Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 90
Primeira ... 12345 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A importância da qualidadade do aerolevantamento para mapas de uso e cobertura do solo: uma comparação entre os aerolevantamentos das IP's de Monte Belo e Pinto Bandeira. Repositório Alice
BORTONCELLO, P. A.; AHLERT, S.; HOFF, R.; TONIETTO, J.; FALCADE, I..
2011
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Aerolevantamento; Mapa de uso e cobertura do solo; Indicação geográfica; Monte Belo; Pinto Bandeira; Mapa.
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/979214
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A indicação geográfica da uva de São Vicente Férrer e Macaparana - PE a partir das pesquisas da Embrapa. Infoteca-e
TAVARES, S. C. C. de H.; LIMA, V. C. de..
2009
Tipo: Circular Técnica (INFOTECA-E) Palavras-chave: Indicação geográfica; Uva.
Ano: 2009 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/664524
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A indicação geográfica de vinhos finos segundo a percepção de qualidade de enófilos Ciência Rural
Falcão,Thays Ferreira; Révillion,Jean Philippe Palma.
As indicações geográficas (IG) representam uma forma de atributo credencial visando à distinção qualitativa do produto de uma região específica. Essa pesquisa teve como objetivo identificar as fontes de informação, o grau de valorização e de credibilidade e os fatores de qualidade relacionados ao conceito de IG em vinhos finos a partir da percepção de qualidade de enófilos de confrarias brasileiras. O estudo foi dividido em duas etapas: i) a primeira, exploratória, envolveu a revisão de literatura e consulta a especialistas para elaboração do instrumento de coleta de dados; ii) a segunda, descritiva, envolveu um pré-teste do instrumento de coleta de dados seguido pela realização de uma pesquisa via internet, com 144 enófilos. Dentre as fontes importantes...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Consumidor; Enófilo; Indicação geográfica; Qualidade em alimentos.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782010000200031
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A Indicação Geográfica do Pêssego e o desenvolvimento de Pelotas e região. Infoteca-e
FLORES, C. A..
2011
Tipo: Artigo de divulgação na mídia (INFOTECA-E) Palavras-chave: Indicação geográfica.
Ano: 2011 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/924563
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A paisagem cultural e as novas possibilidades para a atividade familiar rural Ciência Rural
Heidtmann Junior,Douglas Emerson Deicke; Loch,Carlos.
O reconhecimento do patrimônio pelo conceito de paisagem cultural já é difundido na Europa pela Convenção da UNESCO de 1992, mas ainda é recente no Brasil, com a chancela do IPHAN em 2009 e sua aplicação em 2011, nos núcleos rurais de imigração alemã de Rio da Luz e Testo Alto, em Santa Catarina. Este estudo tem o objetivo de evidenciar alternativas para a gestão de tal área, e os resultados, obtidos através da metodologia de apoio à decisão (MCDA-C), aplicada à Superintendência do IPHAN, apontam a continuidade da atividade familiar rural como fundamental para que a paisagem cultural seja preservada e valorizada.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Paisagem cultural; Indicação geográfica; Agroindústria familiar rural..
Ano: 2014 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-84782014001101988
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
A vitivinicultura relacionada à indicação de procedência Farroupilha: perfil, identificação de gargalos e definição de demandas e transferência de tecnologia. Repositório Alice
TAFFAREL, J. C..
A vitivinicultura brasileira vem se transformando muito nos últimos 20 anos e a abertura da economia, na década de 90, trouxe incertezas para o setor vitivinícola, que foi induzido a criar novas estratégias de competitividade. O município de Farroupilha é o terceiro maior produtor de uvas do Rio Grande do Sul e o maior produtor de uvas moscatéis para processamento. Essa condição estimulou a criação da Associação Farroupilhense dos Produtores de Vinhos, Espumantes, Sucos e Derivados (AFAVIN), com foco e objetivo de divulgar e defender os produtos elaborados no município, para os quais foi definido como estratégia de inovação e competitividade o desenvolvimento de uma Indicação Geográfica de produtos de qualidade e identidade regional. Nesse contexto, a...
Tipo: Tese/dissertação (ALICE) Palavras-chave: Farroupilha; Transferência de tecnologia; Indicação geográfica; Sustentabilidade; Vitivinicultura; AFAVIN; Vinicultura; Qualidade.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/989287
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ações de pesquisa e de desenvolvimento para reconhecimento da Indicação Geográfica do queijo coalho de Jaguaribe-CE. Repositório Alice
OLIVEIRA, O. M. A. B.; BASTOS, M. do S. R.; FONTENELE, M. A.; PAQUEREAU, B..
2009
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Indicação geográfica; Queijo; Jaguaribe.
Ano: 2009 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/580702
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aplicação de painel de temas e indicadores para a avaliação das indicações geográficas de vinho do Brasil. Repositório Alice
FLORES, S. S.; TONIETTO, J.; TAFFAREL, J. C..
O desenvolvimento das Indicações Geográficas no Brasil é recente e tem os vinhos como protagonistas, com o reconhecimento do Vale dos Vinhedos (FALCADE; MANDELLI, 1999; TONIETTO, 2011).
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Indicação geográfica; IG; Indicação geográfica (IG); Brasil; Vale dos vinhedos; Indicação de procedência (IP); Denominação de origem (DO); Vinho.
Ano: 2019 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1120752
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
As indicações geográficas na vitivinicultura: como e para que finalidade? Repositório Alice
TONIETTO, J..
Porquê somente nestes últimos anos o Brasil começou a falar em indicações geográficas?
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Indicação geográfica; Brasil; Historia; Uva; Variedade; Viticultura.
Ano: 2007 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/542269
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Boas práticas de fabricação de farinha de mandioca. Infoteca-e
SOUZA, J. M. L. de; SILVA, M. P. da; LEITE, F. M. N.; NÓBREGA, M. de S.; ALVES, P. A. de O..
A produção da farinha de mandioca no Território da Cidadania do Vale do Juruá, Acre, contempla os municípios de Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima, Rodrigues Alves, Marechal Thaumaturgo e Porto Walter. Esses municípios são reconhecidos pela grande produção de farinha, obtida por método artesanal em unidades familiares denominadas casas de farinha. O modo tradicional de produção de farinha dessa região, herdado por gerações, confere ao produto qualidade notória. A preferência dos consumidores pela farinha de mandioca de Cruzeiro do Sul, há décadas, tornou-a um produto potencial para Indicação Geográfica na modalidade Indicação de Procedência (IP). A IP reconhece a região em que a farinha é produzida, a forma peculiar de fabricação do produto e oferece ao...
Tipo: Fôlder / Folheto / Cartilha (INFOTECA-E) Palavras-chave: Produção artesanal; Indicação geográfica; Território da Cidadania; Regional do Juruá; Cruzeiro do Sul (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Manhihot esculenta; Denominación de origen protegida; Harina de yuca; Tecnología tradicional; Mandioca; Farinha; Procedência; Cassava flour; Traditional technology; Provenance; Protected designation of origin.
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1081628
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Cadastro vitícola georreferenciado da denominação de origem Vale dos Vinhedos. Infoteca-e
MELLO, L. M. R. de; MACHADO, C. A. E..
Apresentação; Dados da IP de Vale dos Vinhedos;Georreferenciamento; relevo; imagens
Tipo: Livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Economia agrícola; Indicação geográfica; Denominação de origem; Vale dos Vinhedos; Cadastro; Mercado; Produção; Uva; Variedade; Viticultura.
Ano: 2015 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1026132
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Certificação genética de genótipos de mandioca para indicação geográfica. Repositório Alice
CAMPOS, T. de; TEIXEIRA, R. B.; AZEVÊDO, H. S. F. da S.; OLIVEIRA, J. C.; SOUSA, A. C. B. de; FLORES, P. S..
A mandioca desempenha importante papel econômico e social para o Estado do Acre. A farinha mais procurada pelos consumidores, por sua melhor qualidade, é a "Farinha de Cruzeiro do Sul". A qualidade de uma farinha não depende só das regiões onde a mandioca é cultivada, mas principalmente dos genótipos utilizados. No Vale do Juruá, Acre, os genótipos utilizados para produção de farinha foram provenientes do processo de seleção feito informalmente pelos agricultores, sem padronização da nomenclatura. Dessa forma, destaca-se a importância da caracterização morfológica e molecular dessas cultivares, buscando determinar a variabilidade genética e a identificação de redundâncias. O objetivo do trabalho foi identificar, por meio de marcadores microssatélites, as...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Mandioca; Manhihot esculenta; Genótipo; Certificação genética; Marcadores moleculares; Indicação geográfica; Juruá (AC); Cruzeiro do Sul (AC); Acre; Amazônia Ocidental.
Ano: 2015 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1029530
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Certificações e rastreabilidade para agregar valor. Repositório Alice
TONIETTO, J..
O palestrante comenta as características do conceito de origem dos alimentos, que pode ser usado como forma de valorizar o produto, preservar técnicas e o meio ambiente, manutenção de empregos locais, utilização de conceitos de ética animal e até de turismo, além de uma forma de destaque de produtos no mescado interno e externo.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Certificação; Denominação de origem; Rastreabilidade; Indicação geográfica; Brasil; Agricultura; Alimento.
Ano: 2006 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/542413
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Como organizar, promover y reconocer regiones de excelencia de producción de vinos. Repositório Alice
TONIETTO, J.; MANDELLI, F..
En el mundo vitivinícola existen docenas de países productores de vino y en cada país, normalmente encontramos diversas regiones de produccón.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Zoneamento; Indicação geográfica; Uva; Vinho; Viticultura.
Ano: 2005 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/543746
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Contexto econômico e social da produção de farinha de mandioca na Regional do Juruá, Acre. Infoteca-e
SILVA, F. de A. C.; KLEIN, M. A.; FONTENELE, R. A..
Com uma extensão territorial de 164.123 km2 e uma população estimada de 829.619 habitantes, o Estado do Acre está dividido em cinco microrregiões: Alto Acre, Baixo Acre, Purus, Tarauacá-Envira e Juruá. A Regional do Juruá está situada no extremo oeste do estado, compreendendo os municípios de Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima, Marechal Thaumaturgo, Porto Walter e Rodrigues Alves. Possui uma extensão de 31.943 km2, o que corresponde a 20% da área total do estado, sendo sua população de 147 mil habitantes, dos quais 43% habitam a zona rural. A base das atividades agrícola, pecuária e florestal do Estado do Acre é a produção familiar, resultante de um processo de reforma agrária iniciado na década de 1970. A produção agropecuária na Regional do Juruá é...
Tipo: Capítulo em livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Indicação geográfica; Produção artesanal; Território da Cidadania; Regional do Juruá; Cruzeiro do Sul (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Agricultura familiar; Farinha; Mandioca; Manihot esculenta; Procedência; Desenvolvimento socio-econômico; Family farms; Cassava flour; Traditional technology; Protected designation of origin; Provenance; Socioeconomic development; Explotación agrícola familiar; Harina de yuca; Tecnología tradicional; Denominación de origen protegida; Desarrollo socioeconómico.
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1086119
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Correção e processamento das coordenadas geográficas dos vinhedos da IG Vale dos Vinhedos. Repositório Alice
PROKOPP, F. E.; MELLO, L. M. R. de; SILVA, G. A. da.
2012
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Coordenadas geográficas; Vinhedos; IG Vale dos Vinhedos; Vitivinícola; Indicação geográfica; Georreferenciamento; Fruticultura.
Ano: 2012 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/945180
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Da prensa para a imprensa: representações da Farinha de Cruzeiro do Sul em jornais acrianos. Infoteca-e
VIUDES, P.; GONÇALVES, D. da C..
O objetivo deste capítulo é identificar as representações sociais construídas pela mídia em torno desse produto tradicional da Regional do Juruá. Não se pretende, todavia, fazer uma pesquisa histórica sobre a produção de farinha de mandioca no contexto acriano, e sim mostrar que o assunto também é abordado por uma importante fonte histórica: a imprensa.
Tipo: Capítulo em livro técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Indicação geográfica; Produção artesanal; Território da Cidadania; Regional do Juruá; Cruzeiro do Sul (AC); Acre; Amazônia Ocidental; Western Amazon; Amazonia Occidental; Agricultura familiar; Farinha; Mandioca; Manihot esculenta; Procedência; História; Comunicação de massa; Jornal; Family farms; Cassava flour; Traditional technology; Protected designation of origin; Provenance; History; Mass media; News media; Explotación agrícola familiar; Harina de yuca; Tecnología tradicional; Denominación de origen protegida; Medios de comunicación de masas; Medios de noticias.
Ano: 2017 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/1086124
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Demarcação das regiões vitivinícolas. Infoteca-e
TONIETTO, J..
Através dos séculos, poucos países, como a França, acumularam tanta tradição e chegaram a tamanha organização no setor vitivinícola. Para exemplificar, citamos aspectos da organização geográfica da região de Bordeaux, tradicional e mundialmente conhecida região produtora de vinhos. Situada numa faixa de terra de 130 km no sentido Leste-Oeste e de 105 km no sentido Norte-Sul, a região possui 100.000 ha. de vinhedos e uma produção de aproximadamente 500 milhões de garrafas de vinho por safra. Bordeaux tem cinco grandes famílias de vinhos de altíssima qualidade. que agrupam um total de 46 "appellations d'or igine cont rôl lée - origem controlada), dentre as quais encontramos as do Mé doc, Margaux, Graves, Sai nt- Emillion, Fronsac e Sauternes, nomes esses que...
Tipo: Artigo de divulgação na mídia (INFOTECA-E) Palavras-chave: Indicação geográfica; Brasil; Rio Grande do Sul; Viticultura; Uva; Vinho.
Ano: 1987 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/infoteca/handle/doc/882086
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Denominações de origem e indicações geográficas de produtores vitivinícolas. Infoteca-e
YRAVEDRA LLOPIS, G..
1997
Tipo: Documentos (INFOTECA-E) Palavras-chave: Viticultura; Enologia; Vinho; Uva; Indicação geográfica; Denominação de origem.
Ano: 1997 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/535679
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desafios ao funcionamento de uma indicação geográfica: o caso das uvas de mesa e mangas do Vale do Submédio do São Francisco. Repositório Alice
SÁ, L. R. O. de; LIMA, J. R. F. de.
O presente trabalho tem como objetivo principal identificar e analisar os principais desafios ao funcionamento de uma Indicação Geográfica (IG) a partir do caso das uvas de mesa e mangas do Vale do Submédio do São Francisco. O artigo faz uma abordagem sobre o histórico, conceitos, as potenciais contribuições e os desafios ao funcionamento da IG. A metodologia utilizada para o estudo de caso foi um levantamento bibliográfico, atrelado a uma pesquisa documental e pesquisa de campo com observação direta e realização de entrevistas com atores de instituições-chave através de roteiro semiestruturado. Os resultados mostram que o não funcionamento da IG das uvas de mesa e mangas do Vale do Submédio do São Francisco está ligado a problemas como a delimitação da...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Indicação geográfica; Uva de mesa; Vale do São Francisco; Uva; Manga; Fruticultura; Agronegócio.
Ano: 2018 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1099597
Registros recuperados: 90
Primeira ... 12345 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional