Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 2
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Mutucas (Diptera: Tabanidae) do Pantanal: abundância relativa e sazonalidade na sub-região da Nhecolândia. Infoteca-e
BARROS, A. T. M.; FOIL, L. D.; VAZQUEZ, S. A. de S..
De junho/92 a maio/94, capturas de mutucas foram realizadas mensalmente em eqüino e utilizando armadilhas do tipo ?canopy?, na fazenda Nhumirim, subregião da Nhecolândia, Pantanal sul-mato-grossense. Capturas no eqüino foram realizadas do crepúsculo matutino ao vespertino, com o auxílio de redes entomológicas, em ambientes de campo e cerradão (1 dia/ambiente/mês), durante o primeiro ano do estudo. Capturas com armadilhas foram realizadas nos mesmos ambientes (10 dias/ambiente/mês), por dois anos. Foram capturadas 6.274 mutucas ao longo do estudo, pertencentes a 25 espécies, 13 gêneros e 3 subfamílias. A espécies mais abundantes foram Tabanus importunus (44,04%), Tabanus occidentalis (15,95%), Tabanus claripennis (9,98%) e Lepiselaga crassipes (7,60%)....
Tipo: Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento (INFOTECA-E) Palavras-chave: Mutuca; Inseto; Sazonalidade; Ectoparasita; Eqüino; Tabanídeo; Pantanal; Vetor; Tabanid; Insect; Seasonality; Deer fly; Ectoparasite; Horse; Horse fly; Vector.
Ano: 2003 URL: http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/handle/doc/811098
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Um modelo baseado no indivíduo para estudo da transmissão da anemia infecciosa equina por mutuca no Pantanal brasileiro. Repositório Alice
TERNES, S.; VILAMIU, R.; SANTOS, E. H. dos; SIQUEIRA, N..
Resumo. A Anemia Infeciosa Equina (AIE) é uma doença causada por um retrovírus e transmitida pelo inseto hematófago conhecido como mutuca (tabanídeo), sendo observada nas últimas décadas a prevalência de 50% entre os animais de serviço no Pantanal brasileiro. Este trabalho apresenta um modelo baseado no indivíduo para analisar a dinâmica de transmissão da AIE pela mutuca no Pantanal. Considerando um período de 40 anos de simulação, os resultados mostram que a mutuca não pode ser responsável sozinha pela alta prevalência da doença na região, sendo necessário estudos mais detalhados das práticas de manejo usadas.
Tipo: Artigo em anais de congresso (ALICE) Palavras-chave: Anemia infeciosa equina; Modelo; Simulação; Tabanídeo; Mutuca; Models; Simulation models.
Ano: 2013 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/971754
Registros recuperados: 2
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional