Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 27
Primeira ... 12 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A azolla e a cultura arrozeira. Infoteca-e
RUSCHEL, A. P..
A azolla é uma planta aquática; possui uma alga capaz de absorver o nitrogênio do ar atmosférico, vivendo no interior de suas folhas. Atualmente, tem sido mais utilizada como fonte de nitrogênio e outros macro e micronutrientes na cultura arrozeira irrigada e como aceleradora da decomposição da palhada do arroz, facilitando o melhoramento do solo para o plantio subsequente. Há registro do aumento de produção por influência da introdução da Azolla no cultivo de arroz em diversos locais.
Tipo: Circular Técnica (INFOTECA-E) Palavras-chave: Arroz; Oryza sativa; Azolla; Adubação orgânica; Anabaena azollae; Alga; Nitrogênio.
Ano: 1990 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/192310
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alga causando necrose foliar em helicônia no Pará. Repositório Alice
POLTRONIERI, T. P. de S.; BENCHIMOL, R. L.; VERZIGNASSI, J. R.; POLTRONIERI, L. S.; CARVALHO, E. de A..
O cultivo de flores tropicais é uma prática em ascensão no Brasil e no mundo e as principais espécies cultivadas pertencem às famílias Heliconiaceae, Araceae Zingiberaceae e Musaceae. Estas plantas vegetam naturalmente ou são exploradas em plantios convencionais na faixa tropical da América, Ásia e Pacífico Oeste. No Brasil, os estudos sobre problemas fitossanitários de plantas ornamentais são ainda escassos. Em áreas de produção comercial de Heliconia psittacorum cv. Golden Torch verificou-se a ocorrência de doença causando necrose nas faces abaxial e adaxial das folhas
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Alga; Flor; Helicônia; Doença.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/971252
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Algas causando necrose foliar em helicônia no Pará. Repositório Alice
SOUZA, K.; POLTRONIERI, L. S.; VERZIGNASSI, J. R.; BENCHIMOL, R. L.; SILVA, J. C. da; MORAES, A.; COSTA, R. C. da..
2007
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Helicônia; Alga; Doença de planta; Microrganismo; Necrose; Pará; Amazônia; Brasil.
Ano: 2007 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/409424
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aplicação de ferramentas estatísticas na interpretação de dendrogramas de similaridade gerados a partir de perfis de rDNA de comunidades bacterianas de solo. Infoteca-e
FERREIRA, E. P. de B.; DUSI, A. N.; XAVIER, G. R.; RUMJANEK, N. G..
2008
Tipo: Comunicado Técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Bactéria; Fungo; Alga; Comunidade Bacteriana.
Ano: 2008 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/628449
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da toxicidade aguda de Piraclostrobin, Epoxiconazol e sua mistura em Daphnia similis. Repositório Alice
PRESTES, E. B.; JONSSON, C. M.; CASTRO, V. L. S. S. de.
No presente trabalho avaliou-se o efeito toxicológico (inibição da mobilidade) de formulações fungicidas à base de piraclostrobin e epoxiconazol, isoladamente e em formulação conjugada sobre Daphnia similis, mediante determinação da Concentração Efetiva Média (CE50-48h) de cada uma das formulações. Também foi determinado o possível efeito sinérgico ou antagônico que o uso conjugado dos dois fungicidas poderia exercer em relação à sua toxicidade. Foram encontrados valores de CE50-48h de 18,36 mg.L-1 para a formulação à base de piraclostrobin, de 89,98 mg.L-1 para a formulação à base de epoxiconazol e de 23,50 mg.L-1 para a formulação conjugada. Das três formulações estudadas, o piraclostrobin mostrou-se o mais tóxico para os organismos em estudo. A análise...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Piraclostrobin; Epoxiconazol Toxicidade; Daphnia similis; Alga; Fungicida; Impacto ambiental; Poluição da água; Toxidez; Fungicides; Water pollution; Toxicity; Environmental impact.
Ano: 2012 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/981831
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da toxicidade crônica de Piraclostrobin, Epoxiconazol e sua mistura em Daphnia similis. Repositório Alice
PRESTES, E. B.; JONSSON, C. M.; CASTRO, V. L. S. S. de; PARAÍBA, C. C. M..
Resumo O presente trabalho avaliou o efeito toxicológico de formulações fungicidas à base de piraclostrobin e epoxiconazol, isoladamente e em formulação conjugada sobre Daphnia similis por 21 dias, através da determinação da Concentração de Efeito Não Observado (CENO) de cada uma das formulações. Em relação à mortalidade de D. similis, foram encontrados valores CENO de 0,098 mg L-1 para a formulação à base de piraclostrobin; 1,324 mg L-1 para a formulação à base de epoxiconazol e 0,341 mg L-1 para a formulação conjugada. Em relação à alteração na relação neonatos/adulto foram encontrados valores CENO de 0,579 mg L-1 para a formulação à base de piraclostrobin; 3,599 mg L-1 para a formulação à base de epoxiconazol e 0,623 mg L-1 para a formulação conjugada....
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Daphnia similis; Epoxiconazol; Piraclostrobin; Toxicidade; Alga; Fungicida; Impacto ambiental; Poluição da água; Toxidez; Environmental impact; Fungicides; Water pollution; Toxicity.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/963107
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da toxicidade de Piraclostrobin, Epoxiconazol e sua mistura em alga Pseudokirchneriella subcapitata. Repositório Alice
PRESTES, E. B.; JONSSON, C. M.; CASTRO, V. L. S. S. de.
Resumo: Estudou-se o efeito toxicológico (inibição de crescimento) de formulações fungicidas à base de piraclostrobin e epoxiconazol, isoladamente e em formulação conjugada, sobre a alga Pseudokirchneriella subcapitata mediante determinação da Concentração Efetiva Média (CE50-72 h) dos princípios ativos de cada uma das formulações. Foram encontrados valores de CE50- 72 h de 5,57 mg.L-1 para a formulação à base de piraclostrobin, de 1,14 mg.L-1 para a formulação à base de epoxiconazol e de 0,20 mg.L-1 para a formulação conjugada. O piraclostrobin apresentou menor toxicidade às algas em relação aos dados encontrados na literatura, o epoxiconazol resultados semelhantes e a mistura maior toxicidade. A análise isobolográfica e a determinação do Índice de...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Piraclostrobin; Epoxiconazol; Toxicidade; Pseudokirchneriella subcapitata; Fungicida; Toxidez; Alga; Poluição da água; Impacto ambiental; Fungicides; Toxicity; Selenastrum capricornutum; Water pollution; Environmental impact.
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/931715
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comparative study on the susceptibility of freshwater species to copper-based pesticides. Repositório Alice
OLIVEIRA FILHO, E. C. de; LOPES, R. M.; PAUMGARTTEN, F. J. R..
Abstract Copper compounds have been intentionally introduced into water bodies as aquatic plant herbicides, algicides and molluscicides. Copper-based fertilizers and fungicides have been widely used in agriculture as well. Despite the fact that copper is an essential element for all biota, elevated concentrations of this metal have been shown to affect a variety of aquatic organisms. Nonetheless, comparative studies on the susceptibility of different freshwater species to copper compounds have seldom been performed. This study was conducted to compare toxicity of copper-based pesticides (copper oxychloride, cuprous oxide and copper sulfate) to different freshwater target (Raphidocelis subcapitata, a planktonic alga and Biomphalaria glabrata, a snail) and...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Toxicidade; Cobre; Herbicida; Fungicida; Alga; Poluição da Água; Ecologia Aquatica.
Ano: 2004 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1109297
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Curvas de crescimiento de una alga bioindicadora expuesta a diferentes tratamientos: uso de modelos lineales y no lineales. Repositório Alice
MAIA, A. de H. N.; JONSSON, C. M..
Los modelos no lineales son ampliamente utilizados para describir curvas de crescimiento. En un modelo no lineal, Y=f(t,0)+E donde Y es el vector de observaciones, t el vector correspondiente a las condiciones de evaluacion (instantes de tiempo conocidos), 0 el vector de parametros desconocidos, f(.) una funcion no lineal en 0 y E el vector de errores, comunmente se asume que E ~ N(O,sigma ao quadrado I). Cuando no se cumplen algunos aspectos de esa suposicion (normalidad, independencia y homogeneidad de variancias), la normalidad asintotica de los estimadores de interes puede ser afectada dificultando la comparacion de curvas obtenidas en los diferentes tratamentos. En organismos unicelulares, tales como las algas, el crecimiento es comumente medido a...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Tratamentos; Alga; Crescimento.
Ano: 1995 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/12840
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Doenças da pimenta longa (Piper hispidinervium C.DC). Infoteca-e
POLTRONIERI, L. S.; ALBUQUERQUE, F. C. de; TRINDADE, D. R.; POLTRONIERI, M. C.; ROCHA NETO, O. G. da..
1998
Tipo: Comunicado Técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Pimenta longa; Controle de doença; Murcha bacteriana; Cercosporiose; Mancha alvo; Mancha foliar; Podridão do colo; Mela; Alga; Fumagina; Piper hispidinervium; Ralstonia solanacearum; Cercospora piperis; Corynespora cassiicola; Cylindrocladium variabile; Sclerotim rolfsii; Cephaleuros virescens; Capinodium; Disease control.
Ano: 1998 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/375266
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ecofisiologia de cafeeiros jovens intoxicados com Glyphosate após a aplicação de produtos remediadores. Repositório Alice
ASSUNÇÃO, L.; PAULINO, R. N. L.; MENICUCCI NETTO, P.; ALECRIM, A. O.; GUIMARÃES, R. J.; CARVALHO, M. A. de F.; CASTANHEIRA, D. T..
O manejo das plantas daninhas é de grande importância, pois elas competem com o cafeeiro por luz, agua e nutrientes. O controle químico é o mais utilizado, destacando-se o uso do glyphosate, que possui ação pós emergente e não seletivo ao cafeeiro. Porém quando aplicado pode ocorrer deriva para o cafeeiro, o que pode causar grandes prejuízos à cultura. Nesse sentido muitos produtores utilizam à aplicação de alguns produtos, como sacarose, algas e aminoácidos com objetivo de reverter os danos causados pela deriva do herbicida. Nesse sentido objetivou-se com este trabalho avaliar a taxa fotossintética de mudas de cafeeiro intoxicadas com glyphosate após a aplicação de algas (Ascophylumnodosum), aminoácidos e sacarose. O experimento foi conduzido no viveiro...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Taxa fotossintética; Café; Planta daninha; Manejo; Controle químico; Alga; Aminoácido; Sacarose; Fotossíntese; Controle químico.
Ano: 2017 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1083222
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efecto del bioplaguicida Bacillus thuringiensis (Berliner, 1911), cepa 344, en organismos indicadores del compartimiento acuático. Repositório Alice
JONSSON, C. M.; MAIA, A. de H. N.; CAPALBO, D. M. F.; CARBALLO HONDAL, O..
Resumen: El Bacillus thuringiensis (Berliner, 1911) (Bt) es una bacteria que contiene endotoxinas con acción insecticida para varias especies. A pesar de la conocida inocuidad de la utilización de Bt y otros bioplaguicidas utilizados en la lucha contra las plagas, ha habido algunos informes acerca de las infecciones y los efectos adversos sobre los organismos no blanco, entre estos, especies acuáticas. En este estudio, se evaluó los efectos derivados de la exposición a la cepa 344 del Bt (Bt344) en algunos organismos de diferentes niveles tróficos de la cadena alimentaria acuática. Los organismos de prueba estuvieron expuestos a concentraciones correspondientes a más de 1.000 veces la tasa de aplicación efectiva para controlar el gusano cogollero del maíz...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Daphnia; Biopesticida; Bacillus thuringiensis; Toxidez; Alga; Peixe.
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/906689
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito ativador do cobre na fosfatase ácida de algas: Uma propriedade com potencial de uso como biossensor na determinação do metal Repositório Alice
JONSSON, C. M.; AOYAMA, H..
O cobre é um elemento presente em formulações de fungicidas e em outras fontes de contaminação de compartimentos ambientais. No presente trabalho é demonstrado o efeito ativador ?in vitro? do íon cobre sobre a fosfatase ácida extraída da alga clorofícea Pseudokirchneriella subcapitata. O efeito ativador do Cu2+ poderia ser devido a uma proteção conferida por este íon contra a desnaturação térmica da enzima.Os valores de concentração efetiva media de ativação (CE50) e constante de dissociação (KdCu2+) foram, respectivamente, equivalentes a 1,80 e 1,64 ?M de Cu2+. A baixa magnitude destes valores indica uma forte capacidade de ligação do metal à enzima, cuja atividade poderia medida juntamente com métodos eletroanalíticos propostos na literatura.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Fosfatase ácida; Cobre; Alga.
Ano: 2007 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/14621
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito in vitro de poluentes inorgânicos usados na agricultura sobre a atividade da catalase da alga Pseudokirchneriella subcapitata. Repositório Alice
DUARTE, S.; AMARAL SOBRINHO, N. M. B.; JONSSON, C. M.; JOKL, L..
Resumo: O efeito de poluentes em ecossistemas pode ser verifi cado pela sua ação sobre os produtores primários, como a alga Pseudokirchneriella subcapitata (Korshikov) F. Hindák (Chlorophyceae), que tem ampla distribuição em águas dulcícolas e no solo. O efeito de oito íons metálicos empregados na agricultura (alumínio, cádmio, chumbo, magnésio, manganês, mercúrio, selênio e zinco) sobre a atividade enzimática em P. subcapitata foi estudado, usando a catalase como marcador bioquímico. Alumínio, chumbo, mercúrio e zinco foram considerados inibidores e magnésio e manganês como ativadores da ação enzimática. A atividade da catalase na presença de cádmio e selênio não foi alterada. A atividade da catalase pode ser uma ferramenta promissora como biossensor...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Biosensor; Íons metálicos; Atividade enzimática; Pseudokirchneriella; Alga; Poluente; Impacto ambiental; Metal pesado; Algae; Biosensors; Catalase; Pollutants; Environmental impact.
Ano: 2014 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1009712
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Enfermidades da seringueira no Brasil. Infoteca-e
GASPAROTTO, L.; FERREIRA, F. A.; LIMA, M. I. P. M.; PEREIRA, J. C. R.; SANTOS, A. F. dos..
Doenças das folhas: mal-das-folhas, requeima e queda anormal das folhas, mancha areolada, antracnose, crosta negra, mancha de Corynespora, mancha concentrica, oidio, queima-do-fio, mancha de alga. Doencas do caule: cancro estriado e cancro do tronco, mofo cinzento, rubelose, secamento do painel, morte descendente, cancro do enxerto, podridao da casca, escaldadura do caule, ferimentos mecanicos no caule, tumores. Doencas de raizes: podridao de raizes. Aplicacao de fungicidas.
Tipo: Circular Técnica (INFOTECA-E) Palavras-chave: Seringueira; Hevea; Especie; Doença; Fungo; Alga; Folha; Caule; Painel; Raiz; Etiologia; Epidemiologia; Sintoma; Diagnostico; Controle quimico; Brasil; Amazonas.
Ano: 1990 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/665212
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Essai de cryoconservation des gamétophytes de l'algue alimentaire Undaria pinnatifida (Laminariale) ArchiMer
Arbault, Suzanne; Renard, Philippe; Pérez, Rene; Kaas, Raymond.
Low temperature tolerance was determined for gametophytes of food alga Undaria pinnatifida according to various cryopreservation methods. Survival durations after storage in a medium containing 28% glycerol at −80 °C or in a 5-10% glycerol solution at −196 °C were only 9 and 4 days respectively. On the other hand, cooling at 5 °C/min. and storage at −15 °C for 15 minutes, without cryoprotective medium, did not reduce viability but this was highly decreased by storage for 15 minutes at −30 or −196 °C, with or without DMSO. The morphological cooling injuries were depigmentation and/or a contraction of the cells.
Tipo: Text Palavras-chave: Algue; Cryoconservation; Gamétophyte; Undaria pinnatifida; Alga; Cryopreservation; Gametophyte; Undaria pinnatifida.
Ano: 1990 URL: http://archimer.ifremer.fr/doc/00189/30071/28559.pdf
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Evaluation of microalga Chlorella sorokiniana LBA 39 isolated in the Brazilian Savanna (Cerrado) cultivated in different culture media. Repositório Alice
RIBEIRO, D. M.; GARCIA, L. C.; JUNGMANN, L.; WILLIAMS, T. C. R.; RONCARANTTI, L. F.; BRASIL, B. dos S. A. F..
bitstream/item/187301/1/ARTIGO-ACEITO-Abstrac-1-Diferents-medium.pdf
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Biomassa; Alga.
Ano: 2018 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1100340
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Família Scenedesmaceae (Chlorophyceae, Chlorococcales) do lago água preta, municipio de Belém, Estado do Pará. Repositório Alice
MARTINS-DA-SILVA, R. C. V..
(Família Scenedesmaceae (Chlorophyceae, Chlorococcales) do lago Água Preta, Município de Belém, Estado do Pará). Trata-se do inventário florístico da família Scenedesmaceae do lago Água Preta, parte do complexo de abastecimento de água do município de Belém, PA, efetuado a partir de quatro coletas, no período de outubro de 1992 a agosto de 1993. Os resultados mostraram que a família Scenedesmaceae está representada por 15 táxons: Crueigeniafenestrata Schimidle, C. quadrata Morren, Dicloster aeuatus Jao, Wei & Hu, Dimorphoeoeeus lunatus Braun, Seenedesmus aeuminatus (Lagerheim) Chodat varo aeuminatus, S. aeuminatus (Lagerheim) Chodat varo bernardii (G.M. Smith) Dedussenko, S. armatus Chodat varo bieaudatus (Guglielmetti) Chodat, S. indieus Philipose, S....
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Alga; Fitoplancton; Taxonomia vegetal; Chlorophyceae; Belém; Pará; Amazônia; Brasil; Algae; Phytoplankton; Taxonomy.
Ano: 1997 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/399721
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Final evaluation of the biomass in prolonged growth of different Brazilian microalgae of the order Chlorococcales in culture with aeration and shaker in a medium composed by Fertilizers. Repositório Alice
RIBEIRO, D. M.; GARCIA, L. C.; JUNGMANN, L.; WILLIAMS, T. C. R.; BRASIL, B. dos S. A. F..
bitstream/item/187297/1/ARTIGO-ACEITO-Abstrac-2-Diferents-microalgae.pdf
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Biomassa; Alga.
Ano: 2018 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1100338
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Influência de doenças foliares da pimenta longa no rendimento de óleo essencial e seu efeito no crescimento micelial in vitro de fitopatógenos. Repositório Alice
POLTRONIERI, L. S.; ROCHA NETO, O. G. da; BASTOS, C. N.; MAIA, J. G..
2001
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Pimenta longa; Doença da folha; Cercosporiose; Mancha-alvo; Alga; Óleo essencial; Rendimento; Igarapé-Açu; Pará; Amazônia; Brasil.
Ano: 2001 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/403360
Registros recuperados: 27
Primeira ... 12 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional