Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 86
Primeira ... 12345 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ajuste de metodologia da eletroforese de proteínas para obtenção de fenótipos isoenzimáticos de moranga Bragantia
Amaral Júnior,Antonio Teixeira do; Casali,Vicente Wagner D.; Moraes,Carlos Floriano de; Sediyama,Maria Aparecida N..
Modificações no procedimento eletroforético foram introduzidas para uma satisfatória obtenção de fenótipos isoenzimáticos de moranga (Cucurbita maxima Duchesne). Extratos de folhas definitivas de oito acessos de moranga foram submetidos à análise eletroforética para revelação dos seguintes sistemas: esterase (EST); fosfatase ácida (ACP); transaminase do glutamato oxaloacetato (GOT), desidrogenase do malato (MDH) e peroxidase (PO). Os resultados apontaram a ineficiência do tampão extrator utilizado e satisfatória qualidade do gel de amido de milho nas resoluções dos sistemas EST, ACP, GOT e MDH. Para o sistema PO, adequado efeito de peneiramento molecular só foi possível com a utilização do amido hidrolisado de batata (Sigma). Ajustes no tempo de cozimento...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Moranga; Cucurbita maxima Duchesne; Eletroforese; Isoenzimas.
Ano: 1994 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87051994000100002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alterações fisiológicas e enzimáticas durante a maturação de sementes de pimenta (Capsicum annuum L.) Rev. bras. sementes
Vidigal,Deborah de Souza; Dias,Denise Cunha F. Santos; Pinho,Edila Vilela de Rezende Von; Dias,Luiz Antônio dos Santos.
O trabalho teve como objetivo avaliar as alterações fisiológicas e enzimáticas em sementes de pimenta, cv. Amarela Comprida, obtidas de frutos colhidos em diferentes estádios de maturação e submetidos ao armazenamento pós-colheita. Os frutos foram colhidos aos 40, 50, 60 e 70 dias após a antese (DAA) e submetidos ao armazenamento por 0, 3, 6, 9, 12 e 15 diaspara, então, proceder à extração das sementes.A qualidade fisiológica das sementes foi avaliada pelos testes de germinação, primeira contagem de germinação, deterioração controlada e condutividade elétrica. Avaliaram-se, ainda, as alterações nos sistemas enzimáticos malato desigrogenase (MDH), álcool desidrogenase (ADH), superóxido dismutase (SOD) e peroxidase (PO). Melhores resultados de germinação e...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Germinação; Vigor; Isoenzimas; Maturidade.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-31222009000200015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alterações fisiológicas em sementes de arroz expostas ao frio na fase de germinação Rev. bras. sementes
Mertz,Liliane Marcia; Henning,Fernando Augusto; Soares,Rodrigo Castro; Baldiga,Rosane Fátima; Peske,Fabrício Becker; Moraes,Dario Munt de.
O frio é um dos principais problemas para o cultivo do arroz irrigado no Rio Grande do Sul, já que a grande maioria das cultivares em uso são de origem tropical. A ocorrência de baixas temperaturas pode causar sérios danos ao estabelecimento da lavoura, diminuindo o estande inicial e favorecendo por conseqüência, o estabelecimento de plantas daninhas. O objetivo desse trabalho foi avaliar alterações fisiológicas em diferentes cultivares de arroz, quando submetidos à baixa temperatura durante a fase de germinação. Foram utilizadas sementes provenientes das cultivares BRS Agrisul, BRS Chuí, Lemont e Oro, as quais foram avaliadas em relação à tolerância a baixa temperatura através do teste de frio. Para avaliação das alterações fisiológicas, realizou-se...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Oryza sativa; Isoenzimas; Eletroforese.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-31222009000200031
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Analise isoenzimatica de dois hibridos putativos naturais de especies silvestres do genero Manihot (Euphorbiaceae) Repositório Alice
BRONDANI, C..
Dois hibridos putativos naturais e seus provaveis parentais foram analisados via marcadores isoenzimaticos. Para Manihot nana e M. nogueirae, foram empregados os sistemas SKD G6PDH, NADHDH, GOT, ACP, SOD, LAP, AK e NADPHDH. Para M. hilariana e M. Salicifolia, foram utilizados IDH, MDH, PGI, PGD e MR. A analise baseou-se na presenca ou ausencia de bandas, utilizando-se o indice de similaridade genetica de Jaccard. Os resultados indicaram nao se tratar de um hibrido entre M. nana e M. nogueirae, e que, provavelmente, para o caso de M. hilariana e M.salicifolia, ha ocorrencia do hibrido. E ventos como este podem proporcionar novas combinacoes de alelos e ser precursor do processo de fixacao de especies de genero Manhihot.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Variabilidade genetica; Isoenzimas; Cruzamentos naturais; Genetic variability; Isozymes; Natural crosse.
Ano: 1996 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/104129
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Análisis de la variabilidad genética de la colección colombiana de musáceas usando marcadores isoenzimáticos Acta Agron. (Palmira)
Giraldo,Martha C; Ligarreto,Gustavo A; Cayón,Gerardo; Melo,Constanza.
La Colección Colombiana de Musáceas (CCM) es la única a nivel mundial que representa un alto valor por ser la que posee introducciones andinas de altura (> 1500 m.s.n.m.). La caracterización de este germoplasma puede generar valor agregado para su utilización en procesos de selección clonal y para el mejoramiento genético de la especie, mediante el uso de materiales diploides con características transmisibles de importancia. Por esta razón, 33 clones de la CCM conservadas in vitro, fueron evaluadas bioquímicamente mediante 10 enzimas, de las cuales cuatro fueron polimórficas: glutamato oxaloacetil transaminasa (GOT), ab-esterasa (ab-EST), peroxidasa (PRX) y diaforasa (DIAP). La enzima GOT fue la más discriminante entre grupos genómicos particulares....
Tipo: Journal article Palavras-chave: Caracterización morfológica; Colombia; Isoenzimas; Marcadores genéticos; Musa; Musaceae.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.org.co/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0120-28122011000200002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Aperfeiçoamento da técnica de eletroforese para análise isoenzimática de clones de seringueira (Hevea sp.)1 Acta Amazonica
KALIL FILHO,Antonio N; LAMA,Marco Antonio D; MESTRINER,Moacyr A.
Este estudo foi conduzido no sentido de otimizar as técnicas de preparo de extratos de folíolos e identificar tampões e condições de corrida que proporcionassem uma boa definição dos perfis eletroforéticos de clones de seringueira. Foram testados 25 diferentes sistemas enzimáticos utilizando-se onze sistemas tamponantes. Não foram encontradas diferenças na qualidade dos zimogramas obtidos nos diferentes estádios fenológicos analisados, em amostras submetidas a diferentes condições de centrifugação e nas diferentes plantas de um mesmo clone. Extratos de folíolos liofilizados apresentaram resolução semelhante para Adh, Pgi, 6Pgdh, Lap-1, Skdh, Acp, Mdh, ßGlu, Pgm e Idh que homogenados de folíolos não liofilizados preparados até 2 dias pós-coleta. Os padrões...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Seringueira; Clones; Eletroforese; Isoenzimas.
Ano: 1998 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0044-59671998000100031
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Atividade da peroxidase e conteúdo protéico ao longo do ápice da raiz principal de linhagens de milho contrastantes quanto a tolerância ao alumínio. Repositório Alice
SOUZA, I. R. P.; ALVES, V. M. C.; PARENTONI, S. N.; TEIXEIRA, F. F.; PAIVA, E.; PURCINO, A. A. C..
2000
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Milho; Aluminio; Tolerancia; Isoenzimas; Peroxidase; Zea mays; Maize; Aluminium; Tolerance; Isoenzymes.
Ano: 2000 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/484060
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Atividade da peroxidase e conteúdo protéico ao longo do ápice raiz principal de linhagens de milho contrastantes quanto a tolerância ao alumínio. Repositório Alice
SOUZA, I. R. P.; ALVES, V. M. C.; PARENTONI, S. N.; TEIXEIRA, F. F.; PAIVA, E.; PURCINO, A. A. C..
2000
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Milho; Aluminio; Tolerancia; Isoenzimas; Zea mays; Maize; Aluminium; Tolerance; Isoenzymes; Peroxidase.
Ano: 2000 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/483857
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Atividades das enzimas catalase e esterase em sementes de café produzidas sob diferentes tratamentos de fertirrigação. Repositório Alice
CHAVES, A. R. C. da S.; ROSA, S. D. V. F. da; FREIRE, A. I.; MATOS, D. P. de; SANTOS, F. C.; COELHO, L. F.; FREITAS, M. N. de; PINTO, R. S. R..
Com a escassez das áreas produtivas e com a limitação de algumas regiões pela deficiência hídrica, a irrigação vem sendo cada vez mais utilizada, seja para aumentar a produtividade a qualidade dos produtos ou para diminuir os custos da aplicação de adubo. Na cultura de café está sendo utilizada, principalmente, a fertirrigação, que além das vantagens destacadas evita a compactação do solo, concorre para um menor gasto de energia e evita os danos mecânicos causadas por máquinas usadas na adubação. Sabe-se que, dentre outros fatores, a adubação pode influenciar na qualidade de sementes, além de interferir nos resultados dos padrões de proteínas e de isoenzimas, como a catalase e a esterase Assim, este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar os...
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Coffea arábica L.; Coffea arábica L.; Eletroforese; Isoenzimas.
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/903870
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da variabilidade isoenzimática de cinco cultivares de amendoim Bragantia
Galgaro,Maria Leticia; Lopes,Catalina Romero.
A variabilidade genética foi avaliada dentro e entre amostras de diferentes cultivares de amendoim, Arachis hypogaea L., conhecidos como Roxo, Tatu Branco, Tatu Vermelho, Tatuí Vermelho e Tatuí (sementes com película branca), fornecidos por fazendas situadas nas regiões dos municípios de Marília, Presidente Prudente e São Manuel. Para tal análise, foi utilizada a técnica de eletroforese horizontal em gel de poliacrilamida, para os sistemas da leucil-aminopeptidase (LAP), aspartato aminotransferase (ATT) e peroxidase (PER). No sistema da leucil-aminopeptidase, foram observadas três bandas enzimáticas, denominadas LAP-A, LAP-B e LAP-C. Os padrões de bandas obtidos para o sistema da aspartato-aminotransferase mostraram a existência de três bandas anódicas,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Eletroforese; Isoenzimas; Cultivares de amendoim; Variabilidade genética.
Ano: 1994 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87051994000200002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização bioquímica de cultivares de cana-de-açúcar (Saccharum spp.): isoenzimas, proteína solúvel e valor brix Scientia Agricola
Almeida,M. de; Crócomo,O. J..
No presente trabalho foram determinados o perfil isoenzimático diferencial de esterase e peroxidase, a proteína total solúvel e os sólidos solúveis (sacarose) em graus brix, de 10 cultivares de cana-de-açúcar (Saccharum spp.) atualmente cultivados no Brasil. Os cultivares estudados foram: NA 56-79, IAC 52-150, IAC 64-257, SP 70-1143, SP 71-3146, SP 71-3149, SP 71-1406, SP 71-6163, SP 71-61-68 e SP 71-799. Com os dados obtidos foi possível comprovar o valor taxonômico das características bioquímicas que representam uma inovação em taxonomia de cana-de-açúcar no Brasil. As isoenzimas de esterase apresentaram um padrão eletroforético específico para cada cultivar estudado, enquanto que as isoenzimas de peroxidase só permitiram agrupar os cultivares por...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Quimiotaxonomia; Cana-de-açúcar; Isoenzimas; Esterase; Peroxidase.
Ano: 1994 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-90161994000300007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
CARACTERIZAÇÃO DA VARIABILIDADE GENÉTICA EM COUVE-MANTEIGA UTILIZANDO ISOENZIMAS E RAPD Bragantia
SAWAZAKI,HAIKO ENOK; NAGAI,IROSHI; SODEK,LADASLAV.
Estudou-se a variabilidade genética em couve (Brassica oleracea L. var. acephala D.C.) tipo manteiga por intermédio do polimorfismo enzimático em gel de poliacrilamida e do polimorfismo de DNA, denominado RAPD (Random Amplified Polymorphic DNA), com base na amplificação de segmentos de DNA ao acaso. Avaliaram-se quinze clones de couve-manteiga do Banco Ativo de Germoplasma do Instituto Agronômico (IAC), utilizando-se extratos de folhas para análise de isoenzimas e marcador RAPD com os "primers" dos kits A e B da Operon Technologies. Entre as isoenzimas estudadas, as mais polimórficas foram as fosfoglucomutase (PGM), peroxidase (PRX) e esterase (EST), tendo o sistema PGM realizado a melhor caracterização. Verificou-se a ocorrência de variabilidade genética...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Couve; Marcadores genéticos; Isoenzimas; RAPD.
Ano: 1997 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87051997000100002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização de acessos de pimenta-do-reino com base em sistemas enzimáticos. Repositório Alice
GAIA, J. M. D.; MOTA, M. G. C.; DERBYSHIRE, M. T. V. C.; OLIVEIRA, V. R. de; COSTA, M. R.; MARTINS, C. da S.; POLTRONIERI, M. C..
Setenta e oito acessos de pimenta-do-reino, incluindo algumas espécies silvestres foram submetidas à análise eletroforética de isoenzimas em gel de poliacrilamida, visando distinguir diferenças fenotípicas que auxiliem na discriminação e seleção dos acessos. Foram utilizados os sistemas enzimáticos SKDH, GOT, ACP, ACO, PGI, FUM, 6PGDH e G6PDH. O polimorfismo de isoenzimas foi avaliado pelo número de alozimas com diferentes mobilidades por sistema enzimático, pelas freqüências de alozimas dentro de cada sistema enzimático em relação ao total de bandas do sistema e pela análise da similaridade genética, com base na ausência e presença de bandas. Todos os sistemas enzimáticos utilizados tiveram boa resolução e definição de bandas, com ênfase para SKDH, 6PGDH,...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Isoenzimas; Piper nigrum L; Eletroforese; Germoplasma; Polimorfismo; Pimenta do Reino; Piper.
Ano: 2007 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/162426
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização de acessos de pimenta-do-reino com base em sistemas enzimáticos Horticultura Brasileira
Gaia,José MD; Mota,Milton GC; Derbyshire,Maria Tereza VC; Oliveira,Viseldo R; Costa,Maria R; Martins,Carlos da S; Poltronieri,Marli C.
Setenta e oito acessos de pimenta-do-reino, incluindo algumas espécies silvestres foram submetidos à análise eletroforética de isoenzimas em gel de poliacrilamida, visando distinguir diferenças fenotípicas que auxiliem na discriminação e seleção dos acessos. Foram utilizados os sistemas enzimáticos SKDH, GOT, ACP, ACO, PGI, FUM, 6PGDH e G6PDH. O polimorfismo de isoenzimas foi avaliado pelo número de alozimas com diferentes mobilidades por sistema enzimático, pelas freqüências de alozimas dentro de cada sistema enzimático em relação ao total de bandas do sistema e pela análise da similaridade genética, com base na ausência e presença de bandas. Todos os sistemas enzimáticos utilizados tiveram boa resolução e definição de bandas, com ênfase para SKDH, 6PGDH,...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Piper nigrum L.; Eletroforese; Isoenzimas; Polimorfismo; Germoplasma.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-05362007000300004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterizacao de Alternaria alternata, degradador do fungicida carbendazim. Repositório Alice
SILVA, C. M. M. de S.; MELO, I. S. de..
Uma linhagem de Alternaria alternata isolada de solos suplementados com benomil degradou o fungicida carbendazim, o qual e um produto da hidrolise do benomil. A linhagem foi caracterizada quanto ao crescimento micelial e a esporulacao, aos aspectos citologicos e padroes eletroforeticos da esterase e proteinas totais nativas. Observou-se crescimento micelial significativo nos meios de cultura suco V-8, agar-malte, Sabouraud, aveia-agar e MC de Pontecorvo. A esporulacao em diferentes fotoperiodos foi variavel, com producao satisfatoria de esporos na ausencia de luz. Essa linhagem, denominada Alt A, apresenta esporos ovoides, com comprimento que varia de 15,4 a 38,4 um e diametro de 5,8 a 9,6 um, com um a cinco septos transversais. Pela caracterizacao...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Crescimento; Fotoperiodo; Isoenzimas; Growth; Photoperiod; Isoenzymes.
Ano: 1997 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/87097
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização de Alternaria alternata, degradador do fungicida carbendazim. Repositório Alice
SILVA, C. M. M. de S.; MELO, I. S. de.
Uma linhagem de Alternaria alternata isolada de solos suplementados com benomil degradou o fungicida carbendazim, o qual e um produto da hidrolise do benomil. A linhagem foi caracterizada quanto ao crescimento micelial e a esporulacao, aos aspectos citologicos e padroes eletroforeticos da esterase e proteinas totais nativas. Observou-se crescimento micelial significativo nos meios de cultura suco V-8, agar-malte, Sabouraud, aveia-agar e MC de Pontecorvo. A esporulacao em diferentes fotoperiodos foi variavel, com producao satisfatoria de esporus na ausencia de luz. Essa linhagem, denominada Alt A, apresenta esporos ovoides, com comprimento que varia de 15,4 a 38,4 mi m e diametro de 5,8 a 9,6 mi m, com um a cinco septos transversais. Pela caracterizacao...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Fitopatógenos; Pesticidas; Fungos; Controle; Microorganismos; Morfologia; Caracterização bioquímica; Degradação; Isoenzimas; Fotoperíodo; Biodegradação; Citologia; Contaminação; População Microbiana.
Ano: 1997 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/12711
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização de cultivares de pessegueiro e de nectarineira por marcadores moleculares. Repositório Alice
LIMA, M.R.; AUGUSTIN, E.; CHOER, E.; RASEIRA, M. do C.B..
Em espécies de estreita base genética, como o pessegueiro e a nectarineira (Prunus persica (L.) Batsch), a utilização de marcadores moleculares para a caracterização de cultivares é de grande importância, além do potencial de uso para fins de proteção. As técnicas de eletroforese em gel e RAPD foram empregadas com o objetivo de caracterizar as cultivares de pessegueiro Granada, Esmeralda, Jade, Eldorado, Riograndense, Capdeboscq, Aldrighi, Precocinho, Diamante, Turmalina, Maciel, BR-1, Pepita, Coral, Chinoca, Marfim, Chiripá, Della Nona e Planalto, e as de nectarineira Dulce e Anita. Foram analisadas isoenzimas de 6-fosfogluconato desidrogenase e fosfatase ácida em pólen, peroxidase, fosfoglucoisomerase, aspartato transaminase e isocitrato desidrogenase em...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Prunus persica; Eletroforese; Isoenzimas; Polimorfismo genético; Electrophoresis; Isoenzymes; Genetic polymorphism.
Ano: 2003 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/108874
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização de cultivares de pessegueiro e de nectarineira por marcadores moleculares PAB
Lima,Marli Rocha; Augustin,Eliane; Choer,Eva; Raseira,Maria do Carmo Bassols.
Em espécies de estreita base genética, como o pessegueiro e a nectarineira (Prunus persica (L.) Batsch), a utilização de marcadores moleculares para a caracterização de cultivares é de grande importância, além do potencial de uso para fins de proteção. As técnicas de eletroforese em gel e RAPD foram empregadas com o objetivo de caracterizar as cultivares de pessegueiro Granada, Esmeralda, Jade, Eldorado, Riograndense, Capdeboscq, Aldrighi, Precocinho, Diamante, Turmalina, Maciel, BR-1, Pepita, Coral, Chinoca, Marfim, Chiripá, Della Nona e Planalto, e as de nectarineira Dulce e Anita. Foram analisadas isoenzimas de 6-fosfogluconato desidrogenase e fosfatase ácida em pólen, peroxidase, fosfoglucoisomerase, aspartato transaminase e isocitrato desidrogenase em...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Prunus persica; Eletroforese; Isoenzimas; Polimorfismo genético.
Ano: 2003 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2003000300003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização de espéceis de meloidogyne e de helicotylenchus associadas à soja no Rio Grande do Sul. Repositório Alice
KIRSCH, V. G.; KULCZYNSKI, S. M.; GOMES, C. B.; BISOGNIN, A. C.; GABRIEL, M.; BELLÉ, C.; LIMA-MEDINA, I..
2016
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Fitonematoides; Caracterização morfológica; Isoenzimas.
Ano: 2016 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/1067061
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização de germoplasma de soja e de feijão através de eletroforese de isoenzimas da semente Bragantia
ANTI,ANA BEATRIZ.
Foram estudadas, através de eletroforese em gel de poliacrilamida, isoenzimas de sementes de plantas de dois cultivares de soja, IAC 6 e IAC 9, e de duas linhagens de feijão da variedade Goiano Precoce, uma com folha lisa e outra com folha rugosa, tendo em vista sua caracterização. Apesar de possuírem um parental em comum, os dois cultivares de soja diferiram entre si com relação aos perfis eletroforéticos de urease, fosfatase ácida, malato desidrogenase e leucina aminopeptidase evidenciando que essa técnica pode ser usada para discriminar outros cultivares de soja; entretanto as duas linhagens de feijão não diferiram entre si nos zimogramas estudados, indicando um grande parentesco e reforçando a hipótese de que a linhagem de folha rugosa poderia ter-se...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/report Palavras-chave: Soja; Feijão; Eletroforese; Isoenzimas; Cultivares; Caracterização.
Ano: 2000 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-87052000000200003
Registros recuperados: 86
Primeira ... 12345 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional