Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 22
Primeira ... 12 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Amamentação parcelada em função da ordem de parto de porcas R. Bras. Zootec.
Alonso,Vivian; Rocco,Vanessa Vilas Boas; Galdeano,José Vanderlei Burim; Santana,Renato Simões; Molero,André Henrique Turra; Oliveira,Maria Cristina de.
O objetivo foi avaliar os efeitos da amamentação parcelada nas primeiras seis horas após o nascimento, sobre o peso ao desmame, aos 60 dias de idade e a dosagem de imunoglobulinas G séricas em leitões de porcas de diversas ordens de parto. Trinta e três fêmeas suínas foram usadas em delineamento inteiramente casualizado e em esquema fatorial 2 × 3, composto de dois manejos de leitões pós-nascimento e três agrupamentos por ordem de parto. No manejo tradicional, os leitões disputavam as tetas e mamavam aleatoriamente, enquanto no manejo com alimentação parcelada foram distribuídos em dois grupos para mamar. A coleta de sangue dos leitões foi realizada seis horas após o término do parto para titulação de IgG. Aos 21 e 60 dias de idade, os leitões foram...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: IgG; Imunidade passiva; Manejo de leitões ao parto; Suínos.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982012000100031
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
ASPECTOS DO DESENVOLVIMENTO IMUNOLÓGICO DE LEITÕES RECÉM-NASCIDOS SUBMETIDOS A DIFERENTES DIETAS DE LEITE EM PÓ Scientia Agricola
ESTEVES,M.C.A.; MACHADO NETO,R.; MYIADA,V.S..
Oitenta e seis leitões provenientes de fêmeas mestiças Landrace x Large White foram distribuídos em quatro tratamentos, empregando-se um delineamento em blocos casualizados (4 blocos/tratamento). Além do tratamento controle, onde se forneceu ração peletizada (T4), dois outros tratamentos (T1 e T2) utilizaram dietas com diferentes níveis de leite em pó incorporado às rações peletizadas (14% e 9,6% na fase pré-inicial e 9,6% e 4,8% na fase inicial). O quarto tratamento (T3) não teve leite em pó incorporado à ração peletizada e sim fornecido diluído a 10% em água, apenas na fase pré-inicial. A dieta pré-inicial foi oferecida no período compreendido entre 21 a 49 dias de vida e a dieta inicial, no período de 49 a 61 dias de idade. As amostragens de sangue para...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Suínos; Imunidade passiva; Leite em pó.
Ano: 1996 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161996000200008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da imunidade passiva em bezerros nascidos de vacas imunizadas com vacina contra rotavírus Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Silva,D.G.; Montassier,H.J.; Oliveira,R.G.; Fuentes,D.B.; Samara,S.I.; Jerez,J.A.; Buzinaro,M.G..
Com o objetivo de monitorar a imunidade passiva em bezerros alimentados com colostro de vacas imunizadas e não imunizadas com vacina contra rotavírus, foram determinados títulos de anticorpos em amostras de sangue e colostro de 26 vacas da raça Holandesa no dia do parto e de seus bezerros, à zero, às 24, 48 horas e aos sete, 14, 21, 28 dias de idade, pelo ensaio imunoenzimático. Tanto no soro sangüíneo como no colostro, os títulos dos isótipos IgG, IgG1 e IgG2 foram mais elevados no grupo dos animais vacinados, porém somente no colostro o aumento foi significativo. Os bezerros alimentados com o colostro das vacas vacinadas apresentaram títulos mais altos dos isótipos IgG, IgG1, IgG2, IgA e IgM, após a ingestão do colostro, sendo constatado aumento...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Bovino; Colostro; Imunidade passiva; Rotavírus; Vacina.
Ano: 2008 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352008000500008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da transferência passiva da imunidade através da proteína total sangüínea, em potros da raça Árabe Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Valente,M.; Unanian,M.M.; Selaive-Villarroel,A.B..
To study the passive immunity transference to the new born foal via colostrum, the total serum protein of 27 foals, being 13 females and 14 males, born from multiparae and primiparae mares was estimated. The blood samples were colected at 6, 12, 18, 24 and 30 hours after the first suckling. The total protein values increase significantly between 6 and 12 hours after the first suckling, being not influenced by the sex of the foal. The total protein values of new borns from multiparae mares were significantly higher than primiparae mares at 12 hours after the first suckling and was mantained in the same levels for 30 hours. It was concluded that the newborn Arabian foals had the highest immunoglobulin absortion between 6 and 12 hours after the first suckling...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/other Palavras-chave: Potro; Árabe; Imunidade passiva.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352003000200021
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de níveis séricos de imunoglobulina, proteína e o desempenho de bezerras da raça Holandesa PAB
Pauletti,Patricia; Machado Neto,Raul; Packer,Irineu Umberto; Bessi,Rosana.
Os níveis séricos de imunoglobulina G, proteína total e o desempenho foram avaliados em 59 bezerras da raça Holandesa do nascimento até 60 dias de idade, em um delineamento experimental inteiramente casualizado em parcelas subdivididas no tempo. Os animais foram separados de acordo com a concentração inicial de imunoglobulinas séricas adquiridas passivamente e alocados nos seguintes grupos: grupo 1: animais com baixo nível de imunidade passiva (até 20 mg/mL de IgG); grupo 2: animais com nível médio de imunidade passiva (entre 20 a 30 mg/mL de IgG), e grupo 3: animais com alto nível de imunidade passiva (acima de 30 mg/mL de IgG). Picos de concentrações de proteína total em todos os grupos experimentais foram encontrados nos primeiros dias de vida,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Anticorpos; Colostro; Imunidade passiva; Anabolismo; Catabolismo.
Ano: 2002 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2002000100012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação de níveis séricos de imunoglobulina, proteína e o desempenho de bezerras da raça Holandesa. Repositório Alice
PAULETTI, P.; MACHADO NETO, R.; PACKER, I.U.; BESSI, R..
Os níveis séricos de imunoglobulina G, proteína total e o desempenho foram avaliados em 59 bezerras da raça Holandesa do nascimento até 60 dias de idade, em um delineamento experimental inteiramente casualizado em parcelas subdivididas no tempo. Os animais foram separados de acordo com a concentração inicial de imunoglobulinas séricas adquiridas passivamente e alocados nos seguintes grupos: grupo 1: animais com baixo nível de imunidade passiva (até 20 mg/mL de IgG); grupo 2: animais com nível médio de imunidade passiva (entre 20 a 30 mg/mL de IgG), e grupo 3: animais com alto nível de imunidade passiva (acima de 30 mg/mL de IgG). Picos de concentrações de proteína total em todos os grupos experimentais foram encontrados nos primeiros dias de vida,...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Anticorpos; Colostro; Imunidade passiva; Anabolismo; Catabolismo; Antibodies; Colostrum; Passive immunity; Anabolism; Catabolism.
Ano: 2002 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/106117
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação do fornecimento adicional de colostro para bezerros R. Bras. Zootec.
Machado Neto,Raul; Cassoli,Laerte Dagher; Bessi,Rosana; Pauletti,Patricia.
A imunidade adquirida pelos recém-nascidos depende, no caso de ruminantes, da ingestão e absorção de quantidades adequadas de imunoglobulinas do colostro. A suplementação adicional de colostro pode ser um procedimento que determine a correção de possíveis falhas de manejo. O objetivo do presente trabalho foi avaliar o efeito da suplementação de colostro de superior qualidade imunológica às 12 horas de vida sobre os níveis séricos de proteína total e de imunoglobulinas G, em bezerros recém-nascidos. Foram amostrados 45 bezerros recém-nascidos, distribuídos em dois tratamentos: Tratamento 1 - colostro suplementar após 12 horas de nascimento (10% peso vivo) e Tratamento 2 - controle. Posteriormente, de acordo com a concentração de imunoglobulina G (IgG)...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Bezerro; Imunidade passiva; Recém-nascido; Sonda esofagiana.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982004000200020
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comparação de técnicas de separação dos componentes celulares do colostro suíno através da citometria de fluxo. Repositório Alice
FORNER, R. A. N.; BASTOS, A. P. A..
2016
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Imunidade celular; Imunidade passiva; Células somáticas; Leitão.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1059095
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Concentração de imunoglobulinas G e M no soro sanguíneo de bezerros da raça Holandesa até os 90 dias de idade Braz. J. Vet. Res. Anim. Sci.
Feitosa,Francisco Leydson Formiga; Borges,Alexandre Secorun; Benesi,Fernando José; Birgel,Eduardo Harry; Mendes,Luiz Cláudio Nogueira; Peiro,Juliana Regina.
Avaliou-se os níveis de imunoglobulinas G e M no soro sangüíneo de 32 bezerros da raça Holandesa desde o nascimento até os 90 dias de vida, levando-se em consideração a forma de ingestão (mamada natural na mãe ou em mamadeira) e a quantidade de colostro administrado. Os animais foram distribuídos em quatro grupos. O grupo 1 recebeu quatro litros de colostro fornecido na mamadeira; o grupo 2 recebeu dois litros de colostro também fornecido através da mamadeira; o grupo 3 ingeriu colostro diretamente nas mães e o grupo 4 foi tratado exclusivamente com leite administrado através de mamadeira. Os resultados obtidos para as concentrações de IgG sérica não apresentaram diferenças estatísticas significativas quanto a forma de fornecimento do colostro (mamada na...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Colostro; Imunoglobulinas; Bezerro; Imunidade passiva.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-95962003000700004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Duração da imunidade passiva para lentivírus de pequenos ruminantes em cordeiros. Repositório Alice
SOUZA, T. S. de; COSTA, J. N.; PINHEIRO, R. R.; MELO, F. C. C. de; LIMA, C. C. V. de; ANDRIOLI, A.; AZEVEDO, D. A. A. de; SANTOS, V. W. S. dos; OLIVEIRA, E. L. de; COSTA NETO, A. de O..
Resumo: Com a finalidade de avaliar a imunidade passiva contra lentivírus de pequenos ruminantes (LVPR), em cordeiros, este estudo foi conduzido a partir de dois grupos experimentais. O primeiro (G1) foi estabelecido por nove cordeiros submetidos à mamada artificial de pool de colostro de cabras positivas para LVPR. O segundo (G2) foi o controle, constituído por dez cordeiros submetidos à mamada natural de colostro das suas mães negativas. Amostras de sangue foram obtidas antes da primeira mamada, após 24h do nascimento e com sete, 15, 30, 50, 70, 90 e 120 dias de vida. Determinaram-se as concentrações de proteína sérica total (PST), albumina (ALB), globulinas (GLOB) e imunoglobulina G (IgG) e anticorpos anti-LVPR foram pesquisados a partir das técnicas de...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Anticorpos colostrais; Imunidade passiva; Lentivirose; Imunodiagnóstico; Ovino; Cordeiro; Colostro; Anticorpo; Sheep; Passive immunity; Lentivirus; Antibodies; Immunodiagnosis; Colostrum; ELISA; Diagnosis.
Ano: 2014 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1000640
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito da raça, dieta, época e ordem de parição na concentração de imunoglobulina G no colostro de suínos PAB
Machado Neto,Raul; Packer,Irineu Umberto; Menten,José Fernando; Lavorenti,Abel.
Este trabalho teve por objetivo estudar os efeitos da raça, dieta, época do ano e ordem de parição na concentração de imunoglobulina G (IgG) no colostro de porcas. A concentração de IgG foi determinada no colostro de 60 porcas, 33 da raça Large White e 27 da raça Landrace, submetidas a dietas contendo 0%, 7%, 14% e 21% de levedura seca (LS). A levedura seca de destilaria de álcool de cana-de-açúcar (Saccharomyces cerevisiae) substituiu parte do milho e do farelo de soja da ração mantendo o nível de 14% de proteína bruta. Não foi verificado efeito significativo (P>0,05) de raça e da dieta sobre a concentração de IgG do colostro. Os valores mais elevados de IgG foram observados no colostro de porcas que pariram entre maio e outubro (P<0,05). Foram...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Imunidade passiva; Porcas; Anticorpos; Fatores imunológicos.
Ano: 2001 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2001001000012
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Efeito da raça, dieta, época e ordem de parição na concentração de imunoglobulina G no colostro de suínos. Repositório Alice
MACHADO NETO, R.; PACKER, I.U.; MENTEN, J.F.; LAVORENTI, A..
Este trabalho teve por objetivo estudar os efeitos da raça, dieta, época do ano e ordem de parição na concentração de imunoglobulina G (IgG) no colostro de porcas. A concentração de IgG foi determinada no colostro de 60 porcas, 33 da raça Large White e 27 da raça Landrace, submetidas a dietas contendo 0%, 7%, 14% e 21% de levedura seca (LS). A levedura seca de destilaria de álcool de cana-de-açúcar (Saccharomyces cerevisiae) substituiu parte do milho e do farelo de soja da ração mantendo o nível de 14% de proteína bruta. Não foi verificado efeito significativo (P>0,05) de raça e da dieta sobre a concentração de IgG do colostro. Os valores mais elevados de IgG foram observados no colostro de porcas que pariram entre maio e outubro (P<0,05). Foram...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Imunidade passiva; Porcas; Anticorpos; Fatores imunológicos; Passive immunity; Sows; Antibodies; Immunological factors.
Ano: 2001 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/83521
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estudo da dinâmica da absorção protéica do colostro em crias Moxotó e Saanen no Ceará. Repositório Alice
ELOY, A. M. X.; ANDRADE, M. L. R. de; PINHEIRO, R. R.; SILVA, N. M. M. da; BRITO, R. L. L.; SANTIAGO, L. B.; LOBO, R. N. B.; FURTADO, J. R..
Investigou-se o comportamento das proteínas totais e de suas frações (albumina, globulina e gamaglobulina) durante 22 dias pós-parto, em fêmeas das raças Moxotó e Saanen, e de suas crias que receberam colostro termizado. As proteínas totais no colostro e no soro das cabras Moxotó e Saanen não apresentaram diferença (P>0,05) (6,65±3,06; 6,34±0,54 g/dL vs 6,23±4,49; 6,61±0,53 g/dL), respectivamente, entre as raças, enquanto suas respectivas crias diferiram (P<0,05)(6,62±0,45 vs 5,15±0,76 g/dL). Não houve diferença (P>0,05) entre a albumina no colostro e no soro (2,52±0,31; 2,87±0,18 vs 2,31±0,19; 3,68±0,76 g/dL) das fêmeas Moxotó e Saanen, respectivamente, como também no soro de suas respectivas crias (P>0,05)(2,54±0,18; 2,88±0,99 g/dL). A...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Imunidade passiva; Raça Moxotó; Raça Saanen; Caprino; Imunoglobulina; Colostro; Soro-sanguíneo; Raça Moxotó; Anticorpo; Goats; Passive immunity; Immunoglobulins; Colostrum; Antibody formation.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/972696
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Flutuação das proteínas séricas em vacas primíparas e multíparas no período pré-parto Scientia Agricola
Machado Neto,R.; Prado,G.V.B.; Bessi,R.; Hattnher,F.L..
O comportamento das proteínas séricas foi avaliado em dois grupos de vacas de leite, 6 primíparas e 6 multíparas, durante as ultimas 6 semanas pré-parto. Para separação da fração protéica foi empregado o método de eletroforese, enquanto para quantificação da proteína total foi utilizado o método de biureto. O sangue, retirado da região coccígea, foi amostrado nos períodos 5, 4, 3, 2, 1 semanas pré-parto e no dia do parto. Os resultados indicam uma queda na concentração da proteína total (p < 0.0001), em função do decréscimo da concentração de imunoglobulina (p < 0.0001), durante o período analisado. A proteína total decresceu de 9,82 + 0,7 g/100 ml, na quinta semana pré-parto, para 7,92 + 0,6 g/100 ml no dia do parto (valor mínimo médio registrado)....
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Imunidade passiva; Colostro; Vaca.
Ano: 1995 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161995000100026
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Importância do colostro na transmissão da imunidade passiva em caprinos. Infoteca-e
ELOY, A. M. X..
Tipo: Comunicado Técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Imunidade passiva; Raça Saanen; Raça Moxotó; Caprino; Colostro; Cabrito; Anticorpo; Imunologia; Goats; Kids; Antibodies; Immunological factors; Passive immunity.
Ano: 2012 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/971211
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Influência do fornecimento prolongado de colostro sobre a flutuação de proteínas séricas em bezerros com diferentes níveis de imunidade passiva sérica Scientia Agricola
Baracat,R.S.; Machado Neto,R.; Daniele,C.; Bessi,R.; Packer,I.U..
O presente trabalho teve como objetivo avaliar o comportamento das proteínas séricas de 32 bezerros recém-nascidos submetidos a diferentes programas de aleitamento. Foram utilizados animais com duas diferentes condições de imunidade passiva adquirida, alta e baixa, divididos em dois grupos, com e sem fornecimento prolongado de colostra. Os tratamentos foram os seguintes: T1 - alto/leite; T2 -baixo/leite; T3 - alto/colostro; T4 - baixo/ colostro. Foram avaliados os parâmetros séricos de proteína total (PT), albumina e imunoglobulina G (IgG). O grupo alto (T1 e T3) apresentou uma concentração média superior de proteína total (p = 0,0033) e imunoglobulina (p = 0,0001) séricas comparadas com os valores encontrados para o grupo baixo (T2 e T4). Proteína total e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Colostro; Proteínas séricas; Imunidade passiva; Bezerro.
Ano: 1995 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161995000300021
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Neonatology in calves: the importance of colostrum MV&Z
Guerra, Guilherme Alves; Dorneles, Elaine Maria Seles; Souza, Fernando Nogueira; Cortez, Adriana; Batista, Camila Freitas; Coelho, Sandra Gesteira; Lage, Andrey Pereira; Della Libera, Alice Maria Melville Paiva; Heinemann, Marcos Bryan.
Neonates are able to respond to infectious agents by their innate and acquired immune responses, however, they are slow, produced in small-scale and have low antibody concentrations. Thus, maternal immunity transference is critical to calf initial survival, since it provides antibodies to the neonate bovine, cells of the immune system, as well as other essential elements to its survival, as nutrients, components of the complement system, growth factors, hormones, cytokines, oligosaccharides, gangliosides, reactive oxygen molecules, acute phase proteins, immunomodulatory factors, enzymes, ribonucleases, nucleotides, polyamines, peptides and proteins with antimicrobial activity, antioxidants and trypsin inhibitors. This review presents a discussion of...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Bovines; Cattle; Colostrum; Passive immunity bovinos; Criação de bezerros; Colostro; Imunidade passiva.
Ano: 2017 URL: http://www.revistamvez-crmvsp.com.br/index.php/recmvz/article/view/37632
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Níveis de proteínas totais, albuminas, globulinas e gamaglobulinas no soro de crias caprinas das raças Moxotó e Saanen criadas no semi-árido nordestino. Repositório Alice
BRITO, R. L. de; ANDRADE, M. L. R.; SANTIAGO, L. B.; ELOY, A. M. X.; LOBO, R. N. B.; PINHEIRO, R. R..
Na literatura são escassos os dados referentes ao nível de proteínas plasmáticas específicos para as raças nativas e exóticas da espécie caprina. Este estudo teve como objetivo determinar e comparar os níveis de proteína total, albumina, globulina e gama-globulina no soro de crias caprinas das raças Moxotó e Saanen, criadas no semi-árido nordestino, ao longo de 528 horas após seu nascimento. A concentração das proteínas totais foi determinada pelo método do biureto e para albuminas, utilizou-se o método do verde de bromocresol. A concentração de globulinas foi obtida através da diferença entre proteínas totais e albuminas. Para gamaglobulinas foi utilizado o teste de turbidez de sulfato de zinco. Na análise estatística utilizou-se o software SAS. Os...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Caprino; Raça Moxotó; Saanen; Proteína plasmática; Globulina; Albumina; Imunidade passiva; Brasil; Semi-árido.
Ano: 2008 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/533921
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Níveis de proteínas totais, albuminas, globulinas e gama-globulinas no soro de matrizes caprinas da raça Moxotó e Saanen criadas no semi-árido nordestino. Repositório Alice
PINHEIRO, R. R.; ANDRADE, M. L. R.; SANTIAGO, L. B.; BRITO, R. L. de; ELOY, A. M. X..
São escassos os dados na literatura referentes ao nível de proteínas plasmáticas específicos para as raças nativas e exóticas da espécie caprina. Este estudo teve como objetivo determinar e comparar os níveis de proteínas totais, albuminas, globulinas e gama-globulinas no soro de matrizes caprinas da raça Saanen e Moxotó criadas no Semi-Árido Nordestino, ao longo de 528 horas após o parto. A concentração das proteínas totais foi determinada pelo método do biureto, e para albuminas, utilizou-se o método do verde de bromocresol. A concentração de globulinas foi obtida através da diferença entre proteínas totais e albuminas. Para gamaglobulinas foi utilizado o teste de turbidez de sulfato de zinco. Na análise estatística utilizou-se o software SAS. As médias...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Caprino; Raça Moxotó; Saanen; Proteína plasmática; Globulina; Albumina; Imunidade passiva; Brasil; Semi-árido.
Ano: 2008 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/533853
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Transferência de imunidade passiva contra lentivírus de pequenos ruminantes em cordeiros. Repositório Alice
SOUZA, T. S. de; PINHEIRO, R. R.; LIMA, C. C. V. de; ANDRIOLI, A.; AZEVEDO, D. A. A. de; SANTOS, W. W. S. dos; OLIVEIRA, E. L. de; MELO, F. C. C. de; RÊGO, W. M. F. do; COSTA, J. N..
[Transfer of passive immunity against small ruminant lentiviruses in lambs]. Abstract: To verify the occurrence of antibodies against SRLV in sheep flocks from farms located in Microregion of Feira de Santana, Bahia, we performed a seroepidemiological survey of 10 municipalities with the most effective micro sheep: Antonio Cardoso, Feira de Santana, Ipecaetá , Ipirá, Itatim, Pintadas, Rafael Jambeiro, Santa Terezinha, Santo Estevão e Serra Preta, totaling 384 samples collected from 48 municipalities visited properties. The samples were subjected to the test of agar gel immunodiffusion (AGID) to give negative results in all sera investigated. This finding can be attributed to the composition of herds, which are mostly of animals breed, the system of...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Imunidade passiva; Imunodiagnóstico; SRLV; LVPR; Ovino; Cordeiro; Doença animal; Vírus; Colostro; Anticorpo; Sheep; Lambs; Animal diseases; Lentivirus; Colostrum; Antibody formation; Passive immunity; Immunodiagnosis.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/981159
Registros recuperados: 22
Primeira ... 12 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional