Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 2.062
Primeira ... 123456789 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A biocultural approach to the use of natural resources in Northeast Brazil: A socioeconomic perspective Acta Botanica
Silva,Nylber Augusto da; Alves,Ângelo Giuseppe Chaves; Albuquerque,Ulysses Paulino de; Ramos,Marcelo Alves.
ABSTRACT We employed a biocultural approach to understanding the dynamics of knowledge ans use of natural resources associated in immaterial aspects of culture. We investigated whether factors such as sex, income, age, religion, occupation and time of participation in cultural practice influence the richness of species known and used by members of Cavalo Marinho, expression of the popular culture of the Brazilian Northeast that brings together theater, music and dance. We recorded a total of 111 ethnospecies (95 plants and 16 animals), based on information obtained from 56 informants. .There was a predominance of native plants and domestic animals in the knowledge of the participants in this cultural expression, although effective use is restricted to few...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Biocultural approach; Biocultural heritage; Cultural practice; Intracultural variation; Knowledge and use; Natural resources.
Ano: 2019 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062019000200315
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A catalog of Bryophyta types deposited at the National Museum of Brazil Acta Botanica
Câmara,Paulo E.A.S.; Carvalho-Silva,Micheline; Silva,Maria Sulamita Dias da; Peralta,Denilson Fernandes.
While visiting the Herbarium of the Botany Department of the National Museum of the Federal University of Rio de Janeiro (code, R), we located the types of 219 bryophyte names, most of which were published by Karl Müller (cited as Müller Hallensis), whose holotypes were lost during the bombing of the Berlin Herbarium in 1943. A total of 181 names (82%) are possible candidates for lectotypification and most likely not to be found elsewhere. We also found the complete collection of Müller's "Bryologia Serrae Itatiaiae", made by Ernst Ule.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Brazil; Brotherus; Müller Hallensis; Types; Ule.
Ano: 2014 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062014000400007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A comunidade vegetal e as características abióticas de um campo de murundu em Uberlândia, MG Acta Botanica
Resende,Isa Lucia de Morais; Araújo,Glein Monteiro de; Oliveira,Ana Paula de Assis; Oliveira,Ana Paula de; Ávila Júnior,Rubem Samuel de.
Murundu é um tipo de microrrelevo em forma de pequena elevação, geralmente arredondado, muitas vezes apresentando solo e vegetação diferentes da área circundante. Todos os morrotes encontrados em 1,08ha de um campo de murundu foram medidos (comprimento, largura e altura). Determinou-se a profundidade do lençol freático e as características do solo sobre os mesmos e na área plana adjacente. A vegetação lenhosa (cipós, arbustos e árvores) com diâmetro do caule ao nível do solo > 5mm foi amostrada em 48 morrotes. Encontraram-se 434 elevações (31,4% da área) das quais 24,3% apresentaram vegetação lenhosa. A profundidade do lençol freático sob os murundus com vegetação lenhosa variou de 99,2 a 206,8cm. O solo estudado apresentou baixo teor de bases trocáveis...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cerrado; Murundu; Vegetação; Lençol freático.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062004000100002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A contingent valuation study of buriti ( Mauritia flexuosa L.f.) in the main region of production in Brazil: is environmental conservation a collective responsibility? Acta Botanica
Vieira,Irlaine R.; Oliveira,Jefferson S.; Santos,Kelly P. P.; Silva,Geisiane O.; Vieira,Fábio J.; Barros,Roseli F. M..
ABSTRACT The immature leaves of the buriti palm (Mauritia flexuosa) are widely harvested in the municipality of Barreirinhas, Maranhão, for the production of handicrafts, which are sold to locals and tourists. The increasing demand for these artisanal goods is stimulating the emergence of an informal market for immature buriti leaves, leading to an intensification of their extraction and resulting in negative effects on local buriti palm populations and the ecosystem. Thus, the objective of the present study was to assess the environmental value of the buriti palm tree based on the maximum willingness to pay (WTP) for its conservation, using the contingent valuation method. Among the respondents, 99.74% reported that the palm species should be protected...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Contingent valuation; Handicrafts; Harvesting; Non-timber forest products (NTFP); Palm tree.
Ano: 2016 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062016000400532
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A contribuição da anatomia foliar para a taxonomia das espécies de Cyperus L. subg. Cyperus (Cyperaceae) ocorrentes no sul do Brasil Acta Botanica
Hefler,Sonia Marisa; Longhi-Wagner,Hilda Maria.
Foi analisada a anatomia foliar de 15 táxons de Cyperus subg. Cyperus ocorrentes na Região Sul do Brasil, na busca de caracteres anatômicos auxiliares para a sua identificação. Todos os táxons analisados possuem clorênquima radiado em torno dos feixes vasculares, anatomia Kranz do tipo Clorociperóide e cavidades aeríferas com diafragma de células estreladas. Os caracteres que mostraram maior valor diagnóstico foram a forma da lâmina foliar em secção transversal, a distribuição e estratificação da hipoderme e das células buliformes, o grau de desenvolvimento das cavidades aeríferas, e a distribuição dos feixes vasculares. Os resultados permitiram separar algumas espécies com morfologia externa semelhante, porém, não foram conclusivos para a definição de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Monocotiledôneas; Morfoanatomia; Plantas C4.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062010000300014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A contribuição da anatomia foliar para a taxonomia de Raddia Bertol. (Poaceae: Bambusoideae) Acta Botanica
Oliveira,Reyjane Patrícia de; Longhi-Wagner,Hilda Maria; Leite,Kelly Regina Batista.
Raddia é um gênero de bambus herbáceos que inclui nove espécies ocorrentes no Brasil, uma delas encontrada também em áreas extra-brasileiras. A anatomia foliar de todas as espécies foi analisada em microscopia óptica e microscopia eletrônica de varredura, visando à obtenção de caracteres úteis para sua taxonomia. Espécies de outros gêneros de bambus herbáceos foram utilizadas para comparação. Não foram encontrados caracteres anatômicos exclusivos de Raddia, e os mesmos foram pouco relevantes para a delimitação das espécies dentro do gênero, separando às vezes, apenas grupos de espécies. Entre estes caracteres, destacaram-se, em corte transversal: forma da nervura central, posição do feixe vascular mediano, número de feixes vasculares adjacentes ao feixe...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Anatomia; Bambus; Bambusoideae; Olyreae; Raddia; Gramineae.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062008000100002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A família Agaricaceae Chevall. em trechos de Mata Atlântica da Reserva Biológica do Tinguá, Nova Iguaçu, Rio de Janeiro, Brasil: Gêneros Agaricus, Cystolepiota e Lepiota Acta Botanica
Albuquerque,Margéli Pereira de; Pereira,Antônio Batista; Carvalho Júnior,Aníbal Alves de.
Agaricaceae é a família tipo da ordem Agaricales e apresenta espécies de reconhecida importância nutricional e econômica. O principal objetivo deste trabalho foi o levantamento das espécies de Agaricaceae em trechos de Mata Atlântica da Reserva Biológica do Tinguá, nas delimitações do Município de Nova Iguaçu, Rio de Janeiro. Serão apresentadas as espécies dos gêneros Agaricus, Cystolepiota e Lepiota coletados nas diferentes formações vegetais na Reserva Biológica do Tinguá. Foram registrados os seguintes táxons: Agaricus subrufescens Peck., A. dulcidulus Schulzer., Lepiota lilacea Bresadola., L. tepeitensis Murril., L. forquignoni Quélet., L. echinela var rhodorhiza (Romagn. & Locq. ex. Orton) Hardtke & Rödel., L. subincarnata Lange e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Agaricales; Micobiota; Mata Atlântica; Rio de Janeiro.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062010000200020
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A família Aristolochiaceae Juss. no estado do Paraná, Brasil Acta Botanica
Nascimento,Dilma Silva do; Cervi,Armando Carlos; Guimarães,Olavo Araújo.
O presente trabalho trata do estudo taxonômico das espécies de Aristolochiaceae ocorrentes no Estado do Paraná. Por meio de estudos de levantamento em herbários, coletas e observações, foram constatados dez táxons pertencentes ao gênero Aristolochia L.: A. chamissonis (Klotzsch) Duch., A. elegans Mast., A. fimbriata Cham. & Schltdl., A. gigantea Mart. & Zucc., A. melastoma Silva Manso ex Duch., A. odoratissima L., A. paulistana Hoehne, A. triangularis Cham., A. trilobata L. e A. wendeliana Hoehne. A. fimbriata é citada pela primeira vez para o Estado do Paraná. Chaves de identificação, descrições e ilustrações são também incluídas neste trabalho.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Aristolochia; Aristolochiaceae; Paraná; Taxonomia.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062010000200012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A família Bignoniaceae na APA de Maricá, Rio de Janeiro, Brasil Acta Botanica
Rizzini,Cecilia Maria; Agarez,Fernando Vieira; Andrade,Luis Henrique C. de; Azevedo,Andrea P. de.
São estudadas as espécies da família Bignoniaceae que ocorrem na Restinga de Maricá, cuja flora se encontra ameaçada devido a diversas interferências que vêm alterando sua composição florística e vegetacional. A família está representada nesta área por sete gêneros e onze espécies, das quais seis são ocorrências novas para o local. O trabalho inclui a descrição da área de estudo em seus distintos gradientes, chaves analíticas para gêneros e espécies, descrições resumidas para as espécies, denominação popular, distribuição geográfica, material examinado e observações taxonômicas e de campo.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Bignoniaceae; Restinga de Maricá; Florística.
Ano: 1997 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061997000200006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A família Bombacaceae Kunth no Estado de Pernambuco, Brasil Acta Botanica
Du Bocage,Ana Luiza; Sales,Margareth Ferreira de.
O presente trabalho consiste de um estudo taxonômico sobre a família Bombacaceae no Estado de Pernambuco, Brasil. Constatou-se a ocorrência de sete espécies distribuídas em seis gêneros: Bombacopsis retusa (Mart. & Zucc.) A. Robyns, Ceiba glaziovii (Kuntze) K. Schum., Eriotheca crenulaticalyx A. Robyns, Pachira aquatica Aubl., Pseudobombax marginatum (A. St.-Hil.) A. Robyns, Pseudobombax simplicifolium A. Robyns e Quararibea turbinata (Sw.) Poir. Chave para identificação das espécies, descrições, material examinado, ilustrações e comentários sobre distribuição geográfica e habitat são apresentados. Bombacopsis retusa e Pseudobombax marginatum são referidas pela primeira vez para Pernambuco.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Taxonomia; Levantamento; Bombacaceae; Pernambuco; Brasil.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062002000200001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A família Cactaceae na Bacia Hidrográfica do Rio Taquari, RS, Brasil Acta Botanica
Bruxel,Juliane; Jasper,André.
O levantamento das espécies da família Cactaceae na Bacia Hidrográfica do Rio Taquari, RS, Brasil foi realizado com o objetivo de conhecer a diversidade e a distribuição desta importante família botânica, uma vez que não existem dados sobre a mesma para a região. Foram encontradas 11 espécies distribuídas em cinco gêneros: Cereus hildmannianus K. Schumann, Lepismium cruciforme (Vellozo) Miquel, Lepismium warmingianum (K. Schumann) Barthlott, Lepismium houlletianum (Lemaire) Barthlott, Lepismium lumbricoides (Lemaire) Barthlott, Rhipsalis floccosa ssp. pulvinigera (G.A. Lindberg) Barthlott & N.P. Taylor, Rhipsalis teres (Vellozo) Steudel, Rhipsalis cereuscula Haworth, Parodia ottonis (Lehmann) N.P. Taylor, Parodia haselbergii (Haage ex. Ruempler)...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Cactaceae; Diversidade; Bacia Hidrográfica do Rio Taquari; Levantamento.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062005000100008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A família Cyperaceae Juss. no Parque Estadual Paulo César Vinha (PEPCV), Guarapari, Espírito Santo Acta Botanica
Martins,Márcio Lacerda Lopes.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/other
Ano: 1997 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061997000200029
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A família Euphorbiaceae nas caatingas arenosas do médio rio São Francisco, BA, Brasil Acta Botanica
Sátiro,Larissa Nascimento; Roque,Nádia.
Euphorbiaceae é uma das famílias mais representativas da caatinga, particularmente nas áreas sobre dunas arenosas do médio rio São Francisco, no Estado da Bahia, Brasil. O levantamento das espécies de Euphorbiaceae nessa formação foi efetuado com base em coletas realizadas na região e materiais de herbário. A família está representada nas áreas estudadas por 20 espécies, distribuídas nos seguintes gêneros: Alchornea Swartz (uma espécie); Chamaesyce S.F. Gray (3); Cnidoscolus Pohl (4); Croton L. (4); Dalechampia L. (1); Jatropha L. (3); Manihot Miller (2); Sapium P. Browne (1) e Tragia L. (1). Chamaesyce alsinifolia (Boiss.) Sátiro, C. chamaeclada (Ule) Sátiro, Croton paludosus Mull. Arg., Manihot catingae Ule e M. heptaphylla Ule são endêmicas do Estado da...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Euphorbiaceae; Dunas arenosas; Médio rio São Francisco; Florística.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062008000100013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A família Lauraceae Lindley no RS Brasil: generos Endlicheria Nees, Laurus L. e Cryptocarya R.Br Acta Botanica
Pedralli,G.
Foram constatadas para o Rio Grande do Sul, Brasil, através de revisão taxonómica, uma espécie para o gênero Endlicheria Nees e Laurus L., e duas para o gênero Cryptocarya R. Br. São apresentadas descrições, ilustrações e uma chave analítica para determinação das espécies deste ultimo gênero.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article
Ano: 1987 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061987000100004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A família Nymphaeaceae no Pantanal, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, Brasil Acta Botanica
Pott,Vali Joana.
As Nymphaeaceae possuem 50 espécies em 6 gêneros, dos quais dois ocorrem no Pantanal, Nymphaea (7 spp.) e Victoria (1). As espécies de Nymphaea encontradas são todas do subgênero Hydrocallis, neotropicais de floração noturna. As espécies encontradas no Pantanal são: Victoria amazônica (Poepp.) Sowerby, Nymphaea amazonum Mart. & Zucc. subsp. amazonum, e subsp. peclersenii Wiersema, N. belophyllci Trickett., N. garclneriana Planch., N. jamesoniana Planch., N. lingulata Wiersema., N. oxypetala Planch, e N. prolifera Wiersema. A espécie de mais ampla distribuição no Pantanal é N. amazonum. N. lingulata e N. belophylla são citadas pela primeira vez para o Pantanal. São apresentadas chave de identificação das espécies baseada em caracteres morfológicos,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Hidrófita; Macrófita aquática; Nymphaeaceae.
Ano: 1998 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061998000200007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A família Ochnaceae DC. no estado do Paraná, Brasil Acta Botanica
Salvador,Gisele Silvestre; Cervi,Armando Carlos; Brotto,Marcelo Leandro; Santos,Élide Pereira dos.
Este trabalho consiste no levantamento das espécies de Ochnaceae DC. que ocorrem no estado do Paraná. Foram registrados dois gêneros: Ouratea Aubl. com seis espécies, O. claudei G.S. Salvador, E.P. Santos & Cervi, O. parviflora (DC.) Baill., O. salicifolia (A.St.-Hil. & Tul.) Engl. , O. sellowii (Planch.) Engl., O. spectabilis Engl., O. vaccinioides (A.St.-Hil. & Tul.) Engl. e Sauvagesia L. com quatro espécies, S. erecta L., S. racemosa A.St.-Hil., S. capillaris (A.St.-Hil.) Sastre e S. vellozii (A.St.-Hil.) Sastre. São apresentadas chave de identificação, descrições, ilustrações, comentários e distribuição geográfica para cada espécie estudada.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Ochnaceae; Ouratea; Sauvagesia; Paraná; Brasil.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062010000200013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A família Rubiaceae na Reserva Biológica Guaribas, Paraíba, Brasil: subfamília Rubioideae Acta Botanica
Pereira,Maria do Socorro; Barbosa,Maria Regina de Vasconcellos.
Este trabalho consiste no levantamento dos representantes de Rubiaceae subfamília Rubioideae na Reserva Biológica Guaribas, Estado da Paraíba, Brasil. Foram realizadas coletas intensivas no período de outubro/2000 a outubro/2001, as quais resultaram em 17 espécies e nove gêneros de Rubioideae. Os gêneros com maior número de espécies foram Psychotria L. (seis) e BorreriaG. Mey. (quatro). Coccocypselum P. Browne, Declieuxia Kunth, Diodia L., Mitracarpus Zucc. ex Roem. & Schult., PalicoureaAubl., RichardiaL. e Staelia Cham. & Schltdl. apresentaram uma única espécie cada. Perama hirsuta Aubl., de posição taxonômica incerta na família, também foi tratada neste trabalho. São apresentados chave, descrições, comentários e ilustrações dos táxons.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Rubiaceae; Rubioideae; Mata Atlântica; Taxonomia.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062006000200021
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A família Rubiaceae na Reserva Biológica Guaribas, Paraíba, Brasil: subfamílias Antirheoideae, Cinchonoideae e Ixoroideae Acta Botanica
Pereira,Maria do Socorro; Barbosa,Maria Regina de V..
Este trabalho consiste no levantamento dos representantes das subfamílias Antirheoideae, Cinchonoideae e Ixoroideae na Reserva Biológica Guaribas, Paraíba, Brasil. Foram realizadas coletas intensivas no período de outubro/2000 a outubro/2001, as quais resultaram no reconhecimento de 12 espécies, 10 gêneros e cinco tribos, distribuídos nas três subfamílias. A subfamília melhor representada foi Antirheoideae, com cinco espécies, quatro gêneros e duas tribos. Os gêneros com maior número de espécies foram Guettarda L. (2) e Tocoyena Aubl. (2). Alibertia A. Rich. ex DC., Alseis Schott, Chiococca P. Browne, Chomelia Jacq., Coutarea Aubl., Posoqueria Aubl., Sabicea Aubl. e Salzmannia DC. apresentaram uma única espécie cada. São apresentadas chaves para...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Rubiaceae; Nordeste do Brasil; Mata Atlântica; Taxonomia.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062004000200010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A flora melitófila de uma área de dunas com vegetação de caatinga, Estado da Bahia, Nordeste do Brasil Acta Botanica
Rodarte,Ana Tereza Araújo; Silva,Fabiana Oliveira da; Viana,Blandina Felipe.
As espécies melitófilas de uma área de caatinga foram caracterizadas quanto à morfologia e recursos florais, floração e abelhas visitantes. As coletas foram realizadas, durante quatro dias consecutivos, em fevereiro, abril, junho, agosto, outubro e dezembro/2000 (10º47'37'S e 42º49'25'W). A área foi percorrida das 06:00 às 17:00 h, seguindo dois transectos paralelos (com 450 m × 100 m e 550 m × 100 m) e distando 50 m entre si, abrangendo 10 ha. As 42 espécies melitófilas identificadas (55% da flora local) foram visitadas por 2.924 indivíduos de 41 espécies abelhas. As famílias Caesalpiniaceae e Malpighiaceae foram as mais visitadas. As espécies predominantemente visitadas por 35 espécies de abelhas, correspondendo a 78% do total de indivíduos foram:...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Caatinga; Floração; Melitofilia; Morfologia floral; Recursos florais.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062008000200001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A flórula invasora da cultura do café (Coffea arabica L.) no Estado de Minas Gerais, Brasil Acta Botanica
Gavilanes,Manuel Losada; Brandão,Mitzi; Laca-Buendia,Julio Pedro.
Nas áreas de cultura de café (Coffea arábica L.), no Estado de Minas Gerais, foram coletadas e identificadas 388 espécies de plantas invasoras (= plantas daninhas), pertencentes a 51 famílias botânicas, representando 182 gêneros, sendo que as famílias Compositae, Gramineae, Leguminosae, Malvaceae, Solanaceae, Euphorbiaceae, Rubiaceae, Amaranthaceae, Convolvulaceae e Verbenaceae, são as mais importantes em relação à cultura. As plantas coletadas, devidamente etiquetadas e identificadas, foram anexadas, parte delas no PAMG (Herbário da EPAMIG, Belo Horizonte, MG) e, a outra parte, no Herbarium ESAL (Herbário do Departamento de Biologia da Escola Superior de Agricultura de Lavras - ESAL, Lavras - MG).
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Coffea arabica; Plantas Daninhas; Daninhas do cafeeiro.
Ano: 1988 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061988000300002
Registros recuperados: 2.062
Primeira ... 123456789 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional