Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 6
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desempenho de tricogaster (Trichogaster trichopterus) submetido a diferentes níveis de arraçoamento e densidades de estocagem R. Bras. Zootec.
Zuanon,Jener Alexandre Sampaio; Assano,Marcelo; Fernandes,João Batista Kochenborger.
O potencial genético para o crescimento de qualquer espécie animal depende das condições ambientais em que são cultivados, como competição por espaço, alimentos e oxigênio. O presente experimento foi conduzido com o objetivo de avaliar o desempenho produtivo de alevinos de tricogaster (Trichogaster trichopterus), uma espécie de peixe ornamental, submetidos a diferentes densidades de estocagem e índices alimentares. Os peixes (com peso médio de 0,56 g ± 0,09 e 0,96 g ± 0,13) foram divididos em dois blocos, submetidos às densidades de 5, 10 e 15 peixes/aquário e alimentados a taxas de 3, 6 e 9% do peso vivo/dia. Os peixes foram alimentados, uma vez ao dia, com ração comercial moída e mantidos em aquários (com capacidade para 100 L) dotados de filtro...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Alimentação; Densidade de estocagem; Peixes ornamentais; Trichogaster trichopterus.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982004000700001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Digestibilidade de alimentos protéicos e energéticos para fêmeas de beta R. Bras. Zootec.
Zuanon,Jener Alexandre Sampaio; Hisano,Hamilton; Falcon,Dario Rocha; Sampaio,Fernanda Garcia; Barros,Margarida Maria; Pezzato,Luiz Edivaldo.
Foram avaliados os coeficientes de digestibilidade aparente de MS, PB, energia bruta (EB) e EE de alimentos protéicos (farelo de soja e farinha de peixe) e energéticos (fubá de milho e farelo de trigo) para beta (Betta splendens). Fêmeas adultas foram alojadas em gaiolas e mantidas em dois aquários de fibra de vidro (30 peixes/aquário) para alimentação e dois para coleta de fezes, ambos de formato cônico e com capacidade para 30 L. Os resultados dos coeficientes de digestibilidade aparente de MS, PB, EB e EE foram, respectivamente, de 69,43; 72,52; 67,91 e 55,50% para farelo de soja; 60,67; 51,15; 75,55 e 58,26% para farinha de peixe; 63,88; 87,16; 77,61 e 50,40% para fubá de milho; e 61,06; 93,37; 58,17 e 65,51% para farelo de trigo. Os resultados obtidos...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Betta splendens; Nutrição; Peixe de briga; Peixes ornamentais.
Ano: 2007 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982007000500001
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Estratégia de coalimentação na sobrevivência e no crescimento de larvas de Betta splendens durante a transição alimentar Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Fosse,P.J.; Mattos,D.C.; Cardoso,L.D.; Motta,J.H.S.; Jasper,A.P.S.; Radael,M.C.; Andrade,D.R.; Vidal Júnior,M.V..
Conduziu-se um experimento com o objetivo de avaliar a influência do período de coalimentação na sobrevivência e no crescimento de larvas de Betta splendens. As larvas foram alimentadas com náuplios de Artemia durante sete dias e, posteriormente, submetidas aos seguintes tratamentos: jejum contínuo; ração contínua; quatro dias de coalimentação + 14 dias de ração; oito dias de coalimentação + 10 dias de ração; 12 dias de coalimentação + seis dias de ração; náuplios de Artemia durante todo o período experimental. Os valores das variáveis de desempenho das larvas do tratamento 12 dias de coalimentação + seis dias de ração e do tratamento náuplios de Artemia foram superiores aos demais tratamentos, exceto para sobrevivência, em que não houve diferença...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Peixes ornamentais; Betta splendens; Larvicultura de peixes; Coalimentação; Transição alimentar.
Ano: 2013 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352013000600030
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Níveis de proteína bruta em dietas para alevinos de acará-bandeira R. Bras. Zootec.
Zuanon,Jener Alexandre Sampaio; Salaro,Ana Lúcia; Balbino,Eric Márcio; Saraiva,Alysson; Quadros,Moisés; Fontanari,Rodrigo Lima.
Neste estudo, avaliaram-se as exigências nutricionais de proteína para alevinos de acará-bandeira. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, com quatro tratamentos (34, 38, 42 e 46% de PB) e quatro repetições. Alevinos (0,44 ± 0,05 g) foram distribuídos em 16 aquários com volume individual de 25 L, dotados de sistema de filtragem, aeração e controle de temperatura (26 ± 0,5ºC), em densidade de estocagem de seis peixes/aquário, onde foram alimentados à vontade, às 8, 11, 14 e 17 h, durante 60 dias. Os parâmetros de desempenho produtivo avaliados foram: peso final, ganho de peso, consumo de ração, conversão alimentar, taxa de crescimento específico e taxa de eficiência protéica (TEP). Ao final do experimento, não foi observado...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Crescimento; Desempenho produtivo; Exigências nutricionais; Peixes ornamentais; Pterophyllum scalare.
Ano: 2006 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-35982006000700003
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Prebiótico, probiótico e simbiótico para larvas de Trichogaster leeri (Bleeker, 1852, Perciformes, Osphronemidae) Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Azevedo,R.V.; Fosse Filho,J.C.; Pereira,S.L.; Andrade,D.R.; Vidal Júnior,M.V..
RESUMO Avaliou-se a suplementação de prebiótico (mananoligossacarídeo - 2g/kg), probiótico (Bacillus subtilis, Cohn, 1872, Bacillales, Bacillaceae - 2g/kg) e simbiótico (mananoligossacarídeo - 2g/kg + B. subtilis - 2g/kg), em rações para larvas de Trichogaster leeri (Bleeker, 1852, Perciformes, Osphronemidae), durante a transição alimentar, sobre o crescimento, a sobrevivência, a morfometria intestinal e a resistência ao estresse por exposição aérea. Para isso, 420 larvas (0,45±0,05mg) foram distribuídas em 20 aquários (3,5L), em delineamento inteiramente ao acaso, com cinco tratamentos e quatro repetições, durante 28 dias, a saber: 12 dias de alimento vivo (AV) + oito dias de coalimentação (AV + ração controle) + oito dias de ração controle; 12 dias de AV...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Bacillus subtilis; Mananoligossacarídeo; Peixes ornamentais; Transição alimentar.
Ano: 2016 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352016000300795
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Sistemas de criação para o acará-bandeira (Pterophyllum scalare) - DOI: 10.4025/actascianimsci.v30i4.685 Animal Sciences
Ribeiro, Felipe de Azevedo Silva; CAUNESP; Preto, Bruno de Lima; UNESP; Fernandes, João Batista Kochenborger; UNESP.
Este trabalho objetivou comparar o desempenho produtivo de acarás-bandeira criados em aquários e em hapas em viveiros escavados dentro de estufa plástica em monocultivo e policultivo com camarão-da-amazônia, em duas densidades de estocagem (1,6 e 3,2 peixes 10-1 L). Utilizou-se delineamento inteiramente casualizado, em esquema fatorial 3x2, correspondendo a três sistemas de produção e duas densidades de estocagem, com quatro repetições por tratamento. Anova e teste de Tukey foram aplicados aos dados (α = 0,05). Os peixes produzidos nos viveiros em monocultivo e policultivo apresentaram mais que o dobro de ganho de peso, menor consumo de ração, melhor conversão alimentar, maior comprimento-padrão e uniformidade do lote em relação aos peixes mantidos em...
Palavras-chave: 5.04.05.00-4 Produção Animal camarão de água doce; Hapas; Policultivo; Peixes ornamentais; Sistema intensivo; Sistema semi-intensivo. Aquicultura freshwater prawn; Hapas; Polyculture; Aquarium fish; Intensive system; Semi-intensive system..
Ano: 2009 URL: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/ActaSciAnimSci/article/view/685
Registros recuperados: 6
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional