Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 6
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Alternativas de controle da antracnose em açaizeiro, causada por Colletotrichum gloesporioides. Repositório Alice
PINHEIRO, M. A. B.; NOGUEIRA, S. R.; MACEDO, P. E. F. de.
No Acre a espécie de açaizeiro de ocorrência principal é Euterpe precatória Mart. A antracnose, causada por Colletotrichum gloeosporoides, pode causar perdas de até 70% na produção de mudas. Realizado na Embrapa Acre, este trabalho teve o objetivo de avaliar concentrações/princípios ativos com potencial para o controle desta doença.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Piraclostrobina; Açaí; Doença fúngica; Antracnose; Colletotrichum gloeosporioides; Fungicida; Euterpe precatoria; Fungal diseases of plants; Anthracnose; Glomerella cingulata; Fungicides; Pyraclostrobin; Enfermedades fungales de las plantas; Antracnosis; Piraclostrobin.
Ano: 2018 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/alice/handle/doc/1090090
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da toxicidade aguda de Piraclostrobin, Epoxiconazol e sua mistura em Colossoma macropomum (Tambaqui). Repositório Alice
PRESTES, E. B.; CLEMENTE, Z.; CASTRO, V. L. S. S. de; JONSSON, C. M..
Resumo: O presente trabalho avaliou o efeito toxicológico de formulações fungicidas à base de piraclostrobin e epoxiconazol, isoladamente e em formulação conjugada sobre Colossoma macropomum (tambaqui) por 96 horas através da determinação da Concentração Letal Média (CL50-96h) de cada uma das formulações. Foram encontrados valores de CL50-96h equivalentes a 0,018 mg L-1 para o piraclostrobin, 2,28 mg L-1 para o epoxiconazol e 0,021 mg L-1 para sua formulação conjugada. Das três formulações utilizadas, o piraclostrobin isoladamente mostrou-se o mais tóxico para os organismos estudados e o uso conjugado das duas substâncias nas concentrações estudadas apresentou um fraco efeito sinérgico.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Epoxiconazol; Piraclostrobin; Toxicidade; Tambaqui; Colossoma macropomum; Peixe; Fungicida; Toxidez; Fish; Fungicides; Toxicity.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/963111
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da toxicidade aguda de Piraclostrobin, Epoxiconazol e sua mistura em Daphnia similis. Repositório Alice
PRESTES, E. B.; JONSSON, C. M.; CASTRO, V. L. S. S. de.
No presente trabalho avaliou-se o efeito toxicológico (inibição da mobilidade) de formulações fungicidas à base de piraclostrobin e epoxiconazol, isoladamente e em formulação conjugada sobre Daphnia similis, mediante determinação da Concentração Efetiva Média (CE50-48h) de cada uma das formulações. Também foi determinado o possível efeito sinérgico ou antagônico que o uso conjugado dos dois fungicidas poderia exercer em relação à sua toxicidade. Foram encontrados valores de CE50-48h de 18,36 mg.L-1 para a formulação à base de piraclostrobin, de 89,98 mg.L-1 para a formulação à base de epoxiconazol e de 23,50 mg.L-1 para a formulação conjugada. Das três formulações estudadas, o piraclostrobin mostrou-se o mais tóxico para os organismos em estudo. A análise...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Piraclostrobin; Epoxiconazol Toxicidade; Daphnia similis; Alga; Fungicida; Impacto ambiental; Poluição da água; Toxidez; Fungicides; Water pollution; Toxicity; Environmental impact.
Ano: 2012 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/981831
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da toxicidade crônica de Piraclostrobin, Epoxiconazol e sua mistura em Daphnia similis. Repositório Alice
PRESTES, E. B.; JONSSON, C. M.; CASTRO, V. L. S. S. de; PARAÍBA, C. C. M..
Resumo O presente trabalho avaliou o efeito toxicológico de formulações fungicidas à base de piraclostrobin e epoxiconazol, isoladamente e em formulação conjugada sobre Daphnia similis por 21 dias, através da determinação da Concentração de Efeito Não Observado (CENO) de cada uma das formulações. Em relação à mortalidade de D. similis, foram encontrados valores CENO de 0,098 mg L-1 para a formulação à base de piraclostrobin; 1,324 mg L-1 para a formulação à base de epoxiconazol e 0,341 mg L-1 para a formulação conjugada. Em relação à alteração na relação neonatos/adulto foram encontrados valores CENO de 0,579 mg L-1 para a formulação à base de piraclostrobin; 3,599 mg L-1 para a formulação à base de epoxiconazol e 0,623 mg L-1 para a formulação conjugada....
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Daphnia similis; Epoxiconazol; Piraclostrobin; Toxicidade; Alga; Fungicida; Impacto ambiental; Poluição da água; Toxidez; Environmental impact; Fungicides; Water pollution; Toxicity.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/963107
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da toxicidade de Piraclostrobin, Epoxiconazol e sua mistura em alga Pseudokirchneriella subcapitata. Repositório Alice
PRESTES, E. B.; JONSSON, C. M.; CASTRO, V. L. S. S. de.
Resumo: Estudou-se o efeito toxicológico (inibição de crescimento) de formulações fungicidas à base de piraclostrobin e epoxiconazol, isoladamente e em formulação conjugada, sobre a alga Pseudokirchneriella subcapitata mediante determinação da Concentração Efetiva Média (CE50-72 h) dos princípios ativos de cada uma das formulações. Foram encontrados valores de CE50- 72 h de 5,57 mg.L-1 para a formulação à base de piraclostrobin, de 1,14 mg.L-1 para a formulação à base de epoxiconazol e de 0,20 mg.L-1 para a formulação conjugada. O piraclostrobin apresentou menor toxicidade às algas em relação aos dados encontrados na literatura, o epoxiconazol resultados semelhantes e a mistura maior toxicidade. A análise isobolográfica e a determinação do Índice de...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Piraclostrobin; Epoxiconazol; Toxicidade; Pseudokirchneriella subcapitata; Fungicida; Toxidez; Alga; Poluição da água; Impacto ambiental; Fungicides; Toxicity; Selenastrum capricornutum; Water pollution; Environmental impact.
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/931715
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Avaliação da toxicidade dos fungicidas Epoxiconazol, Piraclostrobin e sua mistura no peixe Tambaqui Colossoma macropomum. Repositório Alice
PRESTES, E. B.; JONSSON, C. M.; CLEMENTE, Z.; CASTRO, V. L. S. S. de.
2011
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Tambaqui Colossoma macropomum; Epoxiconazol; Piraclostrobin; Avaliação da toxicidade.
Ano: 2011 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/918343
Registros recuperados: 6
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional