Sabiia Seb
PortuguêsEspañolEnglish
Embrapa
        Busca avançada

Botão Atualizar


Botão Atualizar

Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desempenho reprodutivo de fêmeas suínas inseminadas pela técnica intra-uterina ou tradicional PAB
Dallanora,Djane; Mezalira,Alisson; Katzer,Lia Helena; Bernardi,Mari Lourdes; Bortolozzo,Fernando Pandolfo; Wentz,Ivo.
O desempenho reprodutivo de fêmeas suínas foi avaliado com o objetivo de comparar duas técnicas de inseminação. Foram inseminadas, em delineamento inteiramente casualizado, 608 fêmeas com ordem de parto de dois a quatro, em dois tratamentos: inseminação intra-uterina com 1,5 bilhão de espermatozóides em 60 mL e inseminação tradicional, com 3 bilhões em 90 mL. Foi possível introduzir o cateter intra-uterino em 97,4% das fêmeas e houve sangramento em 9,5%, as quais apresentaram retorno ao estro superior (p<0,05). O porcentual de volume refluído até duas horas após a inseminação foi maior (p<0,05) na inseminação intra-uterina do que na tradicional, enquanto o porcentual de espermatozóides refluídos foi semelhante. Não houve influência do porcentual de...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Número de espermatozóides; Parto; Refluxo de sêmen; Reprodução; Tamanho da leitegada; Taxa de prenhez.
Ano: 2004 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2004000800013
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desempenho reprodutivo de fêmeas suínas inseminadas pela técnica intra-uterina ou tradicional. Repositório Alice
DALLANORA, D.; MEZALIRA, A.; KATZER, L.H.; BERNARDI, M.L.; BORTOLOZZO, F.P.; WENTZ, I..
O desempenho reprodutivo de fêmeas suínas foi avaliado com o objetivo de comparar duas técnicas de inseminação. Foram inseminadas, em delineamento inteiramente casualizado, 608 fêmeas com ordem de parto de dois a quatro, em dois tratamentos: inseminação intra-uterina com 1,5 bilhão de espermatozóides em 60 mL e inseminação tradicional, com 3 bilhões em 90 mL. Foi possível introduzir o cateter intra-uterino em 97,4% das fêmeas e houve sangramento em 9,5%, as quais apresentaram retorno ao estro superior (p<0,05). O porcentual de volume refluído até duas horas após a inseminação foi maior (p<0,05) na inseminação intra-uterina do que na tradicional, enquanto o porcentual de espermatozóides refluídos foi semelhante. Não houve influência do porcentual de...
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE) Palavras-chave: Número de espermatozóides; Parto; Refluxo de sêmen; Reprodução; Tamanho da leitegada; Taxa de prenhez; Sperm number; Farrowing; Semen backflow; Reproduction; Litter size; Pregnancy rate.
Ano: 2004 URL: http://www.alice.cnptia.embrapa.br/handle/doc/112518
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Desempenho reprodutivo de porcas submetidas a infusões uterinas no início do estro PAB
BORTOLOZZO,FERNANDO PANDOLFO; WENTZ,IVO; BRANDT,GUILHERME; GUIDONI,ANTÔNIO LOURENÇO.
O objetivo deste trabalho foi avaliar o desempenho reprodutivo de porcas multíparas submetidas à infusão uterina de diferentes soluções, realizada no início do estro. Um total de 1.019 fêmeas foram controladas no período de verão (n=570) e inverno (n=449). Os animais foram submetidos a cinco tratamentos, que consistiram em infusão de plasma seminal (PS), sêmen morto (SM), solução de 17beta-estradiol (SE), solução fisiológica (SS) e um grupo-controle (CO). As fêmeas receberam três inseminações: a primeira, 8-12 horas após a detecção do estro, e as demais, nos turnos subseqüentes. Com relação à taxa de retorno ao estro e taxa de parto ajustada, não ocorreram diferenças entre os tratamentos (p>0,05). Na análise do modelo de regressão adotado para...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Plasma seminal; Sêmen morto; Estradiol; Taxa de parto; Tamanho da leitegada.
Ano: 2000 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-204X2000000300019
Imagem não selecionada

Imprime registro no formato completo
Fatores de risco associados ao desempenho reprodutivo da fêmea suína Arq. Bras. Med. Vet. Zootec.
Amaral,A.L.; Morés,N.; Barioni Júnior,W.; Wentz,I.; Bortolozzo,F.P.; Sobestiansky,J.; Dalla Costa,O.A..
Durante um ano foi realizado um estudo epidemiológico em 10 sistemas de produção de suínos (produtores de leitões ou ciclo completo), com o objetivo de investigar os fatores de risco que melhor explicam as variações na produtividade da fêmea suína. Foi aplicado um questionário para obtenção de informações relacionadas a genética, sanidade, nutrição, instalações e manejo. As respostas envolveram 271 fêmeas. Elas foram submetidas a procedimentos estatísticos de análise descritiva, análise de correspondência múltipla e classificação hierárquica ascendente das fêmeas. Dessas, 236 (87,1%) pariram em média 11,4± 2,8 leitões, 31 (11,4%) apresentaram retorno ao estro, 3 (1,1%) abortaram e 1 (0,4%) apresentou falsa gestação. As variáveis explicativas que melhor...
Tipo: Info:eu-repo/semantics/article Palavras-chave: Suíno; Fator de risco; Reprodução; Tamanho da leitegada.
Ano: 2000 URL: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352000000500013
Registros recuperados: 4
Primeira ... 1 ... Última
 

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área restrita

Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3448-4890 / 3448-4891 SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional