formae specialis; Phaseolus vulgaris; Glycine max.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582002000600013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise molecular de segmento do RNA2 de comovirus isolados de soja no estado do Paraná Trop. Plant Pathol.
SOUTO,ELIEZER R.; ALMEIDA,ÁLVARO M. R.; BIANCHINI,ANÉSIO; SARTORI,FÁBIO; CALVO,ÉBERSON S..
Nas áreas produtoras de feijão (Phaseolus vulgaris) do Estado do Paraná observa-se anualmente a ocorrência do vírus do mosaico em desenho do feijoeiro (Bean rugose mosaic virus, BRMV), principalmente em infecções mistas com o vírus do mosaico dourado do feijoeiro (Bean golden mosaic virus, BGMV), acarretando maior severidade de sintomas e causando perdas na produção. Recentemente constatou-se a presença do vírus do mosaico severo do caupi (Cowpea severe mosaic virus, CPSMV) associado a sintomas de queima do broto em plantações de soja (Glycine max) na região de Londrina, sendo este um fato novo no Estado. Neste trabalho, parte do RNA2 de dois comovirus isolados de soja no Paraná foram clonados e sequenciados, sendo 600 pares de bases (pb) do BRMV-PR e 594...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: BRMV; CPSMV; Dados de seqüenciamento.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582002000500014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Analysis of the nucleotide sequence of the coat protein and 3'-untranslated region of two Brazilian Potato virus Y isolates Trop. Plant Pathol.
INOUE-NAGATA,ALICE K.; FONSECA,M. ESTHER N.; LOBO,TATIANA O.T.A.; ÁVILA,ANTÔNIO C. DE; MONTE,DAMARES C..
Two Brazilian Potato virus Y (PVY) isolates were biologically characterized as necrotic (PVY-NBR) and common (PVY-OBR) based upon symptoms on test plants. Additional characterization was performed by sequencing a cDNA corresponding to the 3' terminal region of the viral genome. The sequence consisted of 195 nucleotides (nt) coding part of the nuclear inclusion body b (NIb) gene, 804 nt of the coat protein (CP) gene, and 328 nt (PVY-OBR) or 326 nt (PVY-NBR) of the 3'-untranslated region (UTR). Translation of the sequence resulted in one single open reading frame with part of the NIb and a CP of 267 amino acids. The two isolates shared 95.1% similarity in the CP amino acid sequence. The CP and the 3'-UTR sequence of the Brazilian isolates were compared to...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: PVY; Potyvirus; Phylogenetic analysis; Taxonomy; Coat protein.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582001000100008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Arranjo espacial do vira-cabeça do fumo em arapiraca, estado de alagoas Trop. Plant Pathol.
SILVA,JEFFERSON N.; MICHEREFF,SAMI J.; PIO-RIBEIRO,GILVAN; ANDRADE,GENIRA P..
O vira-cabeça do fumo (Nicotiana tabacum), causado pelo Groundnut ringspot virus (GRSV), do gênero Tospovirus, tem sido observado em alta incidência em determinadas áreas da região fumageira do agreste do estado de Alagoas. O arranjo espacial da doença foi analisado em duas áreas de plantio (A e B), formadas por quatro parcelas cada, localizadas no município de Arapiraca. As parcelas foram avaliadas semanalmente, sendo efetuado o mapeamento espacial de plantas sadias e com sintomas de vira-cabeça, bem como determinada a incidência da doença, representada pelo número de plantas com sintomas em relação ao total de plantas avaliadas. Pelas análises de "ordinary runs" e autocorrelação espacial, foi constatada a predominância do arranjo aleatório de plantas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Groundnut ringspot virus; GRSV; Nicotiana tabacum; Epidemiologia.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582001000400005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aspectos taxonômicos de Uredinales infetando leguminosas utilizadas na arborização urbana do Distrito Federal Trop. Plant Pathol.
REZENDE,DENISE V.; DIANESE,JOSÉ C..
Seis espécies de fungos causadores de ferrugem, Diorchidium copaiferae, Ravenelia hieronymi, Sphaerophragmium acaciae, Esalque holway, Uredo sp. e Uromyces neurocarpi foram estudadas e descritas com o acréscimo de detalhes adicionais e correções em suas descrições originais. Várias características morfológicas foram revisadas sendo a maioria delas ilustrada pela primeira vez em microscópio ótico e eletrônico de varredura. As exsicatas foram depositadas na Coleção Micológica de Referência da Universidade de Brasília
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Taxonomia; Diorchidium; Ravenelia; Sphaeropragmium; Esalque; Uredo; Uromyces.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582002000400005
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da qualidade fisiológica e sanitária de sementes de genótipos de soja do ciclo precoce/médio em Uberlândia, Minas Gerais Trop. Plant Pathol.
HAMAWAKI,OSVALDO T.; JULIATTI,FERNANDO C.; GOMES,GERALDO M.; RODRIGUES,FABRÍCIO A.; SANTOS,VERA LÚCIA M..
Este trabalho teve como objetivo avaliar porcentagem de germinação, vigor, sanidade de sementes e produtividade de 18 linhagens de soja (Glycine max). O ensaio de campo foi conduzido na Fazenda Experimental do Capim Branco da Universidade Federal de Uberlândia. Utilizou-se o delineamento em blocos casualizados, com quatro repetições e 18 tratamentos, constituídos pelos genótipos de soja. Os genótipos UFV94-426803 e BR92-06665 apresentaram a maior e a menor porcentagem de germinação (96 e 69%, respectivamente). Essa variável correlacionou-se positivamente com o vigor das sementes (r= +0,79), e negativamente com a incidência de Fusarium semitectum, Phomopsis sojae e Colletotrichum dematium (r= -0,33, -0,39, e --0,26, respectivamente). As linhagens CSP-5 e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/other Palavras-chave: Sanidade de sementes; Fungos; Incidência; Cultivares e produtividade.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582002000200013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da resistência à giberela de genótipos de cereais de inverno Trop. Plant Pathol.
LIMA,MARIA I.P.M.; FERNANDES,JOSÉ M.C..
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582002000100019
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da resistência de cultivares e linhagens do feijoeiro comum a diferentes populações de Uromyces appendiculatus Trop. Plant Pathol.
RIOS,GERSON P.; ANDRADE,EIKO M.; COSTA,JEFFERSON L. S..
A técnica de folhas destacadas tem sido utilizada para estudos relacionados a doenças de plantas. Neste trabalho foi utilizada a técnica de folhas de feijoeiro (Phaseolus vulgaris) destacadas e cultivadas em vermiculita, visando estudar a resistência de diversas cultivares a diferentes populações de Uromyces appendiculatus, coletadas em diferentes regiões ou épocas. Compararam-se os sintomas da doença na planta com os observados nas folhas destacadas. Os sintomas nas folhas destacadas foram semelhantes aos das folhas nas plantas. As cultivares Novo Jalo, Corrente e Aporé de feijoeiro foram resistentes a todas as populações do patógeno. A técnica de folhas destacadas e cultivadas em vermiculita mostrou-se útil e vantajosa com relação às demais técnicas de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Vermiculita; Folha destacada; Resistência; Populações; Phaseolus vulgaris.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582001000200002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de métodos de inoculação de Phytophthora parasitica em plântulas e plantas jovens de citros Trop. Plant Pathol.
SIVIERO,AMAURI; FURTADO,EDSON L.; BOAVA,LEONARDO P.; BARBASSO,DANILO V.; MACHADO,Marcos A..
Este trabalho teve como objetivo avaliar métodos de inoculação de Phytophthoraparasitica em plântulas e plantas jovens de citros (Citrus spp.) visando sua utilização em estudos de resistência de porta-enxertos à gomose de Phytophthora. Os métodos de inoculação testados foram: contato planta sem ferimento-patógeno, casca destacada, inserção de disco de meio de cultura contendo micélio sob a casca, método do disco e inserção de agulha e palito infestados em plântulas e plantas jovens de citros. A resistência de genótipos à gomose pode ser avaliada em plântulas in vitro, através de inserção de agulha infestada. O método do disco e o da inserção sob casca foram os melhores quando utilizados em plantas jovens. A medida da área total da lesão é a variável ideal...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Gomose; Metodologia; Resistência; Citros.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582002000600003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliando a taxa de expansão de lesões de Bipolaris sorokiniana em trigo Trop. Plant Pathol.
PRATES,LUCIANO GRAEFF; FERNANDES,JOSÉ MAURÍCIO CUNHA.
Os primeiros sintomas de mancha marrom causada por Bipolaris sorokiniana em trigo (Triticum aestivum) têm início com pequenos pontos negros nas folhas. À medida que se expandem, as lesões adquirem formato oval, com o centro marrom-escuro e halo amarelado. Em condições favoráveis, as lesões coalescem necrosando grandes áreas da folha. O efeito da temperatura na taxa de expansão de lesão de B. sorokiniana foi determinado em oito cultivares de trigo. Imagens digitalizadas das lesões de diferentes cultivares e em distintos regimes de temperatura foram capturadas a intervalos regulares e armazenadas eletronicamente. Um software específico, denominado AreaScan, foi usado para medir a área individual das lesões. A velocidade de expansão de lesão de B. sorokiniana...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Resistência; Mancha marrom; Expansão de sintomas.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582001000200012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização do Tomato chlorotic spot virus isolado de jiló no Vale do Paraíba, Estado de São Paulo Trop. Plant Pathol.
EIRAS,MARCELO; CHAVES,ALEXANDRE L. R.; COLARICCIO,ADDOLORATA; HARAKAVA,RICARDO; ARAUJO,JANSEN DE; CHAGAS,CÉSAR M..
Os tospovírus são responsáveis por perdas significativas em diversas culturas, principalmente solanáceas. No município de São José dos Campos (SP), plantas de jiló (Solanum gilo) apresentando sintomas de mosaico, bolhosidades, nanismo e queda acentuada da produção foram coletadas para análise. Visando a caracterização do agente causador dos sintomas, testes biológicos, elétrono microscópicos, sorológicos e moleculares foram realizados. Através de inoculação mecânica em plantas indicadoras das famílias Amaranthaceae, Chenopodiaceae e Solanaceae obtiveram-se resultados típicos aos esperados para tospovírus. Ao microscópio eletrônico de transmissão, observaram-se, em contrastação negativa, partículas pleomórficas com diâmetro entre 80 e 110 nm e em cortes...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Bunyaviridae; TCSV; Solanáceas.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582002000300008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização isoenzimática de espécies de Oidium Trop. Plant Pathol.
SILVA,MARIA D. D.; ALFENAS,ACELINO C.; MAFFIA,LUIZ A.; ZAUZA,EDIVAL A. V..
Isolados de Oidium oriundos de eucalipto (Eucalyptus urophylla) roseira (Rosa sp), dália (Dhalia sp.), feijoeiro (Phaseolus vulgaris) e urucunzeiro (Bixa orellana) foram comparados mediante écnicas de extração e eletroforese de isoenzimas, em gel de amido. Dentre 19 enzimas testadas, fosfatase ácida, enzima málica, alfa-esterase, 6-fosfoglucanato desidrogenase, fosfoglucose isomerase, hexoquinase e malato desidrogenase ofereceram atividade e resolução satisfatórias. Os isolados do patógeno oriundos de eucalipto e de roseira apresentaram um mesmo padrão de bandas com coeficiente de similaridade igual a 100%. Os demais isolados diferiram entre si e exibiram coeficiente de similaridade inferior a 43%. Os isolados obtidos de eucalipto e de roseira, além de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Eucalyptus; Isoenzimas; Isozimas.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582002000300011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização molecular de dois isolados brasileiros de Lettuce mosaic virus apresentando propriedades biológicas distintas Trop. Plant Pathol.
KRAUSE-SAKATE,RENATE; MELLO,RAQUEL N.; PAVAN,MARCELO A.; ZAMBOLIM,EUNIZE M.; CARVALHO,MURILO G.; LE GALL,OLIVIER; ZERBINI,F. MURILO.
Efetuou-se a clonagem e seqüenciamento do gene que codifica a proteína capsidial de dois isolados do vírus do mosaico da alface (Lettuce mosaic virus, LMV) provenientes do estado de São Paulo, previamente caracterizados como pertencentes aos patótipos II (AF198, incapaz de infetar cultivares com os genes de resistência mo1¹ ou mo1²) e IV (AF199, capaz de quebrar a resistência propiciada pelos genes mo1¹ e mo1²), com base na virulência em cultivares diferenciadoras. Análise comparativa das seqüências de nucleotídeos de isolados provenientes da Europa, América do Norte, Oriente Médio e os dois isolados brasileiros não permitiu sua separação em estirpes, pois as porcentagens de homologia foram sempre superiores a 95%. Entretanto, análise filogenética dos...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Lactuca; Lettuce; Potyvirus; LMV; Capsid protein; Cloning; Resistance.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582001000200006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização patogênica de Colletotrichum acutatum e C. fragariae associados à antracnose do morangueiro Trop. Plant Pathol.
TANAKA,MARIA APARECIDA S.; PASSOS,FRANCISCO A..
A antracnose é uma das principais doenças do morangueiro morangueiro (Fragaria X ananassa) e na sua sintomatologia pode estar envolvida mais de uma espécie de Colletotrichum. Neste trabalho objetivou-se caracterizar a especialização patogênica de Colletotrichum acutatum e C. fragariae em frutos, pecíolos, rizomas e inflorescências, utilizando-se inoculação artificial em várias cultivares. Em frutos, C. acutatum provocou lesões maiores que C. fragariae, enquanto que em pecíolos e rizomas C. fragariae foi mais patogênico. A cultivar Reiko foi mais suscetível às lesões dos pecíolos, enquanto 'IAC- Princesa Isabel', 'Sequoia', 'IAC-Guarani' e 'Chandler' foram mais resistentes. Os sintomas de podridão de rizoma foram menos severos em 'IAC-Princesa Isabel' e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Fragaria X ananassa; Flor preta; Podridão de rizoma.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582002000500008
Registros recuperados: 210
Primeira ... 123456789 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional