Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 10
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A diagramatic scale to quantify severity of antracnose in Rubus glaucus Benth Ciência Rural
Patiño,Paula Andrea González; Álvarez,Gloria Edith Guerrero; Valencia,Liliana Isaza.
ABSTRACT: Rubus glaucus Benth, commonly referred to as mora de Castilla, is affected by Colletotrichum acutatum, as it induces anthracnose in many of the plant organs. Generally, it affects the fruits during the post-harvest phase and damages them, causing economic losses due to the poor crop quality. At present, no standardized methods are available for this pathosystem that can be used to characterize quantitatively the epidemic and to permit the prediction and comparison of the disease management techniques. In this research, we proposed a logarithmic diagrammatic scale of the severity of anthracnose induced by C. acutatum in the fruits of the thornless variety of R. glaucus Benth. This scale is constructed on the adjustment of the Weber-Fechner law...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Colletotrichum acutatum; Epidemiology; Pathometry; Phytopathometry; Rubus glaucus Benth.
Ano: 2019 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782019000400150
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Antracnose de pequizeiro. Infoteca-e
ANJOS, J. de R. N. dos; CHARCHAR, M. J. d'A.; GOMES, A. C..
2002
Tipo: Documentos (INFOTECA-E) Palavras-chave: Doenca de planta; Fungo; Pequi; Caryocar brasiliense; Planta nativa; Cerrado; Doenca fungica; Antracnose; Patogenicidade; Colletotrichum acutatum; Plant diseases; Fungi; Fungal diseases; Indigenous organisms; Pathogenicity.
Ano: 2002 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/560227
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Antracnose: nova doença do pequizeiro no cerrado. Infoteca-e
ANJOS, J. de R. N. dos; CHARCHAR, M. J. d'A..
0
Tipo: Artigo de divulgação na mídia (INFOTECA-E) Palavras-chave: Cerrado; Pequi: Caryocar brasiliense; Fruta; Antracnose; Doença fungica; Fungo; Colletotrichum acutatum; Patogeno.
URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/567858
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização morfocultural e molecular de isolados de Colletotrichum gloeosporioides patogênicos ao mamoeiro Trop. Plant Pathol.
Andrade,Eiko M.; Uesugi,Carlos H.; Ueno,Bernardo; Ferreira,Marisa A.S.V..
Vinte e nove culturas monospóricas de Colletotrichum, isoladas de frutos e pecíolos de mamoeiro (Carica papaya), foram caracterizadas quanto à morfologia dos conídios e apressórios, coloração e crescimento das colônias, sensibilidade ao benomyl, presença de setas e do teleomorfo, PCR com primers taxon-específicos e análise de PCR-RFLP da região ITS. Os 29 isolados foram identificados como C. gloeosporioides com base na morfologia dos conídios e apressórios, tendo a maioria dos isolados conídios cilíndricos e/ou obclavados e apressórios lobados ou fracamente lobados, em contraste com C. acutatum, isolado de morango (Fragaria x ananassa), que apresentou conídios fusiformes e apressórios circulares e lisos. Presença de setas e do teleomorfo, cor de colônia,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Antracnose; Mancha-chocolate; Carica papaya; DNA ribossomal; Colletotrichum acutatum.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-41582007000100003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
EFEITO DO ESTÁGIO DE DESENVOLVIMENTO DAS FLORES E DA APLICAÇÃO DE FUNGICIDAS NO CONTROLE DA PODRIDÃO FLORAL DOS CITROS Rev. Bras. Frutic.
ROBERTO,SÉRGIO RUFFO; BORGES,ANDREY VETORELLI.
O presente trabalho teve por objetivo determinar os melhores estágios do desenvolvimento das flores de laranja-doce para o controle da Podridão Floral dos Citros (PFC), avaliando-se diversas épocas de aplicação e doses de fungicidas. Os estudos foram realizados em pomares de laranjas-'Natal' e 'Pêra' (Citrus sinensis [L.] Osbeck), onde foram marcados aleatoriamente ramos florais pertencentes à florada temporã (janeiro de 1994), caracterizando as fases de desenvolvimento de cada botão floral. Em um primeiro ensaio, avaliou-se o controle da doença através de pulverizações manuais, onde foram aplicados os seguintes tratamentos (doses por 1 L): a) testemunha; b) benomyl 0,5 g, no dia de marcação dos ramos (aplicação normal); c) benomyl 0,5 g, 3 a 4 dias depois...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Citrus; Pegamento de frutos; Colletotrichum acutatum.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452001000200021
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efficacy of plant extracts for anthracnose control in bell pepper fruits under controlled conditions Horticultura Brasileira
Alves,Kézia F; Laranjeira,Delson; Câmara,Marcos PS; Câmara,Cláudio AG; Michereff,Sami J.
Anthracnose is an important disease of bell pepper (Capsicum annuum) in Brazil and worldwide. This research investigated the efficacy of plant extracts for control of this disease in bell pepper fruits caused by Colletotrichum acutatum under controlled conditions and analyzed the best treatments in relation to different extract and inoculum concentrations, pathogen isolates, and temperatures. In the preliminary screening, among aqueous or ethanolic extracts of 16 plant species evaluated, the best were 6% aqueous garlic, mallow, and ginger extracts, which reduced disease severity by more than 97%. Garlic extract required the highest concentrations to reduce severity by 75% (CL75) when compared to ginger and mallow extracts, but exhibited the best efficacy...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Capsicum annuum; Colletotrichum acutatum; Plant disease control; Garlic extract.
Ano: 2015 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362015000300332
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
INDUCCIÓN DE POLIFENOLOXIDASA EN FRUTOS DE LULO (Solanum quitoense) COMO RESPUESTA A LA INFECCIÓN CON Colletotrichum acutatum Acta biol.Colomb.
CAICEDO O,OBRADITH; HIGUERA,BLANCA L.
Se evaluó la actividad polifenoloxidasa (PFO) en corteza de frutos de lulo con el fin de determinar su participación en respuestas hacia el patógeno Colletotrichum acutatum, causante de la antracnosis. Se estudiaron condiciones para la adecuada extracción de esta enzima, encontrándose que con buffer fosfatos 100 mM pH 7, 1% SDS y 1% PVPP se logran las mayores actividades. Se determinaron como mejores parámetros para medir la actividad de la enzima extraída, sustrato catecol 40 mM, pH 7,0, 23 °C y 30 µL de extracto. Para determinar su posible inducción en la interacción con el patógeno, se realizó un ensayo in vivo usando frutos verdes, pintones y maduros, inoculados con el hongo o con agua estéril. A nueve tiempos postinoculación se determinó la actividad...
Tipo: Journal article Palavras-chave: Lulo; Colletotrichum acutatum; Polifenoloxidasa; Antracnosis; Solanum quitoense.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.org.co/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0120-548X2007000300004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Producción in vitro de pectinasas por Colletotrichum acutatum Acta Agron. (Palmira)
Torres,Carlos Patiño.
Los hongos del género Colletotrichum son reconocidos productores de sustancias fifitotóxicas de bajo peso molecular y de enzimas que juegan papeles clave en su interacción patogénica con varios cultivos. Este estudio tuvo como objetivo determinar la naturaleza de las sustancias fitotóxicas producidas por C. acutatum en los medios de cultivo líquido Czapeck-Dox, Fries y MS, que estuviesen implicados en su interacción patogénica con el tomate de árbol (Solanum betaceae). Los procedimientos y resultados de la evaluación permitieron descartar que la actividad fitotóxica observada sobre los frutos de tomate inoculados con los extractos de los medios de cultivo se debiera a metabolitos de bajo peso molecular. Por el contrario, utilizando la prueba de placa de...
Tipo: Journal article Palavras-chave: Solanum betaceae; Tomate de árbol; Colletotrichum acutatum; Antracnosis; Pectinasas; Metabolitos.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.org.co/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0120-28122010000100010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Redução da severidade da podridão-amarga de maçã em pós-colheita pela imersão de frutos em quitosana. Repositório Alice
FELIPINI, R. B.; DI PIERO, R. M..
Resumo - O objetivo deste trabalho foi avaliar a aplicação de quitosana no controle da podridão-amarga da maçã em pós-colheita e seus efeitos sobre Colletotrichum acutatum e a atividade da peroxidase nos frutos. Frutos previamente infectados com o patógeno foram imersos em suspensões de quitosana com diferentes concentrações e pHs. Para estudar possíveis mecanismos de ação envolvidos no controle da doença, foram realizados testes in vitro, para avaliar o efeito da quitosana sobre a germinação de conídios de C. acutatum e sobre o crescimento micelial. Foi avaliada a capacidade da quitosana de induzir a síntese de enzimas relacionadas à defesa da planta (peroxidases), por meio de ensaio espectrofotométrico. Houve efeito de doses e de pH da quitosana sobre a...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Controle alternativo; Indução de resistência; Colletotrichum acutatum; Antibiosis.
Ano: 2009 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/662316
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Redução da severidade da podridão-amarga de maçã em pós-colheita pela imersão de frutos em quitosana PAB
Felipini,Ricardo Barbosa; Di Piero,Robson Marcelo.
O objetivo deste trabalho foi avaliar a aplicação de quitosana no controle da podridão-amarga da maçã em pós-colheita e seus efeitos sobre Colletotrichum acutatum e a atividade da peroxidase nos frutos. Frutos previamente infectados com o patógeno foram imersos em suspensões de quitosana com diferentes concentrações e pHs. Para estudar possíveis mecanismos de ação envolvidos no controle da doença, foram realizados testes in vitro, para avaliar o efeito da quitosana sobre a germinação de conídios de C. acutatum e sobre o crescimento micelial. Foi avaliada a capacidade da quitosana de induzir a síntese de enzimas relacionadas à defesa da planta (peroxidases), por meio de ensaio espectrofotométrico. Houve efeito de doses e de pH da quitosana sobre a redução...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Colletotrichum acutatum; Antibiose; Controle alternativo; Indução de resistência.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2009001200005
Registros recuperados: 10
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional