Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 34
Primeira ... 12 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ação dos extratos de quatro plantas sobre larvas infectantes de nematódeos gastrintestinais de ovinos. Repositório Alice
HASSUM, I. C.; VENTURI, C. R.; GOSMANN, G.; GIRARDI DEIRO, A. M..
A ação de extratos hidroalcoólicos de Eugenia uniflora L. (pitangueira), Mentha x piperita L. (hortelã), Myrcianthes pungens (O. Berg) D. Legrand (guabiju) e Peltophorum dubium (Spreng.) Taub. (canafístula) foi avaliada sobre o desenvolvimento de nematódeos gastrintestinais nas coproculturas de ovinos.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Helminto; Ruminante; Extrato vegetal; Larva; Eugenia uniflora.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/974175
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ação dos extratos de quatro plantas sobre larvas infectantes de nematódeos gastrintestinais de ovinos Plantas Medicinales
Cabral Hassum,Izabella; Venturi,Caroline Rita; Gosmann,Grace; Girardi Deiro,Ana M.
Introdução: a ação de extratos hidroalcoólicos de Eugenia uniflora L. (pitangueira), Mentha x piperita L. (hortelã), Myrcianthes pungens (O. Berg) D. Legrand (guabiju) e Peltophorum dubium (Spreng.) Taub. (canafístula) foi avaliada sobre o desenvolvimento de nematódeos gastrintestinais nas coproculturas de ovinos. Objetivo: avaliar a ação in vitro dos extratos vegetais sobre os nematódeos gastrintestinais de ovinos. Métodos: cada extrato foi testado em culturas triplicadas de fezes nas seguintes concentrações: 200, 100, 20 e 2 mg.mL-1. Como controle positivo foi utilizado moxidectina (0,001 mg.mL-1) e água destilada como controle negativo. Após incubação, as larvas recuperadas foram fixadas, coradas e conservadas para posterior leitura. Resultados: a...
Tipo: Journal article Palavras-chave: Helmintos; Pequeno ruminante; Extrato vegetal; Larva; Eugenia uniflora; Mentha x piperita; Myrcianthes pungens; Peltophorum dubium.
Ano: 2013 URL: http://scielo.sld.cu/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1028-47962013000200011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
An efficient and rapid DNA minipreparation procedure suitable for PCR/SSR and RAPD analyses in tropical forest tree species BABT
Alzate-Marin,Ana Lilia; Guidugli,Marcela Corbo; Soriani,Hilda Hildebrand; Martinez,Carlos Alberto; Mestriner,Moacyr Antônio.
An efficient and rapid DNA minipreparation modified method for frozen samples was developed for five tropical tree species: Copaifera langsdorffii, Hymenaea courbaril, Eugenia uniflora, Tabebuia roseo alba and Cariniana estrellensis. This procedure that dispenses the use of liquid nitrogen, phenol and the addition of proteinase K, is an adaptation of the CTAB-based DNA extraction method. The modifications included the use of PVP to eliminate the polyphenols, only one chloroform-isoamyl alcohol step and the addition of RNase immediately after extraction with chloroform. The yields of the DNA samples ranged from 25.7 to 42.1 µg from 100 mg leaf tissue. The DNA samples extracted by this method were successfully used for PCR (SSR and RAPD) analyses in these...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Copaifera langsdorffii; Hymenaea courbaril; Eugenia uniflora; Tabebuia roseo alba; Cariniana estrellensis; DNA extraction.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-89132009000500020
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análise estrutural de folhas de Eugenia uniflora L. (Myrtaceae) coletadas em ambientes rural e urbano, SP, Brasil Acta Botanica
Alves,Edenise Segala; Tresmondi,Fernanda; Longui,Eduardo Luiz.
Objetivou-se com este estudo verificar se plantas de Eugenia uniflora que crescem na cidade de São Paulo, diferem quanto à estrutura foliar, de exemplares encontrados em área rural, isenta de poluentes aéreos urbanos. Foram avaliadas, comparativamente, as dimensões da folha e, em microscopia de luz, a espessura dos tecidos foliares, a densidade de estômatos e de cristais da espécie, coletada em área rural e em dois pontos da cidade de São Paulo: canteiro central da Avenida dos Bandeirantes, com tráfego veicular intenso, portanto com alta carga de poluentes primários, e no Parque Estadual das Fontes do Ipiranga (PEFI) submetido a altas concentrações de poluentes secundários. Buscaram-se variações que possam ser decorrentes da poluição urbana. As folhas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Anatomia foliar; Eugenia uniflora; Poluição aérea; Ambiente urbano; Pitanga.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062008000100023
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Anti-Helicobacter pylori and Anti-inflammatory Properties of Eugenia uniflora L. BABT
Monteiro,Jessica Raquel Borges; Ardisson,Juliana Santa; Athaydes,Brena Ramos; Gonçalves,Rita de Cássia Ribeiro; Rodrigues,Ricardo Pereira; Kuster,Ricardo Machado; Kitagawa,Rodrigo Rezende.
Abstract Helicobacter pylori is a bacterium that reaches half of the world population and it’s recognized as the main cause of chronic gastritis and peptic ulcer. In this study, we evaluated the anti-H. pylori, antioxidant and immunomodulatory activities of the methanolic (MeOH) extract of Eugenia uniflora leaves and chemical profile. Anti-H. pylori activity was evaluated by spectrophotometric broth microdilution technique by determining the minimum inhibitory concentration (MIC) and minimum bactericidal concentration (MBC), in addition to the evaluation of the effect on the urease enzyme. The antioxidant activity was evaluated by capturing O2 •-, HOCl e NO• radicals. The immunomodulatory effect was evaluated on the cytokines TNF-α, IL-6 and on nitric...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Eugenia uniflora; Helicobacter pylori; Antioxidant; Immunomodulation.
Ano: 2019 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-89132019000100424
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Antiproliferative and cytotoxic effects of purple pitanga (Eugenia uniflora L.) extract on activated hepatic stellate cells. Repositório Alice
DENARDIN, C. C.; PARISI, M. M.; MARTINS, L. A. M.; TERRA, S. R.; BOROJEVIC, R.; VIZZOTTO, M.; PERRY, M. L.; EMANUELLI, T.; GUMA, F. T. C. R..
2013
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Liver fibrosis; Eugenia uniflora; Cytotoxicity; Cell cycle arrest; Death cell.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/977990
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Armazenamento de pitanga sob atmosfera modificada e refrigeração: I-transformações químicas em pós-colheita Rev. Bras. Frutic.
Santos,Adriana Ferreira dos; Silva,Silvanda de Melo; Alves,Ricardo Elesbão.
Este experimento teve como objetivo avaliar as transformações pós-colheita em pitangas colhidas nos estádios de maturação vermelho-alaranjado (VA) e vermelho predominante (VP) e mantidas sob atmosfera modificada (AM) por filme de cloreto de polivinila (PVC), a 10 ± 0,5 ºC, 14 ± 0,5ºC e (90 ± 1%UR) e a temperatura ambiente (23 ± 2°C e 85 ± 2%UR). O uso de AM associada à refrigeração permitiu manutenção dos sólidos solúveis, acidez titulável, dos açúcares solúveis totais e vitamina C, e também resultou em menor taxa de aumento nos carotenóides totais para frutos do estádio de maturação VA mantido a 10 e 14ºC. Em conjunto, pitangas colhidas no estádio vermelho-alaranjado foram as que apresentaram melhor manutenção das características intrínsecas durante oito...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Eugenia uniflora; Vitamina C; Clorofila e carotenóides totais.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452006000100013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Armazenamento de pitangas sob atmosfera modificada e refrigeração: II - qualidade e conservação pós-colheita Rev. Bras. Frutic.
Santos,Adriana Ferreira dos; Silva,Silvanda de Melo; Mendonça,Rejane Maria Nunes; Filgueiras,Heloísa Almeida Cunha.
Este trabalho teve como objetivo avaliar o efeito de atmosfera modificada (AM) na conservação pós-colheita de pitangas colhidas nos estádios de maturação e início da pigmentação (IP), vermelho-alaranjado (VA) e vermelho predominante (VP) e armazenadas a 10 e a 14 ºC (90 ± 1%UR) e condições ambientes (23± 2 ºC e 85 ± 2%UR). O uso de AM associada à refrigeração resultou em menores perdas de massa, incidência de fungo e enrugamento. A AM também permitiu um aumento de quatro dias na vida útil pós-colheita, mantendo a qualidade acima do limite de aceitação durante oito dias, para pitangas do estádio VA mantidas sob refrigeração. Em conjunto, pitangas colhidas no estádio de maturação vermelho-alaranjado apresentaram melhor potencial de armazenamento, quando...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Eugenia uniflora; Estádio de maturação; Podridão; Enrugamento; Aparência geral.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452006000100014
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Atividade antioxidante em frutas nativas do Brasil. Repositório Alice
LAVORATO, M.; NAPOLI, B.; HELM, C. V..
2013
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Psidium cattleyanum; Campomanesia xanthocarpa; Eugenia uniflora.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/978979
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Coleção de espécies frutíferas exóticas nas condições de Manaus, AM. Infoteca-e
SILVA, S. E. L. da; SOUZA, A. das G. C. de..
Avaliacao do comportamento das especies frutiferas exoticas (abrico, acerolo ata, cagaita, caju, cambuca, canistel, carambola, caja, dovialis, flacourtia, fruta-pao, graviola, goiaba, goiaba italiana, jaca, jambo rosa, jujuba, longana, mangostao, meloncilo, nespera, pitanga, roma, rambuta) introduzidas nas condicoes edafoclimaticas de Manaus-AM (Brasil). Das especies estudadas, graviola, acerola, carambola e flacourtia foram as que apresentaram maior potencial de producao; roma e goiaba italiana nao apresentaram bons resultados; mangostao e rambuta possuem potencial conhecido, porem ainda estao na fase juvenil.
Tipo: Outras publicações técnicas (INFOTECA-E) Palavras-chave: Anacardium occidentale; Caju; Annona muricata; Graviola; Annona squamosa; Ata; Artocarpus incisa; Fruta-pao; Cagaita dysenterica; Cagaita; Artocarpus integrifolia; Jaca; Averrhoa carambola; Carambola; Dovialis hebecarpa; Dovialis; Eryobotrya japonica; Nespera; Eugenia edulis; Cambuca; Eugenia jambosa; Jambo rosa; Eugenia stipitata; Cambuca; Eugenia uniflora; Pitanga; Euphoria longana; Longana; Flacourtia jamgomas; Garcinia mangostana; Mangostao; Malpighia punicifolia; Acerola; Mammea americana; Abrico; Mellococa bijuga; Meloncilo; Nephelium lappaceum; Rambuta; Pouteria campechiana; Canistel; Psidium friedrichsthalianum; Goiaba; Psidium guaajava; Punica granatum; Roma; Spondias lutea; Caja; Zyzyphus jujuba; Jujuba; Variedades; Brasil; Amazonas; Manaus; Varieties.
Ano: 1998 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/666490
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comparação de métodos de laboratório e de campo para a estimativa da área foliar em fruteiras silvestres Scientia Agricola
Mielke,M.S.; Hoffmann,A.; Endres,L.; Fachinello,J.C..
Foi realizado um trabalho com o objetivo de estudar diferentes métodos de laboratório e de campo para a estimativa da área foliar de fruteiras silvestres, pertencentes à família Myrtaceae, a saber: uvalheira (Eugenia uvalha Camb.), aracazeiro (Psidium cattleyanum Sabine), goiabeira serrana (Feijoa sellowiana Berg.) e pitangueira (Eugenia uniflora DC). Entre os métodos de laboratório, também utilizados como "padrão", bons resultados foram obtidos utilizando-se um medidor automático de área foliar, planímetro ou através do método gravimétrico (fotocópia ou papel filtro). Dentre os métodos de campo, os melhores resultados foram obtidos por regressão linear. As estimativas das áreas foliares (y) para as quatro espécies estudadas podem ser tomadas a partir das...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Análise de crescimento; Eugenia uvalha; Psidium cattleyanum; Feijoa sellowiana; Eugenia uniflora.
Ano: 1995 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161995000100015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Determinação da composição físico-química de guabiroba, pitanga e araçá. Repositório Alice
NAPOLI, B.; LAVORATO, M.; HELM, C. V..
2013
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Campomanesia; Xanthocarpa; Eugenia uniflora; Psidium cattleianum.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/978878
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito de fungos micorrízicos arbusculares e da adubação no crescimento de mudas de Eugenia uniflora L., produzidas em diferentes substratos. Repositório Alice
DALANHOL, S. J.; NOGUEIRA, A. C.; GAIAD, S.; KRATZ, D..
O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito de fungos micorrízicos arbusculares (FMAs), da adubação e da composição do substrato no crescimento de mudas de Eugenia uniflora. As sementes foram germinadas em vermiculita média e repicadas para tubetes (100 cm3) contendo substratos à base de vermicomposto e casca de arroz carbonizada e, como controle, utilizou-se do substrato comercial à base de casca de pínus. Estes substratos foram testados com e sem inoculação micorrízica, adicionada ao substrato, como também se testaram a presença e a ausência de adubação de cobertura. Foram analisadas as propriedades físico-químicas dos substratos formulados. Avaliaram-se a altura, o diâmetro do colo, a agregação das raízes ao substrato, a biomassa seca aérea, a biomassa...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Vermicomposto; Casca de arroz carbonizada; Carbonized rice hulls; Eugenia uniflora; Pitanga; Espécie nativa; Micorriza; Adubação; Mycorrhizal fungi; Vermicomposts.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1046845
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Enxertia herbácea em Myrtaceae nativas do Rio Grande do Sul Rev. Bras. Frutic.
Lattuada,Daiane Silva; Souza,Paulo Vitor Dutra de; Gonzatto,Mateus Pereira.
O objetivo deste trabalho foi testar a viabilidade da técnica de enxertia herbácea em frutíferas nativas da família Myrtaceae. O experimento foi realizado em casa de vegetação do Departamento de Horticultura e Silvicultura/ UFRGS, em Porto Alegre. Duas espécies de Myrtaceae nativas foram usadas, tanto como porta-enxerto quanto como enxerto, Eugenia uniflora (Pitangueira) e E. involucrata (Cerejeira-do-rio-grande ou Cerejeira-do-mato), totalizando quatro combinações. O método de enxertia adotado foi por garfagem em fenda cheia, em ramos herbáceos, com diâmetro médio do porta-enxerto de 0,1cm, enquanto os ramos dos enxertos apresentavam diâmetro médio entre 0,08 a 0,1cm, para as duas espécies. As análises foram quinzenais e, após 70 dias, foram analisadas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Propagação vegetativa; Eugenia uniflora; Eugenia involucrata.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452010000400044
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Eugenia uniflora fruit (red type) standardized extract: a potential pharmacological tool to diet-induced metabolic syndrome damage management. Repositório Alice
OLIVEIRA, P. S.; CHAVES, V. C.; BONA, N. P.; SOARES, M. S. P.; CARDOSO, J. de. S.; VASCONCELLOS, F. A.; TAVARES, R. G.; VIZZOTTO, M.; SILVA, L. M. C. da.; GRECCO, F. B.; GAMARO, G. D.; SPANEVELLI, R. M.; LENCINA, C. L.; REGINATTO, F. H.; STEFANELLO, F. M..
2017
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Metabolic syndrome; Eugenia uniflora; Phenolic compounds; Pharmacological management.
Ano: 2017 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1072001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Eugeniamyia dispar em pitangueira: parasitoides associados, dinâmica populacional e distribuição de galhas na planta Rev. Bras. Frutic.
Bierhals,Adriana Neutzling; Nava,Dori Edson; Costa,Valmir Antonio; Maia,Valéria Cid; Diez-Rodríguez,Gabriela Inés.
A pitangueira Eugenia uniflora L. (Myrtaceae) é uma frutífera nativa da América do Sul, podendo ser encontrada em quase todo o território brasileiro, bem como no Paraguai, no Uruguai e na Argentina. Nas folhas dessa planta, são encontradas galhas induzidas por Eugeniamyia dispar (Diptera: Cecidomyiidae). O objetivo deste trabalho foi determinar os parasitoides associados a E. dispar, a dinâmica populacional de E. dispar e dos parasitoides e a distribuição de galhas na planta. Ramos e folhas foram coletados quinzenalmente, durante as safras agrícolas de 2007/2008 e 2008/2009, em pomares de pitangueira localizados no município de Pelotas-RS, e transportados para o laboratório para a contagem do número de galhas. Do material coletado, foram individualizadas...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Eugenia uniflora; Insetos galhadores; Parasitoides; Inseto-praga.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452012000100016
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Eugeniamyia dispar gen.n. and sp.n. (Diptera, Cecidomyiidae, Lasiopteridi) associated with Eugenia uniflora l. (Myrtaceae) in Brazil Zoologia
Maia,Valéria Cid; Mendonça Júnior,Milton de S; Romanowski,Helena P.
A new genus and species Eugeniamyia dispar (Diptera, Cecidomyiidae, Lasiopteridi) that cause leaf galls on Eugenia uniflora L. (Myrtaceae) in Brazil, is described.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Diptera; Cecidomyiidae; Eugeniamyia dispar; Myrtaceae; Eugenia uniflora; Taxonomy.
Ano: 1996 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-81751996000400026
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Fenólicos e carotenóides totais em pitanga Scientia Agricola
Lima,Vera Lúcia Arroxelas Galvão de; Mélo,Enayde de Almeida; Lima,Daisyvângela E. da Silva.
Em decorrência de uma ampla diversidade genética, a pitanga (Eugenia uniflora L.) apresenta cor que varia do alaranjado até o vermelho escuro quase negro. Em Pernambuco, no entanto, é comum encontrá-la com coloração laranja-avermelhada. Como muitos fitoquímicos presentes em frutos exibem propriedades antioxidantes, com destaque para carotenóides e compostos fenólicos, e frente a escassez de informações sobre seus teores em pitanga, objetivou-se quantificá-los nas seleções cujos frutos apresentam coloração vermelha e roxa. Assim, foram determinados espectrofotometricamente os teores de carotenóides e fenólicos totais nos frutos destas seleções nos estádios maduro e semi-maduro. Na pitanga roxa madura e em sua película também foram determinados os teores de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Eugenia uniflora; Antocianinas; Fenólicos totais; Carotenóides totais; Estádios de maturação.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90162002000300006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Influência do substrato, tamanho de sementes e maturação de frutos na formação de mudas de pitangueira. Repositório Alice
ANTUNES, L. E. C.; PICOLOTTO, L.; VIGNOLO, G. K.; GONÇALVES, M. A..
2012
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Eugenia uniflora; Pitanga e propagação.
Ano: 2012 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/952560
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Influência do substrato, tamanho de sementes e maturação de frutos na formação de mudas de pitangueira Rev. Bras. Frutic.
Antunes,Luis Eduardo Corrêa; Picolotto,Luciano; Vignolo,Gerson Kleinick; Goncalves,Michel Adrighi.
Os experimentos foram realizados na Embrapa Clima Temperado, e as muda , conduzidas em bandejas de poliestireno expandido, de 72 células, colocadas em casa de vegetação com irrigação manual. O delineamento experimental adotado nos experimentos foi o inteiramente casualizado, em esquema fatorial, utilizando-se de quatro repetições com 12 sementes cada (Experimento 1) e três repetições com 18 sementes cada (Experimento 2). Os tratamentos do Experimento 1 foram o tamanho de semente (média e pequena) e o substrato (Plantimax®, vermiculita e fibra de coco). Já no Experimento 2, os tratamentos utilizados foram as seleções de pitangueira (67 e172) e a maturação do fruto (parcial e totalmente maduro). Os parâmetros avaliados foram: porcentagem de emergência,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Eugenia uniflora; Pitanga e propagação.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-29452012000400031
Registros recuperados: 34
Primeira ... 12 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional