Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 14
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Espécies de Parmotrema (Parmeliaceae, Ascomycota) do litoral centro-sul do Estado de São Paulo, Brasil: I. Grupos químicos girofórico e lecanórico Acta Botanica
Benatti,Michel Navarro; Marcelli,Marcelo Pinto.
O levantamento das espécies pertencentes aos gêneros de grandes parmélias do litoral centro-sul do Estado de São Paulo revelou a ocorrência de sete espécies de Parmotrema (talos foliosos de lobos arredondados em geral com mais de 0,5 cm larg. com margens inferiores não rizinadas) contendo como constituintes químicos medulares os ácidos girofórico e lecanórico, tipicamente reconhecidos pela cor avermelhada que resulta dos testes de coloração com hipoclorito de cálcio. São apresentados uma chave de identificação, descrições, comentários e ilustrações baseados em material brasileiro.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Costões rochosos; Liquens; Manguezal; Restinga.
Ano: 2009 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062009000400011
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Espécies de Parmotrema (Parmeliaceae, Ascomycota) do litoral centro-sul do Estado de São Paulo: II. Grupos químicos norstíctico e salazínico Acta Botanica
Marcelli,Marcelo Pinto; Benatti,Michel Navarro.
O levantamento das espécies pertencentes aos gêneros de grandes parmélias do litoral centro-sul do Estado de São Paulo revelou a ocorrência de nove espécies de Parmotrema sensu stricto (talos foliosos de lobos arredondados em geral com mais de 0,5 cm larg. com margens inferiores não rizinadas) contendo como constituintes químicos medulares os ácidos norstíctico ou salazínico. São tipicamente reconhecidos pela cor amarela que se torna avermelhada resultante dos testes de coloração com hidróxido de potássio. São apresentados uma chave de identificação, descrições, comentários e ilustrações, baseados em material brasileiro.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Costões rochosos; Liquens; Manguezal; Restinga; Parmotrema.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062010000100015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Espécies de Parmotrema (Parmeliaceae, Ascomycota) do litoral centro-sul do estado de São Paulo III: Grupos químicos equinocárpico e stíctico Acta Botanica
Benatti,Michel Navarro; Marcelli,Marcelo Pinto.
O levantamento das espécies pertencentes aos gêneros de grandes parmélias do litoral centro-sul do Estado de São Paulo revelou a ocorrência de sete espécies de Parmotrema sensu stricto (talos foliosos de lobos arredondados em geral com mais de 0,5 cm larg. com margens inferiores não rizinadas) contendo como constituintes químicos medulares os ácidos equinocárpico ou stíctico. São tipicamente reconhecidos pela forte cor amarela que resulta dos testes de coloração com hidróxido de potássio. São apresentados chave de identificação, descrições, comentários e ilustrações baseados em material brasileiro.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Costões rochosos; Liquens; Manguezal; Restinga.
Ano: 2010 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062010000200002
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Espécies de Parmotrema (Parmeliaceae, Ascomycota) do litoral Centro-Sul do Estado de São Paulo IV.: grupo químico protocetrárico Rev. Bras. Bot.
Benatti,M.N.; Marcelli,M.P..
O levantamento das espécies pertencentes aos gêneros de grandes parmélias do litoral Centro-Sul do Estado de São Paulo revelou a ocorrência de onze espécies de Parmotrema sensu stricto (talos foliosos de lobos arredondados em geral com mais de 0,5 cm de largura com margens inferiores não rizinadas) contendo ácido protocetrárico como principal constituinte químico medular. São apresentados uma chave de identificação, descrições, comentários e ilustrações.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Costões rochosos; Liquens; Manguezal; Restinga.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-84042011000100010
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Espécies de Parmotrema (Parmeliaceae, Ascomycota) do litoral centro-sul do Estado de São Paulo V: grupo químico alectorônico Rev. Bras. Bot.
Marcelli,Marcelo Pinto; Benatti,Michel Navarro.
O levantamento das espécies pertencentes aos gêneros de grandes parmélias do litoral centro-sul do Estado de São Paulo revelou a ocorrência de oito espécies de Parmotrema A. Massal. sensu stricto (talos foliosos de lobos arredondados em geral com mais de 0,5 cm larg. com margens inferiores não rizinadas) contendo ácido alectorônico como constituinte químico medular. São apresentados uma chave de identificação, descrições, comentários e ilustrações baseados em material brasileiro.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Costões rochosos; Liquens; Manguezal; Restinga.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-84042011000300003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Fungos liquenizados corticícolas e terrícolas da área da sub-bacia do Sinos e Taquari-Antas, RS, Brasil Acta Botanica
Käffer,Márcia I.; Mazzitelli,Suzana M.A. Martins.
São apresentados os resultados do levantamento dos fungos liquenizados em algumas localidades situadas na área das sub-bacia do Sinos e Taquari-Antas, realizado no ano de 1997. Foram identificados 76 táxons distribuídos em 21 famílias e 40 gêneros.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Florística; Liquens; Bacia do Guaíba.
Ano: 2005 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062005000400017
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Fungos liquenizados da Mata Atlântica, no sul do Brasil Acta Botanica
Martins,Suzana Maria de Azevedo; Käffer,Márcia Isabel; Alves,Camila Ribeiro; Pereira,Viviane Camejo.
São apresentados resultados de levantamento baseado em dados de coletas de fungos liquenizados em algumas localidades de Mata Atlântica na região sul do Brasil. Foram identificados 88 táxons distribuídos em 18 famílias e 36 gêneros; destes, dois são citações novas para o Brasil e um é nova ocorrência para o Rio Grande do Sul.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Composição de espécies; Liquens; Mata Atlântica; Rio Grande do Sul.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062011000200004
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Gêneros dos liquens saxícolas, corticícolas e terrícolas do Morro Santana, Porto Alegre, RS, Brasil Acta Botanica
Fleig,Mariana; Medeiros Filho,João W. de.
São caracterizados 77 gêneros de liquens do Morro Santana, Porto Alegre, RS, por meio de chaves analíticas, breves descrições e ilustrações; Anisomeridium Müll. Arg., Baeomyces Pers., Chrysothrix Mont, Laurera Reichemb., Maronea Massal., Pseudopyrenula Müll. Arg. e Ramalea Nyl. são acrescidos à flora liqüênica conhecida do Rio Grande do Sul.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Liquens; Florística.
Ano: 1990 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061990000200006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Líquens da reserva biológica do Alto da Serra de Paranapiacaba Acta Botanica
Pereira,Wilson Roberto; Marcelli,Marcelo Pinto.
Com o objetivo principal de levantamento florístico foi efetuado estudo de material depositado no herbário do Instituto de Botânica de São Paulo mais coletas dos autores no ano de 1988. Foram encontradas ao todo 63 espécies, sendo que a maior parte do material antigo não foi recoletado e a amostragem atual revela uma flora heliófila composta principalmente por Parmeliaceae. Lobariaceae presentes nas coletas antigas não puderam ser encontradas, sendo notada também a ausência de liquens fruticosos como Usnea e Ramalina. A alteração da mata por poluição do ar proveniente de Cubatão aliada às condições de excessiva umidade e sombra podem ser os fatores responsáveis pela pobreza da flora liquênica encontrada.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Liquens; Flora; São Paulo; Mata pluvial.
Ano: 1989 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061989000300008
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Líquens de Piraputanga, Mato Grosso do Sul, Brasil Acta Botanica
Fleig,Mariana; Riquelme,Ivone.
Foram identificadas 72 espécies de liquens coletados em Piraputanga, município de Aquidauana; 23 taxa são registradas pela primeira vez para o estado do Mato Grosso do Sul.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Liquens; Floristica.
Ano: 1991 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061991000100001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Liquens parmelioides eciliados (Parmeliaceae, Ascomycota) em costões rochosos dos estados do Paraná e Santa Catarina, Brasil Acta Botanica
Gerlach,Alice da Cruz Lima; Eliasaro,Sionara.
O levantamento das espécies de liquens parmelioides eciliados que ocorrem em costões rochosos dos estados do Paraná e de Santa Catarina revelou a presença de doze espécies pertencentes aos gêneros Canoparmelia (1), Hypotrachyna (2), Parmotrema (4), Pseudoparmelia (1) e Xanthoparmelia (4). Entre as novas ocorrências estão Parmotrema mordenii e Xanthoparmelia subramigera para o Paraná e para Santa Catarina, Pseudoparmelia cubensis e Xanthoparmelia catarinae para o Paraná, enquanto que Hypotrachyna osseoalba, Parmotrema dactylosum e P. endosulphureum são para Santa Catarina. São apresentadas chave de identificação, descrições, comentários e ilustrações.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Liquens; Litoral; Taxonomia.
Ano: 2012 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062012000300007
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Novas ocorrências de Heterodermia (Líquens - Pyxinaceae) no Rio Grande do Sul, Brasil Acta Botanica
Eliasaro,Sionara; Fleig,Mariana.
Heterodermia hypoleuca (Muhl.) Trev. e H. squamulosa (Degel.) W. Culb. são citadas como novas para o Brasil, e H. corallophora (Taylor) Skorepa, H. microphylla (Kuork.) Skorepa, H. trichophara (Kurok.) S. Eliasaro (nova combinação) são anexadas à flora conhecida do Estado do Rio Grande do Sul.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Heterodermia; Liquens; Florística.
Ano: 1994 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061994000100006
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Novas ocorrências de liquens corticícolas crostosos e microfoliosos em vegetação de Caatinga no semi-árido de Alagoas Acta Botanica
Menezes,Aline Anjos de; Leite,Amanda Barreto Xavier; Otsuka,Amanda Yumi; Jesus,Luciana Santos de; Cáceres,Marcela Eugenia da Silva.
São apresentados 25 novos registros para o Estado (toponímia) de Alagoas, sendo uma espécie novo registro para a região Nordeste e quatro outras novas ocorrências para o Brasil. Uma lista com todas as espécies atualmente conhecidas para o semi-árido de Alagoas é apresentada. As amostras foram coletadas na região do Município de São José da Tapera, estado de Alagoas, onde ocorre uma rica vegetação de Caatinga arbóreo-arbustiva.az de regenerar e recrutar em ambientes sombreados, mas o crescimento é limitado pelas condições de pouca luminosidade.
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Liquens; Ascomycota; Caatinga; Diversidade; Novos registros.
Ano: 2011 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33062011000400015
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Pequenas Parmelia S.L. (Líquens: Ascomycotina) ciliadas dos cerrados brasileiros Acta Botanica
Marcelli,Marcelo Pinto.
Este trabalho foi baseado em coletas realizadas em todos os tipos estruturais de cerrado, incluindo formações de altitude e rochosas. São apresentadas descrições detalhadas, chave de identificação e ilustrações das espécies de Bulboíhrix (16), Relicina (2), Myelochroa (2), Parmelinella (1), Parmelinopsis (6) e Hypotrachyna (3) encontradas. B. linteolocarpa M.P. Marcelli e B. subklementii M.P. Marcelli são descritas como novas. E feita a combinação nova Parmelinella versiformis (Kremp.) M.P. Marcelli. B. sensibilis (Steiner & Zahlbr.) Hale é nova para o Brasil. B. meizospora (Nyl.) Hale e Parmelinopsis jamesii (Hale) Elix & Hale são novas para o Continente Americano. Há um grande número de primeiras citações para vários estados e várias...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Liquens; Cerrado; Sistemática; Bulbothrix; Relicina; Parmelina; Myelochroa; Parmelinella; Parmelinopsis; Hypotrachyna.
Ano: 1993 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-33061993000200003
Registros recuperados: 14
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional