Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 10
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação físico-química de goiabas desidratadas osmoticamente em diferentes soluções Ciência e Agrotecnologia
Reis,Kelen Cristina dos; Azevedo,Ligia Ferreira de; Siqueira,Heloisa Helena de; Ferrua,Fabiana Queiroz.
Com o presente trabalho, objetivou-se avaliar o efeito do ácido ascórbico, do lactato de cálcio e do branqueamento na qualidade da goiaba desidratada osmoticamente através de análises físico-químicas. O tratamento com xarope de sacarose e lactato de cálcio obteve produto com maior pH não apresentando diferença significativa na textura do produto em relação ao tratamento apenas com xarope de sacarose. A imersão das amostras em solução osmótica aumentou os valores de sólidos solúveis e reduziu em média 10% a umidade das amostras. Nos frutos em que foi realizado o branqueamento antes da imersão na solução osmótica observaram-se menores valores de pH, acidez titulável e de textura em relação ao tratamento apenas com o xarope de sacarose. Os frutos controle...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Goiaba; Psidium guajava L.; Desidratação osmótica; Ácido ascórbico; Lactato de cálcio; Branqueamento.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-70542007000300026
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Branqueamento de corais nos recifes da Bahia e sua relação com eventos de anomalias térmicas nas águas superficiais do oceano Biota Neotropica
Leão,Zelinda Margarida Andrade Nery; Kikuchi,Ruy Kenji Papa de; Oliveira,Marília de Dirceu Machado de.
A partir de 1993 foram registrados vários eventos de branqueamento de coral na Bahia, com recuperação total dos corais afetados. O primeiro registro ocorreu em Abrolhos no verão de 1993/1994, quando o percentual de colônias branqueadas variou entre 50 e 90%. No verão de 1997/1998, ocorreu no Litoral Norte da Bahia uma anomalia térmica de 1 ºC, com temperaturas medidas no campo de 29 a 30,5 ºC, o que causou branqueamento em 60% dos corais. De 1998 a 2005, foi observado que nos recifes costeiros, localizados muito próximos (<5km) ou adjacentes à costa, a permanência de anomalias térmicas de 0,25 ºC por mais de duas semanas causou branqueamento em mais de 10% dos corais. Porém para os recifes de Abrolhos, localizados a mais de 10 km da costa, apenas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Anomalias térmicas; Recife de coral; Abrolhos; Baía de Todos os Santos; Branqueamento.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1676-06032008000300006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Características sensoriais e físicas de extratos e tofus de soja comum processada termicamente e livre de lipoxigenase Ciênc. Tecnol. Aliment.
Ciabotti,Sueli; Barcelos,Maria de Fátima Píccolo; Pinheiro,Ana Carla Marques; Clemente,Paulo Roberto; Lima,Maria Aparecida Correa.
O objetivo deste trabalho foi selecionar o processo de obtenção de extrato de soja e respectivo tofu, obtidos com a soja comum (BRS 133), soja comum submetida ao processo de branqueamento (BRS 133) e soja comum livre de lipoxigenase (BRS 213), verificando a influência do branqueamento dos grãos de soja comum, anterior à sua maceração, nas características sensoriais e físicas destes produtos. O processamento térmico (branqueamento dos grãos) a que a soja comum foi submetida mostrou-se imprescindível para tornar o "sabor" do extrato de soja mais agradável ao paladar dos provadores, não interferindo na sua aparência e nem na cor, tendo sempre como referência a soja livre de lipoxigenase, porém o branqueamento, por sua vez, depreciou não só o "sabor", mas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Branqueamento; Sabor; Textura; Aparência; Cor.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-20612007000300033
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Composição química dos óleos de pracaxi e andiroba. Infoteca-e
LAGO, R. C. A.; SIQUEIRA, F. A. R. de.
LAGO, R. C. A.; SIQUEIRA, F. A. R. de. Composição química dos óleos de pracaxí e andiroba. p. 1-16. SZPIZ, R. R.; SIQUEIRA, F. A. R. de. Eliminação da cor verde do óleo de soja. p. 17-21. CASTRO, A. T. B. de; LAGO, R. C. A. Considerações sobre a determinação rápida do índice de iodo. p. 22-32. SZPIZ, R. R.; PEREIRA, D. A.; LAGO, R. C. A. Comparação entre óleos de 3 palmáceas brasileiras. p. 33-46. TEIXEIRA, C. G. Produção de álcool etílico de resíduos agrícolas. p. 47-54.
Tipo: Séries anteriores (INFOTECA-E) Palavras-chave: Óleos vegetais; Óleo de soja; Branqueamento; Óleos graxos; Acetato mercúrico; Solução de Wijs.; Ácido Oxálico; Andiroba; Composição Química; Clorofila; Índice de Iodo; Pracaxi..
Ano: 1980 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/415843
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Métodos de conservação aplicados a melão minimamente processado Ciência Rural
Batista,Anaí Peter; Borges,Caroline Dellinghausen.
O objetivo desta revisão é apresentar alguns métodos de conservação que podem ser utilizados para prolongar a vida útil do melão minimamente processado. Dentre os métodos, serão abordados revestimento comestível, irradiação, antimicrobianos naturais, antioxidantes, agentes de firmeza, atmosfera modificada, branqueamento, luz ultravioleta e alta pressão. Dependendo do método pode haver redução das alterações associadas ao processo mínimo do melão, como a perda de água, alteração da cor e firmeza, alteração do metabolismo e crescimento de micro-organismos, sendo o resultado muitas vezes dependente da cultivar do melão utilizado.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Revestimento comestível; Irradiação; Antimicrobiano; Antioxidante; Agente de firmeza; Atmosfera modificada; Branqueamento; Luz ultravioleta; Alta pressão.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782013000500027
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Polpas branqueadas de misturas de madeiras da Amazônia. Infoteca-e
MELO, C. F. M. de; ALVES, S. de M.; RODRIGUES, N. O..
bitstream/item/31959/1/CPATU-BP82.pdf
Tipo: Séries anteriores (INFOTECA-E) Palavras-chave: Branqueamento; Brasil; Mixture.; Madeira; Mistura; Papel; Polpa; Tecnologia.; Amazonia; Bleaching; Paper; Pulp; Technology; Wood..
Ano: 1987 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/383677
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Pré-tratamentos na secagem e reidratação de champignon em fatias Ciência Rural
Mimura,Hayana Juliani; Jorge,Regina Maria Matos; Mathias,Alvaro Luiz.
O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de dois pré-tratamentos (pt) na desidratação osmo-convectiva: Pré-tratamento químico a 20°C por 5min em solução de ácido cítrico, bissulfito de sódio e carbonato de cálcio a 0,1% cada (pt-ABC) e por branqueamento a 80°C por 5min (pt-B), bem como a combinação pt-ABC seguido de pt-B (amostra:solução = 1:10 w/w). O pt-ABC provocou aumento de massa (13% em média) entretanto o pt-B perda (-34% em média). A desidratação osmótica a 20°C por 60min em solução de NaCl a 10% reduziu a massa de fatias não pré-tratadas em 43%. Esse nível de redução de massa não pode ser atingido com o uso do pt-ABC, mas melhorou para 49% para fatias submetidas ao pt-B. Os pré-tratamentos reduziram o tempo de secagem (70°C e com circulação...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Agaricus bisporus; Desidratação; Pré-tratamento químico; Branqueamento.
Ano: 2014 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782014000400024
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Processamento mínimo de tubérculos de batata de baixo valor comercial Horticultura Brasileira
Lovatto,Marlene T; Bisognin,Dilson A; Treptow,Rosa de O; Storck,Lindolfo; Gnocato,Francisco S; Morin Junior,Glademir.
Foram testados diferentes métodos para controlar o escurecimento de tubérculos de batata de baixo valor comercial para o mercado fresco e prolongar a vida de prateleira do produto minimamente processado. Uma mistura de tubérculos de duas cultivares de batata com diâmetro entre 30 e 45 mm, de baixo valor comercial para o mercado fresco, foram minimamente processados, submetidos a tratamentos à base de metabissulfito de sódio, ácido ascórbico e branqueamento, embalados e armazenados a 5ºC. Os tubérculos minimamente processados foram avaliados quanto ao pH, acidez titulável, teor de vitamina C, cor, aparência, textura, sabor e intenção de compra aos 0, 5, 10 e 15 dias de armazenamento. Os valores intermediários e aceitáveis para os atributos aparência, sabor...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Solanum tuberosum; Metabissulfito de sódio; Branqueamento; Ácido ascórbico; Análise sensorial; Produtos inovadores.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362012000200013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Secagem de bananas prata e d'água por convecção forçada Ciênc. Tecnol. Aliment.
Borges,Soraia Vilela; Mancini,Maurício Cordeiro; Corrêa,Jefferson Luiz Gomes; Leite,Julia.
Estudou-se a influência de variáveis como cultivar, formato (cilindro e disco), branqueamento e condições do ar aquecido (temperatura: 50 e 70 ºC e velocidade: 0,14 e 0,42 m/s) sobre o comportamento de secagem convectiva de bananas com uso de modelagem matemática. As bananas foram desidratadas em secador de bandejas e pesada em intervalos pré-determinados. O modelo exponencial foi bem ajustado às curvas de secagem (R²: 0,98-0,99), mostrando que os fatores mais influentes sobre a taxa de secagem foram a temperatura, a velocidade do ar e o branqueamento. De acordo com as constantes cinéticas apresentadas pelo modelo recomenda-se a secagem de banana, em qualquer dos formatos estudados, nas seguintes condições: para banana-prata, uso de branqueamento e secagem...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Frutas desidratadas; Cinética de secagem; Branqueamento.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-20612010000300006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Sintomas de viroses em plantas. Infoteca-e
FAJARDO, T. V. M.; EIRAS, M.; NICKEL, O..
Os vírus se multiplicam apenas dentro da célula hospedeira viva e não possuem metabolismo próprio. Após um processo de reconhecimento e interação em nível molecular, se a célula inoculada for suscetível ao vírus, ele se estabelecerá na célula hospedeira, se replicará, irá disseminar-se dentro da hospedeira e induzirá alterações bioquímicas e fisiológicas na hospedeira ao longo do processo infeccioso. Assim, os sintomas induzidos pelos vírus são, na essência, resultado do metabolismo celular alterado da hospedeira. O período transcorrido entre a entrada do vírus na hospedeira e a manifestação dos primeiros sintomas é denominado período de incubação.
Tipo: Comunicado Técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Sintomas morfológicos; Amarelecimento; Branqueamento; Albinismo; Desvios de cor; Clareamento de nervuras; Mottling; Variegação nas pétalas; Estriado; Lesões locais cloróticas; Line pattern; Padrão de linha; Mancha-café; Redução de crescimento; Subdesenvolvimento; Subcrescimento; Sintomas de deformações; Epinastia; Bolhas; Bolhosidades; Espessamento; Canelura; Stem pitting; Sintomas de necrose; Lesões locais necróticas; Cordão-de-sapato; Enação; Lamento; Enrugamento; Encrespamento; Riscar; Viroses com infecções latentes; Sintomas citológicos; Infecção por vírus; Deficiências nutricionais; Toxinas produzidas por insetos; Toxinas produzidas por ácaros; Distúrbios de origem genética; Toxidez por herbicidas; Toxidez por inseticidas; Alta temperatura; Inoculação mecânica; Testes biológicos; Enxertia; União de tecidos.; Vírus; Doença de planta; Bronzeamento; Clorose; Mancha Anular; Mancha Anelar; Nanismo; Mosaico; Mosqueado; Necrose; Tumor..
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1084312
Registros recuperados: 10
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional