Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 10
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Ação do ivermectin e do netobimin sobre a redução e esterilização de ovos de Haemonchus spp. em caprinos e ovinos. Repositório Alice
MENEZES, R. de C. A. A. de; BERNE, M. E. A.; VIEIRA, L. da S.; CAVALCANTE, A. C. R..
1989
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Nematódeo gastrintestinal; Antihelmintico; Goat; Sheep; Gastrintestinal nematode; Anthielmintic; Control; Caprino; Ovino; Helminto gastrintestinal; Nematóide; Anti-helmíntico; Controle químico; Goats; Sheep; Anthielmintic; Nematode infections; Helminthoses; Ivermectin; Haemonchus; Chemical control.
Ano: 1989 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/514535
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alteração da frequência alélica de dois lóci do gene codificante para o isotipo 1 da beta-tubulina de Haemonchus contortus frente a exposição a Ivermectina. Repositório Alice
FROTA, G. A.; SANTOS, J. M. L. dos; VASCONCELOS, J. F.; TEIXEIRA, M.; VIEIRA, L. da S.; MONTEIRO, J. P..
A ovinocaprinocultura no Brasil é uma atividade consolidada, sendo que o maior efetivo do país concentra-se na região Nordeste. As parasitoses gastrintestinais ocasionam perdas econômicas decorrentes do crescimento retardado, diminuição da produção de leite e redução do consumo de alimentos. O Haemonchus contortus é o principal parasita de ovinos e caprinos, seu ciclo evolutivo caracteriza-se por duas fases: a fase parasitária (ocorre no hospedeiro) e a fase de vida livre (no ambiente). O controle das parasitoses geralmente é feito com o uso de antihelminticos sintéticos levando à seleção de parasitas resistentes. O objetivo do estudo foi relacionar o processo de desenvolvimento da resistência antihelmintica para lactonas macrocíclicas (LM) em H. contortus...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Resistência antihelmíntica; Ovino; Caprino; Parasitose; Helminto gastrintestinal; Anti-Helmíntico; Goats; Sheep; Resistance to anthelmintics; PCR; Ivermectin.
Ano: 2017 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1085185
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Blood values and total serum protein on artificialy induced Haemonchus spp. infection on goats treated with ivermectin and netobimin. Repositório Alice
CAVALCANTE, A. C. R.; PINHEIRO, R. R.; VIEIRA, L. da S.; BERNE, M. E. A..
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Nematódeo gastrintestinal; Netobimin; Caprino; Nematóide; Helminto gastrintestinal; Anti-helmintico; Goats; Anthelmintic; Nematode; Ivermectin; Haemonchus.
Ano: 1991 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/514346
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Caracterização da resistência a benzimidazóis e frequência de gêneros de nematóides gastrintestinais em um rebanho caprino da Embrapa Caprinos e Ovinos. Repositório Alice
ARAGÃO, K. G.; SANTOS, J. M. L. dos; VASCONCELOS, J. F.; FROTA, G. A.; TEIXEIRA, M.; VIEIRA, L. da S.; MONTEIRO, J. P..
A caprinocultura destaca-se entre as atividades pecuária desenvolvidas no semi-árido nordestino por sua capacidade de resistência às condições adversas e o retorno que proporciona aos seus investidores, como fonte de renda e produção de alimento. Um dos fatores limitantes desta atividade é o parasitismo por nematóides gastrintestinais. Levantamentos realizados no nordeste brasileiro demonstraram que mais de 80% da carga parasitária de caprinos está constituída por Haemonchus contortus. Este é o nematóide de maior prevalência, além de ser o mais patogênico, pois provoca anemia devido ao hematofagismo realizado por larvas e adultos. As perdas econômicas são de dois tipos: baixa produtividade durante o período seco e alta mortalidade nas chuvas. De um modo...
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Helminto gastrintestinal; Caprino; Ovino; Parasitose; Anti-Helmíntico; Benzimidazol; Controle químico; Helminto gastrintestinal; Nematóide; Goats; Sheep; Ivermectin; Resistance to anthelmintics; Helminths; Benzimidazoles.
Ano: 2017 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1085195
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Comparação de eficácia anti-helmíntica e desenvolvimento ponderal entre os endectocidas abamectin, moxidectin, ivermectin e doramectim em bovinos em nível de campo. Repositório Alice
OLIVEIRA, G. P. de; MAPELI, E. B.; FREITAS, A. R. de..
2002
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: OPG; Antí-helmíntica; Endectocidas; Abamectin; Moxidectin; Ivermectin; Doramectin; Gado de corte; Ganho de peso.
Ano: 2002 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/41948
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Contribución de los escarabajos estercoleros a la productividad ganadera en Veracruz. Colegio de Postgraduados
Cruz Rosales, Ma. Magdalena.
El ganado vacuno produce alimentos y otros bienes, junto con estiércol. Los escarabajos estercoleros al enterrar, desmenuzar y consumir el estiércol, limpian el pasto que será consumido por el ganado; reintegrando nutrientes al suelo, fertilizándolo y eliminando huevos de parásitos y moscas. En la zona ganadera de La Laguna, Veracruz, se midió la acción de los escarabajos en la descomposición del estiércol durante la temporada de lluvias del 2009, ahí se observaron tres especies abundantes de escarabajos durante la primera semana de exposición de las boñigas. Se comprobó mediante un modelo de regresión, que durante la temporada de lluvias, los escarabajos estercoleros reducen 80% del peso de las boñigas en 3 días, pero en su ausencia la misma pérdida de...
Palavras-chave: Servicios ambientales; Enterramiento estiércol; Ivermectina; Valoración económica; Environmental services; Burial dung; Ivermectin; Economic assessment; Doctorado; Agroecosistemas tropicales.
Ano: 2011 URL: http://hdl.handle.net/10521/696
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desenvolvimento e diagnóstico da resistência anti-helmíntica em populações de haemonchus contortus no estado do Ceará. Repositório Alice
SANTOS, J. M. L. dos..
Resumo: Os nematoides gastrintestinais são um dos principais fatores limitantes na criação de pequenos ruminantes no mundo. Os benzimidazóis (BZ), as lactonas macrocíclicas (LM) e os imidazotiazóis são os anti-helmínticos mais utilizados para o controle desses parasitas. Contudo, o uso de fármacos leva inevitavelmente ao desenvolvimento de resistência anti-helmíntica (RAH). O diagnóstico de RAH é realizado principalmente por meio de métodos fenotípicos com baixa sensibilidade. Dessa forma, métodos moleculares, são necessários para melhorar a capacidade de detecção da RAH. Os objetivos desse trabalho foram avaliar o estado da RAH em nematoides gastrintestinais de ovinos no Ceará, investigar a relação entre a resistência a BZ e LM e padronizar técnica de...
Tipo: Tese/dissertação (ALICE) Palavras-chave: Pequeno ruminante; PCR em tempo real; Nematoide gastrintestinal; Resistência molecular; Lactonas macrocíclicas; Caprino; Ovino; Helminto gastrintestinal; Haemonchus contortus; Anti-Helmíntico; Resistência a produtos químicos; Parasitismo; Benzimidazol; Goats; Sheep; Small ruminants; PCR; Resistance to anthelmintics; Drug resistance; Nematoda; Parasitism; Levamisole; Oxfendazole; Ivermectin.
Ano: 2017 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1082456
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Effects of ivermectin on target and non-target dung-breeding flies (Diptera) in cattle dung pats OAK
Iwasa, Mitsuhiro; Maruyama, Masumi; Nakamura, Eri; Yamashita, Nobuo; Watanabe, Akira; 岩佐, 光啓.
The effects of antiparasitic drug, ivermectin, on the dung-breeding flies were studied in laboratory and field experiments in Hokkaido, Japan. In two pour-on treatments (500μg/kg), ivermectin was excreted in dung for up to 14 and 21 days after treatment, with peaks at 3 days and 1 day, respectively. Dung from treated cattle prevented the larval development of Haematobia irritans and Neomyia cornicina up to 14 days and reduced the larval and pupal survival rates at 21 days after treatment. In the field experiment using emergence traps, the numbers of emerged flies from dung pats were 3,655 (18 families) in control dung and 2,234 (16 families) in treated dung. Especially, Musca bezzii, Ravinia striata, Sepsis duplicata, Sepsis thoracica, Sepsis cynipsea,...
Palavras-chave: Ivermectin; Pour-on; Haematobia irritans; Neomyia cornicina; Non-target species; Dung-breeding flies.
Ano: 2005 URL: http://ir.obihiro.ac.jp/dspace/handle/10322/651
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Uso de ivermectin na prevencao de miiases umbilicais em bezerros de corte criados extensivamente. Infoteca-e
BIANCHIN, I.; CORREA, E .S.; GOMES, A.; HONER, M. R.; CURVO, J. B. E..
1991
Tipo: Comunicado Técnico (INFOTECA-E) Palavras-chave: Bovino de corte; Miiase; Sanidade animal; Ivermectin; Controle; Beef calves; Myiasis; Disease prevention.
Ano: 1991 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/319606
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Valores sanguíneos e proteína sérica total em ovinos infectados experimentalmente com Haemonchus spp. e tratados com ivermectin e netobimin. Repositório Alice
PINHEIRO, R. R.; CAVALCANTE, A. C. R.; VIEIRA, L. da S.; BERNE, A. E. A..
1992
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Infecção experimental; Proteína sérica; Netobimin; Serum protein; Ovino; Anti-helmíntico; Doença animal; Sheep; Ivermectin; Haemonchus; Experimental infection; Artificial infection; Blood proteins; Anthelmintics.
Ano: 1992 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/514359
Registros recuperados: 10
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional