Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 20
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Atributos físicos e físico-químicos da farinha de mandioca artesanal em Rio Branco, Acre. Repositório Alice
ALVARES, V. de S.; COSTA, D. A. da; FELISBERTO, F. A. V.; SILVA, S. F. da; MADRUGA, A. L. S..
A farinha de mandioca é um produto conhecido no Brasil, fazendo parte das refeições diárias da população, principalmente no Norte e Nordeste do país. Grande parte deste produto é processado de forma artesanal, o que dificulta sua padronização, pela heterogeneidade advinda principalmente de processos próprios de fabricação. Neste sentido, os atributos físicos e físico-químicos da farinha de mandioca artesanal comercializada no Acre, nos níveis da legislação brasileira, foram avaliados neste trabalho. Amostras de 20 marcas de farinha de mandioca produzidas artesanalmente foram coletadas em estabelecimentos comerciais de Rio Branco, Acre, classificadas e analisadas quanto à composição dos nutrientes. Os resultados obtidos para as farinhas, classificadas como...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Farinha de mandioca; Farinha artesanal; Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Mandioca; Manihot esculenta; Farinha; Propriedade físico-química; Classificação de produto; Valor nutricional; Legislação de alimento; Cassava flour; Physicochemical properties; Nutritive value; Food law; Harina de yuca; Propiedades fisicoquímicas; Valor nutritivo; Leyes de alimentos.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/966034
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de genótipos de mandioca da reserva extrativista Cazumbá-Iracema, Acre. Repositório Alice
SIVIERO, A.; PESSOA, J. de S.; LESSA, L. S..
A mandioca é o principal produto agrícola do Acre, cultivado para geração de renda e segurança alimentar, sendo tipicamente de exploração familiar. Este trabalho teve como objetivo avaliar genótipos de mandioca na Reserva Extrativista do Cazumbá-Iracema, localizada no município de Sena Madureira, AC. Foram instalados três experimentos nas localidades Cazumbá, Cuidado e Alto Caeté, utilizando-se o delineamento inteiramente casualizado com quatro repetições. Foram avaliados; número de raízes por planta, percentagem de amido e massa seca de raízes, produtividade e rendimento de farinha de mandioca. Foi realizada a avaliação de oito genótipos nas localidades de Cazumbá e Cuidado e de seis genótipos em Alto Caeté, analisando conjuntamente os quatro genótipos...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Yuca; Avaliação de genótipos; Farinha de mandioca; RESEX do Cazumbá Iracema; Sena Madureira (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Mandioca; Manihot esculenta; Genótipo; Características agronômicas; Rendimento; Cassava; Genotype; Agronomic traits; Growth performance; Cassava flour; Características agronómicas; Desempeño del crecimiento; Harina de yuca.
Ano: 2012 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/941533
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Boas práticas de fabricação de farinha de mandioca. Infoteca-e
SOUZA, J. M. L. de; SILVA, M. P. da; LEITE, F. M. N.; NÓBREGA, M. de S.; ALVES, P. A. de O..
A produção da farinha de mandioca no Território da Cidadania do Vale do Juruá, Acre, contempla os municípios de Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima, Rodrigues Alves, Marechal Thaumaturgo e Porto Walter. Esses municípios são reconhecidos pela grande produção de farinha, obtida por método artesanal em unidades familiares denominadas casas de farinha. O modo tradicional de produção de farinha dessa região, herdado por gerações, confere ao produto qualidade notória. A preferência dos consumidores pela farinha de mandioca de Cruzeiro do Sul, há décadas, tornou-a um produto potencial para Indicação Geográfica na modalidade Indicação de Procedência (IP). A IP reconhece a região em que a farinha é produzida, a forma peculiar de fabricação do produto e oferece ao...
Tipo: Fôlder / Folheto / Cartilha (INFOTECA-E) Palavras-chave: Produção artesanal; Indicação geográfica; Território da Cidadania; Regional do Juruá; Cruzeiro do Sul (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Manhihot esculenta; Denominación de origen protegida; Harina de yuca; Tecnología tradicional; Mandioca; Farinha; Procedência; Cassava flour; Traditional technology; Provenance; Protected designation of origin.
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1081628
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização físico-química de farinhas de mandioca (Manihot esculenta Crantz) dos povos indígenas Kaxinawá. Repositório Alice
ALVARES, V. de S.; HAVERROTH, M.; FELISBERTO, F. A. V.; MADRUGA, A. L. S..
A produção de farinha na TI Kaxinawá de Nova Olinda é feita pelas famílias, cada qual produzindo o suficiente para seu próprio consumo sempre que considerem necessário e tenham matéria-prima adequada e suficiente para a produção de farinha. Não há produção para comercialização fora da TI. O processo de produção é bastante simples e pode ser de dois tipos: a partir da raiz ralada, prensada e torrada; ou a chamada farinha puba, que consiste em deixar as raízes de molho na água até amolecerem, seguido de prensagem e torração. Dessa forma, o objetivo deste trabalho foi caracterizar as farinhas de mandioca produzidas na TI Kaxinawá de Nova Olinda.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Conhecimento tradicional; Terra Indígena Kaxinawá de Nova Olinda (TIKNO); Feijó (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Mandioca; Manihot esculenta; Farinha; Qualidade; Propriedade físico-química; Agricultura de subsistência; Indigenous knowledge; Cassava flour; Physicochemical properties; Food quality; Subsistence farming; Western Amazon; Conocimiento tradicional; Harina de yuca; Propiedades fisicoquímicas; Calidad de los alimentos; Agricultura de subsistencia; Amazonia Occidental.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/970764
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização físico-química de farinhas de mandioca oriundas do município de Cruzeiro do Sul - Acre. Repositório Alice
SOUZA, J. M. L. de; ALVARES, V. de S.; LEITE, F. M. N.; REIS, F. S.; FELISBERTO, F. A. V.; NEGREIROS, J. R. da S..
O município de Cruzeiro do Sul é conhecido, no estado do Acre, por sua grande tradição em produzir farinha de mandioca; não se conhece, porém, suas características para classifi cá-la como de qualidade. Objetivou-se avaliar as características físico-químicas da farinha de mandioca, produzida no município de Cruzeiro do Sul, Acre. Foram coletadas 10 amostras de cada tratamento, em uma casa-de-farinha nesse município; sendo que os tratamentos foram compostos pelas classificações particulares do fabricante: T1= farinha com coco; T2= farinha grossa e T3= farinha peneirada; tendo sido transportadas, via aérea, para Rio Branco, Acre, para o Laboratório de Tecnologia de Alimentos da Embrapa-AC. Foram avaliadas as variáveis: umidade, cinzas, lipídeos, proteína...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Cruzeiro do Sul (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Mandioca; Manihot esculenta; Farinha; Qualidade; Propriedade físico-química; Cassava flour; Physicochemical properties; Food quality; Western Amazon; Harina de yuca; Propiedades fisicoquímicas; Calidad de los alimentos; Amazonia Occidental.
Ano: 2008 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/505874
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização físico-química de farinhas oriundas de variedades de mandioca utilizadas no Vale do Juruá, Acre. Repositório Alice
SOUZA, J. M. L. de; ALVARES, V. de S.; NOGUEIRA, F. M. N.; REIS, F. S.; FELISBERTO, F. A. V..
Algumas características de farinha de mandioca dependem da variedade da raiz utilizada para o processamento. Objetivou-se avaliar as características físico-químicas da farinha de mandioca oriundas de variedades utilizadas no estado do Acre. Os tratamentos foram compostos pelas variedades: T1= Paxiubão, T2= Im221, T3 = Caboquinha, T4 = Araçá, T5 = Colonial, T6 = Branquinha, T7 = Panati e T8 = Mansa e Brava. Foram coletadas amostras das oito variedades de mandioca em casas-de-farinha no município de Cruzeiro do Sul, Acre. As raízes foram transportadas via aérea para o Laboratório de Tecnologia de Alimentos da Embrapa-AC, na cidade de Rio Branco, Acre. Foram avaliados: teor de umidade, cinzas, lipídios, proteína, fibra bruta, carboidratos, acidez, pH e...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Vale do Juruá (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Mandioca; Farinha; Variedade; Qualidade; Propriedade físico-química; Cassava flour; Cultivars; Food quality; Physicochemical properties; Western Amazon; Harina de yuca; Cultivares; Calidad de los alimentos; Propiedades fisicoquímicas; Amazonia Occidental.
Ano: 2008 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/493237
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Contexto econômico e social da produção de farinha de mandioca na Regional do Juruá, Acre. Infoteca-e
SILVA, F. de A. C.; KLEIN, M. A.; FONTENELE, R. A..
Com uma extensão territorial de 164.123 km2 e uma população estimada de 829.619 habitantes, o Estado do Acre está dividido em cinco microrregiões: Alto Acre, Baixo Acre, Purus, Tarauacá-Envira e Juruá. A Regional do Juruá está situada no extremo oeste do estado, compreendendo os municípios de Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima, Marechal Thaumaturgo, Porto Walter e Rodrigues Alves. Possui uma extensão de 31.943 km2, o que corresponde a 20% da área total do estado, sendo sua população de 147 mil habitantes, dos quais 43% habitam a zona rural. A base das atividades agrícola, pecuária e florestal do Estado do Acre é a produção familiar, resultante de um processo de reforma agrária iniciado na década de 1970. A produção agropecuária na Regional do Juruá é...
Tipo: Capítulo em livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Indicação geográfica; Produção artesanal; Território da Cidadania; Regional do Juruá; Cruzeiro do Sul (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Agricultura familiar; Farinha; Mandioca; Manihot esculenta; Procedência; Desenvolvimento socio-econômico; Family farms; Cassava flour; Traditional technology; Protected designation of origin; Provenance; Socioeconomic development; Explotación agrícola familiar; Harina de yuca; Tecnología tradicional; Denominación de origen protegida; Desarrollo socioeconómico.
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1086119
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Da prensa para a imprensa: representações da Farinha de Cruzeiro do Sul em jornais acrianos. Infoteca-e
VIUDES, P.; GONÇALVES, D. da C..
O objetivo deste capítulo é identificar as representações sociais construídas pela mídia em torno desse produto tradicional da Regional do Juruá. Não se pretende, todavia, fazer uma pesquisa histórica sobre a produção de farinha de mandioca no contexto acriano, e sim mostrar que o assunto também é abordado por uma importante fonte histórica: a imprensa.
Tipo: Capítulo em livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Indicação geográfica; Produção artesanal; Território da Cidadania; Regional do Juruá; Cruzeiro do Sul (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Agricultura familiar; Farinha; Mandioca; Manihot esculenta; Procedência; História; Comunicação de massa; Jornal; Family farms; Cassava flour; Traditional technology; Protected designation of origin; Provenance; History; Mass media; News media; Explotación agrícola familiar; Harina de yuca; Tecnología tradicional; Denominación de origen protegida; Medios de comunicación de masas; Medios de noticias.
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1086124
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desempenho econômico da produção de farinha de mandioca em Cruzeiro do Sul, Acre, com adoção de boas práticas agrícolas. Infoteca-e
SA, C. P. de; SANTIAGO, A. C. C.; COSTA, F. de S..
A mandiocultura no Estado do Acre está relacionada diretamente com a cultura dos produtores familiares e os aspectos históricos de ocupação do território, assim como aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas, quando está vinculada à produção familiar e incorpora formas de aumento de produtividade de seus cultivos e de renda, contribuindo para a superação da pobreza e aumento da resiliência a eventos extremos. A Embrapa Acre considera a cadeia produtiva da mandioca no estado uma contribuição importante para o agronegócio acriano, uma vez que constitui a cultura anual com a segunda área cultivada e envolve aspectos agronômicos, econômicos, socioculturais e ambientais relevantes que permitiram o desenvolvimento de pesquisas participativas...
Tipo: Documentos (INFOTECA-E) Palavras-chave: Boas práticas agrícolas; Vale do Juruá; Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Mandioca; Manhihot esculenta; Farinha; Cadeia produtiva; Análise econômica; Análise de custo-benefício; Preço; Cassava flour; Production; Supply chain; Economic analysis; Cost benefit analysis; Prices; Harina de yuca; Producción; Cadena de suministro; Análisis económico; Análisis de costo-beneficio; Precios.
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1081837
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Do gosto popular ao papo virtual: a fama da farinha de mandioca de Cruzeiro do Sul. Infoteca-e
SILVA, M. P. da.
O objetivo deste trabalho é apresentar elementos da comunicação virtual que dão visibilidade à farinha de Cruzeiro do Sul e reafirmam a obtenção da indicação geográfica de procedência da região. O material analisado neste capítulo são impressões, fatos, experiências de consumidores no ciberespaço que expressam a preferência pela farinha da região do Juruá.
Tipo: Capítulo em livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Indicação geográfica; Produção artesanal; Território da Cidadania; Regional do Juruá; Cruzeiro do Sul (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Agricultura familiar; Farinha; Mandioca; Manihot esculenta; Procedência; Comunicação de massa; Family farms; Cassava flour; Traditional technology; Protected designation of origin; Provenance; Mass media; Explotación agrícola familiar; Harina de yuca; Tecnología tradicional; Denominación de origen protegida; Medios de comunicación de masas.
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1086122
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito de diferentes concentrações de corante natural de açafrão-da-terra na composição da farinha de mandioca artesanal. Repositório Alice
ALVARES, V. de S.; SILVA, R. S. da; CUNHA, C. R. da; FELISBERTO, F. A. V.; CAMPOS FILHO, M. D..
Grande parte da farinha de mandioca produzida no Norte do Brasil é artesanal e contém uma pequena quantidade de açafrão-da-terra em pó, o qual é um corante natural produzido pelos próprios produtores familiares e adicionado à farinha em função da preferência dos consumidores locais por um produto de cor amarela intensa, portanto, sendo de interesse a avaliação do efeito da adição de diferentes concentrações de corante natural na composição centesimal da farinha de mandioca produzida artesanalmente. As farinhas foram produzidas com diferentes concentrações de açafrão-da-terra em pó (sem açafrão-da-terra; 0,003% de açafrão-da-terra; 0,03% de açafrão-da-terra e 1% de açafrão-da-terra), coletadas diretamente na casa de farinha, em sacos plásticos...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Cúrcuma; Açafrão da terra; Mandioca; Manihot esculenta; Farinha; Produção; Planta corante; Açafrão da índia; Curcuma longa; Propriedade físico-química; Cassava flour; Natural dyes; Turmeric; Physicochemical properties; Harina de yuca; Tintes naturales; Cúrcuma (especia); Propiedades fisicoquímicas.
Ano: 2015 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1013666
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Falando em farinha... Infoteca-e
HAVERROTH, M..
Neste capítulo será realizada uma análise de discursos sobre a farinha a partir da interpretação de diversos atores sociais envolvidos direta ou indiretamente com a produção de farinha de Cruzeiro do Sul. Partiu-se de depoimentos tomados em pesquisa de campo na Região do Alto Juruá durante a execução de projetos que envolveram diversos parceiros, incluindo Embrapa Acre e governo do Estado do Acre, especialmente por meio da Fundação de Cultura e Comunicação Elias Mansour. Assim, neste capítulo, ganham força os personagens e suas falas, ambos resultados de um processo histórico e cultural de origens diversas e que se fundiram e convergiram na cultura do cultivo da mandioca e da produção de farinha artesanal.
Tipo: Capítulo em livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Indicação geográfica; Produção artesanal; Depoimentos; Território da Cidadania; Regional do Juruá; Cruzeiro do Sul (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Agricultura familiar; Farinha; Mandioca; Manihot esculenta; Procedência; História; Family farms; Cassava flour; Traditional technology; Protected designation of origin; Provenance; History; Oral communication; Explotación agrícola familiar; Harina de yuca; Tecnología tradicional; Denominación de origen protegida; Comunicación oral.
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1086121
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Farinha de mandioca de Cruzeiro do Sul: características da identidade regional para a Indicação Geográfica. Infoteca-e
SOUZA, J. M. L. de; ÁLVARES, V. de S.; NÓBREGA, M. de S.; NOBRE, I..
Neste capítulo será feito um retorno ao passado para entender como foi a ocupação territorial, a evolução político-administrativa e o início da produção da farinha de mandioca que já era relatada na imprensa desde 1906.
Tipo: Capítulo em livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Indicação geográfica; Produção artesanal; Território da Cidadania; Regional do Juruá; Cruzeiro do Sul (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Agricultura familiar; Farinha; Mandioca; Manihot esculenta; Procedência; História; Family farms; Cassava flour; Traditional technology; Protected designation of origin; Provenance; Foodways; History; Explotación agrícola familiar; Harina de yuca; Tecnología tradicional; Denominación de origen protegida; Hábitos culinarios.
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1086114
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Importância do saber-fazer sobre as características físicas e fisicoquímicas da farinha de mandioca artesanal do Acre. Infoteca-e
ÁLVARES, V. de S.; SOUZA, J. M. L. de.
A produção de farinha de mandioca no Território da Cidadania do Vale do Juruá (TCJV), no Acre, é uma atividade econômica que possui extrema importância na formação, organização e identidade do território. A atividade farinheira está tão intrinsecamente inserida na rotina dos habitantes da região de Cruzeiro do Sul, que o município lhe empresta o nome para designar a melhor farinha produzida no estado. Assim, com o passar do tempo a "farinha de Cruzeiro do Sul" foi reconhecida como de qualidade na visão diferenciada de diversos elos da cadeia, tais como consumidores, produtores e comerciantes. Conceituadamente, um produto de qualidade deve atender ao grau de satisfação do consumidor frente aos requisitos relativos a um conjunto de características inerentes...
Tipo: Capítulo em livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Indicação geográfica; Produção artesanal; Conhecimento tradicional; Território da Cidadania; Regional do Juruá; Cruzeiro do Sul (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Agricultura familiar; Farinha; Mandioca; Manihot esculenta; Procedência; Family farms; Cassava flour; Protected designation of origin; Provenance; Traditional technology; Indigenous knowledge; Explotación agrícola familiar; Harina de yuca; Denominación de origen protegida; Tecnología tradicional; Conocimiento tradicional.
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1086116
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Indicação geográfica da farinha de mandioca de Cruzeiro do Sul, Acre. Infoteca-e
SOUZA, J. M. L. de; ÁLVARES, V. de S.; NÓBREGA, M. de S..
Este livro é resultado do esforço de projetos de pesquisa da Embrapa Acre, fruto da parceria de várias instituições do estado e fontes de financiamento diversos, como Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), bem como recursos do tesouro nacional. Foram 12 anos desde o início das pesquisas com a mandioca no Território da Cidadania do Vale do Juruá, no Acre, passando pela caracterização da cadeia, melhorias no processo de produção da mandioca, definição de padrões de identidade e qualidade da farinha, georreferenciamento das unidades de...
Tipo: Livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Indicação geográfica; Produção artesanal; Território da Cidadania; Regional do Juruá; Cruzeiro do Sul (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Denominación de origen protegida; Explotación agrícola familiar; Harina de yuca; Tecnología tradicional; Agricultura familiar; Farinha; Mandioca; Manihot esculenta; Procedência; Family farms; Cassava flour; Traditional technology; Protected designation of origin; Provenance.
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1086100
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Potencial da IG da farinha de mandioca de Cruzeiro do Sul. Repositório Alice
SOUZA, J. M. L. de; CARTAXO, C. B. da C.; NÓBREGA, M. de S.; ALVES, P. A. de O.; SILVA, F. de A. C.; NOBRE, I..
Indicações Geográficas (IG) qualificam produtos e serviços por apresentarem características genuínas que os vinculam à região de produção. A farinha constitui um dos principais derivados da mandioca, apresentando particularidades em função da cultura local e do acesso às tecnologias. O objetivo deste trabalho foi demonstrar o potencial de IG da farinha de mandioca de Cruzeiro do Sul/AC. Para tanto, realizou-se uma análise bibliográfica sobre IG?s; revisão de questionários e resultados de pesquisas realizadas pela Embrapa Acre e parceiros com produtores familiares do Território da Cidadania do Vale do Juruá/Acre; pesquisas em jornais antigos; e relatos utilizando a metodologia do INRC. A farinha de Cruzeiro do Sul apresenta sabor diferenciado, levemente...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Indicação Geográfica (IG); Cruzeiro do Sul (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Mandioca; Manihot esculenta; Farinha; Produção; Procedência; Cassava flour; Provenance; Protected designation of origin; Harina de yuca; Procedencia; Denominación de origen protegida.
Ano: 2015 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1013670
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Potencial da região produtora da "Farinha de Cruzeiro do Sul" para a Indicação Geográfica. Infoteca-e
ÁLVARES, V. de S.; SOUZA, J. M. L. de; SOUZA, G. S. de.
A IG é uma estratégia inovadora que constitui uma forma especial de proteção aos produtos e visa, principalmente, distinguir a origem de um produto por meio da identificação da área de produção. Em um mundo de relações econômicas globalizadas, as IGs possibilitam salvaguardar características locais e regionais dos produtos, valorizando e atestando seus níveis de qualidade, os quais são fruto dos fatores naturais de uma área delimitada e daqueles relacionados à intervenção do homem. A IG é um ativo intangível que pode representar o primeiro passo para dar ao produto um valor cultural agregado. É um direito relativo à propriedade industrial estabelecido na Lei 9.279/1996, que pode ser classificado em dois tipos: indicação de procedência (IP), isto é, a...
Tipo: Capítulo em livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Indicação geográfica; Produção artesanal; Território da Cidadania; Regional do Juruá; Cruzeiro do Sul (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Agricultura familiar; Farinha; Mandioca; Manihot esculenta; Procedência; Desenvolvimento socio-econômico; Family farms; Cassava flour; Traditional technology; Protected designation of origin; Provenance; Production economics; Explotación agrícola familiar; Harina de yuca; Tecnología tradicional; Denominación de origen protegida; Economía de la producción.
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1086107
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Projeto Indicação Geográfica da farinha de mandioca de Cruzeiro do Sul, Acre. Infoteca-e
SOUZA, J. M. L. de; NÓBREGA, M. de S.; OLIVEIRA, P. A. A. C. de.
O projeto tem como objetivo executar ações de estruturação e promoção necessárias para depositar o pedido da Indicação Geográfica (IG) da farinha de mandioca de Cruzeiro do Sul junto ao Instituto Nacional de Propriedade Industrial (Inpi) e, ainda, promover ações de esclarecimento e sensibilização dos produtores sobre as etapas a serem realizadas para embasamento da IG e depósito do pedido junto ao Inpi.
Tipo: Fôlder / Folheto / Cartilha (INFOTECA-E) Palavras-chave: Indicação geográfica (IG); Cruzeiro do Sul (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Mandioca; Manhihot esculenta; Farinha; Produção; Procedência; Cassava flour; Provenance; Protected designation of origin; Harina de yuca; Procedencia; Denominación de origen protegida.
Ano: 2016 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1064378
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Variabilidade físico-química da farinha de mandioca. Repositório Alice
SOUZA, J. M. L. de; NEGREIROS, J. R. da S.; ALVARES, V. de S.; LEITE, F. M. N.; SOUZA, M. L. de; REIS, F. S.; FELISBERTO, F. A. V..
Este trabalho teve como objetivo avaliar a variabilidade físico-química da farinha de mandioca comercializada no município de Cruzeiro do Sul - AC por meio da análise multivariada. Foram analisadas 18 amostras de diferentes farinhas de mandioca, quanto às variáveis: umidade, cinzas, lipídios, proteína bruta, fibra bruta, carboidratos totais, acidez e pH. A aplicação da análise multivariada de agrupamento segundo o método de Tocher permitiu o estabelecimento de cinco grupos de farinhas. Os grupos IV e V foram considerados de alta qualidade, o primeiro por apresentar o menor teor de cinzas e o maior de proteína bruta, e o segundo por apresentar o menor teor de umidade e o maior teor de carboidratos dentre os grupos. As técnicas de análise multivariada foram...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Análise multivariada; Heterogeneidade; Método de Tocher; Sistema Genes; Cruzeiro do Sul (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Mandioca; Farinha; Qualidade; Propriedade físico-química; Análise estatística; Método estatístico; Cassava flour; Physicochemical properties; Food quality; Statistical analysis; Multivariate analysis; Harina de yuca; Propiedades fisicoquímicas; Calidad de los alimentos; Análisis estadístico; Análisis de multivarianza.
Ano: 2008 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/510922
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Variabilidade físico-química da farinha de mandioca do Território da Cidadania do Vale do Juruá, Acre. Repositório Alice
ALVARES, V. de S.; MIQUELONI, D. P.; NEGREIROS, J. R. da S..
A farinha é um derivado da mandioca de grande importância alimentar, porém com pequena padronização, por causa do processo artesanal de fabricação. O objetivo deste estudo foi analisar a variabilidade da farinha de mandioca artesanal, produzida no Território da Cidadania do Vale do Juruá, Acre, e agrupar os municípios produtores de acordo com suas características físico-químicas, por meio de análises multivariadas, determinando sua influência na qualidade da farinha de mandioca. Foram analisadas 138 amostras de farinhas, coletadas nos municípios de Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima, Rodrigues Alves, Porto Walter e Marechal Thaumaturgo, com determinação da umidade, cinzas, proteína total, extrato etéreo, fibra total, carboidratos totais, valor energético, acidez...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Farinha de mandioca; Farinha artesanal; Teste de Tukey; Território da Cidadania; Vale do Juruá (AC); Cruzeiro do Sul (AC); Mâncio Lima (AC); Rodrigues Alves (AC); Porto Walter (AC); Marechal Thaumaturgo (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Mandioca; Manihot esculenta; Farinha; Pequeno produtor; Propriedade físico-química; Qualidade; Variedade; Análise estatística; Método estatístico; Cassava flour; Small-scale farming; Physicochemical properties; Statistical analysis; Multivariate analysis; Harina de yuca; Cultivo a pequeña escala; Propiedades fisicoquímicas; Análisis estadístico; Análisis de multivarianza.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1045674
Registros recuperados: 20
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional